Publicidade? Linux? Como?!

"Publicidade? Linux? Como?!". Essas foram as últimas palavras do ex-gerente de TI de uma agência de publicidade da minha cidade que migrou todas as suas máquinas não "Apple" para Linux (SuSE 9.3 Professional), substituindo Windows XP e demais softwares. Vamos mostrar como isso aconteceu.

[ Hits: 34.849 ]

Por: Guilherme RazGriz em 07/11/2005 | Blog: http://razgrizbox.tumblr.com


Publicidade?



Muitos de nós, se não a esmagadora maioria, ainda não vê o Linux como um "sistema viável para a criação de arte para marketing em geral, muito menos sendo usado como desktop de criação dentro de uma agencia de publicidade". Porém como a evolução das coisas é implacável que nossos conceitos sobre isso podem ser demolidos a qualquer momento.

Parece "impossível acreditar", mas sim, "NÓS" (software livre) temos poderio para criar qualquer coisa, ainda mais ARTE. Vejam: o que é o "outro sistema" sem os softwares? Já não passa de uma massa de falhas físicas e lógicas... e nós... o que somos sem os softwares? Uma massa "sem esse número gritante de falhas".

Mas... NÓS temos os softwares... apenas temos de acreditar neles e no nosso conhecimento interno.

Para termos uma maior abrangência, vamos direto à prática, criaremos uma CAMPANHA para algo fictício a fim de avaliarmos o que pode ser feito com o que nós temos hoje em dia. Esta primeira parte tratará apenas do Gimp. Mas quem quiser acrescentar ferramentas como o Inkscape, será muito bem vindo para contribuir com este documento. =]

    Próxima página

Páginas do artigo
   1. Publicidade?
   2. Alguma coisa de marketing
   3. Planejamento
   4. Executando
   5. Criação da marca da campanha e impressos
   6. SIM, é possível
Outros artigos deste autor

O espelho do sol e da lua

Programação visual (módulo 1)

O Organo Abstrato e o GIMP

Blender - Como fazer um planeta 3D

Edição pesada de imagens com o Gimp (parte 2)

Leitura recomendada

Monitorando interfaces virtuais com MRTG e IPFM

Pequenas coleções

Xorg 7.0 no Slackware 10.2

ARToolKit: Criando aplicativos de Realidade Aumentada

Criando Fluxogramas? Use o Dia!

  
Comentários
[1] Comentário enviado por marcosomelhor em 07/11/2005 - 15:28h

+ um otimo artigo seu meus parabens

[2] Comentário enviado por kaled em 07/11/2005 - 16:25h

Eu acompanhei a seria "Edição Pesada" e consegui convencer alguns designers que trabalham comigo a usar o Gimp por causa dela.

Espero que com esse novo artigo teu consiga abrir a cabeças de mais pessoas, inclusive as que decidem como gastar o dinheiro.

Continua assim amigo

[3] Comentário enviado por cmercaldo em 07/11/2005 - 16:53h

Video para incentivar, muito bom !
http://video.google.com/videoplay?docid=7600554419014140162&q=claudiom

Att
Claudio Mercaldo

[4] Comentário enviado por removido em 07/11/2005 - 18:26h

"NÓS temos os softwares... apenas temos de acreditar neles e no nosso conhecimento interno. " - a melhor frase de 2005!!!
;-P

[5] Comentário enviado por timm em 08/11/2005 - 07:35h

O artigo tá ótimo, mas eu nunca duvidei da capacidade do Linux pra qualquer coisa.

Tenho um grande amigo que é designer, e certa vez a gente tava conversando sobre software. Eu tava começando no Linux, e então ele ficou surpreso ao saber o sistema que eu usava, e disse: "Timm, eu tô usando um programa da "Plataforma Livre" no lugar do PhotoShop, chama-se Gimp. É fantástico, experimenta se tu tiver a oportunidade"

E assim que eu tiver a oportunidade eu usei, instalei pelo URPMI, no Mandrake, e achei realmente muito bom, eu tava começando, e aquilo mudou totalmente os meus conceitos sobre Software Livre. No meu PC de trabalho eu não uso Photoshop. só Gimp. Esse meu amigo ainda queria aprender a trabalhar com Maya, mas ele é preguiçoso o suficiente pra isso... Então continua no 3DStudioMax... Pena, podia ser um puta "Plataforma Livre", como ele se referia à OppenSource...

[6] Comentário enviado por strongz em 08/11/2005 - 15:43h

isso ae acvsilva.. a melhor frase.. não digo de 2005 mais a melhor =P
"NÓS temos os softwares... apenas temos de acreditar neles e no nosso conhecimento interno. "

[7] Comentário enviado por homertrix em 09/11/2005 - 12:41h

concordo, temos que que confiar en nossa capacidade que com o conhecimento, podemos mudar o monopolio, da informática, disponibilizando a LIBERDADE de esconha para os usuarios investirem nessa idéia !!!!

[8] Comentário enviado por ramonklown em 09/11/2005 - 21:53h

Eu concordo com a frase, mas isso não dependo somente dos desenvolvedores.
Acho que depende mais dos que estão abitolados no Windows XP do que nós.

[9] Comentário enviado por gotslack em 21/06/2006 - 00:19h

cara.. ótimo artigo!!
mto bom mesmo.

isso prova que nem todo bom designer usa o Janelas; e nem todo bom projeto, precisa dele! ;D

só há algo que me disperta curiosidade há mto.
no windows, é fácil.. mas no linux, como eu posso converter meus brushes do photoshop para gimp?

*.abr -> *.gbr

se alguém souber, me avise! ;D
abraços

[10] Comentário enviado por Diede em 27/12/2007 - 03:22h

Se for só renomear os .abr para .gbr, o comando é algo assim:
for brushes in *.abr; do mv $brushes $(basename $brushes .abr).gbr


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts