Compartilhando músicas pela Web com o Amarok

Imagine usar o Amarok para compartilhar músicas com seus amigos através de uma interface Web, onde as pessoas podem ouvir e baixar. Isso é possível através de uma ferramenta chamada "ObsidianMusic" e é isso que veremos nesse artigo. Inspirado na análise do linux.com, publicado também em meu blog: prof-david.blogspot.com.

[ Hits: 23.721 ]

Por: David em 24/01/2008 | Blog: http://twitter.com/dias_david


Como funciona



O processo de funcionamento do Amarok é simples em partes: A lista de músicas é gerada a partir de uma base de dados externa, o que garante a performance rápida e organização de álbuns e playlist.

Geralmente essa base de dados roda em cima do SqlLite, mas o Amarok também tem suporte à MySQL e PostGre que podem ser facilmente acessados por um site PHP por exemplo. É justamente aí que entra o ObsidianMusic. Ele pega a base de dados MySQL das playlist do Amarok, organiza numa página Web, compacta e distribui os arquivos então entre os clientes, fazendo assim um excelente compartilhador Web de arquivos de música.

Bem, chega de lenga lenga e vamos fazer tudo isso funcionar.

Baixando os programas necessários

O primeiro passo será baixar o famoso pacote LAMP que inclui Apache, MySQL e PHP. É o primeiro passo para fazer tudo funcionar. Então vamos lá. Depois do já famoso e conhecido apt-get update, digite em seu terminal, tudo como root.

# apt-get install apache2 php5 mysql-server-5.0 php5-mysql

Isso sobe os serviços de Servidor Web em sua máquina. O segundo passo será baixar e descompactar o ObsidianMusic. Baixe ele e descompacte com o seguinte comando:

# mkdir obsidian
# cd obsidian
# wget
http://ufpr.dl.sourceforge.net/sourceforge/amarokwebfront/\
obsidianmusic-2.0.5.3.tar.bz2

# tar -xjvf obsidianmusic-2.0.5.3.tar.bz2

Esses comandos vão baixar o obsidianmusic e, em seguida descompactá-lo, criando assim uma pasta chamada obsidianmusic. O conteúdo dessa pasta nada mais é do que o frontend Web do Amarok. Vamos pegar essa pasta agora e movê-la para o diretório /var/www e chamá-la de amarok, assim ela será acessível via Web, já que /var/www é a pasta padrão onde o apache guarda seus sites.

# mv obsidianmusic /var/www/amarok/

Pronto! Meio caminho andado.

    Próxima página

Páginas do artigo
   1. Como funciona
   2. Configurando tudo
   3. Configurando o Amarok e aumentando a performance
   4. Testando
Outros artigos deste autor

Instalando o poderoso gerenciador de redes Nagios 3.0 com Apache2

Compilando facilmente com o apt-build

Fazendo um Kmenu excelente

Identificando problemas básicos de redes Linux para principiantes

Mapeando todas os tipos de unidades de redes no Linux

Leitura recomendada

Bluefish - um poderoso editor para web designers

Automatizando relatórios GLPI usando PHP e Shell Script

Instalando e configurando OpenNMS em Ubuntu Linux

Manipulação de arquivos PDF no Linux

Lapidando a configuração do mplayer

  
Comentários
[1] Comentário enviado por karioka_pr em 24/01/2008 - 19:50h

será q funciona com postgresql também ?
[EDIT]
funcina sim ...

[2] Comentário enviado por professordavid em 24/01/2008 - 20:36h

sim amigo!! funciona perfeitamente... dá uma olhada no site do projeto Obsidian e veja lá com faz... mas eu sei que ele dá suporte integral e basta mudar um unico numero no .conf

Vai na fé!!!

[3] Comentário enviado por karioka_pr em 24/01/2008 - 22:04h

Opa.. desculpe... mania(feia) de perguntar antes de olhar....
Só de ler o conf original dele dá pra ver...
eu perguntei, me respondi e não comentei de verdade...

professordavid, há MUITO tempo eu procurava por algo desse tipo, até achei uns plugins pro amarok, mas não faziam o que eu queria. Era EXATAMENTE isso que eu estava procurando. Muito obrigado e parabéns pelo artigo cara.
p.s.: faltava um mpodulo de administração de usuários nisso não é ? alguem q manje de php se habilita ? eu já estu fazendo a tradução.

[4] Comentário enviado por professordavid em 25/01/2008 - 10:53h

Na verdade, a boa noticia é que existe um controle de usuários (rudimentar, mas existe). Há um script em python que voce executa para gerar uma senha aleatória e depois voce cria a tabela de usuários e senhas num dos arquivos do obsidian e muda uma das opções do .conf para liberar somente mediante senha.. Dá uma olhada no meu blog e procura esse mesmo artigo, pois lá um dos participantes fez e colocou o passo a passo nos comentários. Não deixa de ser interessante. prof-david.blogspot.com

Em casa estou usando com controle de usuários, caso voce não consiga, dá um toque aqui que eu dou uma força, ok..

flw amigo e boa sorte com sua konfiguração!!

[5] Comentário enviado por carlosands em 25/01/2008 - 15:48h

Ótimo artigo eu testei e funcionou normalmente parabéns, vou tentar modificar algumas coisas o que eu for modificando eu vou postando. Abraços.

[6] Comentário enviado por viniciuscordeiro em 26/01/2008 - 16:17h

Muito legal o artigo... mas gostaria de saber se você conhece algum outro script que CONTROLE o amarok remotamente, sem ser os 2 plugins de webserver (MUITO LENTOS) já presentes nele...
Aqui em casa tenho um pequeno server que fica com todas as minhas músicas, e o som é ligado nele... então queria uma alternativa ao VNC para que eu pudesse controlar o amarok... Obrigado...

[7] Comentário enviado por freirej em 11/02/2008 - 12:21h

Olá Professor David,

muito bom o artigo, porém segui todos os passos e não funcionou comigo ele até abre uma página com todas as músicas que possuo no Amarok porém eu não consigo acessa-las, já fiz uma revisão de todos os passos colocados no artigo e verifiquei se o firewall estava bloqueando alguma coisa. Mesmo assim obrigado.

Raimundo Júnior

[8] Comentário enviado por beniltonet em 26/09/2010 - 15:12h

Olá professor.
Acabo de instalar o "ObsidianMusic" tudo certinho se não fosse pelo fato de simplesmente não subi as músixcas conforme o seu tutorial aqui descrito. Não sei onde possa ter errado. Configurei e instalei tudo conforme explicado. Até aparece o Amarok, mas sem as músicas. Desconfiei do server MySql mas estão tudo lá, as pastas e tudo. Dei privilégios pleno ao user. Não apareceram as faixas apenas o template do amarok no browser.
Grato!

[9] Comentário enviado por grooverox em 03/12/2010 - 13:36h

Estou com o mesmo problema dos amigos acima, fiz tudo conforme o tutorial porém as músicas não são carregadas no obsidian.

[10] Comentário enviado por linus black em 02/07/2014 - 00:53h

desculpa à iguinorancia onde coloca-se os arquivos de musica (não vi referencia ao caminho) */var/www/amarok/minhas musicas ou /home/fulano/minhas musicas


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts