VirtualBox no Arch Linux

Arch Linux não é essa distribuição que é só chegar, rodar um comando e pronto... Pois bem, para aqueles que gostam de fazer seus testes, é interessante ter um ambiente de virtualização disponível. E uma ótima solução para isso é o VirtualBox.

[ Hits: 13.851 ]

Por: Gildásio Júnior em 06/05/2015


Instalação



A instalação é, de certa forma, simples. Primeiramente, terá de instalar o pacote VirtualBox:

# pacman -S virtualbox

Depois você precisará instalar os módulos. Mas antes, tem de saber qual o seu kernel:

uname -r

Após rodar o comando acima, verifique qual é o kernel instalado por aí. Se for o ARCH:

# pacman -S virtualbox-host-modules

Caso seja o kernel LTS:

# pacman -S virtualbox-host-modules-lts

E, por fim, para poder usar a interface gráfica mais comum, que é baseada no Qt, precisa instalá-lo:

# pacman -S qt

P.S.: eu não precisei, mas para evitar que aconteça algum problema contigo, melhor adicionar logo seu usuário ao grupo do VirtualBox (Ah! Não preciso avisar para substituir "gjuniioor" pelo seu usuário, né?!):

# gpasswd -a gjuniioor vboxusers

Com isso que fizemos até agora, já temos o essencial (referente a programas) para rodar o VirtualBox, mas ainda precisamos de uma coisinha... Siga.

    Próxima página

Páginas do artigo
   1. Instalação
   2. Habilitando módulos e rodando no boot
   3. Habilitando modos de rede Host Only e Bridged
Outros artigos deste autor

Copie/Cole conteúdo do terminal para o X e vice-versa

WeeChat - Um (O) cliente IRC CLI

Transmission-CLI - Gerenciando torrents via CLI

Como contribuir para projetos abertos no GitHub

Compartilhando o Terminal

Leitura recomendada

Desenvolvendo tutoriais mais dinâmicos com o Wink

Gerenciamento de programas no Ubuntu através do Synaptic

Instalando o Zabbix 1.6.6 no Debian 5

Instalação do Debian GNU/Linux - Passo a passo

Configurando o Lopster

  
Comentários
[1] Comentário enviado por K666 em 11/05/2015 - 21:01h

Gostaria de ter mais tempo para estudar essas distribuições "casca grossa". Parabéns pelo artigo.

_________________________
Wagner F. de Souza
Graduado em Redes de Computadores
"GNU/Linux for human beings."
LPI ID: LPI000297782

[2] Comentário enviado por guimaraesrocha em 11/05/2015 - 21:27h



[3] Comentário enviado por guimaraesrocha em 11/05/2015 - 21:29h


Estou com uma VM do Arch parada faz um tempo, vou testar o seu artigo.

[4] Comentário enviado por gjuniioor em 11/05/2015 - 22:06h


[1] Comentário enviado por K666 em 11/05/2015 - 21:01h

Gostaria de ter mais tempo para estudar essas distribuições "casca grossa". Parabéns pelo artigo.

_________________________
Wagner F. de Souza
Graduado em Redes de Computadores
"GNU/Linux for human beings."
LPI ID: LPI000297782


Rpz... Achava que ia ser mais complicada a migração, mas é bem tranquilo... Se curte usar o console, não há diferenças! Só o gerenciador de pacotes. Se curte ambiente gráfico, só instalar o de preferência e já foi!

[5] Comentário enviado por gjuniioor em 11/05/2015 - 22:06h


[3] Comentário enviado por guimaraesrocha em 11/05/2015 - 21:29h


Estou com uma VM do Arch parada faz um tempo, vou testar o seu artigo.


Cara, é uma distro que vale a pena testar em máquina real!!! ehehehe

[6] Comentário enviado por SuperMax em 19/05/2015 - 09:51h

Belo trabalho,
só uma dúvida o Arch atualiza o kernel com frequencia, e como o virutalbox depende do headers do kernel será q se fará necessário refazer alguns passo que vc descreveu toda vez ou vai funcionar e atualizar td automaticamente?

[7] Comentário enviado por gjuniioor em 19/05/2015 - 13:59h


[6] Comentário enviado por SuperMax em 19/05/2015 - 09:51h

Belo trabalho,
só uma dúvida o Arch atualiza o kernel com frequencia, e como o virutalbox depende do headers do kernel será q se fará necessário refazer alguns passo que vc descreveu toda vez ou vai funcionar e atualizar td automaticamente?


Boa pergunta! Ainda não peguei atualização automática do kernel com o VirtualBox instalado para testar, mas seguindo a lógica, como ele atualizaria mas sempre se mantêm no padrão (Arch ou LTS), então não precisaria atualizar... É apenas uma especulação apoiada na lógica da coisa :D

[8] Comentário enviado por SuperMax em 19/05/2015 - 15:26h


Boa pergunta! Ainda não peguei atualização automática do kernel com o VirtualBox instalado para testar, mas seguindo a lógica, como ele atualizaria mas sempre se mantêm no padrão (Arch ou LTS), então não precisaria atualizar... É apenas uma especulação apoiada na lógica da coisa :D


LTS ou não, certamente não mudará. Mas certamente o pacote linux-headers usado pelo virtualbox será alterado. To perguntando isso pq já tive um problema com server windows e na maquina virtual (cliente) com arch, no caso qdo foi atualizado o kernel do arch os adicionais de compartilhar pararam de funcionar, a tive q desinstalar e instalar novamente os pacotes no lado cliente, ai achei uma solução que inclui no pacman os pacotes do virtualbox para não serem atualizados; aparentemente resolveu, mesmo não sendo uma solução mto elegante.
E no caso, agora estou rodando Arch como server e quero instalar o Virtualbox, mas ainda estou com kernel 3.19 e quero fazer uns testes antes de atualizar, por isso a pergunta...


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor HostGator.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Artigos

Dicas

Viva o Android

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts