VNC - Virtual Network Computing

Esse artigo trata do freeware VNC, criado pela AT&T, que serve para lhe permitir acesso remoto (e gráfico) à outra máquina. A vantagem do VNC é que com ele você pode conectar Linux com Windows, Windows com Mac, Mac com Linux, etc.

[ Hits: 31.184 ]

Por: Roberson Carlos em 04/05/2005 | Blog: http://carlrobers.wordpress.com


Introdução



O software freeware VNC criado pela AT&T constitui-se em poucos arquivos: o Vncviewer e o Vncserver, sendo um servidor e outro cliente, que totalizam juntos algo em torno de 700KB de código, tamanho suficiente para caber em um disquete. Ele tem versões tanto para Linux quanto Windows.

O VNC é usado para acessar outros computadores remotamente. O arquivo servidor deve ser posto na máquina que se quer ter acesso, então este irá abrir a porta 5800, a mesma porta que o servidor Macromedia ColdFusion MX utiliza. Estando esta porta aberta, será necessário inserir uma senha para que se tenha acesso, desde que o servidor esteja ativo e ouvindo nela.

O VNC tem um funcionamento semelhante ao de um Trojan Horse ou Cavalo de Tróia. Para quem não sabe, Cavalos de Tróia são programas maliciosos que servem para obter acesso não permitido à uma máquina remotamente por meio de um Server, assim é também o funcionamento do VNC, porém este funciona por meio de um pedido ao servidor que solicita uma senha, adicionada pelo operador.

O funcionamento do VNC é muito simples e fácil de se entender. Se você é programador talvez já tenha até mesmo feito um programa semelhante, usando o Delphi. Você pode simplesmente abrir uma determinada porta usando um servidor FTP (FTPServer), depois monitorar esta porta até que o mesmo seja descarregado. Se quiser pode definir uma senha para acesso caso ele [o servidor FTP] escute alguma coisa nesta porta.

Simples, este tipo de servidor você pode fazer usando até mesmo a versão free do Kylix que está no site da Borland. Para se conectar ao servidor você não precisa necessariamente ter o programa cliente, basta você saber qual o IP do computador que está com o servidor. Para saber qual o IP designado para sua máquina, basta abrir um terminal e passar o comando:

# ifconfig lo
 lo Encapsulamento do Link: Loopback Local
 inet end.: 127.0.0.1 Masc:255.0.0.0
 UP LOOPBACKRUNNING MTU:16436 Métrica:1
 RX packets:150 errors:0 dropped:0 overruns:0 frame:0
 TX packets:150 errors:0 dropped:0 overruns:0 carrier:0
 colisões:0 txqueuelen:0
 RX bytes:9780 (9.5 Kb) TX bytes:9780 (9.5 Kb)

O exemplo acima diz ao programa ifconfig para mostrar o protocolo de Internet designado para a interface lo. Caso você possua uma placa de rede, substitua lo por eth0 para retornar o IP designado para sua placa de rede. Agora que você já sabe qual o IP do PC, então abra o Konqueror, o Mozilla Firefox, o Opera ou qualquer outro navegador e digite no campo de URL:

http://ip_da_máquina:5800

Exemplo:

$ konqueror http://200.0.10.1:5800

Lembre-se: Este comando deve ir dentro do campo de URL do navegador, assim que o servidor de nomes encontrar a máquina que atende pelo IP 200.0.10.1 ele conectará você ao servidor que irá solicitar uma senha para o acesso remoto ao PC. Caso a senha digitada seja incorreta, então ele encerrará a conexão. O bom do VNC é que se pode conectar qualquer plataforma, bastando as mesmas terem conhecimento do mesmo protocolo, assim podemos conectar Windows e *NIXes sem problema algum.

Para definir uma senha para o servidor do VNC basta passar o comando:

# vncpasswd

Em um terminal, uma pequena janela irá surgir, insira nela a senha que você desejar. Após definir uma senha para o servidor já é possível se conectar ao mesmo. Não se esqueça da senha, pois somente com ela você irá conseguir efetuar o login na máquina remotamente.

O VNC pode ser baixado nestes sites:

Ou você pode preferir baixá-lo usando alguma ferramenta de busca como o rmpfind.net.

Se você quiser pode configurar o tamanho da janela do VNC ou mesmo a profundidade de cores, para isto abra o arquivo vncserver e encontre as seguintes linhas:

$geometry = "800x600";
$depth = 32;

A linha "geometry" se refere a resolução da tela. Se seu hardware suporta alta resolução, não deixe de utilizá-la aqui. Já a linha depth se refere a profundidade das cores. 32 bits como informado acima é equivalente ao True Color. Isto não é o padrão. Se você quiser uma resolução de 800x600 ou mais e uma profundidade de cores de 32 bits terá que alterar o arquivo.

   

Páginas do artigo
   1. Introdução
Outros artigos deste autor

Evosign - Adicionar assinatura automática ao Evolution

Instalando Apache Tomcat em Linux 2.6

Gerando arquivos JAR com o Eclipse

Gravando CDs em modo texto

Hamachi - Redes virtuais utilizando software e internet

Leitura recomendada

Montando o cache de DNS

Super Desktop com Ubuntu Linux 9.10

Instalando e configurando modem SpeedTouch 330 USB no Slackware 10

Incrementando o Ubuntu GNOME

Traceroute com ICMP e TCP

  
Comentários
[1] Comentário enviado por removido em 04/05/2005 - 18:04h

Hoje está tudo mais fácil...
Já testei o VNC no mandrake, kuruma, slack e agora no fedora...
Vc pode aplicar totas as configurações via interface gráfica do próprio programa.
Administro meu servidor desta forma e é muito prático...
Recomendo!!!
Li um artigo do Morimoto e ele diz que é muito seguro pois as tentativas de craqueá-lo são basicamente de força bruta...

[2] Comentário enviado por sinnatra em 23/01/2006 - 14:55h

Esse tutorial já vi em outros sites...

[3] Comentário enviado por nickmarinho em 08/09/2006 - 07:32h

Estou tentando configurar o VNC no Debian e nunca consegui fazer igual fiz uma vez no ruindows.
Se alguém puder me ajudar...obrigado.

www.racaboxer.com.br
www.lucianomarinho.com.br

[]s

[4] Comentário enviado por robersonfox em 08/09/2006 - 22:26h

sinnatra, se este tutorial estiver em outros sites e não for da minha autoria o viva o linux não o postaria aqui.

[5] Comentário enviado por robersonfox em 08/09/2006 - 22:29h

nickmarinho, o arquivo de configuração do windows é o mesmo do Linux, se vc configurou o windows uma vez irá conseguir configurar o linux tambem.

[6] Comentário enviado por nickmarinho em 08/09/2006 - 23:38h

"nickmarinho, o arquivo de configuração do windows é o mesmo do windows"

Não tenho dúvida, mas as coisas não são assim não...tente configurar e me diga se conseguiu. !!!

Abraços []s

www.lucianomarinho.com.br
www.racaboxer.com.br

[7] Comentário enviado por robersonfox em 09/09/2006 - 15:42h

nickmarinho, quais seriam suas dúvidas?

[8] Comentário enviado por nickmarinho em 09/09/2006 - 17:17h

Como configurar o VNC do meu linux para ser acessado por outro linux num outro lugar, sendo que, usarei a mesma sessão que está já aberta no meu computador onde será conectado.
Ou seja, vou deixar o conputador em casa ligado, como sempre faço, e acessar minha sessão onde está aberto uns 2 ou 3 programas e gerenciá-los apartir de outro local.
Isso eu consigo, mas é no Ruindows.
Eu e mais uns amigos tentamos sem sucesso configurar isso no liunx.

Se puder me ajudar com isso serei eternamente grato.

[]s - Abraços Nick Marinho !!!

www.racaboxer.com.br

www.lucianomarinho.com.br

:D

[9] Comentário enviado por robersonfox em 04/04/2007 - 18:20h

Desculpe-me a enorme demora, não sei se você já resolveu o problema, estive a olhar o Linux Packages e encontrei este programa:

http://ftp.scarlet.be/pub/linuxpackages/Slackware-11.0/ken/tightvnc-1.3.8-i486-1kjz.tgz

é baseado no VNC e que aparentemente é muito bom.

Lembre-se de adicionar /usr/X11R6/bin ao seu path

[10] Comentário enviado por madriano em 11/09/2009 - 15:10h

Já utilizava com o Windows, porém, a principal diferença que vi no Linux (Debian) é que não tenho acesso à tela gráfica de início de sessão... realmente não existe este acesso?


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts