Ubuntu, simplesmente poderoso

A distribuição Ubuntu mesmo tendo apenas 3 anos de idade se tornou em pouco tempo uma referência do universo Linux para quem está fora dele. Como isso foi possível? Qual o motivo desse grande sucesso?

[ Hits: 19.066 ]

Por: Tiago André Geraldi em 15/07/2007


Artigo



É visível. O Ubuntu já virou matéria em diversos sites de notícias e revistas de grande circulação. Em pouco tempo ele se tornou o Linux para computadores pessoais (Desktops e Laptops) mais usado do mundo.

Seu tema "Linux for Humans Beings" (Linux para seres humanos) realmente é cumprido. Essa distribuição revolucionou a usabilidade do Software Livre para pessoas comuns que não possuem conhecimento avançado sobre informática (um tabu que apesar do forte empenho poucas distribuições Linux conseguiram quebrar).

A partir da versão 7.04 Feisty Fawn nunca foi tão fácil instalar e configurar um sistema operacional em um computador.

Baseado em Debian, o Ubuntu herdou aquilo que a sua distribuição mãe tinha de melhor, o gerenciamento de pacotes, e incorporou diversas outras facilidades que começam desde o download. O site www.ubuntu.com é simples e rapidamente você encontra como baixar o Linux para seu desktop ou para seu servidor, escolhendo sua arquitetura.

Outra característica importante é o fato dele ter apenas um CD de instalação, ao contrário de outras grandes distribuições que trazem consigo uma gama enorme de possibilidades de instalações.

O Ubuntu possui suporte aos mais diversos idiomas, o que torna sua instalação ainda mais fácil, tudo é detalhadamente explicado durante o processo. Quando vamos instalar outras distribuições, é feito perguntas sobre pacotes de instalação, usuários iniciantes no Linux não sabem exatamente o que precisam e se confundem muito nessa hora. O Ubuntu não faz nenhum tipo de pergunta do gênero, ele tem um padrão de pacotes a ser instalado que é suficiente para se ter um ambiente de trabalho agradável e funcional. Com poucos cliques e em menos de 20 minutos seu Linux está pronto pra ser usado.

Ao ser iniciado o Ubuntu mostra que realmente veio para revolucionar, em todas as instalações que fiz até hoje, em diversos PCs e notebooks, nunca foi necessário editar nenhum arquivo de configuração, baixar e compilar drivers, instalar pacotes. Tudo fica incrivelmente funcionando, wireless, webcam, etc, e com um baixo consumo de recursos.

Mesmo com os efeitos 3D ativados, sobra memória RAM em qualquer PC intermediário (compare com o Vista). Suas cores são diferentes, seu visual é agradável e o ambiente (Gnome) possui os menus simplificados.

Ao contrário de outros ambientes e do próprio Windows, é fácil identificar onde estão as coisas que você precisa. O primeiro menu, "Aplicações", é onde estão os seus programas e onde você pode abrir o Adicionar/Remover que listará uma infinidade de softwares adicionais que podem ser instalados com um clique apenas; o menu "Locais" é onde ficam suas pastas e unidades; e o menu "Sistema" é onde é feita a personalização e administração do Linux. Incrivelmente simples.

As atualizações de segurança e as novas versões dos programas são feitos de maneira muito fácil, o Ubuntu alerta as atualizações no canto da tela, você clica e espera. Se tiver sido lançado uma nova versão do OpenOffice por exemplo, tudo bem, ele será atualizado, nada de ficar abrindo sites, fazendo downloads e executando binários. Existe uma nova versão do Ubuntu? Ok, será instalado. Não precisa baixar o novo CD de instalação, gravar, instalar, configurar...

A importância do sucesso do Ubuntu é tão grande para o mundo do software livre que hoje percebemos que as comunidades de desenvolvedores estão mais motivadas, versões de aplicativos que formam os repositórios dessa distribuição saem mais rapidamente e possuem cada vez mais adeptos. Os últimos acordos feitos com grandes empresas de tecnologia comprova que os grandes investidores perceberam a importância do software livre e a suas vantagens impulsionadas pelo Ubuntu, e ainda, as atuais declarações da Microsoft mostra que a gigante se sente ameaçada. Definitivamente, o Ubuntu é um marco na história do Software Livre.

   

Páginas do artigo
   1. Artigo
Outros artigos deste autor

Samba - PDC com Debian e Clamwin antivírus sincronizado nas estações

Mandriva 2006 - Configurando servidor proxy transparente completo

Backup de arquivos das estações de sua rede com Samba PDC

Leitura recomendada

Emmi Linux - Uma Revisão, Primeiras Impressões e Testes

Adicionando um atalho na área de trabalho a um compartilhamento de rede no Ubuntu

Instalando o OpenSuSE 11.2

Guia Openbox

LPIC 1 vs LPIC 2 - A nova batalha?!

  
Comentários
[1] Comentário enviado por Raptor em 15/07/2007 - 01:52h

Olá amigo, você consegue montar e desmontar pendrive na instalação inicial do Ubuntu, sem modificar nenhum arquivo? O pendrive fica com a opção de escrita/leitura habilitada sem restrições?
Você consegue montar sua partição Windows - caso tenha uma - sem modificar nenhum arquivo de configuração? Esta partição Windows, sendo ela NTFS, fica com a opção de escrita habilitada?
Não consigo me entender com o Ubuntu, sempre tenho que instalar o pacote rp-pppoe para poder usar minha wireless, mas ele não aceita, sempre da erro, diz que falta várias dependências, mas quando instalar as dependências, ele solicita cada vez mais dependências, e assim sucessivamente até minha paciência acabar.
Como não consigo acessar a internet para baixar as dependências, tento procurar no cd, mas também não funciona.

[2] Comentário enviado por andregondim em 15/07/2007 - 03:37h

Um ótimo artigo sobre o ubuntu!!

Abraços,
André Gondim
http://andregondim.eti.br

[3] Comentário enviado por removido em 15/07/2007 - 09:48h

Virgulla:

instalei o ubuntu e gostei muito dele. O único senão são com os codecs multimídia que têm de serbaixados da www e como no Brasil a grande maioria usa internet discada, os desenolvedores desta distro poderiam pensar numa otimização do mesmo para o Brasil, com win32codecs e etc instalados...

a única limitação é ter de instalar pacotes via conexão discada...

Mas gostei muito do que escreveu!!!
;-))


[4] Comentário enviado por marck em 15/07/2007 - 15:36h

oi, não há como negar que o ubuntu seja uma grande distro afinal é linux. Mas grande parte do sucesso dela é por benevolência de distribuir cds de graça pelo mundo. Quase como o esquema da microsoft ( com a questão da pirataria "oficial"): "primeiro viciamos e depois vcs são meus".
Eu posso estar errado, mas o acvsilva mencionou algo a ser pensado. Eu não sou muito fã de distros de um único cd. Problemas de dependências ou uma gama maior de pacotes precisam ser baixados da net. Então se vc não tem banda larga sofre. sofre até quem tem, ocupando a "banda com algo que poderia estar presente no disco. Imagine agora outra situação . Depois de tudo instalado, atualizado e rodando perfeito ( openoffice ....conpiz- fusion....gtk .....) ocorre um erro irreparável no sistema( algo difícil no linux diga-se de passagem) pode acontecer! E aí............ xiiiiiiiiii.
Não fui muito feliz com ubuntu. Quando recebi o 6.06 tentei instalar sobre o suse 10, que eu usava até então. A instalação foi perfeita, não tive dificuldade pois já tinha feito em outras máquinas. Na hora do boot minha surpresa: - o suse permaneceu e tudo o que eu fiz e vi, nas indicações dos pacotes sendo instalados, não serviram.
Posso ter dado azar, mas ubuntu ou kurumin pra mim só como forma de apresentar o linux para outrem.

gostei do artigo! abraço

[5] Comentário enviado por exercitobr em 15/07/2007 - 20:23h

Parabéns pelo artigo, muito bem exposto.

[6] Comentário enviado por thelinux em 15/07/2007 - 20:53h

O foco da discussão não deveria ser qual Distro é melhor do que outra e sim melhorá-la em relação ao concorrente. Se fosse possível, colocar tudo de bom com cada distro tem e fizessemos uma única. Ou melhor, uma forma fácil no Linux de integrar todos os serviços de forma fácil, consistente e confiável?

[7] Comentário enviado por fnusda em 15/07/2007 - 21:07h

Oi! Vou mudar para ubuntu mas ainda tenho que saber se tudo vai funcionar normalmente.
Preciso aprender muito ainda, e pra aprender tenho q mexer nao eh mesmo?

Placa Mae Abit M2S
Processador Athlon 64 X2 3800+
512 mb ddr2
Ati Radeon X1950 256mb
Hd Ata 80gb Sansumg
Modem Hsp56 (esse o problema, rs)

Espero q de certo... preciso de ajuda...
[email protected]
[email protected]

[8] Comentário enviado por virgulla em 15/07/2007 - 23:24h

Quanto ao comentário do amigo Raptor, nunca tive problemas com pendrives e MP3 players e nem com partições Fat32, de fato, nao foi necessário fazer nada para funcionar. Com certeza, há casos e casos. O NTFS é um grande problema, a Microsoft não libera nenhuma informação técnica sobre ele, vai ser muito dificil um dia a comunidade opensource conseguir tornar a gravação nesse sistema de arquivos confiável, apesar de já haver grandes projetos eficientes. E sobre o wireless, é normal encontrar alguns chipsets mais raros ou mais recentes que ainda não vão rodar nativamente no Ubuntu, temos que ter paciencia.
Ao marck, quero dizer que o Ubuntu deu seu grande passo apartir da 7.04, as anteriores também não me agradaram e me decepcionaram.
Sobre os codecs, a comunidade Ubuntu, assim como a Debian, são entusiastas GPL, é por isso que os codecs nao vem instalados por padrão, fato que está sendo revisto para a próxima versão, provavelmente teremos um Ubuntu Gutsy totalmente GPL e outro popularizado com os softwares não-livres pré instalados, veremos.
Quanto ao fato do CD único, com certeza essa característica não agrada a todos, mas se analisarmos o fato de versões novas dos pacotes sairem diariamente, não vale a pena usar uma distro que tenha 4 CDs, a não ser é claro, se usar internet discada, neste caso, considero o Ubuntu não-recomendável.
Sobre o micro do fnusda acredito que não haverá problemas, mas infelizmente sobre seu modem não sei dizer nada.
Pra concluir, foi muito legal a colocação do thelinux, realmente não dá pra discutir qual distro é melhor, isso é igual time de futebol. Mas acredito que Ubuntu deu um grande passo no sentido de juntar o que cada distro tem de melhor, e agora em diante, com certeza algumas de suas características serão usadas por outras distros, esse é o grando fato positivo.

[9] Comentário enviado por etori em 16/07/2007 - 11:36h

Realmente o UBUNTU é show de bola, como são as distros linux. Como partilha de experiência, já instalei o UBUNTU 6.06 e 7.04 em máquinas não tão robustas e funcionou 100%. Das quase 50 instalações que fiz, uma deu problema e tive que reinstalar.
Já instalei junto com XP e 98. Todas rodaram bem.
Atualmente estou tendo problemas com uma instalação no que diz respeito aos codecs, mas isso é temporário, pois para tudo há solução.
Um abraço e parabéns pelo artigo!

[10] Comentário enviado por hebaja em 16/07/2007 - 13:36h

virgulla,

Eu estou conseguindo acessar partições NTFS (leitura e escrita) no ubuntu 7.04. Eu instalei um pacote chamado NTFS-config e por enquanto não tive problemas... Ah e uso conexão discada ainda (rs), baixei todos os codecs, aplicações que achei necessárias, beryl e tudo mais... enfim. sou louco!

[11] Comentário enviado por marcrock em 16/07/2007 - 14:52h

Uso ubuntu desde a versão 6.06, realmente a politica de distribuição de cd's é importante, mas não funcionaria se a distro não fosse tão boa como é o Ubuntu, essa versão 7.04 tá fantástica!Nunca tive problema algum com essa distro, tudo funciona lisinho num hardware antigo de baixo custo (PCCHIPS M810-DLU, DURON MORGAN 1300MHz) e ainda com um modem de chip Smartlink v.90.

Ótimo artigo !!!!!


Até mais.

[12] Comentário enviado por areks em 16/07/2007 - 18:53h

Acho que o foco do amigo no comentário era realmente a contribuição que o Ubuntu trouxe para o mundo Linux, (não esquecendo do Kurumin) que foi a popularização dos sistemas Linux, aposto que teve muita gente que se iniciou com o Kurumin e Ubuntu e hj usa o Slack.
Quanto a funcionalidade, só tive problemas com minha placa de som, mas tudo resolvido.
E os codecs, ora gente... Automatix neles....

[13] Comentário enviado por itocamargo em 16/07/2007 - 20:27h

Muito bom, comecei a usar linux a uns 3 anos, pelos bons live cds, comecei com a distro Kurumin 2.13, e sofri com os softmodens, acabei desistindo, nem cheguei a instalar no meu hd, depois de alguns meses, adquiri uma placa 3d, da nvidia, apelei para um tal de Big Linux, que dava suporte a essas placas e vinha com uma porçao de jogos... e essa foi a minha experiencia inicial no linux, apos algum tempo, voltei ao Kurumin, ja nas versoes 4 e 6, cheguei a instalar no meu pc e no meu note, mas o que me fez apaixonar por linux, foi o Ubuntu, eu adorava entrar no youtube e assistir os videos do Beryl, bah era show de bola, hj uso diariamente, nao me lembro a ultima vez que logyuei no windows...
tudo por conta do Ubuntu Feisty Fawn

[14] Comentário enviado por percival em 16/07/2007 - 22:03h

O Ubuntu vem evoluindo cada vez mais a cada distro lançada.

Tiro por base a distribuição 64bits, excelente.

Só acho que cada lançamento deveria ser um pouco mais espaçado do que os 6 meses atuais...

[15] Comentário enviado por slipkd em 17/07/2007 - 10:36h

Só vejem isso:

http://slipk-down.blogspot.com/2007/02/ubuntu-x-microsofe.html

[16] Comentário enviado por removido em 18/07/2007 - 17:32h

Quero mais que todas as Distros prosperem, mas vamos dar valor a quem tem e para isso o Kurumin se destaca. É simples, mesmo num PIII 450Mb Clock e 512 Mb de Memoria, não tenho queicha do oacesso a Internet via banda larga. Baixo a ultima versao do http://fisica.ufpr.br/kurumin com o wget em 3 horas (648Mb).Simplesmente tem tudo...até Skype.Vamos lá, experimente...afinal roda do cd.

[17] Comentário enviado por eraldodesign em 25/07/2007 - 14:07h

Como eu faço para mudar o idioma meu ubuntu. ele está em inglês, quero transformar para português. Quem puder me ajudar eu agradeço.

[18] Comentário enviado por iandecy em 30/07/2007 - 22:20h

Olá gostaria de saber como faço para configurar minha placa de internet a rádio ? a marca dela é kodama, ainda naum achei nenhum tutorial que ensine quem poder me ajudar agradeço.


abraços.

[19] Comentário enviado por gelepoker em 01/08/2007 - 13:04h

Muito legal Ubuntu, ao concluir a instalação após reiniciar o PC, ele pede para instalar as atualização e, após instaladas seu sistema fica em português pronto para usar. muito show.

[20] Comentário enviado por ghosturbo em 10/09/2007 - 07:43h

O Ubuntu, mais especificamente sua versão kde, o chamado kubuntu que me fez migrar definitivamente para o linux. Na faculdade eu usava o slackware, mas sempre achei ele trabalhoso demais, em casa tentei usar o suse 10.2, mas não consegui instalar nenhum pacote, ele tem muitas imcompatibilidades, mudei para o fedora, mas a imcompatibilidade de hardware dele me deu nos nervos, tinha até que fazer umas manha e deixar pacotes importantes não iniciar no boot para não trava-lo, ontem mudei para o kubuntu, em uma noite instalei o sistema, drivers, conecções, enfim tudo que eu queria, tudo que não consegui durante muito tempo nas outras distribuições. Não sei quanto a vocês, mas eu não largo mais do kubuntu facil. Recomendo tanto para usuarios iniciantes, quanto para avançados.

[21] Comentário enviado por elizamar2008 em 30/09/2007 - 21:51h

Olá Pessoal, eu sou novo po aqu, i eu estou montabdo um servidor linux com o ubuntu 7.4, adoraria si vcs mi dessen algimas dicas!!

[22] Comentário enviado por tgomarino em 13/03/2008 - 10:59h

Como eu instalo e configuro Speedy no Ubuntu?
:-), estou apanhado que nem um cavalo, hehehe

pretendo criar um server de ubuntu, com controle de acesso de site e pastas na rede como eu faço isso???

[23] Comentário enviado por removido em 24/04/2008 - 19:30h

Ele ja é poderoso , nesse exato momento estou escrevento uma serie de dicas para deixalo mais rapido

[24] Comentário enviado por davidtux em 07/05/2008 - 20:49h

Ja usei o kurumim o Suse o mandriva mas pra mim o Ubuntu é o melhor, a interfaçe gnome muito amigavel, o sistema é bem organizado e instavel de façil instalação! Um Ótimo Sistema tanto para iniciantes como para mais experientes!

Achei esse artigo muito Legal!

[25] Comentário enviado por annakamilla em 09/07/2008 - 23:55h

bom. o ubuntu é uma boa distro
só que tenho alguns probleminhas com ela:
synaptic, só roda quando eu digito no terminal synaptic.
meu nautilus demora para carregar.
tive uns bugs com o firefox. (resolvido)
tive que formata meu hd por causa de umas sequelas que o particionamento do ubuntu com o xp no grub deixou ao meu computador.(resolvido)
meu amsn só travava quando minha irmã resolvia abrir mensagens offlines. (resolvido)
meu totem não queria sair o som, mas isso fui eu que não consegui configurar certo. (resolvido).




[26] Comentário enviado por RaceHorse em 09/01/2010 - 13:29h

Tenho 8 meses com o UBUNTU - que chamo de 'meu cavalo de raça'!... Joguei tudo pra cima depois que tentei arrancar a unha o 'chamada remota' do rwin...( Veja só que ousadia!). Depois que travou TUDO e perdi tudo que havia no pc, obviamente, disse a mim mesma, que nem 'alternativo' (rsrsr) nem original caréssimo e ainda com 'portas estrategicas abertas'! Mudei pela dor, pela raiva,indignação...
E agradeço de joelhos!
E Não quero rwin dentro de minha máquina!
Embora seja 'novinha' fiz tudo sozinha (XD), claro que dei uma escorregadas brabas e já tive meu quinhão de puxões de orelha. Funciona tudo perfeitamente: som,filmes,usb...só tenho dificuldade de fazer videos.
Gosto de desafios e estratégias e voces Hackers do SL para mim são os Caras mesmo sem apoio governamental e sem cumprimento de promessas do governo do Estado daqui...
São os rebeldes revolucionários da era TI (sem vcs não existiria o rwin 7 ! kkkkkkkk)...
Quem tem tem medo!
SL é isso: discussão,perguntas,perda de cabelos,alegrias, estrategicas,técnicas...e rompimento de paradigmas!
A maquina é sua, quem paga a rede é vc, quem paga a energia é vc - Por quê deve dar compulsórias explicações a donos de software?
- So, Boys in black: ROCKS!

[27] Comentário enviado por airanabdalla em 22/10/2012 - 19:44h


[26] Comentário enviado por RaceHorse em 09/01/2010 - 13:29h:

Tenho 8 meses com o UBUNTU - que chamo de 'meu cavalo de raça'!... Joguei tudo pra cima depois que tentei arrancar a unha o 'chamada remota' do rwin...( Veja só que ousadia!). Depois que travou TUDO e perdi tudo que havia no pc, obviamente, disse a mim mesma, que nem 'alternativo' (rsrsr) nem original caréssimo e ainda com 'portas estrategicas abertas'! Mudei pela dor, pela raiva,indignação...
E agradeço de joelhos!
E Não quero rwin dentro de minha máquina!
Embora seja 'novinha' fiz tudo sozinha (XD), claro que dei uma escorregadas brabas e já tive meu quinhão de puxões de orelha. Funciona tudo perfeitamente: som,filmes,usb...só tenho dificuldade de fazer videos.
Gosto de desafios e estratégias e voces Hackers do SL para mim são os Caras mesmo sem apoio governamental e sem cumprimento de promessas do governo do Estado daqui...
São os rebeldes revolucionários da era TI (sem vcs não existiria o rwin 7 ! kkkkkkkk)...
Quem tem tem medo!
SL é isso: discussão,perguntas,perda de cabelos,alegrias, estrategicas,técnicas...e rompimento de paradigmas!
A maquina é sua, quem paga a rede é vc, quem paga a energia é vc - Por quê deve dar compulsórias explicações a donos de software?
- So, Boys in black: ROCKS!


Eu também paguei caro por diversas manutenções em meu pc (foram uns R$ 500 aproximadamente) para o windows xp dar pau de novo.. aí, de uma hora para outra, navegando a esmo na Internet, encontrei o Kubuntu, instalei na hora, comecei a usar em dual boot com o xp e depois de uns 9 meses em dual boot, estou há 2 meses em dual boot, só que apaguei definitivamente o xp do meu DELL LATITUDE 120L, de 2006: atualmente uso o XUBUNTU e pego os arquivos instalados do meu KUBUNTU!!

WINDOWS XP NUNCA MAIS! JÁ ERA!

BYE TIO BILL!


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts