Sistema de Informações Geográficas - Softwares Livres ou Proprietários?

Um sistema de informação geográfica (SIG) é uma solução completa que permite a análise, a gestão ou representação do espaço, dos elementos e dos fenômenos que nele ocorrem. Neste material, apresento as principais soluções de softwares livres e proprietários para uma discussão sobre quando utilizar cada um deles.

[ Hits: 1.182 ]

Por: Diego Mendes Rodrigues em 29/09/2020 | Blog: https://www.linkedin.com/in/diegomendesrodrigues/


Softwares Livres



A comunidade desenvolve e disponibiliza uma grande quantidade de softwares livres relacionados aos sistemas de informações geográficas. Para facilitar o entendimento, irei primeiro abordar os softwares desktop e depois, os criados para servidores.

QGIS

O QGIS, anteriormente conhecido como Quantum GIS, é um excelente software livre e multiplataforma (Linux, MacOS e Windows) para sistemas de informações geográficas (SIGs), que permite a visualização, edição e análise de dados geoespaciais.

Dentre suas funcionalidades, podemos destacar que ele permite ao usuário criar mapas com diversas camadas, usando diferentes projeções geográficas no mapa. Os mapas podem ser montados em diferentes formatos e para diferentes usos.

O QGIS permite ainda compor mapas a partir de camadas matriciais (raster) e vetoriais ao mesmo tempo. Outro ponto é que os dados podem ser armazenados como pontos, linhas ou polígonos. Diferentes tipos de imagens matriciais são suportados e o software tem capacidade de georreferenciar essas imagens.

O QGIS provê também a integração com outros pacotes SIG, incluindo o PostGIS, GRASS, MapServer e GeoServer, para dar ao usuário final a capacidade de estender suas funcionalidades. Plugins, escritos em Python ou C++, estendem as capacidades do QGIS.

Existem plugins para geocodificação utilizando a API do Google Geocoding, para realizar geoprocessamento (fTools) similar às ferramentas padrão encontradas no ArcGIS, e para realizar a interface com bases de dados PostgreSQL/PostGIS, SpatiaLite e MySQL.

Site de apoio: Bem-vindo ao projeto QGIS
Linux: Sistema de Informações Geográficas - Softwares Livres ou Proprietários?
Linux: Sistema de Informações Geográficas - Softwares Livres ou Proprietários?
Linux: Sistema de Informações Geográficas - Softwares Livres ou Proprietários?

SPRING

O SPRING é um software para sistemas de informação geográfica (SIG) desenvolvido pela Divisão de Processamento de Imagens (DPI) do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE). Conta com funções de processamento de imagens, análise espacial, modelagem numérica de terreno e consulta a bancos de dados espaciais, muito utilizado nas atividades de sensoriamento remoto, ou seja, na manipulação de imagens de satélite.

Dentre os objetivos do projeto SPRING, podemos destacar:
  • Construir um sistema de informações geográficas (SIG) voltado para as aplicações em Agricultura, Floresta, Gestão Ambiental, Geografia, Geologia, Planejamento Urbano e Regional.
  • Tornar amplamente acessível para a comunidade brasileira um SIG que possibilite um rápido aprendizado.
  • Fornecer um ambiente unificado de Geoprocessamento e Sensoriamento Remoto para aplicações urbanas e ambientais.
  • Criar um mecanismo de difusão do conhecimento desenvolvido pelo INPE e seus parceiros, sob forma de novos algoritmos e metodologias.

Site de apoio: SPRING
Linux: Sistema de Informações Geográficas - Softwares Livres ou Proprietários?
Linux: Sistema de Informações Geográficas - Softwares Livres ou Proprietários?

GeoServer

O GeoServer é um servidor de mapas on-line, completamente funcional que segue as especificações de padrões internacionais do Consórcio Geoespacial Aberto (Open Geospatial Consortium - OGC), tais como WEB Map Service (WMS), WEB Coverage Service (WCS) e WEB Feature Service (WFS), tendo como objetivo tornar a informação geográfica o mais acessível possível.

Com o GeoServer é possível publicar dados através de mapas e imagens (usando o WMS), ou os dados vetoriais (utilizando WFS), além de permitir atualizar, deletar ou inserir novos elementos através do serviço WFS-T (transacional).

O seu foco é a facilidade de uso e o suporte aos padrões abertos, possibilitando que qualquer usuário possa compartilhar suas informações geográficas de uma forma interoperável e que, além de facilitar, garanta a consistência da informação.

Ele possui uma interface administrativa, que viabiliza, de uma maneira intuitiva e amigável, cadastrar, configurar e realizar visualização prévia dos dados espaciais cadastrados. Na ferramenta administrativa é possível, em poucos cliques, disponibilizar seus dados espaciais através dos serviços OGC.

Estão disponíveis as integrações com os principais formatos vetoriais, como SQL Server, PostGIS, Oracle Spatial, MySQL, DB2 e ArcSDE, além do popular formato shapefile. Quanto aos formatos raster, possui suporte ao GeoTIFF, ArcGrid, Gtopo30, ImageMosaic, WorldImage, MrSID e ECW, sendo que os dois últimos através da biblioteca GDAL.

Em se tratando de formatos de saída (output format), o GeoServer possui suporte ao formato KML, que permite servir dados diretamente para o Google Earth e Google Maps. Também disponibiliza o GeoRSS que fornece uma maneira fácil de superposição dos dados com o Google Maps e Bing Maps, além dos formatos PDF, Excel, CSV, SVG, GeoJSON e GML.

Site de apoio: GeoServer
Linux: Sistema de Informações Geográficas - Softwares Livres ou Proprietários?
Linux: Sistema de Informações Geográficas - Softwares Livres ou Proprietários?
Linux: Sistema de Informações Geográficas - Softwares Livres ou Proprietários?
Linux: Sistema de Informações Geográficas - Softwares Livres ou Proprietários?

Leaflet

O Leaflet é um software livre, sendo uma biblioteca na linguagem JavaScript para mapas interativos e fáceis de serem utilizados on-line. Funciona com eficiência nas plataformas móveis e desktop, além de se destacar pela sua simplicidade, performance e usabilidade, através de tecnologias modernas como o HTML5 e o CSS3, utilizadas nos navegadores atuais.

Ela viabiliza que desenvolvedores sem um conhecimento prévio de SIG consigam publicar mapas utilizando serviços padronizados, com os OGC WMS (imagens) e OGC WFS (vetores), em servidores públicos na web.

Com essa biblioteca, podemos também utilizar conteúdos no formato GeoJSON junto com estilos, criando camadas interativas, com marcadores e PopUps ao serem clicados.

Site de apoio: Leaflet - a JavaScript library for interactive maps
Linux: Sistema de Informações Geográficas - Softwares Livres ou Proprietários?
Linux: Sistema de Informações Geográficas - Softwares Livres ou Proprietários?
Caso você esteja procurando uma empresa que trabalhe com softwares livres e atue na área de SIG/GIS (sistema de informação geográfica), ou de sensoriamento remoto (processamento digital de imagens), automatização de processos, dentre outros serviços, recomendo a All Maps que atua nesse mercado junto com a drSolutions, gerando excelentes resultados.

Página anterior     Próxima página

Páginas do artigo
   1. Introdução
   2. Softwares Livres
   3. Softwares Proprietários
   4. Considerações Finais
Outros artigos deste autor

GoAccess - Analisador de log em tempo real do Apache

Port Scanner com Python

dstat - Ferramenta de Monitoramento no Linux

Instalando MariaDB no Debian e Ubuntu

Instalar o Ubuntu Server

Leitura recomendada

Servidor NIS+NFS: Aprenda a montar o seu

Traduzindo mensagens no Linux

A Revista Espírito Livre

BC: A sua calculadora programável no Linux

Scid vs. PC - O melhor programa para estudar Xadrez no GNU/Linux

  
Comentários
[1] Comentário enviado por removido em 29/09/2020 - 20:11h

Excelente artigo parabéns.

[2] Comentário enviado por mauricio123 em 30/09/2020 - 13:18h


Muito bom mesmo.

___________________________________________________________
[code]Conhecimento não se Leva para o Túmulo.
https://github.com/MauricioFerrari-NovaTrento [/code]

[3] Comentário enviado por izaias em 30/09/2020 - 17:20h

Não sabia que existia software livre para este segmento.
SL está se tornado tendência e com abrangência!

Parabéns pelo artigo! Muito esclarecedor.


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts