Porque abandonar o Slackware e usar o Ubuntu

Neste artigo esclareço meu descontentamento ao usar o Slackware em um desktop, para ser mais exato, em meu notebook. Não quero criar aqui caso contra os slack's user, somente quero esclarecer que Slackware é melhor usado em servidores, já para desktops apresento o já então conhecido Ubuntu.

[ Hits: 37.537 ]

Por: Perfil removido em 28/08/2007


Porque abandonar



O Ubuntu é sem dúvida hoje o Sistema Operacional baseado em Linux/Gnu mais bem sucedido e aceito pelos usuários, no entanto, acontece que ainda é novidade para alguns, na maior parte usuários de distribuições antigas como é o caso do Slackware.

Sei disso pois usei o Slack por 4 anos seguidos e tive muitos problemas, o maior deles é a falta de programas úteis pré-compilados, entre eles as novas versões do Monodevelop (IDE para C#), sei que aparecerá algum idealista dizendo que existe sim, mas me diga, depois de instalar funcionou perfeitamente?

Um outro motivo para se usar Ubuntu é que a Canonical está por trás de todo o Sistema, sendo assim temos mais um braço forte. Leve em conta que empresas como a NOVELL e Google apóiam também o projeto, e estas empresas não provêem somente dinheiro, mas principalmente produto.

A NOVEL é detentora dos direitos do Beagle, Evolution e do projeto MONO por exemplo, o Google escolheu o Ubuntu para fazer sua distribuição personalizada do Linux. Compreende onde quero chegar? Quero fazê-lo entender que um Sistema não pode ficar na mesma idéia por toda a vida, a evolução deve ser iminente, ou ao menos deveria.

Um outro grande detalhe é o sistema de pacotes do Ubuntu, é fantástico, não falo somente pelo APT, mas principalmente pelo pacote ser inteligente, diferente do *.TGZ do Slack que só agora vem deixando a ignorância e deixando de aborrecer os usuários com as dependências.

Existem outras empresas envoltas no mundo do Ubuntu, um bom exemplo é a Dell e agora a ACER, uma das principais empresas no mercado de venda de PCs.

Uma outra coisa que me intrigou muito foi a facilidade de se instalar programas no Ubuntu, não sei se você sabe, mas se você estiver em um site que oferece um programa para Ubuntu, ao passar o cursor do mouse sobre o link ele não apontará para um local comum como manda o protocolo, você verá link com protocolo APT ao invés de FTP ou HTTP, e o nome do programa, quando pressionar o cursor sobre o link, abrirá o instalador gráfico do Ubuntu e instalará remotamente o programa, cobrindo todas as dependências e atualizando se necessário a lista de repositórios.

Isto é fantástico, só de não ter que ficar passando o comando "installpkg <pacote.tgz>" a cada vez que preciso instalar um novo programa já fico muito satisfeito, agora vendo por um outro lado, porque o pessoal do Slackware não criou algo semelhante, principalmente por ele ter lá os seus catorze anos de idade. Então voltamos ao princípio de que o jovem pode facilmente substituir o antigo, não com a cabeça, mas com as novas idéias!

O Slackware é uma boa distribuição, mas não me venha colocar ele em um desktop, eu fiz isso e posso garantir, passei mais tempo em lista de discussão e IRC perguntando coisas do que me divertindo com meus programas.

Em minha opinião o maior problema do Slack são as dependências e a idéia de ser arcaico, o maior erro foi remover o Gnome e não ter amadurecido com as outras distribuições. Engraçado, isto mostra que em um ambiente empresarial, um jovem novato pode tomar o cargo de um veterano com idéias cativas e inovadoras, pois o que se vende no mercado é o produto, não a idade.

Das dependências eu posso dizer que existem vários projetos que tentam solucionar isto, mas aí é que está, é como uma câmara de ar do pneu de uma bicicleta velha cheia de remendos, é isto que o Slack se tornou, uma câmara de ar velha e cheia de remendos, ou em outras palavras, um sistema velho cheio de patches...

Foi muito difícil mudar de idéia e passar a usar Ubuntu, olha que participo de vários grupos de discussão e palestras, entre todos eles somente freqüento um ambiente onde somente tenham Slack-users que é o IRC do freenode, o #slackware-br. O que quero dizer com isso é que poderia a muitos ter trocado de distribuição, a muito tempo mesmo e isto não ocorreu pelo fato do Slack ter aquele nome, aquela coisa de ser um slack-user, mas a conveniência me venceu, aquele negócio de escrever "sudo apt-get install <nome_programa>" que antes me irritava, hoje me fascina, e sabe por quê, porque funciona!

Um outro ponto relevante é que o Ubuntu é fornecido gratuitamente pela Canonical, para isso basta entrar no site http://www.ubuntu.com/products/GetUbuntu. O Slack e outras distros tem um grande problema com os mirrors e afins, lembro-me que foi um custo obter o Slackware 12, somente depois de algumas semanas que consegui e no final das contas ele não havia mudado nada, a mesma coisa do 11.

Acho que para o Slackware continuar no mercado e adquirir mais adeptos ele terá que melhorar e muito, principalmente na forma de empacotar seus programas não se esquecendo do suporte que também é primitivo.

O Ubuntu tem 3 variantes fornecidas pela Canonical, o KUbuntu, que nada mais é que o Ubuntu fazendo uso da interface KDE e seus respectivos aplicativos, o EDubuntu, que é voltado para a educação e o XUbuntu, que é um Ubuntu com a interface XFCE.

   

Páginas do artigo
   1. Porque abandonar
Outros artigos deste autor

Instalando e configurando o Apache, PHP e MySQL no Slackware 10.1

Pesquisa com slocate, locate e updatedb

Configurando o aMSN para Lan House e/ou Cyber Café

Multiterminais e Userful Multiplier nas escolas públicas: Uma solução barata que sai caro

FreeRADIUS - Noções básicas - Parte I

Leitura recomendada

Software livre no país não é mais somente incentivo

GNU/Linux: Depois dele o mundo não é mais o mesmo!

Considerações sobre interfaces gráficas (palestra VOL DAY I)

OSS & ALSA - A História

Inclusão Digital no Brasil

  
Comentários
[1] Comentário enviado por removido em 28/08/2007 - 06:15h

Olha eu to meio que em transição. Não tenho uma idéia muito formada. Eu usei slackware por uns 3 anos e sempre tentava usar outra distro e acabava voltando pro slack. Agora estou usando Fedora 7 mas de vez em quando aparece um bug e aí tenho vontade voltar pro slackware. Acho que você pegou
meio pesado com o fato de usar slack no desktop.
Eu não sou programador mas sempre usei o slack como desktop e sempre pude aproveitar os programas. Agora realmente o fato de ter tirado o gnome
deixou muitos usuários tristes.

[2] Comentário enviado por sombriks em 28/08/2007 - 07:01h

Chapa, eu poderia escrever justamente o contrário: Porque abandonar o Ubuntu e usar slackware em TODAS as suas máquinas de lan house;

Toda vez que a opção 2 do boot (é.. aquele mesmo) precisava ser formatadao, o grub ia pro céu e nenhum tutorial tinha passos efetivos para devolvelo ao boot. Então o ubuntu ia pro saco junto...

Os softwares necessários pra por na lan (amsn, plugin flash...) usualmente se encotravam desatualizados no repositório oficial, o que me levava a 2 alternativas: 1- baixar/empacotar estes numa pasta de rede local e ficar distribuindo ou 2- usar repositórios não oficiais. Ora, posso fazer isso muito bem com pacotes tgz; Mas a vantagem veio a tona quando precisei da rede nessa variação do debian; era instável, os clientes e o servidor simplesmente não se entendiam, um terror. Com clientes Slack? montagem de recursos de rede via fstab, totalmente transparente na máquina local! Melhor suporte de base, melhor manutenção.

Agora, quando a coisinha de menu verde e barra azul dá pau e precisa formatar, chroot e lilo devolvem a instalação do Slackware em questão de minutos. Houve um caso em que acidentalmente a partição reiser com todo o slack foi formatada como ntfs e, para minha surpersa, o livecd indicou todos os arquivos ainda lá, bastou um --reuild-tree que recuperei o sistema.

Quanto ao erro de remover o GNOME, no mundo opensource existe uma coisa chamada comunidade (não, não estou falando apenas dos usadores, e muito menos daqueles que olham e falam mal), que sabe que a responsabilidade é de todos e por isso assume certas tarefas. Temos um Excelente GNOME para Slackware e ele se chama Dropline; todas as belezas do GTK e poderes do slack num bucho só.

Essa baboseira toda aí sobre mercado, evolução e google é onde o enterprise encontra o underground. Não olhe para um Slackware com a mesma ótica usada pro Fedora, Ubuntu e outros. Esses desktops tem por obrigação oferecer soluções prontas para empresas que não querem dor de cabeça. O Slackware vc usa no notebook (onde supostamente você tem tempo e/ou paciência pra configurar) ou então monta AQUELE server que vc vai levantar e esquecer; Aprenda a mexer o ubuntu e vc saberá ubuntu; aprenda a mexer red hat e vc saberá red hat; Agora aprenda Slackware. E vc saberá administrar um linux. Eu já resolvi (como ainda resolvo) pau em kurumin, Suse, Debian, Conectiva, usando por base o que vale para um Slackware. gerenciador de pacotes diferente, estilo de script difernte, mas eu aprendi que no slackware tudo começa com uma inittab... então é so conferir o que tem lá. Depois vc dá uma olhada nos scripts de inicialização e logo surge a solução, ou a resposta de "porque eu vou em sistema>rede>conexão via modem" e nada acontecia. Instale um ubuntu e, tendo os fontes do módulo proprietário capenga, conecte-se à internet... Sim, faça uma instalação full de ubuntu, eu farei uma full de Slackware. da última vez que fiz, levei 5 minutos no slack, e resolvi paus de permissão com suid por causa da pressa; já no ubuntu levei 2 horas (porque se fez necessário corrigir, "repreparar os fontes de kernel") e o suddoer somente conseguiu conexão decente via pon/poff. O que eu quero dizer é que para o enterprise um modem não faz diferença, mas prum usador caseiro o modem pode ser a única ponte para a internet. E é o Slackware que vem com toda a base pra solução de problemas de toda sorte, não somente problemas enterprise.

Sua webcam já funciona automagicamente no ubntu? 2 minutos é o tempo da compilação dessas coisas. Eu fiz até um .tgz, e instalei nas máquinas da rede através de ssh e aquele compartilhamento transparente,lembra? que dapa pau no ubuntu...

Ah, antes de chamar o APT de protocolo, não custa nada usar do bom costume que se adquire usando slackware: vá checar suas configurações. abaixo uma linha de exemplo de um source.list:

deb http://wine.budgetdedicated.com/apt etch main #WineHQ - Debian 4.0 "Etch"
deb-src http://wine.budgetdedicated.com/apt etch main #WineHQ - Debian 4.0 "Etch"

Isto é http, e não apt://. O apt é ferramenta de download autmático de pacotes a partir de um servidor, de modo que vc usa aquele menu feliz pra instalar ao invés de torrar paciência compilando coisas. entnda, slapt-get até resolve dependência também, isto sóa não vem ativo por padrão porque os pacotes oficiais do slackware não tem o slack-required, que descreveria os pacotes necessários. A opinição do Patrick sobre o assunto é que dependências conflitantes ou laços infinitos de dependências quebradas são problemas alegremente evitados se os pacotes não te pertubam com aquela parada de "é preciso desinstalar alsa para instalar xmm; deseja prosseguir?".

Eu vi uma citação estranha acerca de inovação; pois bem, isso tudo que vc tem para ubuntu é fruto certamente de uma comunidade e não de um único indivíduo. Alguns de seus valores e pesos na hora de julgar distribuições estão demasiadamente viciados. A comunidade Slackware é bem menor que a de Ubunut, mas certametne é uma das mais participativas. Vide os números daqui do VOL. tem muito slacker quebrando teu galho e de muitos outros, mesmo não tendo Ubuntu na vida deles. Isso ocorre porque os problemas que O enterprise não cobre o underground já explorou, mediu e catalogou. Acompanhei recentemente pessoas com dificuldade com o driver de som para notebooks acer; recompilar o alsa era a saída. No ubuntu estes drivers já estão prontos. então é simples, vamos formatar e por o que já vem pronto, certo? Eu gostaria muito mais de pegar acesso CVS ao alsa, usar o slackbuild do memso que o Patrick fez e adicoinar/remover/modificar/whatever pra minha máquina. demora tanto quanto instalar ubuntu com a vantagem de que ainda terei cvs/subversion/git no final do processo, sem precisar de um apt-get (ou aptitude) adicional.

Hahaa, o mono... então vc produz em mono? pois bem, usando o "simplest way", o universal installer afirma (supondo uma instalação de 12 Seca) que certas bibliotecas do GNOME estão faltando. E o MonoDevelop tem dependências que te imploram (sim... o instalador te avisa) pelo GNOME. Solução? instalar GNOME no Slackware. depois do download não leva mais que 20 minutos.

Quero voltar à questão de inovação; a MS criou uma tecnologia novísima: vc usa uma máquina com poucos recursos como cliente de uma mais poderosa; que maravilha! o problema disso é que já exisita algo similar chamdo ssh. Já usou? Ou mesmo uma simples sessão XDMCP, que acha? eu jogo quake via XDMCP, num perfeito misto de recurso local/remoto. então, se pra vc apertar botões numa telinha ao invés de digitarmos comandos é inovação, vá usar o Gslapt, que faz isso por você. você clica, ele baixa o tgz e todos ficam felizes com a inovação. Agora fazer um rsync local de um mirror oficial e usar esse mirror local como repositio para a sua rede, bom isso não deve ser inovação. aliás, vc pode fazer isso com o ubuntu também, caso exista a necessidade de adminsitrar e atualizar mais de um terminal.

Não queria tocar nessa parte, mam em algum lugar ali em cima falaram remendo.

O 12 é longe o melhor dos Slackwares para desktop, está rápido e ágil, vem com ferramentas de configuração para o modo gráfico, som, rede e periféricos. Foi o 12 que decretou o fim do kernel 2.4 em novos projetos (ha, e muito provavelmente em outras distros tb), bem como firmou o udev e o hal como componentes indispensáveis a qualquer desktop.

Chamar o trablaho do Piter Punk de remendo é avacalhar uma obra de arte no tocante a UDEV.

Dizer que slackpkg, slapt-get, swaret são remendos é um erro.

Rotular a produção da comunidade de remendo é, indiretamente, afirmar que aquilo que você um dia fizer para melhorar os softwares livres que vc usa não vai passar de um baita remendo.

Por que seguir tanto a linha do enterprise? é tão mais saudável equilibrar a comunidade e a força empresarial... Ser todo enterprise só nos trás presentes como a M$, que é capaz de ameaçar países e praticar concorrência desleal em todas as áreas que atua. (poderíamos aqui entrar em discussões sobre "fazer o que é melhor para todos", mas bah, não vale a pena.)

Estou certo que o slackware vai continuar no mercado (é, mercado mesmo) e adquirir cada vez mais adeptos, porque tem uma linha simples e firme, aberta a sugestões e que estimula a produção de pequenas soluções em cima do mesmo. Não há a figura paternal e pesada de, por exempo, uma novel com seu yast, não não. Temos o Cara, que prepara uma boa base, e daí é pura emoção. Temos belos artigos de como levantar um squid atualizado, e, em caso de pura falta de paciência, linuxpackages resolve.

E eu te garanto que, fora as coisas que vc simplesmente não se empenhou em fazer, o slackware nunca te deixou na mão. Já tive cenários tenebrosos, com três máquinas apresentando problemas de software ao mesmo tempo, ubuntu (que à época era minha bala de prata, que eu instalaira uma vez e pronto) quedeveria ser solução era outro problema, e tudo isso tem sumido porque eu fiz a opção que eu deveria ter feito desde o início: vamos fazer mais devagar, mas faremos só uma vez.

Se vc se identifica mais com a forma ubuntu de resovler as coisas, parabéns, valeu, boa sorte. Mas denegrir a imagem de uma das mais inovadoras, estáveis e funcionais distribuições linux SÓ porque vc não gosta mais dela não é uma atitude madura. não não.

Com esse artigo vc mostrou que mal conheceu Slackware e viu que não é pra vc. É impressionante, dado 4 anos de luta, mas eu acho normal isso. Uma solução pronta É uma solução pronta, tem todo um charme. Personalizar facilmente uma base e obter uma bela solução é o que mais pesa quando o assunto é Slackware.


E volto a frisar que não é com fases degradantes que você convence os outros, mas sim sanando dúvidas e mostrando que não é tão difícil quanto parece.

Se me perguntarem que linux eu recomendaria para uma criança, eu diria Slackware. Suponho que a instalação e assimilação das funções básicas sejam bem mais rápidas no ubuntu... até a criança encontrar algo realmente underground. compilar um fonte, por exemplo. Aí só o apoio de comunidade e o aprendizado obtido com slackware tocariam ela pra frente. Claro, se o pivete for ser jogador de futebol, pode acontecer dele nunca dar de cara com o "não contemplado", ou memso preferir contratar alguém que resolva. E certamente vai ter um Slacker pra resolver os paus pra vc.

nota: eu tinha as isos do 12 aprox. 10 horas após o lançamento oficial. eu usei torrent.

[3] Comentário enviado por dtux em 28/08/2007 - 07:21h

Slackware siempre em server e em desktop, usando a 4 anos slack e vc numca ouviu falar em MONO!!!!!!!!!!

[4] Comentário enviado por cvs em 28/08/2007 - 07:44h

Depende do ponto de vista. Eu uso slackware, adoro slackware. Cheguei a começar usar ubuntu mas não me agradou nem um pouco.

Tenho uma ideia a respeito disso, se é pra usar outra distro, então vou usar uma de verdade, por exemplo, debian, e não ubuntu que é um fork do debian. Não vejo ubuntu como uma distribuição em si mas sim como uma adaptação.

Falar que apt é maravilha também é chamar pra briga, qualquer um aqui pode concordar comigo que as vezes o apt pode ser um belo pé no saco, quando se manda desinstalar algo e ele junto do pacote escolhido ainda desinstala o squid, o apache e a glibc.

Quanto a estar usando uma "distribuição" por causa de suas parceiras ou patrocinadores eu não vejo qual a vantagem nisso.

Evolução, essa parte eu concordo, tudo deve estar evoluindo, já viu a evolução do slack 8 para o 9 e depois para o 11 e agora para o 12?

Bom, não vou entrar em mais detalhes, só falei algumas coisas que vieram a cabeça agora... ainda to com sono... hehehe... Mas é valido seu artigo, o nosso colega acima deveria escrever o tal artigo sobre porque não usar ubuntu e sim slackware... hehehe

Valeu.

[5] Comentário enviado por willian.firmino em 28/08/2007 - 08:05h

Realmente o Slackware é uma distro impressionante já passei por varias como Fedora, Debian, Mandrake, Definit, kurumim e recentemente ubuntu mas sempre acabo voltando para o Slackware pois é a que possui maior flexibilidade tanto em Server quanto em Desktop dizer q o ubuntu é melhor sucedido isto se deve ao fato de ser facil de usar para os usuarios novatos q vem do Windows q quando instala algum programa não entende bulhufas o q o sistema esta fazendo ou quando da pau não sabe recuperar nada ou seja e reinstala o sistema inteiro perdendo todos os dados resumindo conhece o sistema apenas superficialmente por ser "facinho" como a grande maioria dos usuarios Windows acho q o Ubuntu é é para escritório onde o usuario senta e só usa os programas cotidianos q se der pau ou algum problema chama um técnico enfim agora acho q não tento trocar mais de jeito nenhum vou continuar com o slack pois a versão 12 ficou melhor ainda não vejo por que abandona-la e torço para que o Patrick porte o slackware em versão oficial para a plataforma 64bits.

[6] Comentário enviado por M4iir1c10 em 28/08/2007 - 08:25h

Eu uso Kubuntu e sou apaixonado por Slackware, so estou esperando o momento certo pra fazer um upgrade no meu hd de 20GB para 120GB e ja tenho meus planos de particao... Eu nunca poderia escrever contra o Slack mesmo sabendo que nao e facinho como o ubuntu, eu creio que ubuntu e para vc usar no trabalho pois vc precisa de respostas rapidas e o Slack e pra se usar em casa e se tornar um geek do Linux, aprendendo a configurar as entranhas do sistema.
Oque eu acho que e a pior coisa e usar um sistema que eu nao gosto, como e o caso do windows que eu tenho que trabalhar com ele...

[7] Comentário enviado por ranzes em 28/08/2007 - 08:42h

Seguinte , seu comentário em relação ao slackware não tem nenhum fundamento pois usuários como vc que usa linux para fuçar e windows na maioria do seu tempo (e não me venha dizer que não usa) prefere coisa facil e simples do tipo NNF (Next , Next , Finish) e aí preferem sistemas onde um simples clique resolva todos os problemas.
A sua comparação foi infeliz , pois ambos são linux mas são muito distintos, o Slackware é a Distribuição mais antiga ainda em atividade mantida pelo Patrick & CIA , que tem como principio manter o sistema simples sem frescuras e estável , Já o seu ubuntu foi criado recentemente para usuários cabaços que estão tentando sair do windows (da matrix) e entrar no mundo real, a ideia do Ubuntu é ser o mais fácil possivel para usuário. então a sua comparação é sua forma de ver e não a realidade.
aqueles que gostam realmente de desafios e conhecer profundamente um sistema linux concerteza não adotará um ubuntu da vida.
não que seja ruim , é a forma dos criadores pensar.
slackware é para aqueles mais experientes e os que gostam de desafios e não para usuários windows querendo apenas dizer que (Há eu uso linux!!!)
tenha em mente uma coisa: Linux é um só , distribuições são ideias de uso diferente!!

[8] Comentário enviado por adrianoturbo em 28/08/2007 - 08:46h

Bem polêmico seu artigo amigo,mas tenho que discordar completamente do seu ponto de vista todas as distribuições Linux possuem suas variedades e características diferentes tornando-as cada vez mais interessantes.A questão é o seguinte o Slackware sempre foi uma distribuição vulgamente falando "pelada" no qual os usuários fascinados pela mesma tinham que compilar diretamente dos seus arquivos fontes para customizar e instalar seus programas favoritos que faz dessa distribuição umas das mais nativas e complexas pra quem não gosta de ação .
Segundo o Slackware possui uma grande comunidade espalhada pelo mundo que valoriza e muito o jeito de ser deste sistema magnifico que disperta curiosidade pelo modo natural de ser ,ou seja,sem programas pré-instalados .O intuito é fazer com que o usuário consiga se adaptar a todas as dificuldades resolvendo todos os problemas nele proposto .
E com relação a questão do Ubuntu é evidente que facilita a vida de muita gente iniciante que não quer ter trabalho de ficar digitando linhas e mais linhas de comando no Shell ,pois a maioria dos programas básicos que os usuários utilizam já vem instalado ,mas se engana quem pensa que o Ubuntu e tão fácil assim ,ele como o Slackware também possui seus níveis de dificuldades.Uma hora ou outra alguém vai ter que compilar algo no Ubuntu também.
E por útlimo não vou entrar no mérito na questão de DELL ,ACER ,IBM,NOVELL e etc,pois essa questão está relacionado ao mercado a competição ,mas uma coisa é certa o Slackware sempre seguiu seus principios de ser um sistema totalmente limpo e livre de influência mercadologicas.
De qualquer forma não importa qual seja a distribuição que será utilizada ,depende de cada usuário e suas dificuldades.
Só a opinião de quem já usou quase todas as distribuições .
Abraço!

[9] Comentário enviado por andersonjackson em 28/08/2007 - 08:55h

"...e no final das contas ele não havia mudado nada, a mesma coisa do 11." Rapaz essa afirmação é uma pérola... ou você não conhece Linux ou é doido. Dizer que o 11 é igual 12??? Que viajem.

Acho que esse tipo de artigo não contribui em nada para a comunidade, pois não visa falar das vantagens de um (ubuntu) e sim falar mal do outro (slackware), se vc quer defender seu ponto de vista o faça sem tentar derrubar o copanheiro do lado que tem o mesmo proposito: "serem livres". Isso está parecendo discurso de politico que não tem propostas e então resolve atacar o outro ao inves de sobre sobre suas qualidades, etc.

Concluindo: Eu uso slackware para tudo, server e desktop.

Um forte abraço.

[10] Comentário enviado por leoberbert em 28/08/2007 - 09:02h

Cara vc não deve saber usar Linux, por isso fala mal do tão querido slackware.... Deve ser um dakeles que só sabe digitar apt-get ou apitude com certeza...

Resumindo, vc nem sabe o que está falando!!!

[11] Comentário enviado por jllitvay em 28/08/2007 - 09:11h

Uso Slack no desktop em casa e no trabalho, e não trabalho na área de informática. Não sou geek.
Não tenho nada contra o Ubuntu, já tentei utilizar mas tive que PEDALAR para fazer meu HARDmodem e mouse serial funcionar em casa.
Depois tive que REBOLAR para fazer o modem não ligar junto com o computador. Resumindo, tive que utilizar as configurações que aprendi no Slack para resolver problemas do Ubuntu.
Talvez no trabalho instale o Kubuntu. mas só talvez...
É com a diferença entre o Engenheiro Civil e o Arquiteto.

[12] Comentário enviado por dk_millares em 28/08/2007 - 09:14h

Não usu slack, usei umas semanas para conhecer pois ja conhecia o gentoo e estava satisfeito com o mesmo; mas não tive tantos problemas como você disse acima, e no meu caso pelo menos optei por distros base pois queria algo mais hard core, algo que me incentivasse a aprender e entrar de cara.
Agora sobre problemas; tive no gentoo, slack, fedora, kurumin e claro windows xp tambem, no meu conceito problemas são coisas normais que sempre da para aprender algo novo com eles.
Acho que o artigo trará chateações porque nota-se uma leve falta de respeito com a distro Slackware, isto é uma coisa desagradavel para um artigo.
"E sobre gerenciamento de pacotes e dependencias isto que mais me atraiu no gentoo e não curti muito esto no slack e pode parecer LOUCURA mas entendo que do mesmo jeito que instalar o gentoo particionando com o fdisk e usando nenhum script era uma coisa que eu adorava e gosto muito ainda, com certeza há slack user que devem achar o máximo 'caçar' dependencias na unha e instalar todas uma a uma. Na boa as vezes o seu caso é como o meu simplesmente essa distro num faz seu 'tipo' e boa; oque vira é você ir atrá de uma que lhe agrade mesmo e não há coisa mais justa que escolher uma."

[13] Comentário enviado por rwpatriota em 28/08/2007 - 09:14h

Concordo que o colega que escreveu o artigo se equivocou bastante em alguns pontos do seu texto.

Mas acho que não é necessário desmerecer nenhuma outra distro por causa disso. Pra que atacar o Debian leoberbert? Eu uso Debian, mas respeito muito o Slackware, apesar de nunca ter usado essa distro. Sempre li sobre a estabilidade e robustez do Slack, assim como tenho contato com seus usuários. Entretanto, no meu caso específico, optei pela flexibilidade do Debian. Acho que não há mau algum em um determinado sistema ser fácil de usar e configurar, desde que respeite a inteligência de seus usuários e possua uma boa política de segurança.

Como já havia dito em outros comentários:

"...Live and let Die!"

Abraço.


[14] Comentário enviado por fabiobarby em 28/08/2007 - 09:16h

Prefiro Slack, sem dúvidas...

[15] Comentário enviado por pom em 28/08/2007 - 09:22h

Não tem o que falar para uma pessoa dessas !!

[16] Comentário enviado por monsores em 28/08/2007 - 09:44h

De tudo que atrapalha a divulgação do Linux, esse tipo de assunto desse artigo está no topo da lista, seguido de desmerecer o windows ao invés de valorizar o Linux.
Essa história de "sua distro não presta, a minha que é boa" é tão idiota quanto discutir sobre futebol ou religião. O que interessa é que é tudo Linux. A distro é questão de gosto.
Esse tipo de artigo inútil transforma uma das grandes vantagens do Linux (ter várias distribuições, cada uma com seu foco) em problema.

Lamentável...

[17] Comentário enviado por removido em 28/08/2007 - 09:58h

Caro robersonfox, é complicado falar disso aqui, não perca seu tempo, esse povo é maníaco por ego, adora falar que fez na unha...

Vamos fazer assim:

Deixa eles compilando o kernel, dependências, drivers, players, a mãe deles, o diabo, e vamos lá tomar uma cervejinha pegar umas minas, e usar nosso pc com um sistema que funciona, no caso o Ubuntu, quando voltarmos cansados, vamos conversar com aquelas lindas garotas que pegamos, e marcamos o próximo encontro, com nosso amsn que funciona facinho sem precisar passar noites em claro pra fazer o treco funcionar + ou -...

Sério mesmo, tem gente que se ofende ao falar do slackware...

"Ah, mas eu consegui fazer funcionar..."

Cara, azar o seu, eu tenho vida, se você não tem, apele pra compilação... ok?

Está dito!

[18] Comentário enviado por adrihenper em 28/08/2007 - 09:59h

Na boa brother (ops nao.....brother nao..... is a dummie!)voce realmente foi muito infeliz em colocar essa frase "Porque abandonar o Slackware e usar o Ubuntu", quem realmente utiliza o linux no seu dia a dia sabe todas a diferencas entre um sistema para usuarios do dia a dia, e um, windows user que quer migrar pra linux, vai pro ubuntu, simplismente lamentavel........procure ler documentacoes....se aprofundar no mundo GNU depois comece a postar artigos.......DUMMIE!!!

[19] Comentário enviado por tjpp em 28/08/2007 - 10:08h

Eu ia ler o artigo mas parei na primeira incoerência:

"pois usei o Slack por 4 anos seguidos e tive muitos problemas, o maior deles é a falta de programas úteis pré-compilados, entre eles as novas versões do Monodevelop (IDE para C#)"

Como pode um desenvolvedor achar que não ter programas pré-compilados é uma dificuldade ? Se fosse a minha avó, tudo bem, ela só usa Basic... mas alguém que queira usar C#, deveria achar compilação a coisa mais natural do mundo.

Desculpe, não consegui chegar até o final.

[20] Comentário enviado por mpsnet em 28/08/2007 - 10:16h

Do geito que as coisas vao indo, qualquer dia vao fazer artigos sobre seus gostos pessoais, bem como, tipo de comida, roupa, lazer, time de futebol....etc.....
Francamente, vejo que este é mais um dos artigos infelizes........
Olha pq um cara que usou Slackware por 4 anos nao consegue fazer um artigo ensinado algo que aprendeu no derrorer destes anos, acha melhor cuspir no prato que comeu ?
Sinceramente, acredito que vc tenha algo melhor que isso pra nos passar. Va enfrente e tente fazer algo melhor, a vida é assim mesmo. VC é capaz !!!!

[21] Comentário enviado por f_Candido em 28/08/2007 - 10:20h

Realmente. Uso o Ubuntu, no entanto, o Slack é um belo sistema. Tudo bem, ele tem lá os seus problemas, mas continua sendo o Slack.
Flws

[22] Comentário enviado por coffnix em 28/08/2007 - 10:21h

Eu usei slackware por cerca de 4 anos também.... hoje uso Gentoo.... mas a paixão pela simplicidade do slackware é eterna. Tanto é que ainda sou do projeto Slackbook_ptBR ( http://slackbookptbr.sf.net/livro/slackbook.html )

Usei ubuntu por 2 dias e odiei, assim como odeio debian. Por que? pq simplesmente as coisas não funcionam.

não preciso comentar pois a galera já fez isso.... mas concordo com a maioria: você deveria medir suas palavras antes de falar mal de algo que não conhece.

abraços e espero que aprenda a usar Linux... rsrsrsrs

[23] Comentário enviado por shadowfox em 28/08/2007 - 10:23h

É... Eu já usei várias distros também... Desde as minimalistas até as de grande porte como o Suse... Achar que uma distro é ruim só porque você não teve a competencia de usar é realmente se atestar como ignorante. Aprenda com seus erros, desenvolva-se e seja livre para escolher o que leh agrada sem atacar os outros.
Slackware é para quem quer aprender... Se você não conseguiu viva com a sua deficiência.

[24] Comentário enviado por removido em 28/08/2007 - 10:34h

A única coisa que não gosto no Slackware é perder tempo configurando "COISINHAS" , exemplo: Mouse USB com Wheel (rodinha). São essas configurações TRIVIAIS que fazem o Slackware cansativo. Eu adoro o Slackware, mas atualmente estou com o Ubuntu pois cansei de sofrer. Já sofri muito, não preciso de sofrer para aprender já que sou um usuário bem avançado na área.
Acho também uma BABOSEIRA essa discussão sobre DISTRO. Distro é igual ... cada um tem o seu.. vocês entenderam.

E independente da sua DISTRIBUIÇÃO , não significa que você sabe menos ou mais do que outra pessoa que usa outra DISTRIBUIÇÃO.

[25] Comentário enviado por taiar em 28/08/2007 - 10:42h

Eu usava Slackware e não me adaptei bem ao Ubuntu...


Simplesmente não achei o sistema tão flexível...


É isso aê..

[26] Comentário enviado por segment em 28/08/2007 - 10:43h

SLACKWARE MANDA!!!

[27] Comentário enviado por willian.firmino em 28/08/2007 - 10:49h

heldersr instalei o slackware 12 em 12 maquinas e o mouse com "rodinha" funcionou perfeitamente o fato do slackware não configurar o ambiente gráfico primeiro ajuda muito ja com o ubuntu q eu tinha instalado e mandei para o espaço eu tinha uma placa de video gforce de 128 mb instalado troquei por uma savage s3 de 32 mb e o q ganhei um belissimo kernel panic "o q os novatos fariam em uma situação dessas ?" eu sabia o q fazer mas o q fiz foi desinstalar o ubuntu e instalar o slackware 12 fiz o mesmo procedimento de trocar de placa de video para testar rodei o xorgconfig e la estava meu slack funfando sem kernel panic. Fica aqui registrado q usuarios iniciantes tb vão penar no ubuntu e a desvantagem é q não vão saber resolver nada pois não conhecem o funcionamento do sistema pois estão acostumados a somente clicks

[28] Comentário enviado por tenchi em 28/08/2007 - 10:52h

me desculpa, mas é um dos piores textos que já li.
Acho o ubuntu uma excelentíssima distro, mas você pegou a sobre um escopo equivocado.
A questão não é: porque trocar o slackware pelo ubuntu, mas sim: "Porque mudar para o ubuntu".
O slackware e o ubuntu tem escopos diferentes. Diferentes níveis de controle que o usuário tem sobre a máquina.

- O slackware é uma das poucas distros que utiliza O MÌNIMO de patches. É o ubuntu que utiliza muitas modificações, para melhorá-lo.

- Eu digito aqui:
# slapt-get --install cinelerra

E tenho o cinelerra instalado e funcionando. Tente fazer isso no ubuntu. O cinelerra do reopsitório é bichado. Instale o audacity com o apt. Ele vem compilado com o wxwidgets compilado com gtk1. Ou seja, antigo e feio.

Usei o ubuntu por um mês. Gostei muito do apt, mas notei um problema: se o apt não funciona, só resta rezar.

Esses dias me deparei com a seguinte pérola no ubuntu:
# aptitude remove gaim
(...)
Os pacotes gaim e ubuntu-desktop serão removidos

Já viu isso? Remover todo o ambiente por causa de um só pacote?

O ubuntu é muito bom para o usuário iniciante, mas quando você começa a querer fazer coisas novas com o seu sistema, nada funciona.
Se você compilar um kernel por conta própria, a chance de ele não funcionar corretamente (falta de módulos, etc) é enorme.

Durante o tempo que utilizei o ubuntu (feisty), instalei pacotes como beryl, compiz, kiba dock. Resultado: O kiba dock não funcionava (faha de segmentação), o beryl funcionava legal, confesso. No slckware, COMPILEI a última versão do compiz (via git), além do kiba dock. Não obtive nenhum erro. Obtive um desenpenho muito superior em gráficos 3d, com o mesmo hardware. Tenho um sistema funcionando DO JEITO que quero.
No ubuntu, precisava rodar um programa em java, e a variável JAVA_HOME não estava setada. E para achar o diretório onde estava a máquina virtual? Instalei o java-sdk e tentei compilar um programa. Não funcionava.
No slackware eu tenho tudo isso funcionando de forma simples e prática.
Eu me cansei do ubuntu pelas falhas de programas, do tipo falha de segmentação.
Kubuntu, Xubuntu, Fluxbuntu? Tá brincando... O slackware, por padrão, já é um Xuslack. Se chama xfce. FLuxunbutu: fluxbox. Default. Não tem essas frescuras.
Instalei um joo aqui em casa, chamado world of padman. Ele é instalado no click-click. Fui seguind o instalador (gráfico), e instalei normalmente.
Fui na casa de um colega meu, onde eu havai instalado o ubuntu para ele. Fui fazer o mesmo processo. Instalador gráfico? Que nada! O ubuntu não vem com a biblioteca gtk1 (utilizada pelo instalador) instalada. Teve que ser "no modo texto" mesmo. Não sabe como fiquei quando não consegui mostrar para ele como o linux estava fácil de usar.
Compile um programa no ubuntu e você vai destruir todo o esquema do apt. Pacotes: Boa parte dos pacotes que vc acha nos repositŕios do ubuntu são muito antigos (quando não bugados), e você não tem a mínima noção do que instalou. Ah, instalei o amarok. Mas que versão? Não sei.
Os nomes dos pacotes são confusos.
É quase impossível instalar algo que não apt. Fui na casa desse meu colega, e tentei instalar o pidgin (são três pacotes, do site getdeb). Clica sobre um. "Este programa precisa daquele outro". Clica no outro. Esse programa precisa daquele primeiro". Volta no primeiro. Tenta clicar nos dosi ao mesmo tempo... Já viu né? Tive que instalar á força com o dpkg. E se vc faz isso, o apt fica todo maluquinho e não funciona (pacotes quebrados), até que você remova pacote "com problema".
Olha isso:
root@masaki:/home/tenchi# slapt-get --list | grep mono
mod_mono-1.2.4-i686-4as [inst=não]: Mod_mono (Apache module is used to run ASP.NET)
mono-1.2.4-i686-4as [inst=não]: Mono (Free .NET platform)
mono-basic-1.2.4-i686-4as [inst=não]: Mono-basic (Free .NET platform)
monodoc-1.2.4-i686-4as [inst=não]: Monodoc (.NET class library documentation)
qfaxreader-0.3.1-i486-1as [inst=não]: QFaxReader (Is a multipage monochrome/color TIFF/FAX viewer)

Executei isso na minha máquina. Olha que bunitinho... Tem um mono ali!!


[29] Comentário enviado por tenchi em 28/08/2007 - 10:56h

Mas vc conseguiu o que queria: discussão.
No mais, não se ofenda com s comentários (inclusive o meu), mas acho que vc deveria ter pensado mais vezes antes de escrever este texto.

Mas boa sorte na sua nova empreitava com o ubuntu.

[30] Comentário enviado por removido em 28/08/2007 - 10:58h

William.firmino, então no meu caso não funcionou e eu arrumei o xorg para funcionar e ficou blz. Acho o Slack excelente para quem quer aprender, e para quem já sabe também. Hoje eu preciso de uma praticidade e rapidez, e o Ubuntu está sendo excelente nisso. Vejo muitos criticarem o Ubuntu aqui, mas sinceramente, trabalho com uma equipe de profissionais com conhecimentos avançados e a maioria usa o Ubuntu e outro amigo que entende muito de linux , usa o Mandriva.

Não tenho nada contra distribuição nenhuma, acho somente que é besteira ficar discutindo isso. Adoro o Slackware, Debian, Suse, Fedora, Gentoo, Ubuntu e qualquer outra distribuição.

[31] Comentário enviado por davidsonbhz em 28/08/2007 - 11:20h

Lamentavel que exista esse tipo de pensamento na comunidade, atacar outra distro porque nao gosta dela eh triste...

Acredito que haja lugar e proposito para tudo, slack tem seu lugar e ubuntu tambem, ja tentei usar ubuntu no meu notebook e sinceramente nao deu pra engolir... Sou slack ate o fim, mas para aquele usuario que so vai usar o pc pra digitar textos e navegar na internet recomendo o ubuntu sem dor na conciencia.

O colega ai mandou muito mal o seu artigo...

[32] Comentário enviado por cytron em 28/08/2007 - 11:28h

Isso tá mais parecendo é assunto sobre time de futebol ehehehe!

É o seguinte pessoal, eu uso Slack a mais de 6 anos, jamais vou passar pra outra distro, mas não estou aqui para defender bandeira, muito pelo contrário, eu não aprovo e nem incentivo o uso de Slackware por pessoas comuns.

Sei o quanto slack é bom mas também sei o quanto ele é "rabo-de-foguete", por mais simples que seja ainda não é sistema pra qualquer um, por isso é mais indicado pra servidores, usuários não tem tempo de ficar compilando programas, eu as vezes me irrito quando tenho que compilar um programa e o processo leva mais de 30 minutos, parece coisa de louco.

Aprovei esse artigo, o Roberson não atacou e nem feriu o slack, apenas mostrou que slack não é pra desktop, isso eu concordo, apesar do slack tentar muito se encaixar em desktop, isso ainda é sonho distante, eu uso no meu desktop, no entando ralei pra deixar ele redondinho, e um usuário comum não sabe e nem precisa saber como funciona "por trás das câmeras".

A realidade é: Slack é uma das melhores soluções para servidores e para quem quer usar um sistema transparente sem muita moleza.

O Ubuntu e Kurumin é pra quem quer instalar e usar um sistema operacional melhor que windows (que comparação injusta heim heheh)
sem precisar se preocupar em coisas complicadas e ir direto ao assunto.

Eu sempre indicou o uso do Ubuntu e Kurumin, mas slack só pra server mesmo... menos pra mim. hehehe!!!!

[33] Comentário enviado por tenchi em 28/08/2007 - 11:30h

Ah, nota aos moderadores: Acho que seria legal avisar o autor do artigo sobre as possíveis ofensas que ele possa fazer, para que ele revise o texto. Porque publicar um artigo como esse só gera polêmica de forma negativa. Não é bom para ninguém.
Lamentável atitudes como estas (do autor). ;-)

[34] Comentário enviado por VagnerFonseca em 28/08/2007 - 11:34h

Quando vocês pararem de ver o GNU/Linux com uma religião e passarem a ver como uma ferramenta de trabalho e diversão;
Quando pararem de ver empresas, até mesmo a M$, como inimigos, porcos capitalistas, personificações do mal, e as virem como mercado de trabalho, ou será que ninguém trabalha e as contas são pagas com bits, e ver como ponte de desenvolvimento e investimento em software;
Quando pararem de ver cada coisa escrita ou falada com ofensa pessoal mortal, ou desmerecer uma distribuição em detrimento de outra,
Quando começarem a deixar de combater as pessoas ao invés de orientá-las e se tiverem uma visão, não errada mas radical ou ofensiva, e tentar fazer com que elas possam repensar seus valores agregar colaboração à comunidade.

Talvez, apenas talvez o GNU/Linux deixe de ser o sistema "alternativo" e passe a ser a primeira opção para quem vai iniciar no campo da informática, para quem vai comprar seu primeiro computador, para empresas que vão buscar o software não pelo preço mas por estabilidade, segurança e liberdade, e para empresas que querem deixar a "era do papel" para definitivamente entrar na "era digital".

Espero não ter feito ninguém perder o seu precioso tempo.

Grato a todos.

[35] Comentário enviado por dbahiaz em 28/08/2007 - 11:36h

Antes de tudo, queria dizer que sou um ex-usuario de windows, e que não instalei o linux só pra dizer "eu uso linux",mais sim por necessidade e segurança, acabei gostando, mais se fosse qual o problema? Pra que serve a liberdade de escolha tão aclamanda por todos!

Se uma pessoa quer usar o linux como usava o windows, qual o problema, algumas pessoas não tem tempo pra aprender usar, quer simplesmente que funcione e pronto, como funciona não interessa, é assim que funciona a liberdade de escolha, não sei pq torcer o nariz pra essas pessoas. deve ser constragedor pra alguns usuarios slak descobrir que um usuario de windows usa slak(nem sei se existe rs), pq os comentarios de "alguns slak-user", não são nada democraticos.

Claro que atualmente o ubuntu é a bola da vez, e pelo que vejo em alguns comentarios por ai, isso ofende muitas pessoas, não sei o motivo, talvez pq tenha conseguido em pouco tempo atrair usuarios que outras distritos não conseguiram em anos, mais o fato é, o ubuntu esta trazendo outra mentalidade pro mundo linux,não somente a de segurança, o que é importantessimo, mais da inovação, ou melhor dizer das novidades, ou facilidades como queiram,e isso é valido. Eu só tenho a agradecer o ubuntu, se não fosse ele não teria conhecido o Debian :).

Ps: Mais que pegou um pouco pesado, pegou rs:). Mais de qualquer isso é a sua opnião e é valida, abrço!

[36] Comentário enviado por volcom em 28/08/2007 - 11:37h

Eu uso o Ubuntu no meu desktop...
Mas isso não ker dizer q irei usa-lo no meu server ;)

Eu uso Debian no meu server...
Mas isso nã o quer dizer q irei usa-lo no meu desktop (mas eu tentei heheh)

o problema é que, creio eu, o pessoal passa mais tempo e se empenha muito mais em desenvolver aplicativos que são extremamente necessários para cada distro!

Assim é muito mais fácil vc encontrar aplicativos para "diversão" nas distros derivadas, que são direcionadas à esse publico que NÃO quer compilar kernel e as vezes nem sabe oq é isso!

Vamos lutar pela facilidade, assim, o APT traz novos adeptos ao Linux!

E quando kiser fazer aquele server seguro, capaz de suprir as necessidades do SERVIÇO que vc precise instala o Slack, o Debian e assim vai...

Com certeza TODAS as partes ficarão satisfeitas...

Sem brigas...heheheh

Sabemos que os Linux Lovers não gostam mto de dar o braço a torcer ;)

[37] Comentário enviado por willian.firmino em 28/08/2007 - 11:54h

cytron compilar um programa q leva 30 não é nada comparado as 2:00 horas q eu já esperei para instalar programas no ubuntu q tem q baixar todas as depêndencias de programas isto sim é penoso sem comentar q usuarios sem banda larga estão confinados a usar o sistema apenas com a instalação padrão pois instalar programas com internet discada ou sem internet é impraticavél nisso ele peca bastante se ele não viesse tão enxuto seria melhor.

[38] Comentário enviado por tenchi em 28/08/2007 - 12:01h

Ah, e o slackware 12 (DVD) eu baixei na semana após o lançamento, via torrent. Funcionou que é uma beleza... E baixando á velocidade máxima.

[39] Comentário enviado por dtux em 28/08/2007 - 12:20h

Essa foi a pior "O Slack e outras distros tem um grande problema com os mirrors e afins, lembro-me que foi um custo obter o Slackware 12, somente depois de algumas semanas que consegui e no final das contas ele não havia mudado nada, a mesma coisa do 11. "

Teve mtas mudanças sim do Slack11 para 12, mtas melhores, os pacotes todo superatuais, kde, kernel, etc.; eu tambem baixei via torrent no lançamento foi bem rápido.......... pra mim sem problemas.

[40] Comentário enviado por jorgeandrade em 28/08/2007 - 12:32h

Eu concordo totalmente com sua opnião, pra quem quer um sistema mastigado, um clicar e instalar, pra quem não quer saber quais dependências um programa necessita, qual a necessidade daquela lib que nunca vi falar e tenho que procurar no google pra usar tal programa, pra quem não quer aprender sobre o sistema e sim usar o sistema, com toda certeza sua opnião está corretissíma. Não indicaria só o Ubunto, mais indicaria mais precisamente o Windows.

Eu enquanto uma pessoa que gosto de aprender, gosto de utilizar o slack, nada contra o ubunto e derivados, até porque são linux do mesmo jeito, só mais maquiados. Mais quem usa em desktop um slackware, um debian, usa qualquer outro.

E sobre atualizações, utilizo até hoje o slack 10.2, não tive necessidade de trocá-lo. Mais o 12 tem sim diferenças, tem os pacotes mais atuais.

Essa é a minha opnião

[41] Comentário enviado por glaudiston em 28/08/2007 - 13:02h

Pensei que os artigos eram aprovados antes de serem disponibilizados aqui para leitura,

QUEM APROVOU ISTO ?

Este é um artigo totalmente desnecessário contraditório e errôneo. Daques que não acrescentam nada à comunidade, apenas discussões inúteis sobre opniões que variam de acordo com suas experiências(ou pela falta delas).

Tudo bem que você tenha esta opnião, mas não queira tornar isto uma regra, nem impor isto aos outros... fazendo isto, você, além de estar totalmente errado, estará tirando a principal virtude do linux, a liberdade.

Faça um favor enorme para a comunidade e deixe para postar suas opniões sobre a distro X ou Y quando alguém TE perguntar sobre elas.

EPeloAmorDeDeus apaguem este artigo. É o pior artigo que já lí no vol.

Estou descepcionado com o vol por ter permitido algo deste nível ser publicado.

E não pense que estou apenas dizendo isto porque sou usuário slack... gosto bastante do Ubuntu, uso ele em meu desktop, uso o slackware tbm em outro desktop, e também uso um LFS que também é minha preferida, mas o que é o melhor pra mim, pode não ser pra você.


[42] Comentário enviado por mtolledo em 28/08/2007 - 13:02h

Galera nao precisamos nos aprofundar num comentario desse, kd um e kd um ne, mais assim, uso slck a 4 anos, e sinceridade, nao troco por nada, uma vez configurado, vc faz o q vc quiser uso slack em meu notebook acer, em minha maquina em casa, em todos os meus servidores, e to feliz pacas, assim, o slack e uma selecao natural ou vc e ou vc nao e... rerere... ja vi o ubuntu, legalzinho, mais o velho e bom slack sem duvida ainda e o melhor .... Abracos.

[43] Comentário enviado por robersonfox em 28/08/2007 - 13:06h

glaudiston, vá ao alto da página e vc verá que isto não é bem um artigo (é um documento para debate!), e se está dizendo que é desnecessário, acho que vc devia entrar na campanha para ser moderador, da próxima vez você barra.

[44] Comentário enviado por marcus-rj em 28/08/2007 - 13:09h

Ele fez isso de bobeira, só pode ser. Até um usuário do windows sabe que o slackware é melhor do que o Ubuntu, em tudo.
Abraços!

[45] Comentário enviado por mtolledo em 28/08/2007 - 13:10h

Cara na seriedade, vc esta mexendo com a galera errada,,,,, quem usa slack usa slack,,,, se vc quer algo facil,,, coloca o windows mesmo, mais assim, nao queira ditar uma regra... isso nao e liberdade...... estamos lidando com Software Livre. e mesma coisa vc falar, eu era corinthiano, hj sou 15 de piracicaba e uniforme e mais bunitinho.... abracos

[46] Comentário enviado por robersonfox em 28/08/2007 - 13:11h

cvs, não notei diferença extraordinária do 8 para 12, a não ser actualização dos pacotes e os outros que descrevi no debate.
PS.: Também gostaria de ver o Artigo do sombriks, mas eu acho que se ele pegar o Comentário dele já dá um Artigo, rsrs.

[47] Comentário enviado por robersonfox em 28/08/2007 - 13:20h

willian.firmino, até que enfim alguém com maturidade para compreender e comentar seriamente o que quero dizer! (Até onde li “Não li todas as mensagens ainda”), Pense bem, o dono daquele mercado na frente de sua casa pede a você para colocar um “Linux” para ele e de quebra colocar o “Stoq” também, aí eu te pergunto? Você vai colocar um Slack ou outra distribuição simples, o cabra não quer saber de Glib e nem de C (rsrs) ele quer é o que negócio seja simples e funcional, este documento é para consolidar este tipo de pensamento, parece que o pessoal está levando para o lado pessoal assim como se eu falasse da masculinidade deles.

[48] Comentário enviado por infoslack em 28/08/2007 - 13:21h

Devia ter repensado o título do artigo...

[49] Comentário enviado por robersonfox em 28/08/2007 - 13:25h

jedi_soft, sim, mas agora não tem como correr atrás, o jeito é aguentar, mas, veja a descrição do documento.

[50] Comentário enviado por fredericco em 28/08/2007 - 13:25h

Seguinte...
"Sei disso pois usei o Slack por 4 anos seguidos e tive muitos problemas, o maior deles é a falta de programas úteis pré-compilados, entre eles as novas versões do Monodevelop (IDE para C#), sei que aparecerá algum idealista dizendo que existe sim, mas me diga, depois de instalar funcionou perfeitamente? "

vei vc não sabe fazer uma busca no google?
gnome? vc quer gnome e tudo que um ubuntu tem?
quer compilada e optimizado pra seu pc rodando mais rapido do que um ubuntu e com a IDE do mono instalada?

ta ai -> http://www.mkanet.de/

agora fais uma busca boa no google antes de ficar falando que não da pra fazer isso ou aquilo.

[51] Comentário enviado por glaudiston em 28/08/2007 - 13:31h

É ... parece que está certo robersonfox... mas:
"Neste 'artigo' esclareço meu descontentamento ao usar o Slackware em um desktop..."

"Artigos"

ops... realmente existe um "Debates"
Home > Artigos > Linux > "Debates" > Visualização de 'artigo'

mas está tão discreto e existem tantas referências à Artigo, inclusive pelo autor, que realmente não notei.

Mesmo assim, não retiro minha opnião, uma coisa é você enfatizar que gostou dos recursos do ubuntu, outra totalmente diferente é querer rebaixar outra distro, no caso o slackware.

Isto não deveria nunca ser colocado em debate. Vai contra a liberdade de escolha, e contra os conceitos da comunidade.

Nem quero entrar nos pontos que você levantou no seu debate, não vale a pena, apenas estou postando para te dar uma outra chance para refletir na discussão inútil que você está levantando.

Gosto é igual **, cada um tem o seu, e não deveriam, mas alguns compartilham.

Sendo assim, apenas peço que compartilhe a sua com quem está procurando, de forma a não ofender, nem tentar obrigar os outros a receberem-na.

Desculpe os termos, mas acho que assim fica claro.

[52] Comentário enviado por robersonfox em 28/08/2007 - 13:34h

fredericco, leia 3 comentários acima da sua mensagem.
e por favor, se possível não baixe o nível da discussão.

[53] Comentário enviado por gar0t0 em 28/08/2007 - 13:44h

Droga, escrevi meu comentario mas ele nao foi =/

Entao, resumindo bem:
Você já tentou compilar o Gnome ? Tente uma vez e veja o por que ele saiu do slackware :D

Bom, existem muitas mudanças do Slackware 11 para o 12 sim, inclusive na instalação

o resto fiquei com preguiça de escrever!!
mas é isto ai!!

[]s

[54] Comentário enviado por mtolledo em 28/08/2007 - 13:48h

Se um dono de mercado em frente a minha casa pede pra colocar linux em sua estacoes e essas estacoes para estoque consulta entre outros servicos para caixa, com certeza eu coloco um Slackware na ponto configurado para sua necessidade de mercado, e nas pontas dos caixas coloco terminal burro baratinho utilizando o servico de LTSP, coloco o sitema pra rodar com todo o suporte necessario. mais assim, e um projeto, antes tem q fazer u mlevantamento de necessidade, o que o cara vai utilizar, e depois trenamento com os usuarios, e depois acompanhamento, pois o que esta em jogo nao e o Sistema utilizado e sim a satisafacao do cliente e mais ainda SEU NOME, a manutencao tem q exister em qualquer tipo de sistema, oras windows e tao facil e requer tanta ajuda pra usuario, para o usiario tudo isso ficaria transparente e o servico seria totalmente meu. se quer da um linux para um cliente se virar. e esse ta afim de aprender.... haaaaa da um slack por q ai ele vai aprender mesmo, mais se o cara nao tem vontade, so que ver bunitinho lalal, po deixa ele no windows Brow.............. Projeto e projeto..... quer usar gnome usa, quer kde usa. que um black box usa... seja felix, seja linux... e faca projetos de qualidade com o cliente.. AMEM.

[55] Comentário enviado por forkd em 28/08/2007 - 13:53h

Olá a todos!
Creio que uma das coisas mais difíceis no "mundo Linux" seja comparar distribuições. Apesar de ser uma das primeiras escolhas que devamos fazer ao decidir utilizar este excelente sistema operacional, isto inclui muitas variáveis como ferramentas de configuração (presentes ou não), tarefas automatizadas etc. Além disso, alguns parâmetros são totalmente subjetivos, como a famosa FACILIDADE DE USO. O que é fácil pra mim pode ser difícil pra outro. A facilidade pra executar determinada tarefa pode implicar no aumento de dificuldade de outra.
Eu mesmo já escrevi um artigo há alguns anos sobre escolha de distribuições aqui no VOL e não fiquei satisfeito. Acredito que uma das melhores comparações sobre distros é feita pela Wikipédia. Lá existem algumas tabelas que listam o que determinada distro tem ou não. É imparcial e se baseia em fatos. Pra quem se interessar, segue o endereço: http://en.wikipedia.org/wiki/Comparison_of_Linux_distributions

Abraço!

[56] Comentário enviado por fulllinux em 28/08/2007 - 13:54h

Amigos,

Possuimos distros e distro.

É difícil explicar isso para outros, mas essa é a pura relidade e só quem usa Slackware tem a real percepção disso.

O que quiz dizer com distros e distro é que as distros são qual quer uma outra distribuição linux (que para mim tambem são ótimas) e a distro é simplesmente Slackware, que desde o inicio do projeto possui uma ideologia única (continuar com suas raizes).

Parabéns Patrick,
Livre, completo e seguro!

E o que presenciamos aqui, tudo faz parte da engenharia social, porque não existe path para ignorôncia humana.

[57] Comentário enviado por mtolledo em 28/08/2007 - 13:58h

tudo faz parte da engenharia social, porque não existe path para ignorôncia humana. rere essa frase e bacana gostei....... parabens. agora na real galera fico por aqui com comentarios sobre ESTE ARTIGO POSTADO, ESTAMOS PERDENDO MUITO TEMPO COM ELE. PODEMOS UTILIZAR NOSSO TEMPO PARA POSTAR IDEIAS, NOVOS RECURSO, MATERIAS, ETC.......... VAMOS DAR UM PONTO FINAL, CARINHA DO ARTIGO SEJA FELIZ COM O UBUNTU, E QUANDO VC VOLTAR PARA O SLACK POSTA PRA NOIS. MAIS TODOS SABEMOS NAO TEMOS COMO COMPARAR... APENAS UTILIZAR. E COMO DISSE NOSSO AMIGO AI EM CIMA IDEOLOGIA UNICA........ EXSTE UMA VIDA E UMA HISTORIA POR TRAZ DO SLACKWARE POR ISSO O TORNA A DISTRO MAIS COMPLETA COM CERTEZA. IDEOLOGIA AMIGO IDEOLOGIA, VC JA TEM A SUA??? SIGA E SEJA FELIZ. GALERA FICO POR AQUI, TREMENDAMENTE SATISFEITO COM A DISTRO QUE USO. CHEGA DE COMENTAR ESSE ARTIGO PELO AMOR DE DEUS.

[58] Comentário enviado por zecafig em 28/08/2007 - 14:04h

Robson Cruzoé escreveu: "O Slackware é uma boa distribuição, mas não me venha colocar ele em um desktop, eu fiz isso e posso garantir, passei mais tempo em lista de discussão e IRC perguntando coisas do que me divertindo com meus programas. "

-- Nao sou coder, nao sou sysadmin, e uso slackware como desktop faz uma cara. Uso linux porque gosto de linux. E uso slackware por que acho melhor.
Sou categorico em te falar Robson Cruzoé: você além do título escreveu mais coisas que nao colam.

Faz o seguinte: Ao invés de voltar pro slack e contar pa nois, fique no ubuntu.

[59] Comentário enviado por removido em 28/08/2007 - 14:05h

Posso comentar?

Ou já encerrou? =)

flw...

[60] Comentário enviado por removido em 28/08/2007 - 14:15h

Robson Cruzoé? hauahauahauhauahauhauah... só pode ser piada...

o povo ama o slackware mesmo hein...

nossa, tragam seus dízimos e ofertas ao deus dos slackers...

hauahauhauahauahuahauahauhauahauhauahauh...

ô povo besta...

[61] Comentário enviado por Janio.Barros em 28/08/2007 - 14:17h

Cara, distribuições linux são como sorvete, alguns gostam de morango, outros de chocolate, outros de baunilha, outros ainda gostam de napolitano. Eu acho que a melhor distro é aquela que mais se adapta a vc e ao seu ambiente.

Eu uso, Slack, RedHat, Kurumin, no escritorio, em clientes, e em casa, depende de cada situação. Até mesmo por exigências de terceiros.

[62] Comentário enviado por robersonfox em 28/08/2007 - 14:31h

rodrigo.capelini, acho que eles estão de TPM hoje, rsrs.

[63] Comentário enviado por removido em 28/08/2007 - 14:33h

é nada...

vai mexer no pote de ração do seu pitbull pra ver o que acontece...

ele avança grandão...

[64] Comentário enviado por robersonfox em 28/08/2007 - 14:36h

zecafig, sem dúvida, no entanto leia o documento, isto é se você sabe ler.

Eu estou a disposição para responder as dúvidas e ouvir comentários (Comentários), mas se for para baixar o nível eu tenho coisa mais importante para fazer, inclusive arrumar minha gaveta de meias!

[65] Comentário enviado por adrianoturbo em 28/08/2007 - 14:39h

E pra terminar da minha parte que nem liquidação VIVA O LINUX será que o kernel do SLACKWARE é diferente do UBUNTU?
RSRS

[66] Comentário enviado por robersonfox em 28/08/2007 - 14:40h

Estou sendo bem claro assim, pois estou aqui para discutir idéias, meu propósito anterior era sim debater Slack x Ubuntu, mas pelo visto alguns moleques aqui estão pegando pesado.

[67] Comentário enviado por julianjedi em 28/08/2007 - 14:44h

Nossa pra que tanta discussão em torno de um assunto tão antigo... "qual distro é melhor???" ... e olha que eu duvido que alguem tenha uma resposta diferende do nosso amigo jairo.Barros, a resposta é simples e objetiva... a melhor distro é aquela que você mais gosta...Pra que perder tempo falando nisso... todas elas exercem papeis importantes.. umas voltadas para servidores e outras para desktop... na verdade eu ainda fico surpreso de existirem artigos como esse!!!!

PS: Por favor alguem encerre esses comentarios pois não estão acrescentando nada de bom!!!!!

[68] Comentário enviado por andregondim em 28/08/2007 - 14:44h

É curioso, mas importante a sua opinião.
Comecei no Slackware e tinha a mentalidade que é muito difundida por SlackUsers, que você tem que saber cada detalhe que se passa, mas com o tempo você quer apenas que a coisa funcione, você mão quer ir atrás de uma lib de uma dependência, no começo parece legal, mas depois você que funcione. E quando se vai para um ambiente de produção, uma fábrica ou algo de grande porte, que você quer atualizar algo você não quer fazer backup de reinstalar, você tem a opção de usar dist-upgrade. Tem dois anos que troquei o Slack pelo Ubuntu e não tenho saudades!

Parabéns pelo artigo!
Abraços,
André Gondim
http://andregondim.eti.br

[69] Comentário enviado por robersonfox em 28/08/2007 - 14:44h

mtolledo, só para esclarecer, não deixei de usar Slackware, uso em meu servidor de Internet, deixei de usar em meu notebook como deixo bem claro no documento que apresentei.

[70] Comentário enviado por robersonfox em 28/08/2007 - 14:46h

andregondim, thanks.

[71] Comentário enviado por razgriz em 28/08/2007 - 14:46h

Outra vez eu pergunto : FÁBIO...onde é que nós vamos parar se "artigos" como estes continuarem sendo publicados? eu nunca tinha lido tanta PORCARIA em um trecho só... isso mesmo desculpe o termos mas foi necessário.

Poxa, dá um jeito de falar com os "moderadores" até eu mesmo falo se vc quiser, estou dizendo isso aqui pra todos saberem que tem gente DESCONTENTE COM ISSO SIM, ainda mais com um lugar que não merece isso.

[72] Comentário enviado por julianjedi em 28/08/2007 - 14:49h

razgriz acabou de ganhar um fã com esse comentario...

POR FAVOR ENCERREM ISSO TUDO !!!!

[73] Comentário enviado por removido em 28/08/2007 - 14:54h

OLHA A BANANA 1 REAL!!! 1 REAL!!! 1 REAL!!!

[74] Comentário enviado por robersonfox em 28/08/2007 - 14:55h

razgriz, li seu perfil:
"Eu decido o que você veste, come, calça, compra e faz."

rsrsrs, não duvidaria que este comentário acima seria somente e tão somente seu.

[75] Comentário enviado por julianjedi em 28/08/2007 - 14:55h

vAMO pARAR!!!

[76] Comentário enviado por removido em 28/08/2007 - 14:57h

AMENDOIM CROCANTE CINQÜENTA!!! AMENDOIM CROCANTE CINQÜENTA!!!

[77] Comentário enviado por robert_cg em 28/08/2007 - 15:00h

Ora, ora, vemos que os usuários supostamente slack consomem pouco tempo analisando um documento tão objetivo, que chego crer: Como são capazes de compilar programas complexos tendo paciência tão limitada?

[78] Comentário enviado por tenchi em 28/08/2007 - 15:00h

Se a proposta era debater, porque não criou um texto do tipo:
"COmparações entre Slackware e Ubuntu: Quem se sai melhor?"

Então vc iria expor, de forma o mais imparcial possível (pelo jeito vc não soube fazer isso), os prós e contras de cada distro. Básico. Seria um excelente artigo. Desenvolveria bem o texto, apresentaria argumentos dos dois lados, pesquisaria bem antes de falar qualquer coisa. Assim não ofenderia ninguém de comunidade alguma.
E Rodrigo Capelini, cv é novo na comunidade, já escreveu ótimos artigos, e eu respeito o que vc escreve, mas vc está agindo de um jeito muito babaca aqui nessa discussão.
Roberson, admita: o título do texto foi maldoso. Não sei a sua intenção ao escrever o texto, mas acabou ofendendo muita gente. É que nem o cara lá em cima disse: Distro é que nem *. Cada um tem o seu. Não adianta ficar criticando os outros. Faça um artigo mostrando atrativos para os usuários migrarem para o ubuntu, mas mostrando as vantagens dele.

É isso pessoal.

[79] Comentário enviado por removido em 28/08/2007 - 15:04h

LEGÍTIMO HALLS CINQÜENTA, ALIVIA E REFRESCA SUA GARGANTA!!!

LEGÍTIMO HALLS CINQÜENTA, ALIVIA E REFRESCA SUA GARGANTA!!!

[80] Comentário enviado por julianjedi em 28/08/2007 - 15:05h

Ponto pro tenchi

[81] Comentário enviado por willian.firmino em 28/08/2007 - 15:06h

rodrigo.capelini cara se toca
q ta fazendo aqui vai procurar no google como usar o paint ou jogar paciência

[82] Comentário enviado por removido em 28/08/2007 - 15:08h

Cara, vcs têm que relaxar, parece que falar de uma distribuição, ou de outra, parece que está ofendendo...

Cara, estou irônizando sim...

não dá, parece que é religião, isso já me torrou a paciência, eu venho aqui pra aprender, não preciso ficar me sentindo, ou mostrando que sei...

parece que estamos em um campeonato...

mas já tá virando palhaçada, então vou protestar como, grita o vendedor do trem...

BRAHMA COCA BRAHMA COCA!!!

[83] Comentário enviado por julianjedi em 28/08/2007 - 15:08h

willian.firmino isso é como jogar paciencia ... so que online....kkkkk

[84] Comentário enviado por robert_cg em 28/08/2007 - 15:08h

Ora, ora, vemos que os usuários supostamente slack consumem pouco tempo analisando um documento tão objetivo, que chego crer: Como são capazes de compilar programas complexos tendo paciência tão limitada?

[85] Comentário enviado por removido em 28/08/2007 - 15:09h

e quem quiser ofender, vai lá no bate papo do uol...

[86] Comentário enviado por _roach em 28/08/2007 - 15:11h

Paçoca pipoca minduim torrado americano



uhauahuahuahau

Slack is lifestyle

Abraços

[87] Comentário enviado por removido em 28/08/2007 - 15:13h

ADORO o slackware, mas odeio esses fanáticos que se acham...

[88] Comentário enviado por robert_cg em 28/08/2007 - 15:14h

Todo sistema tem uma qualidade particular, por mínima que seja, ainda a tem. Vejo que nosso companheiro injustiçado teve como iniciativa: expressar seu ponto de vista – que não é pseudo. Verdade é que o slack já não atende as necessidades de todos os usuários como costumava ser.
O cego não vê, mais ouve e fala; o surdo não ouve, mais fala e vê; o mudo não fala, mais vê e ouve! Que a verdade seja propagada por meio de algum sentido.

[89] Comentário enviado por removido em 28/08/2007 - 15:16h

Os Slackers

O Slackware possui uma sucinta flora e fauna de adoradores que são chamados de slackers por não fazerem absolutamente nada da vida; que em seu nome promovem sacrifício de virgens em noites de lua cheia, churrasco de criancinhas e tediosas noites de compilação de kernel. Todos os dias pela Manha, os slackers se posicionam ajoelhados suplicando energia para poder encarar mais uma jornada de compilações em seus mousepads personalizados Slackware em direção a residencia do Patrick Volkerding, mais conhecido por Diabo, um ser desprezível que faz rapazes de 18 anos como escravos, do seu vasto império do mal. Seja cuidadoso ao encontrar tais espécimes, que tendem ao fanatismo e podem matar facilmente pessoas que não participam de sua crença.

Também têm aversão a adoradores de outros deuses, denotadamente os adoradores de Debian e Fedora. Nunca cite Windows em presença de um slackeiro, pois a cólera será imediata. Para fugir de tais bestas, ofereça uma shell qualquer e saia de fininho enquanto o ser se distrai digitando sintaxes complexas e shellscripts extensos para apagar diretórios recursivamente.

by desciclo.pedia.ws

[90] Comentário enviado por willian.firmino em 28/08/2007 - 15:18h

robert_cg
Compilar um programa q leva 30 não é nada comparado as 2:00 horas q eu já esperei para instalar programas no ubuntu q tem q baixar todas as depêndencias de programas isto sim é penoso sem comentar q usuarios sem banda larga estão confinados a usar o sistema apenas com a instalação padrão pois instalar programas com internet discada ou sem internet é impraticavél nisso ele peca bastante se ele não viesse tão enxuto seria melhor.
este trecho q eu citei acima vc acha que uma distro tão dependente de banda larga atende a necessidade de todos

[91] Comentário enviado por julianjedi em 28/08/2007 - 15:20h

Ui ui ui que medo !!!!! onde isso vai parar... só não vale xingar a mãe!!!!

[92] Comentário enviado por razgriz em 28/08/2007 - 15:26h

robersonfox, eu também li o seu perfil e francamente não entendo como alguém que escreveu bons documentos em favor desse lugar me aparece com uma perola destas... parece que as pessoas realmente perderam o bom senso, é uma boa hora para parar e refletir pois mais um pouco e chegaremos em um momento perigoso: com artigos ruims a qualidade do site cai e em muitos casos pode até levar a extinsão do mesmo. Mas ainda sim eu espero que as medidas apropriadas para evitar isso sejam tomadas em tempo hábil.

[93] Comentário enviado por removido em 28/08/2007 - 15:29h

olha a rasgação de seda aí gente...

[94] Comentário enviado por robersonfox em 28/08/2007 - 15:32h

razgriz, sim senhor, rsrsr.

[95] Comentário enviado por smyows em 28/08/2007 - 15:52h

obrigado pelas boas risadas :D

conta agora a do joaozinho!

[96] Comentário enviado por roberva em 28/08/2007 - 16:11h

Caros amigos,
Pensem assim:
Slackware = Motorolla Startac
Ubuntu = iPhone
Os dois fazem ligação. Cada um sabe sua necessidade.
p.s: entre installpkg e apt-get eu fico com yum -y :P

[97] Comentário enviado por bestlinux em 28/08/2007 - 16:11h

Comentários de Linus Torvalds na sua entrevista sobre o futuro do Linux:

"Também comentou sobre os problemas de "liberação" das versões do Linux, e qual a distribuição que ele usa no seu PC em sua casa.

"Compilar tudo na mão, não é interessante para mim", diz Torvalds"

Não querendo gerar mais polémica, mas as palavras são do "criador"

[98] Comentário enviado por lmarconato em 28/08/2007 - 16:24h

Olhem só... usei o Slackware há exato 10 anos... meados de 1997 para ser mais exato... quebrei muito a cabeça para instalar os programas, configurar a droga do teclado, e etc... é realmente mágica a sensação do "saber" que se obtém com uma distribuição Linux, mas eu desisti de usar o Slackware por que eu não tinha e não tenho paciência de ficar na frente do micro, tentando descobrir coisas básicas sobre instalação de programas, drivers de dispositivos, e outros...

Nesse tempo sempre usei o ruindows "no meu desktop", principalmente para jogar, "e" mesmo com seus gravíssimos defeitos, é o SO que menos me deu dor de cabeça... porque quando eu estava na "roça" era só restaurar uma imagem e pronto, tudo feito! Eu sei que isso dá para ser feito no ambiente linux também mas vem cá.... tem Neverwinter "2" (tem que ser o 2!!!) para Linux? MK para linux? Ficar jogando em emuladores??? Que "gambi"!!!! Mesmo que alguns jogos rodem até melhor em um emulador Linux, peraí... ficar instalando emulador para ver qual fica bom...

Tem software de monitoramente do meu Nobreak APC, com visual fera (PowerChute) para Linux??? Tem programas sim, mas simples! E beleza se põe a mesa sim!

Na empresa onde trabalho usamos FreeBSD.... "para servidores" esse sim!

Depois de tantos anos, instalei o Ubuntu...AHAH! Voltei a usar o Linux, pois em facilidade de uso começou a fazer alguma diferença! Até detectou todos meus dispositivos de hardware! (muitos drivers não-livres foram incluídos)

Só não consegui rodar a VX-1000 da Microsoft no Ubuntu, que por sinal fabrica componentes de hardwares de excelente qualidade.

Então acho que a Canonical está "tentando" fazer algo que eu e muitos colegas de faculdade e de trabalho pensavam e pensam:

Uma distribuição que tenha LEVEZA que o windows não tem, ESTABILIDADE (que o windows "começou" tentar ter com o XP, e que está muitíssimo melhor no Vista, se você usar só programas compatíveis...) BELEZA, SUAVIDADE e principalmente "FACILIDADE" de uso, """"""que as distros Linux "por padrão" não tem...""""""!!!

Precisa ficar instalando superkaramba e CIA para ficar biito!!!? E que mal há em ser fácil de usar? Ou ser simples de usar? "As coisas mais belas da vida são as mais simples..." as "mais fáceis de entender", são as que levamos no coração, e ainda assim muitos conseguem fazer delas uma complicação última!!!

E nem todo mundo tem conhecimento ou "oportunidade" de aprender a usar uma série de comandos e "maneiras" de se usar uma distro Linux....

Então, se uma empresa conseguir unir o melhor de dois mundos, ah... essa empresa vai dominar o futuro dos SOs, com certeza!

Excelente artigo Roberson
É uma felicidade poder ouvir o que os outros pensam, sejam os Slackwares ou os Ubuntus...

[99] Comentário enviado por richerbarros em 28/08/2007 - 16:29h

Cara achei seu artigo um pouco fraco.
É Ubuntu é legal, mas mantenho longe dos meus servidores. rsrsrs

Ubuntu veio pra brigar com Window$ em termos de desktop...O próprio lema da distribuição diz: "Linux for human beings"

Em se tratando de Servidores, ai deixa pra quem conhece: Slackware e Debian. kkkk

Agora uso no meu desktop Slackware em casa kb3, vnc, broffice, msn, mplayer, wine e tantos outros softwares sem problemas.

Vc ainda disse que do slack 11 pro 12 não mudou nada, putz
Sem mais...
Um abraço.

[100] Comentário enviado por eversonamancio em 28/08/2007 - 16:29h

Não crucifiquemos o colega por expressar seu relato.
Se fizermos uma analogia com carros, existem pessoas que gostam simplesmente de entrar no carro, dar a partida e ir para onde quiser.
Outras pessoas gostam de conhecer todos os detalhes do funcionamento de um carro, de ter domínio sobre a máquina e fazer ajustes para obter o melhor desempenho possível.
No Linux tb é assim. Já experimentei muitas distribuições linux, e acho o Slackware ótimo...eu só não tive tempo ainda pra conhecê-lo o suficiente a ponto de poder implementá-lo num ambiente de produção com segurança.
Mas eu ainda vou conseguir esse tempo.
Só peço que não sejamos xiitas, radicais...temos nossas convicções e devemos respeitar as convicções dos outros, mesmo que pareçam absurdas do nosso ponto de vista.

[101] Comentário enviado por robersonfox em 28/08/2007 - 16:33h

lmarconato, eversonamancio, bestlinux, valeu.

[102] Comentário enviado por petslack em 28/08/2007 - 16:47h

Acho q tudo ja foi dito pelo caro amigo sombriks...brilhante!!!!

Mas gostaria apenas d deixar minha humilde opinião tbm...

Slackware (a distro Unix-like!!) é pra quem quer realmente Linux e aprender esse maravilhoso S.O., se alguem quiser um S.O. enduser-friendly ao invéz de tentarem usar as "wanna-be Windows" distros é melhor continuar dependente do Sr. Bill...

Tbm uso Slack há 4 anos...e ja usei muitas outras menos Debian (num gosto mesmo...) Hoje em dia me vi tentado a testar o Ubuntu no meu Notebook de trabalho pois estava descontente com o Red Hat Enterprise WS 4 e já q a empresa onde trablaho tbm oferece um repositório exculsivo para o Ubuntu...bom...vamos la...

10 dias com o Ubuntu em meu notebook e o wireless num há de funcionar...(eita apt-get!!!...que saudades do installpkg!!!!) e fora o CITRIX Metaframe e socks...q deram uns minutos de briga no "velho e obsoleto" modo Slack de fazer as coisas...
É, acho q o modo Slack ainda vai me salvar inumeras vezes nessa "distro pra Desktops"...imagine se num fosse...

Éssa é só minha opinião em relação ao tal Ubuntu (O RHEW num dava tanto pau assim...rsrsrs)

flws...

[103] Comentário enviado por lovezinho em 28/08/2007 - 16:56h

Enquanto isso, no #Slackware-br na freenode...

<Supergrilo> olha oque o idiota falou...
<Supergrilo> O Ubuntu é sem dúvida hoje o Sistema Operacional baseado em Linux/Gnu mais bem sucedido e aceito pelos usuários, no entanto, acontece que ainda é novidade para alguns, na maior parte usuários de distribuições antigas como é o caso do Slackware.
<procura> GNU EH O C******. digita "man init" ae. aparece GNU?
<Supergrilo> PORRAAA!! ATE O BOT EH MAIS INTELIGENTE QUE ELE
<Supergrilo> uauahuhaa
<crashover> e ae
<staimeer> uaauhauhauha
<Pr0f3t4> hauhauahuauhauahhua

[104] Comentário enviado por robersonfox em 28/08/2007 - 17:01h

ao caro sombriks só tenho a dizer: obrigado pela aula, mas, me diga algo coerente e que eu não saiba.

PS.: Vc sabe escrever, e por sinal, bem, mas releia o documento e vamos ver se sabe ler também, aproveite e leia os posts para ver qual é a intenção do documento, se no final das contas não entender leia a historinha abaixo:

Pense bem, o dono daquele mercado na frente de sua casa pede a você para colocar um “Linux” para ele e de quebra colocar o “Stoq” também (não tem nada de inúmeras estações como fora mencionado em um post), então te pergunto? Você vai colocar um Slack ou outra distribuição simples, o cabra não quer saber de Glib e nem de C (rsrs) ele quer é que o negócio seja simples e funcional, este documento é para consolidar este tipo de pensamento, parece que o pessoal está levando para o lado pessoal assim como se eu falasse da masculinidade deles.

[105] Comentário enviado por klein.rfk em 28/08/2007 - 17:01h

Eu uso Slackware, gosto de fuçar pra fazer as coisas funcionar, até hoje todos os slacks que instalei, funcionam sem problemas, inclusive um servidor com samba, BD Firebird etc... eu só o ví no dia em que instalei, à uns 7meses atrás, até agora funciona sem parar.......

tentamos aqui na empresa instalar o Ubuntu em um Notebook, (nao o meu, pq esse ja eh slackware e ninguem muda) e adivinheim, a resolução da tela nao acertava, pensei, vamos alterar na mão usando a ferramenta de configuração principal de um LINUX user de verdade UM EDITOR DE TEXTOS, (VIM de preferência) e adivinheim? nao adiantou, eu sei la de onte o Ubuntu lia as configurações, mas nao era do xorg.....

entao.......SLACKWARE e pronto, porque lá, altera-se alguns scripts e pronto......

[106] Comentário enviado por cruzeirense em 28/08/2007 - 17:05h

Primeiro tinha briga contra windows... agora briguemos entre nós mesmos... Micro$oft agradece...

[107] Comentário enviado por lovezinho em 28/08/2007 - 17:13h

HAuhauhauhauha
Nego acha que escrevendo texto atoa em sites de linux ganha status :P
Falta do que fazer eh fod*
Nem vo eomentar pra que e a quanto tempo uso slackware, pq minha atencao eh dispensavel a alguem que so quer aparecer.
So uma ultima coisa...

BUROCRATAS FEDEM!

[108] Comentário enviado por paulo.neto em 28/08/2007 - 17:15h

Este é o tipo de profissional medíocre. Não sei como deixam publicar isto. Acho que este cara faz parte da Equipe do VOL ou é parente.

[109] Comentário enviado por robersonfox em 28/08/2007 - 17:15h

cruzeirense, pensando bem, acho que vou parando por aqui, não faz sentido mesmo todo este alvoroço.

[110] Comentário enviado por duker em 28/08/2007 - 17:19h

Não concordo quando disse q o slack se tornou uma distribuição cheia de remendos, desde que eu entendo por linux ele é feito com a ajuda de toda uma comunidade que tb se ajudam entre si então falar que patches e novos projetos incluídos no slack são remendos sugiro olhar para o próprio umbigo e ver o Ubuntu que tb é feito com vários patches e contribuições da grande comunidade do próprio Ubuntu. Tenho na minha máquina o Ubuntu o openSuse X64 e o Slack 12 e todos tem suas vantagens e desvantagens e acho que este tipo de discução posta aqui por vc uma perda de tempo. Cada um use a que gostar ou satisfazer melhor suas necessidades...

[111] Comentário enviado por poleto em 28/08/2007 - 17:27h

Existe uma tendência natural de os usuários do slackware serem os mais xiitas do mundo linux. Se o título do artigo fosse "Por que abandonar o Red hat e usar o Ubuntu", não teria gerado tanta repercussão.

Teve gente nos comentários que nem leu o artigo. O cara falou que continua usando slack nos servidores, mas alguém aí disse que nunca ia colocar Ubuntu nos servidores. Ao menos se dêem ao trabalho de ler o artigo antes de debater o que o cara escreveu.

Eu já fui usuário de slackware, gosto muito da distro mas parei de usar - na versão 10 - porque é um saco configurar coisas e instalar programas no slack. Como usuário, quero coisas simples. Quero ligar o PC e abrir meu gaim, firefox, e escrever documentos usando o OpenOffice; nada de ficar editando arquivo de configuração no vi. É uma excelente distro para se aprender, mas quando se quer ser apenas um usuário comum, é um pé no saco.

Antes que caiam de pau em cima de mim: eu GOSTO do slackware, mas não é uma distro para ser usada por usuários comuns, pois não é simples. Claro, a não ser que alguém passe muito tempo configurando tudo e instalando tudo, pois fora isso, não é simples.

Abraços,
Luiz Poleto

[112] Comentário enviado por y2h4ck em 28/08/2007 - 17:46h

joga água fria que separa !!!
ahuahuahuahuah

[113] Comentário enviado por mspdeoliveira em 28/08/2007 - 18:01h

É a opinião de cada um =]

[114] Comentário enviado por mtolledo em 28/08/2007 - 18:33h

Povo chega de dar audiencia a esse TUTO, vamos entaum agora por fim nele de vez, comeca aqui a votacao, tirar o TUTO dele do ar. e so assinar aqui mesmo.

Eu Marcello Toledo voto SIM tirem do ar esse TUTO

abracos.............

[115] Comentário enviado por marcrock em 28/08/2007 - 18:34h

O Slack tem uma instalação e configuração mais complicada, porém é assim que se aprende todas as características do sistema. Ele realmente é ícone de estabilidade e desempenho ,assim como o Debian!!!!!

Eu uso Ubuntu 7.04 e ele também tem seus desafios de compatibilidade e comfiguração ,e muitas vezes compilo pacotes aqui, já usei Damn Small, Kurumin,Kubuntu e agora to testando o Puppy Linux e com cada um deles eu aprendo algo interessante, cada distro tem uma proposta diferente.

Quanto aos pacotes o apt-get é maravilhoso, mas quando dá pau é uma merd* pra arrumar (no Kurumin 6 fiquei sem apt por um tempo).

Agora falar em remendos no Linux, acho que nosso amigo viajou total!!!!!!

Não sou Slack user, mas eu aposto que seria ótimo usá-lo! Tô pensando em adquirir um cd do slack 12!!!!!

[116] Comentário enviado por keysonleite em 28/08/2007 - 18:35h

heheheh slack eh slack maluco!num adianta bota outro naum!

[117] Comentário enviado por kenjiro em 28/08/2007 - 18:51h

ahahahahahahahahahahhahahaa

Sim, foi a primeira coisa que me aconteceu após ler esse "artigo". O cara "usou" slackware durante 4 anos... e não aprendeu nada pelo jeito.

Uso slackware desde 1997. Ainda levo uns tombos aqui e ali quando invento de usar coisas muito bruxas, mas faz parte do aprendizado. Uso slackware para servidores sempre que me permitem (hehehe) e uso como desktop em casa tranquilamente.

Ubuntu? Estou rodando Ubuntu em duas estações no cybercafé da minha esposa (só temos 2 pcs mesmo por enquanto), sem reclamação dos usuários. Já eu tive algumas poucas dores de cabeça, no início, para entender o "modus operandi" da referida distro.

Ubuntu é bom? Sim, gostei da distribuição. Para usuário FINAL, que não quer aprender nada sobre o sistema, só quer sair clicando e clicando... é ótimo. Agora, pra quem quer aprender sobre Linux, aprender a se virar por conta e compilar programas... acho que não é a melhor opção não.

Justamente para esse tipo de uso mais "underground" acho bem melhor o slackware.

Já usei Conectiva, Red Hat e Mandrake nos tempos de faculdade (por pura obrigação) mas nunca nenhuma distro conseguiu me convencer a largar o bom, velho e guerreiro slackware.

TUDO o que eu quis fazer funcionar no slackware... eu consegui. Com mais ou menos luta, mas consegui. Dizer que a distro não serve pra desktop... aí é uma baita asneira. Minha esposa que não manja NADA de linux, usa com a mesma facilidade o meu Slackware quanto o Ubuntu dela.

E veja bem... ela nem usa slackware há 4 anos :P

[118] Comentário enviado por mtolledo em 28/08/2007 - 18:58h

ei ei,, segue meu screenshot pra vc amigao, ve se vc gosta??? kakakaak so pra vc ter certeza ne, haaa eu uso em um notebook acer travelmate 4060 e funfa tudao.. lindo so............. galera manda o de vcs pra ele ai tbm,.......

http://www.vivaolinux.com.br/contribuir/screenshots/verScreenshot.php?codigo=10460

e pra ver em cara, nao fique timido.

[119] Comentário enviado por hiroyuki em 28/08/2007 - 18:59h

Meu amigo, vc foi um pouco infeliz no "artigo" se vc fosse falar de usuário pra usuário, blz, mas falar de usuário pra administradores de sistemas são outros 500. Olha o nível né? olha o nível! O lance de ter problema em compilar po... realmente usa ubuntu e seja feliz!
Uso debian etch e sou bem feliz com ele, o apt-get realmente é fantastico, mas não atente tudo não, a atualização de versões de softwares nele é muito demorado, muitas vezes tenho q baixar os pacotes e instalar na mão mesmo, e não tem nenhum problema, eu não vejo nenhum problema.
Mas ubuntu é gordo demais meu amigo. Mas anyway, cada um é cada um né. Use o q vc achar melhor pra vc!
GNU/Linux em vários sabores =)

[120] Comentário enviado por marquinhos1875 em 28/08/2007 - 19:07h

tirar tuto do ar...........
tem certeza que vc usa linux?
liberdade, anarquia, ditadura............ :(

[121] Comentário enviado por Ragen em 28/08/2007 - 20:21h

Não consegui ler todos os comentários.

Mas o autor foi bastante infeliz nas suas afirmações!

Escreveu um texto totalmente imparcial e inverídico!!!

[122] Comentário enviado por manero em 28/08/2007 - 20:34h

disclaimer: tentar escrever sobre slackware sem uma certa dose de paixão é praticamente uma futilidade. mas pra não dizer que eu não sei do que eu tou falando, eu uso ubuntu no trabalho (onde eu não tenho tempo pra "perder" e aprender (note, que o tempo que eu "perco" aprendendo não é tempo perdido!) e fazer manualmente.)



...Monodevelop (IDE para C#)...
funciona perfeitamente pra ubuntu? sou desenvolvedor C#, e instalei o ubuntu no meu computador do trabalho com esperanças de que funcionasse. nao funcionou.


...Google escolheu o Ubuntu para fazer sua distribuição personalizada do Linux...
algum funcionário do google fez umas modificações no ubuntu e a distribuiu em critério não oficial, dentro do google.

...a Dell e agora a ACER...
dell e acer vendem com ubuntu porque ubuntu é fácil, não necessariamente porque ubuntu é bom. windoes, por exemplo, é fácil, e não (IMO) é bom.

...ó de não ter que ficar passando o comando "installpkg <pacote.tgz>"...
slackware: não espere que a distribuição faça por você.

...O Slackware é uma boa distribuição...
excelente, na verdade. uso no meu desktop.

...remover o Gnome...
eu odeio gnome. você aparentemente, gosta. tudo bem :) prefiro fluxbox.

..."sudo apt-get install <nome_programa>" que antes me irritava, hoje me fascina, e sabe por quê, porque funciona! ...
ótimo! use ubuntu!




moral da história: você não gosta de slackware, e gosta de ubuntu. podia ter resumido esse teu artigo em "ei, eu enchi o saco do slack. vou instalar aquela distribuição marrom! parece-me ser fácil.". slackware não é fácil. NUNCA se propôs a ser fácil. você quer uma distro amigável, use o ubuntu! recomendo a todos que acham o slack complicado (e não querem aprender) a usar o ubuntu.

eu instalei o slack 9.0 (minha primeira vez :~~) e passei 2 meses em modo "configuração". os 2 anos seguintes foram só alegria, com ele funcionando estável como um monolito, rápido como um capote. slack tem seu público alvo, ubuntu tem o seu.

edit: adicionei um parêntese, e apaguei a palavra são, que apareceu de intromedita :)


o rodrigo.capelini é um troll; a atitude correta é ignorá-lo.

[123] Comentário enviado por EDU4RDO em 28/08/2007 - 20:42h

Baixei o Slackware 12 (DVD) um dia após o lançamento!
hehehehehe...

[124] Comentário enviado por odalberto em 28/08/2007 - 21:04h

Vejo que cada um defende sua distro como o time do coração, independente de qualquer coisa devemos respeitar a opinião do colega.
Somos todos livres e pensantes e devemos aproveitar esse diferencial para algo mais proveitoso que discutir uma opinião a um nível tão baixo.

Lamentável !!!!!

[125] Comentário enviado por staimeer em 28/08/2007 - 21:04h

agora ate eu me cadastrei aqui pra comentar... dale lovezinho

esses moderadoes que deixam passar um texto desse merecem a morte!

e viva o slackware!!! siempre

[126] Comentário enviado por welingtond em 28/08/2007 - 21:05h

Chego a ficar com dó, mas também, o cara vai achar de falar mal justo de quem ...

[127] Comentário enviado por edson_vc em 28/08/2007 - 21:20h

Não uso slackware mas até usaria se fosse preciso, agora Ubuntu, cinseramente, ninguém merece.

[128] Comentário enviado por jorgeandrade em 28/08/2007 - 21:25h

Ah, eu postei um comentário antes, mais vou postar outro aqui porque depois de ler todos os comentários, acho que entendi o que o cara quis dizer.

O Slackware não é pra quem não quer aprender mexer, e é verdade! Eu só uso slack porque eu gosto de mexer, de fuçar, de mudar uma linha e o negócio funcionar, e não ficar clicando em botão, ai num dá certo, tem que voltar o assistente tudo dinovo e começar outra vez.

Robson, vc tá certo se estiver querendo dizer que slack não serve pra usuário normal e não está certo quando diz que ele não serve para desktop. Tanto serve que eu o utilizo desde a versão 3.0 (nessa época sim que era foda, pois configurar placa onbord nele na época, nem dava, bom, mais nem o Conectiva Marumbi funcionava, hehee) e muitos usuários aqui o utilizam no desktop.

Se sua intenção é dizer que não serve para usuário comum, to de pleno acordo, pois se eu só quisesse instalar o programa e usar, eu acharia um sacrificio ficar compilando programa ou instalando via rpm -ivh, dpkg install ou installpkg ...

[129] Comentário enviado por edson_vc em 28/08/2007 - 21:27h

Falta muita coisa como por exemplo o aMsn e não tem no repositório, tentar compilar e instalar é doidera, no slackware compila bunitinho, já no Ubuntu, coitado, vai penar.

[130] Comentário enviado por robersonfox em 28/08/2007 - 21:57h

jorgeandrade, exactamente isto que quis dizer, quando disse desktop me refiro ao sistema que não tem servidores, entende, o seu slack com certeza tem um servidor de email, http e talvez um ftp.
edson_vc, o aMsn está nos repositórios sim, eu o uso.

Alguém aí falou que eu não gosto de slackware, acho que este alguém está muito equivocado ou não leu o artigo direito, como deixei bem claro, ainda uso slack, o negócio é que nas estações desktop uso o Ubuntu.

[131] Comentário enviado por rodrigo.messias em 28/08/2007 - 22:27h

O Ubuntu é a melhor distribuição Linux já produzida no mundo! Para uso em Desktop. E como o seu próprio lema diz, Linux para seres humanos. E é isso que a faz tão famosa! Os novatos não querem saber como compilar um kernel para poder ter acesso à um recurso de seu hardware... eles querem usá-lo. E, para usuários desse nível, o APT é sim uma mão na roda. Se alguém quiser ter controle total sobre o que instala em seu sistema, então deveria construir sua distribuição a partir do Linux From Scratch...

É minha opinião.

[132] Comentário enviado por staimeer em 28/08/2007 - 22:40h

vc e um messias que nao sabe oque diz, ahuauhahuahuahu!

[133] Comentário enviado por -Kaizoku- em 28/08/2007 - 22:56h

Ubuntu é bom pra se iniciar, pois depois que você entra no mundo do linux, você vê que Slack é o que há, e Ubuntu é apenas uma toskisse adaptada do Debian =D

[134] Comentário enviado por fdavid em 28/08/2007 - 23:04h

Assim que li o titulo já estava esperando "bate boca" e realmente é o que aconteceu... não precisa ler tudo pra saber onde vai chegar.

Estou do lado dos slackers, começei com Conectiva, RedHat e Slackware 8.1 isso em meados de 2000 e estou até hoje, uso em meu servidor e estação de trabalho, minha esposa e filha também usam.


Então mesmo tendo que compilar kernel (coisa bem dificil hoje em dia), correr atraz de dependência e outras coisas que o Slackware nos força a pensar... é possível ter vida social e até constinuir uma familia, OK rodrigo.capelini


PS.: eu pedi o Ubuntu e recebi o CD, pretendo usa-lo para instalar nos desktops dos meus clentes, motivo, TEMPO É DINHEIRO.


[135] Comentário enviado por pitombera em 28/08/2007 - 23:55h

Daqui a pouco escreverão algo como 'Porque abandonar o Slackware e usar o Kurumin'.

tsc tsc tsc ...

[136] Comentário enviado por calaff2 em 29/08/2007 - 00:00h

Concordo aki com Rodrigo Ubuntu eh bom para colocar em maquinas de clientes! Agora o Slack antes disso man vc que iniciou esse bate-linux hauahua cara vc usa alguma droga ? Slack eh Linux de macho man quer aprender Linux msm use Slack!.

Att: Freedom

[137] Comentário enviado por jpfaria em 29/08/2007 - 00:31h

Meus Deus...

Não da nem pra comentar sobre isso que eu acabei de ler.

Cara.. Slack é Slack.. Slack é coisa séria.. para quem quer algo sério, estável e confiável.

Slack está ai até pq ele foi feito para ser usados por profissionais e não para usuários.

Não vou nem mais falar nada que eu ja estou de saco cheio de ouvir usuário "BURUTU" achando que é ADM de linux.

Antes de meter o PAU, estude para saber o que está falando...


[138] Comentário enviado por rogerboff em 29/08/2007 - 00:54h

Bom, eu acho que nosso colega foi meio infeliz ao escrever este artigo, usei o slack por alguns anos, e nunca tive problema sérios com ele que o google não desse a solução em no máximo de 30 minutos...

Comecei com Conectiva 4, passei para Red Hat, e depois de alguns tempo para o Slack, o qual sou apaixonado, mas hj uso Debian, o qual comecei com a versão Sarge, mas acho que "Gosto e Cu, cada um tem o seu", passei a usar o Debian pela facilidade, não que o Slack se difícil, mas por não ter mais saco e tempo para ficar configurando tudo na unha.

Agora dizer que no Debian nada funciona como nosso colega "chemonz" disse, ai já é demais, o Debian preza pela estabilidade e segurança do sistema e pelos teste rigoroso efetuados em cada pacote antes dele se tornar estável, nunca tive problema algum com o Debian, tanto na instalação de qualquer pacote ou na configuração do sistema, por este motivo que utilizo ele em mais de 100 clientes com aplicações que utilizam cargas excessivas de transações e que necessitam de alta disponibilidade, o qual tenho um cliente com mais de 59 filiais e mais de 1500 terminais utilizam 5 servidores centralizados e rodando Debian Etch com cargas balanceadas. Não que o Slack não suporte isso, ao contrario, recomendo, mas acho mais fácil de instalar e controlar todos os pacotes instalados no Debian pelo APT, sem contar que programo o cron para rodar o apt toda a segunda feira para atualizar os pacotes de segurança.

Mas voltando ao assunto, existem distribuições de todos os níveis de dificuldades e para todos os gostos, isso depende do que você pretende e em que nível você quer chegar de domínio do Linux, para quem quer conhecer a fundo o mundo do LINUX e tem tempo para estudar e dar umas cabeçadas na parede as vezes, inicie com o Slack, senão, inicie com um live cd e aos poucos vai arriscando com outras distribuições.

flws gurizada!

[139] Comentário enviado por infoslack em 29/08/2007 - 01:01h

Quando se instala um Red Hat ou um Suse.. ou até mesmo um Ubuntu você vê e aprende nada mais nada menos que a propria aplicação quando você resolve instalar, aprender e usar um Slackware você vê realmente o que é Linux.

[140] Comentário enviado por rogerboff em 29/08/2007 - 01:11h

Só completando, o ubuntu acho meio instavel demais, por causa do seu temo curto de desenvolvimento.
Para o nosso colega "tenchi", da para fazer a mesma coisa com o APT, olha só.

netuno:/# apt-cache search ^mono
libmono-accessibility1.0-cil - Mono Accessibility library
libmono-accessibility2.0-cil - Mono Accessibility library
libmono-bytefx0.7.6.1-cil - Mono ByteFX.Data library
libmono-bytefx0.7.6.2-cil - Mono ByteFX.Data library
libmono-c5-1.0-cil - Mono C5 library
libmono-cairo1.0-cil - Mono Cairo library
libmono-cairo2.0-cil - Mono Cairo library
libmono-corlib1.0-cil - Mono core library (1.0)
libmono-corlib2.0-cil - Mono core library (2.0)
libmono-cscompmgd7.0-cil - Mono cscompmgd library
libmono-cscompmgd8.0-cil - Mono cscompmgd library
libmono-data-tds1.0-cil - Mono Data library
libmono-data-tds2.0-cil - Mono Data Library
libmono-firebirdsql1.7-cil - Mono FirebirdSql library
libmono-ldap1.0-cil - Mono LDAP library
libmono-ldap2.0-cil - Mono LDAP library
libmono-microsoft-build2.0-cil - Mono Microsoft.Build libraries
libmono-microsoft7.0-cil - Mono Microsoft libraries
libmono-microsoft8.0-cil - Mono Microsoft libraries
libmono-npgsql1.0-cil - Mono Npgsql library
libmono-npgsql2.0-cil - Mono Npgsql library
libmono-oracle1.0-cil - Mono Oracle library
libmono-oracle2.0-cil - Mono Oracle library
libmono-peapi1.0-cil - Mono PEAPI library
libmono-peapi2.0-cil - Mono PEAPI library
libmono-relaxng1.0-cil - Mono Relaxng library
libmono-relaxng2.0-cil - Mono Relaxng library
libmono-security1.0-cil - Mono Security library
libmono-security2.0-cil - Mono Security library
libmono-sharpzip0.6-cil - Mono SharpZipLib library
libmono-sharpzip0.84-cil - Mono SharpZipLib library
libmono-sharpzip2.6-cil - Mono SharpZipLib library
libmono-sharpzip2.84-cil - Mono SharpZipLib library
libmono-sqlite1.0-cil - Mono Sqlite library
libmono-sqlite2.0-cil - Mono Sqlite library
libmono-system-data1.0-cil - Mono System.Data library
libmono-system-data2.0-cil - Mono System.Data Library
libmono-system-ldap1.0-cil - Mono System.DirectoryServices library
libmono-system-ldap2.0-cil - Mono System.DirectoryServices library
libmono-system-messaging1.0-cil - Mono System.Messaging library
libmono-system-messaging2.0-cil - Mono System.Messaging Library
libmono-system-runtime1.0-cil - Mono System.Runtime library
libmono-system-runtime2.0-cil - Mono System.Runtime Library
libmono-system-web1.0-cil - Mono System.Web library
libmono-system-web2.0-cil - Mono System.Web Library
libmono-system1.0-cil - Mono System libraries (1.0)
libmono-system2.0-cil - Mono System libraries (2.0)
libmono-winforms1.0-cil - Mono System.Windows.Forms library
libmono-winforms2.0-cil - Mono System.Windows.Forms library
libmono1.0-cil - Mono libraries (1.0)
libmono2.0-cil - Mono libraries (2.0)
mono - Mono CLI (.NET) runtime
mono-apache-server - backend for mod_mono Apache module
mono-apache-server2 - backend for mod_mono2 Apache module
mono-common - common files for Mono
mono-devel - Mono CLI runtime with development tools
mono-gac - Mono GAC tool
mono-gmcs - Mono C# 2.0 compiler
mono-jay - LALR(1) parser generator oriented to Java/CLI
mono-jit - fast CLI JIT/AOT compiler for Mono
mono-mcs - Mono C# compiler
mono-mjs - Mono JScript compiler
mono-runtime - Mono runtime
mono-utils - Mono utilities
mono-xsp - simple web server to run ASP.NET applications
mono-xsp-base - base libraries for XSP 1.1
mono-xsp2 - simple web server to run ASP.NET applications
mono-xsp2-base - base libraries for XSP 2.0
monodoc - Mono documentation viewer
monodoc-avahi-manual - compiled XML documentation for the CLI bindings of avahi
monodoc-base - shared MonoDoc binaries
monodoc-browser - MonoDoc GTK+ based viewer
monodoc-dbus-1-manual - compiled XML documentation for the D-BUS CLI bindings
monodoc-gecko2.0-manual - compiled XML documentation for Gecko#2
monodoc-gtk-manual - compiled XML documentation for Gtk#
monodoc-gtk2.0-manual - compiled XML documentation for Gtk# 2.8
monodoc-gtksourceview2.0-manual - compiled XML documentation for GtkSourceView#2
monodoc-http - MonoDoc http based viewer
monodoc-ipod-manual - compiled XML documentation for ipod-sharp
monodoc-manual - compiled XML documentation from the Mono project
monodoc-njb-manual - compiled XML documentation for njb-sharp
monodoc-nunit-manual - compiled XML documentation for Nunit
monopd - Monopoly game network server
monotone - A distributed version (revision) control system
monotone-doc - A distributed version (revision) control system
monotone-server - A distributed version (revision) control system
monotone-viz - visualize a monotone repository

Isso que eu mandei ele somente me mostrar os que comecam com mono, se nao da uma porrada de pacotes.

[141] Comentário enviado por thunderforce em 29/08/2007 - 01:30h

Engraçado, você diz ter utilizado o Slackware por 4 anos....
lembrando que a filosofia da distribuição é que você entenda como o sistema funciona, eu acho realmente estranho você reclamar tanto...

IMHO, considero ótimo que o Ubuntu, o Vista e os Live-CDs estejam aumentando o número de adeptos, porém, o que autores como você parecem esquecer é dos diferentes tipos de usuários que existem, desde os que só marcam checkbox, com alguém do lado explicado até os que realmente sabem customizar .INFs pra personalizar CDs de instalação do XP, por exemplo

[142] Comentário enviado por fredinhobm em 29/08/2007 - 04:14h

Digamos que ele é um "Rapaz de coragem" para escrever um artigo desse.

Migrei a pouco para o Linux e já me jogaram no Slack, nunca tive nenhum problema, aliais, o desafio aumentava cada vez mais meu "tesão" por ter um SO configurado pelos meus proprios dedinhos e não pelos funcionarios do Sr. Bill.

Como muitos já disseram, é uma questão de gosto, cada um se adapta a distribuição que mais lhe atrai. Essa é uma das maravilhas do MUNDO LIVRE .

E alias, isso ta parecendo discussão partidaria.

Desnecessária !


[143] Comentário enviado por redhate em 29/08/2007 - 04:17h

Uma sugestao, vc devia ir para a globo, ser humorista do zorra total, pq com certeza esse foi o artigo mais hilario de todos os tempos de VOL!

e faco das minhas palavras a do sombriks

"...Comentário enviado por robersonfox em 28/08/2007 - 14:36h:

zecafig, sem dúvida, no entanto leia o documento, isto é se você sabe ler.
..."
"... Comentário enviado por robersonfox em 28/08/2007 - 14:40h:

Estou sendo bem claro assim, pois estou aqui para discutir idéias, meu propósito anterior era sim debater Slack x Ubuntu, mas pelo visto alguns moleques aqui estão pegando pesado.
..."

voce simplesmente esta colhendo o que vc plantou.

Mais uma coisa, quando saiu o slack12 sabe em quanto tempo eu o adiquiri? em 5minutos, sabe como? eu tenho um mirror no meu proprio micro e foi so ler os docs que eu fiz minha imagem de dvd ;-)

ps.: Familia Slack, nao vale a pena ficar se trocando com esse tipo de pessoa, o melhor a fazer eh deixa-los falar suas merdas e nao dar atencao.

[144] Comentário enviado por ranzes em 29/08/2007 - 08:20h

Bem para mim ficou claro que o caboclo não conhece linux , após tudo isso...
acredito que tudo isso não passou de uma grande viajem.
Comparação desse tipo sem comentários ..
e se o nosso "colega" diz que não viu muita diferença entre slack 8 para 12 .. então meu "colega" pare usar canabis na cabeça e começe a estudar esse mundo onde as pessoas levam a sério.
Como eu e várias pessoas já disseram:
Slackware não é apenas uma distribuição é uma filosofia de vida.
Abraços aos slackwares .. até.

[145] Comentário enviado por unix_andrey em 29/08/2007 - 08:38h

na moral, nada a ver fazer essa guerra idelógica aqui, melhor sim é deixar qm gosta de ubuntu usá-lo e qm gosta de slack usá-lo...
assim q tiver mais familiaridade com linux, quero tentar o slack!!

o importante é ngm usar Windows

\o/

[146] Comentário enviado por adrianoturbo em 29/08/2007 - 08:50h

Não é atoa que o Linux é uma plataforma fantástica chega até gerar discussão sadia entre os membros,já pensou se essa moda pega nos fórums de debate da Microsoft?
"O Windows 98 é melhor que o Windows ME,não o Windows 2000 é melhor que o XP e vice-versa?"
A polêmica foi lançada .

[147] Comentário enviado por vitor.jjb em 29/08/2007 - 09:07h

Slackware é, junto com a Suse, as unicas distros "clean", mais proxima a fonte... ja essa Ubuntu, é desevolvida a partir de uma base.. não é nem um Linux Linux mesmo, é derivado do Debian. É um Debian feito para usuários como você, que não conseguem instalar um Linux de respeito e tem que correr para distros mais parecidas com o Windows.

Nao colocar Slackware em desktop? ahahha é piada né!?
http://www.vivaolinux.com.br/artigos/verArtigo.php?codigo=4095

Cara, tudo que vc faz no Ubuntu, vc faz no Slack.. só q no slack vc usa o terminal e nao o mouse! Vc tinha que se informar melhor antes de mandaru m artigo desse... o Ubuntu está longe de ser um linux para Linuxers.. é um Linux para Leigos, para comecar e depois passar para outra distro.. Geralmente comecando em Kurumim, Ubuntu a galera dps que acaba querendo mais desafios. ae procuram distros mais casca grossas. tipo Slackware..

abraços kra



[148] Comentário enviado por vitor.jjb em 29/08/2007 - 09:10h

Agora li outra coisa.. vc nao achou programas pré compilados pro Slackware.. isso é piada? primeiro: www.linuxpackages.net .. segundo: o Slackware é slack por isso! por ser mais proximo ao Unix ... portanto.. deixa de lado esse "installpkg"... pq o negocio é make, make install!!! O controle de pacotes é muito mais rigido, pois é op seu cnotrole...
O problema kra. é q vc nao quer um "failed" na compilação., vc nao quer dor de cabeça. vc nao quer resolver probelmas... vc quer WINDOWS!!
ahahahahhaha

kra. compra um Windows Xp kra! tu vai achar até melhor q o Ubuntu!
aeuhaeuhea
vlw!

[149] Comentário enviado por vitor.jjb em 29/08/2007 - 09:11h

E sem contar que o Slackware tb tem um esquema para instalar tipo o apt-get..
slapt-get ... pronto kra. vc q nem procurou saber. usou Slackware 4 anos msm kra? impossivel. entao vc nem onsegiui colocar a nte pra funfar.. aeuhea

[150] Comentário enviado por vitor.jjb em 29/08/2007 - 09:13h

Kra, na boa? vc tem uma consultoria? Nao eh de lInux nao neh!?
pq na boa. se eu te contrato e vc vem com apt-get, e ubuntu nos meus servidores. auehaeuhaeuaheuaehuae
pago pra vc sumir! uaheuaehuae
kra. desculpa. mas teu artigo foi hilario... com excesso de desconhecimento...

[151] Comentário enviado por dk_millares em 29/08/2007 - 09:19h

Desculpe me vrsinfo mas acho que há um engano sobre a distro Suse, quando eu usei-a não era uma distro clean e muito menos uma distro base pois usa gerenciamento rpm e se não me engano é baseada no Red Hat portanto tambem não é uma distro base; Ubuntu é sim um linux linux mesmo como todas as outras. Oque seria uma um linux de respeito? Só Slack?
Não sou veterano aqui mas até agora nunca tinha visto um artigo causar tanta polemica; na minha opniao artigos como este nem deveriam ser publicados ou no caso o autor poderia publica-los em um uma comunidade de ubuntu users para haver uma melhor aceitação.

[152] Comentário enviado por reideer em 29/08/2007 - 09:45h

aff
q se espera de um cara q programa em MONO ???

[153] Comentário enviado por silviojunior em 29/08/2007 - 09:48h

Tive a paciência de ler o artigo e todos os comentários. Sabem o que eu acho? Quem é o maluco aqui? O cara que escreveu este "artigo" ou nós que perdemos tempo fazendo nossos comentários? Tirem suas próprias conclusões....

Realmente criou polêmica e vi alguns amigos bem furiosos aqui.

Pessoal, quem usa slack sabe o que está usando, dispensa qualquer comentário. A diferença existe entre quem quer fazer na mão e quem quer tudo prontinho na mesa. Na hora que der pau, "fazer na mão" pode resolver o problema mais rapidamente por ter controle do que está se fazendo.

Cada um escolhe seu caminho....




[154] Comentário enviado por vitor.jjb em 29/08/2007 - 09:54h

Nao dk_milares...
O suse é um linux clean SIM! o qual vc usa pacotes pré compilados pela SUSE para um funcionamento estavel! Usado em empresas, aqui no banco central é Suse.... Nao amigao.. o Suse nao é baseado em Red hat nada, estas falando besteira ahhahahaa.... ....
Um Linux de respeito, para mim, é um Linux que foi criado do minimo! O kurumim por exemplo.. é apenas um Debian com outros logos e configurações otimizadas com mouse... ahahahahahaha.... a msm coisa o ubuntu, é apenas um Debian FÁCIL, extremamente Facil!
Agora o Slack é a fonte... vc compila os pacotes e não pega compilado por outra pessoa, é o correto, vc terá os pacotes com o funcionamento 100% para a sua máquina! vc pode ate pegar outros pacotes, assim como no suse vc pode pegar pacotes em RPM.. porém, se vc pegar um pacote q nao tenha sido distribuido pela Suse, v c corre o risco do sistema se tornar instavel... e mais uma coisa... os pacotes Red Hat, nao sao a msm coisa que Suse.. sao RPM, mas nao a msm árvores de diretorios para instalação....

O problema é que o artigo dele ele veio dizer o quanto o slack era dificil, o quanto era atrasado pq tinha q digitar para instalar etc...
Mas é isso q consiste o slackware.. por isso que ele é uma distro superior a outras.. pois VC monta o sistema pacote por pacote...


No ubuntu.. só de respeito a quem criou.. pois pegou o debian e matutou ele para ficar completamente facil para o usuário leigo... ae vem o usuário leigo e diz q o Ubuntu é melhor q o debian!? aehaeu isso é piada!

Kra., as unicas duas distro mais proximas do Unix sao: Suse e Slackware...

O Slackware´e uma distro de respeito, A MAIS RESPEITOSA NO MUNDO LINUX!! A mais casca grossa! Pq vc acha que depois anos, msm sem apoio corporativo, ela continua ativa e em desenvolvimento...

Na boa.. o problema é isso kra. as pessoas vao pro Linux achando q vao destruir.. ae metem logo um Linux sinistro de começar... ae acham uma merda po. eu tb ia achar uma merda um sistema q eu nao consigo criar uma LVM sem mouse neh kra auheuaehae...

[155] Comentário enviado por forasteiro29 em 29/08/2007 - 10:33h

acho que o essencial no primeiro momento é que os novos adeptos tenham a consciencia da liberdade!!! é legal essa mentalidade de mudança que vem acontecendo,porém, é dificil para um
usuário ruindows migrar diretamente para um SLACKWARE,
que seja entao para qualquer outra distro,esses novos adeptos vão ao aos poucos percebendo a diferente entre
a escravidão prática e monetária do RUINDOWS
e a liberdade que um linux proporciona, isso com certeza irá despertar a curiosidade de saber o que funciona por trás dos botões, e ai sim com o tempo eles saberão o que escolher, comigo foi assim!!!! um belo diia formatei minha máquina, quebrei o meu cd do RUINDOWS,
fui na banca comprei uma revista com o cd do KURUMIN e comecei a usar, por não saber bulufas passei então a ler e anotar tudo o via e lia sobre linux, até que cheguei ao ponto de querer conhecer todos os comandos , configuraões e etc, e ai percebi que já estava adptado ao linus e que já estava na hora de me aprofundar no assunto ai
conheci o SLACKWARE!!!!! FOI AMOR A PRIMEIRA VISTA!!!! hoje
após 02 anos e meio estudo tudo mas tudo mesmo, tenho o maior prazer em ficar na frente do meu PC compilando programas
e me dá o maior orgulho quando vejo os meus amigos usuários de o
utras distros que usam linux a bem mais tempo que eu me chamarem para resolver os problemas que surguem nas suas distros instaladas e tudo isso GRACAS AO MEU AMADADO E IDOLATRADO GRANDE GRANDE SLACKWARE!!!!!!!!!!!!!!!
a nave mãe das distros.

[156] Comentário enviado por rodrigo.messias em 29/08/2007 - 10:39h

Ubuntu = Usuário Iniciante no mundo Linux ou quem quiser usar.

Slackware = Usuário que quer saber como a coisa funciona, quem quer aprender de verdade. Ou, ainda, quem quiser usar.

Estou do lado de quem quer usar Linux. Independentemente de ser Ubuntu, Debian, Slackware ou mesmo o Linux from scratch...

Pra quê essa briga boba? A vantagem do Linux é exatamente essa: Liberdade de escolha!

[157] Comentário enviado por Ed_slacker em 29/08/2007 - 10:44h

Olá, prezados!

Tive a paciencia de ler o artigo na íntegra e não escondo que fiquei perplexo ao ler o que o autor se propusera a publicar.
Eu, por exemplo, uso Slackware no meu desktop de casa há um ano e meio, é dizer, desde que tirei o meu PC da caixa!!
Faço nele tudo o que preciso, como jogar, bater papo via MSN, Skype, desenvolvimento em JAVA (Eclipse, JBuilder e NetBeans), pacote Office completo, banco de dados (desde SQLite até pesos pesados como Oracle, DB2 e Postgre)... Ou seja, uma distro que me atende muito bem e com performance.
Assombra-me a reclamação do autor sobre ter que compilar aplicativos, sendo ele um desenvolvedor!!
Ao concluir a leitura cheguei a uma dupla conclusão: ou o autor jamais usou Slackware na sua vida ou este tentou usar a distro tal como se usa um Windows.
Mas cada um é cada um! Seja feliz com o Ubuntu (que testei e achei interessante também).
Só não venha reclamar quando instalar um aplicativo qualquer via apt-get (que seu uso não é mais recomendado pela equipe do Debian) e este aplicativo veio com falha por ser "testing", ok?!

[158] Comentário enviado por guilhermerezende em 29/08/2007 - 11:23h

Caro companheiro, na forma em que vc coloca os fatos, provavelmente nunca tenha trabalhado c/ Linux em ambiente sério. Concordo c/ vc quando diz que usar o Ubuntu no Desktop é uma boa alternativa, mas se quiser trabalhar com coisas sérias, não vai ser clicando em cima de links que vc irá insalar programas não. Exemplo:
Se quiser instalar o OpenMosix, terá que recompilar seu kernel, ajustar seu grub e quando nos tratamos de grande porte, não existe coisa melhor do que o Slackware. Outra coisa, não existe dependência no pkgtool do Slackware não ta !!!!
Vc pode digitar installpkg qualquer software que ele vai instalar sem reclamar de dependência.
Eu por exemplo compilo todos os meus pacotes nos servidores.......
Quer coisa melhor !?!?!
Quando sai atualização, eu sou um dos primeiros a atualizar.

[159] Comentário enviado por slack.surf em 29/08/2007 - 11:29h

Cara sinceramente acho que vc foi muito infeliz com esse artigo, pois como vc pode acreditar que temos que ser mais livres, e fica escrevendo esse tipo de coisas. Acho muito bom que vc se encontrou com sua distro, mas acredito que nunca devemos escrever sobre coisas que não CONHECEMOS.
Cara estou muito indignado com esse artigo e realmente não gostaria de ter lido ESSA COISA aqui no VOL.

[160] Comentário enviado por Grobsch em 29/08/2007 - 11:41h

Não entrarei em guerra de trolls, nós goblins somos bem educados, deixo apenas a seguinte consideração... "Não existe sistema ruim, existe usuário ruim."

[161] Comentário enviado por dk_millares em 29/08/2007 - 11:47h

Então vrsinfo me enganei sobre o Suse, vi que no linha do tempo das distros linux que ele foi baseado no slack, nem sou usuario do mesmo e usei durante algumas semanas; mas tipo acho uma coisa muito chata você meio que desfazer de alguma distro entende. Pois o usuario leigo as vezes tem total interesse em linux mas há um medo sei lá algo assim. A maioria das pessoas começam com distros "light" as vezes param nelas ou as vezes vão para as mais casca grossa como você mesmo diz.
Você é um usuario inteligente pois escreveu um artigo interessante sobre fluxbox e sabe que este tipo de discussão não leva a nada.
O que nos resta é esperar que não apareça mais artigos que gerem este tipo de desentendimento.
flw

[162] Comentário enviado por tenchi em 29/08/2007 - 12:00h

Vixi....
Essa vai para o rogerboff...
O ubuntu tem realmente muito mais pacotes em seus repositórios. Isso é fato, e é algo que me atraiu para este sistema um tempo atrás. Mas perceba uma coisa. Nessa lista de pacotes, veja os nomes dos mesmos.
monodoc-*
libmono-*
mono-apache-server-*

Veja na lista que eu passei:
mod_mono-1.2.4-i686-4as (módulo para apache)
mono-1.2.4-i686-4as
mono-basic-1.2.4-i686-4as
monodoc-1.2.4-i686-4as

Não vê uma semelhança entre as listas?

Os pacotes debian têm uma filosofia de FRAGMENTAÇÂO. E essa fragmentação é muito boa, pois permite que você tenha uma maior personalização, instalando coisas bem enxutas. E isso só é permitido com um bom sistema de gerenciamento de pacotes, que é o apt. Portando, fragmentação é totalmente oposto à controle pelo usuário, que é a filosofia do slack. No slack um pacote é a compilação de EXATAMENTE tudo aquilo que o desenvolvedor utiliza. Nem mais nem menos. Tanto que, quando o Patrick retirou o xmms da instalação padrão do slack (no 12), o que o pessoal do xmms disse? "Seu Filho da Pu*&!!!"? Não. Disseram: "Muito obrigado por ter mantido o xmms durante tanto tempo no slackware, sem modificação alguma (ou seja, não estragaram nosso produto)". Isso resume tudo.

MENSAGEM ORIGINAL, de http://www.xmms.org/


"Bye Bye Slackware!

XMMS has been removed from the Slackware distribution.

Thu Mar 15 19:43:10 CDT 2007

xap/xmms-1.2.10-i486-3.tgz: XMMS developers: THANK YOU for your years of
dedication. We look forward to considering a new GTK+2 based design some
time in the future. (Package removed).

No, thank YOU for keeping a clean and tidy version of XMMS around without a gazillion insane patches. We will always love you! It's unlikely we will cross paths again, but we've enjoyed the lack of support cases the Slackware distribution has caused us. Much love <3 <3 <3.

Mar 18, 2007
Thomas Nilsson (thomas at xmms.org)"


PS: se não percebeu, os mesmos pacotes que têm na sua lista têm na que eu passei.
PS2: O apt-cache utiliza que tipo de expressão regular? pois o circunflexo no inicio indica inicio de string, e os pacotes da lista começam quase todos com libmono?

Ahhhh!! EU sabia que essas expressões regulares iriam um dia fundir a minha cabeça!!!!

Obs: Tá, é bem provável que o apt-cache tenha uma sintaxe diferente. O comentário foi só zoeira ;-)

Flw.

Obs: Amigos, não façam do slackware uma ideologia ou religião. Sei que muitos aqui fizeram somente comentários flamers, mas aos que realmente utilizam o slackware, digam somente que foi a distro que vocês melhores se adaptaram.

"Ideologia é para os loucos. Por isso seja um alienado"

Vou te falar... Este artigos foi um dos que mais tiveram comentários aqui no VOL... Aposto que o número de acessos foi lá no alto: Por isso, ao Fábio: O adblock do meu FF é desativado para o VOL. E a todos que querem manter o site de pé, mandem artigos melhores e desbloqueiem o Adblock!!

Flw.

[163] Comentário enviado por vitormicillo em 29/08/2007 - 12:16h

Slackware é o pai do linux meu amigo, considero muito o trabalho da galera que desenvolve o ubuntu, kubuntu, xubuntu, mais slackware é slackware, como nosso amigo Grobsh que é o desenvolvedor do GoblinX disse acima "Não existe sistema ruim, existe usuário ruim."
Slackware não tem comparação, pode verificar pelo trabalho do próprio desenvolvedor do SLAX "Tomas Matejicek.", um sistema baseado em modulos, não tem coisa melhor. e ainda rápido e estável.

[164] Comentário enviado por tenchi em 29/08/2007 - 12:24h

Obs: vendo o comentário acima me lembrei de um negócio...
Quando saiu o pidgin 2.1.1, no dia seguinte já tinha ele instalado no meu slack - mais http://guifications.sf.net, http://www.galago-project.org/ -, e então saí na net e vi em fóruns do ubuntu:
"Alguém aí tem o pacote pidgin 2.1.1?" Poderiam me passar?"
"Calma que eu já estou colocando um pacote pré-compilado no repositório tal..."
Eu sei que você poderia normalmente compilar o pidgin por si próprio no ubuntu, mas é contra isso que muitos ubuntu-users lutam. E procurem nos repositórios oficial... A solução é utilizar pacotes de terceiros. Muitas vezes nem funcionando bem. E compilar? Bem, são quatro passos. Descompactar, configure, make, checkinstall (bem, na verdade eu nao uso o checkinstall, uso um script que eu mesmo estou fazendo, e que não tem tantos recursos quando o checkinstall, mas cria os pacotes perfeitamente - em breve posto ele aqui no VOL). Pronto! Tenho o pidgin com coisas do tipo: Muitos plugins que adicionam funcionalidades legais è ele, checagem de ortografia, e o melhor: Adeus aquelas falhas de segmentação que freqüentemente ocorrem com pacotes compilados em outras máquinas, que eu não funcionam na sua.


[165] Comentário enviado por isaqueprofeta em 29/08/2007 - 12:32h

---------------------------------------------------------------------------------
Você: O Ubuntu é sem dúvida hoje o Sistema Operacional baseado em Linux/Gnu mais bem sucedido e aceito pelos usuários, no entanto, acontece que ainda é novidade para alguns, na maior parte usuários de distribuições antigas como é o caso do Slackware....
---------------------------------------------------------------------------------

Eu: Discordo.
Bom, normalmente os usuários de Slackware são ativos na comunidade SL, e geralmente sabem muito sobre muitas distros.

---------------------------------------------------------------------------------
Você: Sei disso pois usei o Slack por 4 anos seguidos e tive muitos problemas, o maior deles é a falta de programas úteis pré-compilados, entre eles as novas versões do Monodevelop (IDE para C#), sei que aparecerá algum idealista dizendo que existe sim, mas me diga, depois de instalar funcionou perfeitamente?
-----------------------------------------------------------------------------------

Eu Discordo,

Dos 27 pacotes que eu instalei pelo slapt-get, todos rodaram, e sinceramente, para você que é desenvolvedor, ter um sistema como o mono compilado desde o começo para a sua arquitetura, deveria ser uma opção que você deveria louvar, visto o ganho de performance.
------------------------------------------------------------------------------------

Você: Um outro motivo para se usar Ubuntu é que a Canonical está por trás de todo o Sistema, sendo assim temos mais um braço forte. Leve em conta que empresas como a NOVELL e Google apóiam também o projeto, e estas empresas não provêem somente dinheiro, mas principalmente produto.
------------------------------------------------------------------------------------

Eu: O Slackware, pode não ter GIGANTES, apoiando, mas ele é um sistema que é simplismente o mais velho e mais experiente dentre as atuais distros.

------------------------------------------------------------------------------------

Você: A NOVEL é detentora dos direitos do Beagle, Evolution e do projeto MONO por exemplo, o Google escolheu o Ubuntu para fazer sua distribuição personalizada do Linux. Compreende onde quero chegar? Quero fazê-lo entender que um Sistema não pode ficar na mesma idéia por toda a vida, a evolução deve ser iminente, ou ao menos deveria.
------------------------------------------------------------------------------------

Eu: Que ideia você quer explicitar aqui, eu não compreendo? Não consigo realmente entender... é complicado, pois você fala de programas que podem ser usados no slackware, pois são antes de tudo, "for linux", e todos tem seus equiparáveis no slackware... o Google escolher o Ubuntu para se espelhar??? Não sei no que isso aumenta a qualidade da distro...
------------------------------------------------------------------------------------

Você: Um outro grande detalhe é o sistema de pacotes do Ubuntu, é fantástico, não falo somente pelo APT, mas principalmente pelo pacote ser inteligente, diferente do *.TGZ do Slack que só agora vem deixando a ignorância e deixando de aborrecer os usuários com as dependências.
------------------------------------------------------------------------------------

Eu: Slapt-get, SWARET??? São boas guarnições no almoço ^^

------------------------------------------------------------------------------------
Você: Existem outras empresas envoltas no mundo do Ubuntu, um bom exemplo é a Dell e agora a ACER, uma das principais empresas no mercado de venda de PCs.
------------------------------------------------------------------------------------

Eu: Que bom, isso ajuda um bocado a divulgação do linux, mas quem te ilude que com a mesma compatibilidade eu não possa rodar o Slackware?

------------------------------------------------------------------------------------

Você: Uma outra coisa que me intrigou muito foi a facilidade de se instalar programas no Ubuntu, não sei se você sabe, mas se você estiver em um site que oferece um programa para Ubuntu, ao passar o cursor do mouse sobre o link ele não apontará para um local comum como manda o protocolo, você verá link com protocolo APT ao invés de FTP ou HTTP, e o nome do programa, quando pressionar o cursor sobre o link, abrirá o instalador gráfico do Ubuntu e instalará remotamente o programa, cobrindo todas as dependências e atualizando se necessário a lista de repositórios.

------------------------------------------------------------------------------------

Eu: Te faço a mesma pergunta que você fez: "O Pacote: REALMENTE FUNCIONA??"

------------------------------------------------------------------------------------

Isto é fantástico, só de não ter que ficar passando o comando "installpkg <pacote.tgz>" a cada vez que preciso instalar um novo programa já fico muito satisfeito, agora vendo por um outro lado, porque o pessoal do Slackware não criou algo semelhante, principalmente por ele ter lá os seus catorze anos de idade. Então voltamos ao princípio de que o jovem pode facilmente substituir o antigo, não com a cabeça, mas com as novas idéias!
-------------------------------------------------------------------------------------

Eu: Ideias? Ou qualidade? Desculpe mas ao ver isso não consigo deixar de ser irônico: Você REALMENTE mexe com desenvolvimento?

-------------------------------------------------------------------------------------
Você: O Slackware é uma boa distribuição, mas não me venha colocar ele em um desktop, eu fiz isso e posso garantir, passei mais tempo em lista de discussão e IRC perguntando coisas do que me divertindo com meus programas.
-------------------------------------------------------------------------------------

Eu: Sério? Eu sem internet, coloquei depois de 1 hora, incluindo instalação o meu slack 12 para rodar com o Beryl, Blender 3D, duas placas de som, e todo o resto do micro à 100%.

-------------------------------------------------------------------------------------

Você: Em minha opinião o maior problema do Slack são as dependências e a idéia de ser arcaico, o maior erro foi remover o Gnome e não ter amadurecido com as outras distribuições. Engraçado, isto mostra que em um ambiente empresarial, um jovem novato pode tomar o cargo de um veterano com idéias cativas e inovadoras, pois o que se vende no mercado é o produto, não a idade.
-------------------------------------------------------------------------------------

Eu: O.o" Não entendi nada agora.... Você reclama da Distribuição ou do Sistema gráfico?? E falar que o KDE é arcaico? Estranho para caramba... Maior erro remover o Gnome? Qual a dificuldade do download do FreeRock e Cia???

-------------------------------------------------------------------------------------

Você: Das dependências eu posso dizer que existem vários projetos que tentam solucionar isto, mas aí é que está, é como uma câmara de ar do pneu de uma bicicleta velha cheia de remendos, é isto que o Slack se tornou, uma câmara de ar velha e cheia de remendos, ou em outras palavras, um sistema velho cheio de patches...
-------------------------------------------------------------------------------------

Eu: Não existe SOLUÇÃO PARA AS DEPENDÊNCIAS... é justamente uma questão de simplificar... Sinceramente, se você não souber o que o seu programa usa para rodar, é como voltar para o windows, onde para rodar o seu filme DVD ou CD de musica da sony, ele instala um anti-ripper no seu micro sem vc saber...
-------------------------------------------------------------------------------------

Você: Foi muito difícil mudar de idéia e passar a usar Ubuntu, olha que participo de vários grupos de discussão e palestras, entre todos eles somente freqüento um ambiente onde somente tenham Slack-users que é o IRC do freenode, o #slackware-br. O que quero dizer com isso é que poderia a muitos ter trocado de distribuição, a muito tempo mesmo e isto não ocorreu pelo fato do Slack ter aquele nome, aquela coisa de ser um slack-user, mas a conveniência me venceu, aquele negócio de escrever "sudo apt-get install <nome_programa>" que antes me irritava, hoje me fascina, e sabe por quê, porque funciona!
-------------------------------------------------------------------------------------

Eu: O.o" CONTRADIÇÃO DETECTED, nas suas palavras: "Isto é fantástico, só de não ter que ficar passando o comando "installpkg <pacote.tgz>" a cada vez que preciso instalar um novo programa já fico muito satisfeito"

-------------------------------------------------------------------------------------

Você: Um outro ponto relevante é que o Ubuntu é fornecido gratuitamente pela Canonical, para isso basta entrar no site http://www.ubuntu.com/products/GetUbuntu. O Slack e outras distros tem um grande problema com os mirrors e afins, lembro-me que foi um custo obter o Slackware 12, somente depois de algumas semanas que consegui e no final das contas ele não havia mudado nada, a mesma coisa do 11.
-------------------------------------------------------------------------------------

Eu: Problema com mirror é sacanagem cara... isso ai até o pessoal do Ubuntu se ouvir reclama, a distribuição de isos é a coisa mais organizada que existe...

Outra coisa é falar que não mudou nada do slack 11 para o 12... falar isso tira a já não existente coerência do seu debate...

-------------------------------------------------------------------------------------
Você: Acho que para o Slackware continuar no mercado e adquirir mais adeptos ele terá que melhorar e muito, principalmente na forma de empacotar seus programas não se esquecendo do suporte que também é primitivo.
-------------------------------------------------------------------------------------

Eu: Afé.... ele não tem que continuar no mercado, ele está! Adiquirir adeptos, para que? O que precisamos é de consumidores, que queiram um sistema com profundidade e que tenha uma opção de configuração e adaptação às necessidades... O empacotamento é limpo e permite total customização das necessidades de um cliente, justamente por não usar o sistema de dependencias, e o suporte... é o mesmo que o ubuntu oferece... forums e irc... além de empresas que dão suporte ao slackware.

-------------------------------------------------------------------------------------
Você: O Ubuntu tem 3 variantes fornecidas pela Canonical, o KUbuntu, que nada mais é que o Ubuntu fazendo uso da interface KDE e seus respectivos aplicativos, o EDubuntu, que é voltado para a educação e o XUbuntu, que é um Ubuntu com a interface XFCE.
-------------------------------------------------------------------------------------

Eu: Slax, Goblinx, Litrix, Zenwalk, Vector... Quer mais???

Acho que é isso..

[166] Comentário enviado por warheart em 29/08/2007 - 12:38h

"Um ditado espirituoso nao prova nada" (Voltaire)

Me diga que distribuição que tu usas, que eu te direi quem tu és!

Esse robersonfox, o cara que escreveu esse artigo, provavelmente usou o slackware, mas é um usuário muito leigo. É uma opinião dele, cabe a nós respeitar!

Agora, um artigo totalmente sem lógica, nem nexo. A distribuições em si tem focos diferentes. O ubuntu te serviu bem? que bom!

Agora, se tu acha o ubuntu melhor que o slackware, e só por isso tu vai condenar a distribuição mais antiga? que é isso né, vamos ter bom senso ;D

[167] Comentário enviado por removido em 29/08/2007 - 13:32h

Uma boa discussão, bem produtiva. Na minha opinião não é muito engraçado o Slackware não ter um repositório de um tamanho significativo, porém é menos engraçado o NFS parar de funcionar no Ubuntu e não ter santo que fizesse ele voltar a funcionar. Sei disso por que trabalhei em um projeto escolar de lan house em Linux onde o servidor era Ubuntu (por que originalmente seria uma máquina 64-bits e o Ubuntu 64-bits era o que tinhamos em mãos e não dava temnpo de baixar o bluewhite64) e os clientes eram Slackware. De repente o servidor NFS (usado pleo LanBR, sistema de gerenciamento da lan) parou de funcionar e depois de muito tempo procurando os scripts responsáveis pelo serviço, quando encontrei não deu em nada.

[168] Comentário enviado por fabioccomp em 29/08/2007 - 13:37h

como dizia um colega meu... inteligência tem limite, burrice não

[169] Comentário enviado por tiagoalam em 29/08/2007 - 14:40h

Considero fanatismo essas criticas pesadas ao colega que li acima. Realmente parece que é bonito falar que faz tudo na unha , que pra usar slackwaretem que ser o kra, eu ja usei por 2 anos slackware, sempre experimentando outras distros tambem, como o debian ao fedora e redhat. Porem essas experiencias acabaram quando conheci o ubuntu, encontrei flexibilidade e facilidade numa só distro , coisa que nunca havia acontecido antes do ubuntu. Alem disso , a "ideologia" do ubuntu é sem igual, na minha opiniao, nenhuma outra distribuiçao conseguiu transparecer de forma tao eficaz a cara do software livre.
Hoje tenho ubuntu eo Arch Linux no pc, mas o ubuntu é a distro do coraçao e pelo menos uma vez por semana acompanho as novidades da proxima versao , que sao passadas aos usuarios muito abertamente com a publicaçao . Enfim , opiniao cada um tem a sua , por isso acho radicalismo os comentarios acima.

[170] Comentário enviado por juliaojunior em 29/08/2007 - 14:44h

kara, não achei de bom gosto. se é p desabafo por não saber usar, entra num cursinho e aprende com alguém pegando na mão. não usava, mas depois dessa, li os comentários dos colegas e decidi pegar o slack e aprender de verdade.

[171] Comentário enviado por julianometal em 29/08/2007 - 14:56h

Artigo muito bem escrito, mas...
Sou um slack user e tenho orgulho disso, porém não tenho minha visão fechada.
Gosto muito do Ubuntu tbm!
Eu faço da seguinte maneira: em casa uso Slackware (me divirto aprendendo mais sobre o sistema e Linux em geral) e em meus clientes instalo o Ubuntu, pra ganhar tempo.

É isso aí!

[172] Comentário enviado por Bash em 29/08/2007 - 15:39h

Camarada!!!! O Slackware NUNCA FOI PRA VOCÊ!!! Volta pro Windows!! Tem tudo que você precisa e gosta! hehehehe

[173] Comentário enviado por cleitonsb em 29/08/2007 - 16:11h

Ja usei durante um bom tempo o Slack e posso afirmar que é uma exelente distro. Porém migrei tbem pro Ubuntu, e não me arrependo nada. A simplicidade do manuseio, a diversa gama de software, e a imensa integração, foram os principais motivos pela mudança. Uso Ubuntu, e nos meus clientes, tbem instalo Ubuntu, principalmente em lanhouses....

[174] Comentário enviado por ironwood em 29/08/2007 - 16:28h

Pessoalmente, o artigo perdeu todo o crédito para mim, porque tecnicamente ele foi muito infeliz. Há diversos erros que já foram até apresentados aqui na discussão, que tiram o valor técnico do mesmo.
Em compensação, como opinião, o crédito deve ser dado. O usuário tem que realmente escolher aquilo que lhe atende, ou seja, cada um na sua e no seu nível de capacidade de operação do produto.

[175] Comentário enviado por mtolledo em 29/08/2007 - 18:47h

galera estou acompanhado desde o primeiro comentario, mais vo te falar, tao repetindo tudo de novo, Jeus, Slackers User, ele ja aprendeu,,,, acabou o credito disso aqui ja... deixa ele com o ubuntu, que todas sejam felizes com suas escolhas. tenho certeza q ele nao vai mais falar mal de uma distro.

[176] Comentário enviado por dbahiaz em 29/08/2007 - 18:50h

Depois de ler "alguns comentarios" do tipo: " ae vei slack é slack, slack é os bixu, slack é pra maxo, slack é o linux", cheguei a uma conclusão: que não existe linux ou melhor existe "SLASKWARE" . O resto -é o resto , pra completar só falta mudar o nome do KERNEL para SLACKERNEL, ai sim fecho.:)

Pessoal, o artigo não ta metendo o ferro no slack, so disse que para leigos como: eu, o meu vizinho a minha tia, pra esses usuarios de desktop é melhor colocar o ubuntu, e no servidor da empresa do Bill o slackware, mais nada, só isso, parem com egocentrismo.

========>
"Egocentrismo é a característica que define as personalidades que consideram que todo o mundo e todas as pessoas giram ao redor de si próprio.

A criança com cerca de 3 anos passa pelo período chamado teimoso, pois ainda não compreende que faz parte de uma sociedade, imaginando que todo o mundo gira em torno de si mesmo."

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.


[177] Comentário enviado por robersonfox em 29/08/2007 - 19:49h

dbahiaz, acho que agora eles entendem, um amigo meu disse até para eu reescrever o artigo usando termos simples cabíveis ao conhecimento da maioria destes aí para que só assim ver se podiam entender alguma cousa.

[178] Comentário enviado por oscarcosta em 29/08/2007 - 19:57h

Tenho que discordar de suas colocações nessa comparação. Como já comentei em outros artigos do mesmo gênero (comparações fundadas em apenas a opinião de uma pessoa): Essas rixas entre SOs e mesmo entre Distros não vão nos levar a nada. Utilizar uma ou outra Distro (ou SO) é questão de escolha e necessidades de cada pessoa ou empresa.

See you...

[179] Comentário enviado por lmarconato em 29/08/2007 - 21:05h

Acho que todas as ditros tem seu foco...
Assim como outras distros, o Ubuntu tem feito algo realmente admirável por todos que conhecem e utilizam o Linux...

Vejam isso:

Martin Varsavsky, fundador e CEO da FON, a todos os funcionários. Destacando algumas partes:

"Existem diversas razões para a Fon deixar a Microsoft. A primeira e mais importante é economizar tempo. Eu testei o Ubuntu e o Mac por um mês e, enquanto eu gosto do Mac para brincar, me descobri utilizando o Ubuntu mais e mais para o trabalho (...) Com o Ubuntu eu esqueço do computador e me foco no trabalho que tenho em mãos. Isto eu não poderia fazer com o Windows, que através de travamentos e esperas me lembravam, freqüentemente, que ele estava lá."

"A segunda razão para a mudança é a economia. O Ubuntu e todos os seus programas associados são livres, e não apenas economizaremos dinheiro com os programas, mas também com os computadores, pois o Ubuntu é executado mais rápido em um computador de dois anos de idade do que o Vista em um computador novo."

"Sim, eu sei que alguns de vocês irão ler e se preocupar. Eu sei como é difícil mudar. Eu usei Microsoft por 20 anos e até ter um travamento terrível e fatal eu não mudei. Também o Linux costumava ser muito difícil de usar e as pessoas têm preconceito contra ele. Mas agora é o tempo perfeito para mudar, porque o Ubuntu tornou o Linux fácil e rápido para utilizar e porque a Microsoft fez o Vista tão complicado e caro para atualizar para ele."”

Agora, não adianta brigar porque fulano torce para time X e ciclano torce para time Y, no mundo Linux acho que o que mais vale é a união de todos!

[180] Comentário enviado por mtolledo em 29/08/2007 - 21:50h

Mais uma vez venho vos falar sobre a distro, galera, existem diversos tipos de distro, quem quer usar o slackware usa, quem nao qe nao usa, mais assim, temos que tomar cuidado com as comparacoes, pois como o dono do artigo disse, esta insatisfeito com o slack, e pq nao tem conhecimento suficiente para dominar a distro e por isso se torna dificil, dificil eh, mais depois de estudar gostar e utilizar, e tudo muito simples, entaum, cada um e cada um, usem o q vcs acharem melhor mais nao predegem o slack pois e um sitema antigo e que troxe conhecimento a muitos para modelarem outras distros vejam a historia e vcs vao entender o q digo. entaum quem quiser fazer comparacoes, facam com moderacao, dizendo que tal distro tem algo mais facil ou mais dificil, nao como ele descreve que nao funciona ou nao da pra fazer, vc pode fazer o q vc quiser com qualquer distro e so saber usar. como temos ja aqui, nao existe patch para a ignorancia humana. O SLACK E APENAS UMA SELECAO NATURAL, QUEM EH EH QUE NAO EH NAO EH E PONTO.
Uso e indico slack a todos que queiram aprender e se dar bem no mundo linux, se vc quer somente facilidade usem ubuntu, suse, entre outras facinhos........... apenas aprendam que quem usa slack gosta e defende com unhas e dentes a distro. ser usuario slack e ser assim, mexeu com agente da [*****], nao que signifique que somos os cara do mundo linux mais sim que gostamos e fazemos o q for preciso pra funcionar com qualidade todas as ferramentas disponiveis no mercado para software livre. LEIA estude e aprenda. ser slack e ser livre totalmente, jaja Ubuntu faz parceria com a microsoft como outros ja fizeram. rsrsrs
Mais uma vez chega de balela.......

[181] Comentário enviado por removido em 29/08/2007 - 22:11h

Acho que não se deve comparar Slackware com Ubuntu. As duas tem objetivos muito diferentes para que seja feita uma comparação. Além do mais, o artigo cita várias inconsistências em relação as duas distros. Por exemplo, vejo quase toda semana o Ubuntu dando dor de cabeça (no sentido de dar pau, não funcionar, fazer coisas estranhas que nem o Douglas Adams conseguiria imaginar) enquanto vejo Slackware rodando por mais de meses, estável, saudável e sorridente, inclusive em notebooks.

[182] Comentário enviado por robersonfox em 29/08/2007 - 23:30h

mtolledo, até agora você foi o maior defensor do slack aqui, com seus comentários irônicos e cheios deste orgulho tolo que é o que os usuários deveriam abandonar, mas indo direto ao assunto, meu spamassasim deixou escapar uma mensagem, e justamente esta acima aqui que você postou as 29/08/2007 - 21:50h, e no rodapé da mensagem, não sei se percebeu mas mostra o sistema que você está usando a versão e afins, e, engraçado, Mozilla/5.0 (X11; U; Linux i686; en-US; rv:1.8.1.3) Gecko/20061201 Firefox/2.0.0.3 (Ubuntu-feisty), justamente você o grande Slacker? Usando o Feisty? Tcs tsc tsc.

Então por curiosidade, entrei no meu servidor de e-mails e busquei todas as mensagens, e olhei, e qual não foi minha surpresa? Os críticos aqui presentes que se alto denominaram slackers, e que dizem se dizem estão na maior parte usando o Feisty Fawn ou o Windows, e tipo de usuário avançado é este, será que usa windows porque não conseguiu compilar os drivers para a placa de rede, isto é, se tem placa de rede, pode ser um fax modem, engraçado, eu é que fui rebaixado à newbee, consegui instalar minha placa de rede e meu fax modem no meu notebook.
Não vou generalizar mas que a verdade seja dita.
Engraçado estas coisas.

[183] Comentário enviado por H4ck-Du5t em 29/08/2007 - 23:31h

Cara presta bastante atenção escolhe outra coisa pra vc falar pq oslack é umas das distros que mantiveram a base bsd que hoje nem todos a dominam, por motivos simples, falta de paciência pra estudar, falta de competência pra configurar, e outra o slack é um SO que permite se fazer de tudo o ubuntu tem objetivos totalmente diferentes como disse nosso colega acima, não compare a agua com o bom vinho SLACKWARE.

[184] Comentário enviado por H4ck-Du5t em 29/08/2007 - 23:37h

só pra terminar experimenta instalar o seu maravilhoso ubuntu em um Pentium 133 com 64 MB de ram e fazer um simples roteador pra compartilhar a internet, vc não vai nem conseguir instalar e rodar o xwindow, agora pega o slack e tenta.

[185] Comentário enviado por robersonfox em 29/08/2007 - 23:41h

H4ck-Du5t, se você tivesse lido o artigo saberia do que estou falando, estou falando em usar Ubuntu em Desktop e Slackware em Servidor, mas tem gente aí em cima que disse até que eu não gosto de slack, rsrsr, brincadeira. Ha, só para variar, ia me esquecendo, aqui disse que você usa Windows, ué, porque não instalou o MSI 7, não gostou não, ele tem abas também assim como o Firefox.

[186] Comentário enviado por robersonfox em 29/08/2007 - 23:44h

alfakini, não disse que o Ubuntu é um santo não, todo sistema tem problemas, tanto eu quanto você sabemos disso.

[187] Comentário enviado por robersonfox em 29/08/2007 - 23:48h

H4ck-Du5t, é claro que não irá rodar, não precisa nem tentar, leia o artigo antes de postar alguma coisa irrelevante, seria o mesmo que fazer este Windows que você está usando agora compreender um binário do Linux, rsrsrsrs, não tem jeito, não precisa nem tentar.

[188] Comentário enviado por tantufaz em 30/08/2007 - 00:32h

Clap, clap, clap...

Palmas para mais um "artigo" que cumpriu aquilo para que veio: gerar polêmica, hits e escalada no ranking do site.

O que está havendo? Está faltando assunto?

Estou certo de que este não foi o primeiro, nem será o último, artigo superficial e destinado a gerar flames e hits que eu li aqui no VOL.

Quem quiser ver a Fila de Espera, há mais um artigo do gênero: "Por que deixar o Ubuntu para usar o Slackware", ou algo parecido. Não sei se foi escrito com a finalidade de rebater este. Mas, lá vem mais discussão, mais flames, mais desgaste e, claro, mais hits!!

Acho isso uma perda de tempo e desgaste desnecessário (minha opinião, afinal, todos já deram as suas) com um assunto mais do que batido.

Debate ideológico é legal em mesa de bar: um Slackwano, um Debiano, um Fedoriano e um Microsoftiano expõe seus argumentos na frente de uma (ou umas) gelada, se exaltam, riem pra caramba, pagam a conta (ou deixam aquele que perdeu o debate pagar... Hehehe...) e vão embora, amigos como chegaram. Agora, "quebrar o pau" aqui, sem olhar nos olhos da outra pessoa e, pior, levar a sério como se estivessem ofendendo a sua religião? Que isso?

Minha distribuição? Depende de onde estou, quem vai usar depois de mim, da máquina que estou instalando, e outras variantes. Não sou xiita, e acho que ninguém deveria ser. Como já disseram, distribuição varia com o gosto, e a melhor é aquela que satisfaz as suas necessidades e melhor se adapta a você (e não você a ela).

Melhor direcionar a motivação e as energias para algo mais nobre.

E não alimentar os trolls! :-)

[189] Comentário enviado por rogerboff em 30/08/2007 - 00:43h

Caro colega tenchi, acho que acabei me expressando mal, esqueci de dizer que o apt-cache não procura somente pelo nome, mas também pela descrição do pacote!! teh peguei... hehehehehe.... Mas aquele comentário era somente para encher o saco, mas a comparação não era com um repositório Ubuntu, e sim Debian (Uso ele com Desktop, e não fica devendo a nenhuma distro, mesmo sendo uma distro voltada a servidores), acho o Ubuntu um pouco instável para rodar como servidor, ele é voltado para usuários domésticos.

Outro ponto interessante do seu comentário foi sobre a fragmentação dos pacotes, este é o motivo pelo qual eu troquei o querido Slack pelo meu amado Debian, por uma instalação mais enxuta, mas os slack-users que fiquem sabendo, eu uso o gerenciador APT para instalar, mais muitas das configurações que necessito ainda são feitas na unha (Claro que tenho pacotes task com script de pré instalação que fazem isso para mim, e muito chato ficar configurando tudo no vi, a não ser que seja algo muito especifico e que dificilmente utilizo), coisa que aprendi com o Slack, o qual sou muito grato por ter me obrigado a aprender.

Mas sei que falar qualquer coisa do Slack, e mexer com meio mundo, eu era assim também, ficava doido quando falavam algo mal sobre ele, mas com o passar dos anos vai mudando um pouco essa mentalidade radical pela racional, e você acaba vendo que não precisar ser complexo para ser bom, claro que um programa optimizado para sua maquina não tem igual, mas nada que o apt-build não de um jeito, isso sem contar que você pode baixar a fonte pelo APT, modificar e compilar ela depois.

Mas agora me digam, quem é que modifica o código fonte? acho que nem 1% dos usuários do VOL, estou certo? Então para quer ficar que nem um louco digitando MAKE && MAKE INSTALL, sei que é algo que não tem palavras para explicar a sensação de ter uma maquina instalada desta maneira, mas prefiro dar um apt-get install e instalar o que eu quero e pronto.

Mas alguém também comentou sobre o fator de controle rígido de pacotes instalados na maquina, é por que ainda não utilizou o Debian a fundo, eu uso um CD business card que somente contem o instalador, o qual nem tem o sistema básico tem nele, tudo e baixado via repositório (O qual claro eu tenho um espelho do repositório oficial do Debian no meu notebook que me acompanha sempre, nem todo mundo tem 2 megas de net), instalo o sistema básico e o resto dos pacotes que necessito instalar na maquina e feito por um dos vários pacote task que tenho pré configurado conforme a utilidade da maquina, instalo somente o que necessito, sem qualquer outra porcaria de programa ou daemon comendo recurso preciosos da maquina, e tem mais, ainda consigo voltar a instalação a o nível do sistema básico necessário, sem sequer deixar algum rastro de pastas ou arquivos de configurações feita por algum pacote instalado posteriormente.

Por isso, volto a repetir, existem distros para todas as aplicações, para todos os tipos de usuários, para todos os níveis de conhecimento, depende de você escolher aquela que melhor se adapta ao seu estilo e necessidade, e utilizar ela do melhor forma possível.

Mas uma coisa todas tem em comum, todas foram criadas com base do livre acesso ao conhecimento e distribuição do mesmo.

Link para a linha do tempo de desenvolvimento e criação das principais distribuições...

http://hypercast.info/wp-content/uploads/2007/02/linuxdistrotimeline-69.png

O Slack também é um fork, como qualquer distribuição Linux.

Obs.: O cara que usa o adblock para bloquear qualquer propaganda que gerem lucros para sites como o vivaolinux.com.br, tem que ser muito FDP, o resto tem que bloquear até a alma... heheheheheheh

[190] Comentário enviado por ul1sses em 30/08/2007 - 04:54h

A maioria desse pessoal do Linux parecem aqueles malucos ambientalistas anti-aquecimento global. =)

[/joke]

[191] Comentário enviado por Grobsch em 30/08/2007 - 09:02h

Dois sistemas operacionais eu não usaria, Windows e Ubuntu... Ubuntu é quase inimigo, se fosse importante seria aconselhada pelo FSF, Linus e outros... Ubuntu usa a fortuna da Canonical para derrubar outras distribuições e se manter na moda...

Agora minha opinião pessoal já que tocamos nesse assunto:
Não gosto do apt-get, pacotes deb, sysvinit, Gnome e outros citados com elogio. Slackware tem pacotes para todo o tipo, oficiais e não oficiais, e os não oficiais funcionam tão bem ou melhor que os do Debian testing. Slackware não é make, make install, mesmo porque ninguém faz isso em Slack... por quê? Porque o Slack tem o mais simples e mais fácil método de criar e instalar pacotes.
Se estão procurando pacotes pro Slack aconselho o slacky.eu... ótimo local.

[192] Comentário enviado por leandrorocker em 30/08/2007 - 09:07h

artigo engraçadíssimo!
rapaz, eu uso slack e tal, não sou nenhum gênio do linux... nada contra o Ubuntu, aliás, nada contra nenhuma distro... mas concorda que cada uma é voltada pra um tipo diferente de usuário?

Eu prefiro cuidar das minhas dependências e ter um sistema que eu conheço tudo e sei exatamente como tudo está funcionando do que dar um apt-get e perder o controle de tudo...

Mas o emerge do gentoo, ah, esse sim é lindo! hehe

Abraços.

[193] Comentário enviado por removido em 30/08/2007 - 09:21h

Sou usuário GNU/Linux há mais de 7 anos é VERGONHOSO ver o que está sendo discutido aqui. Tanto o artigo como os comentários são de péssimo gosto.

[194] Comentário enviado por unix_andrey em 30/08/2007 - 11:18h

Pelo amor de Deus algum moderador deleta essa merda aqui, só está causando transtornos
=\

[195] Comentário enviado por mbmaciel em 30/08/2007 - 12:52h

talvez o autor tenha se exprassado mal e feito um artigo ofensivo para alguns, talvez fosse o objetivo dele ...

mas nada justifica os comentários nesse artigo !!
por isso não passamos dos 3% dos usuários desktop. Por causa do fanatismo.

Minhas recomendação: Deixe o artigo e apaguem os comentários

[196] Comentário enviado por mtolledo em 30/08/2007 - 14:06h

Caro amigo, bacana, no horario em que te mandei estava na facu brow, e nas maquinas da facu, temos windows e ubuntu, dos dois eu escolho ubuntu ne cara, mais nao tenho opcao de slack, agora veja novamente minha distro, rsrsrs estou em meu notbook na empresa, filho, como te falei, poderia ser slack na facu tbm, mais acham melhor que seja facil..... rsrsrs, ironia, nao e nao...... mais se quiser mando toda a conf pra vc. IP e senha de root, ai vc brinca..... bjsssss.... Ei fala serio. vc e um cara meio assim, estranho no minimo. mais como falei slack e selecao natural.... ou vc e ou vc nao eh..... bjs lindinho... e Seja Livre.

[197] Comentário enviado por lefigo em 30/08/2007 - 14:49h

Quero aproveitar toda essa fervorosa discussão, que venho acompanhando assiduamente, apesar de compartilhar da opinião de vários colegas aqui, em que pouco importa a distribuição ou o nível de conhecimento. O que importa realmente é a opção pelo mundo Open Source e a ajuda no crescimento do Linux que acho que é o que todos aqui almejam, certo!? Bom, como disse, quero aproveitar para lhes colocar uma dúvida muito antiga minha, que mais ou menos tem a ver com essa discussão... Há muito tempo sou usuário do Conectiva, por ser em Português, ter sido uma distribuição brasileira, valorizar nosso país e tals... Agora quero instalar no meu Notebook uma outra distribuição, e estou entre Debian, Slackware e Ubuntu. Infelizmente nunca pude deixar de lado o Windows, pois trabalho em uma operadora de telecomunicações e 95% dos softwares de gerenciamento de equipamentos estão na plataforma Windows (pretendo mudar isso instalando um VMWare no Linux). Enfim, quero usar uma distro que não me dê muitas dores de cabeça, afinal não vou poder ficar quebrando a cabeça para configurar determinado dispositivo no meio de uma manutenção de uma rede SDH por exemplo. Meu Notebook é um HP Compaq nx6120. De cara quando fui instalar o Kubuntu já me veio uma incompatibilidade com minha placa de vídeo (Intel 915GM Express). Qual dessas 3 distros que citei serve melhor às minha necessidades? Detalhe: Quero um ambiente gráfico leve e totalmente em PT-BR. Obrigado!!

[198] Comentário enviado por willian.firmino em 30/08/2007 - 15:06h

monty_jr se vc quer uma distro para desktop e q de quebra te auxilie com o trabalho do suporte em rede teste o slackware, debian, fedora, suse e outras q são voltadas tanto para desktop quanto para servidor e administração de redes inicie um debate aqui q o pessoal te ajudará em sua escolha

[199] Comentário enviado por acbmlinux em 30/08/2007 - 15:10h

Cada um usa a distro que se adequa as suas necessidades essa é a melhor resposta pra qualquer pergunta.
Eu sempre estou atras de novidades, achei muito legal rodar um openbsd na minha máquininha velha P3-500 com 128 de ram, qual é o linux que roda bem com 128 de ram ??? Qualquer coisa que vc roda começa a swapar !!!!
Então cada um instala aquilo que achar melhor para seu computador, com certeza alguem já pegou algum problema ao instaltar ubuntu em algum tipo de maquina ou assim como slackware não rodou bem em determinada maquina.
Procure instale, e no fim você achará a que melhor funcionou.

[200] Comentário enviado por petslack em 30/08/2007 - 15:12h

Cara eu pessoalmente t recomendaria o Slack pq sei q nele vc pode compilar tudo bonitinho pro seu hardware e num vai dar pau...como ja me ocorreu aki alguns problemas com o Ubuntu(...)...Mas vc quer algo q te de menos trabalho e leve menos tempo e tbm um GUI leve e customizavel alem de ser agradavel q é o GNOME (apesar q pro Slack tem o DropLine tbm...), acho melhor vc tentar instalar o Debian mesmo (apesar d nunca ter instalado a mesma...).
E acredito q aki existem pessoas bem mais qualificadas q eu pra t falar sobre o Debian...

PS: E só pra constar Ubunteiros, nós slackers num somos radicais naum...é questão de escolha e querer aprender Linux...

abraços...

[201] Comentário enviado por rogerioprof em 30/08/2007 - 16:11h

apt-get install billgates KAKAKAKAKAKA

[202] Comentário enviado por rogerioprof em 30/08/2007 - 16:12h

com certeza seu programa de linux preferido é o wine!!!!!!!

[203] Comentário enviado por ul1sses em 30/08/2007 - 17:02h

"por isso não passamos dos 3% dos usuários desktop. Por causa do fanatismo."

Também. Mas principalmente por que o usuário final quer facilidade: apontar e clicar. Nunca que um usuário final vai querer ao menos olhar um console, imagine saber comandos ou piór ainda, ter que compilar programas pra sua distribuíção.. Isso quando tem o programa que ele precisa.
Não adianta querer fazer o linux ganhar um bom espaço no mundo dos Desktops sem facilidade para o usuário final. Ponto final.

[204] Comentário enviado por worm em 30/08/2007 - 17:24h

Uso o slackware a 4 anos como desktop e servidor e nunca tive nenhum problema, muito pelo contrário, ele tem sido muito mais prático pra mim que muitas outras distros desktop que tem por ai.. maissssssssss.. cada um com o seu!!! SLACKWARE ATÉ MORRER!!

[205] Comentário enviado por welingtond em 30/08/2007 - 17:48h

Nao sei se o robersonfox conseguiu o que queria, mas pelo menos um programinha (a dois) com o rodrigo.capelini parece ja estar garantido ...
(ele ta de olho é no ubuntu do outro)
ha ha ha ha !!!

[206] Comentário enviado por tatototino em 30/08/2007 - 17:58h

Slackware SUX, Ubuntu SUX para Desktop,

Propaganda Urgente

Se você usuário que trabalha o dia inteiro e não tem tempo para muita coisa
instale Windows e não perca tempo pesquisando como instalar programas, hardwares, periféricos e para achar tal software que faz tal coisa que não tem algo semelhante no Linux, só cuidado para não pegar um vírus.


Mas para Servidores Slackware ROX !

Outra coisa, para que aprender Linux para Desktop, para mim é só para ter problemas a resolver, pelo menos no Slackware

Vou aproveitar e aumetar a nota do artigo :)

[207] Comentário enviado por mtolledo em 30/08/2007 - 18:52h

E isso ai,,, usem windows. parabens pelo comentario.

Viva o Tio Bill....

Marcello Toledo - Slackware User

[208] Comentário enviado por removido em 30/08/2007 - 20:14h

Esse cara deve ter o Ubuntu só para rodar um VmWare ou VirtualBox da vida e usar o Windows.

[209] Comentário enviado por arkanjo em 30/08/2007 - 20:47h

Olha, uso linux desde que apareceu no brasil, era o conectiva 2.0, acho que se chamava conectiva tarumã, ou algum outro nome de bairo de curitiba com nome indigena... :P
ja fucei todo tipo, e o slack nunca me agradou, nada contra, mas acabei não gostando dele por 2 motivos, primeiro por que tem uma ideia de que coisa boa tem que ser feito "artesanalmente"(acho que escrevi errado, mas deixa pra la :P)
mas o principal motivo são os usuarios, tenho amigos que usam slack e são gente boa, mas muitos usam ele como um meio de se achar superior, dizer, "EU USO SLACKWARE, SOU O FODÃO", ta tudo bem, pra usar o sistema tem que ser bom, pois nele é tudo manual, tem que conhecer o sistema a fundo e quem mexe em slackware mexe em qlq outra distro, mas o problema é justamente esse ar de superioriadade... igual os playboys que se acham os bons pq tem mais grana... Slackware acabou virando uma distro pro cara dizer mostrar pros outros que sabe e não uma distribuição com qualidade, claro, ela é sim, mas me diz uma coisa... no ubuntu e derivados, se vc quiser usar a facilidade do apt-get vc usa, se preferir compilar vc compila ...
Algo que sempre digo, linux é linux, distros são são um pacote de programas e assistentes, ou a falta deles como no slack, com algumas personalizações pre-definidas, afinal, o kernel não vem do www.linux.org como todos os outros ????? o que impede de fazer as melhorias do slack no ubuntu ??
o aMSN que foi citado... vc pode instalar o do repositorio que ta estavel, mas se quiser pegar um alpha, vc pode, tem tanto pacote .deb feito por alguem, quanto pode compilar o seu proprio ...
Foi comentado sobre o fato de reinstalar a "janela$" e perder o boot, no Grub vc pode recuperar tb, inclusive no Wiki do Ubuntu Brasil tem explicando como fazer passo a passo...., mas se ainda sim preferir o Lilo, só um sudo apt-get install lilo e algumas personalizações no lilo.conf, caso queira, resolve ....
Qd vão aprender, não tem distro melhor ou pior, tem mais adequada ao seu gosto.
Eu uso KDE e Kubuntu, Gnome não me agrada, mas a maioria dos ubuntuusers preferem Gnome, é gosto, não tem o que discutir, eu sou gosto de Guria de cabelo petro e curto, a maioria preferem loiras, cada um tem um gosto, uma necessidade e pronto...

Agora do ponto de vista tecnico, Slackware pra desktop, no sentido de micro de "usuario" não ta pronto, e com a filozofia dos desenvolvedores, nunca vai estar é bom pra quem gosta de "sopa de letrinhas", vai por Slackware no micro popular, ta certo, talvez fique melhor que algumas distros que aparecem por aí só pra ganhar money com os micros populares, mas qd precisar fazer algo mais especifico, aí ferrou, até explicar pra akela vó de alguem que só sabe usar Orkut, msn e hotmail que a tela toda preta que apareceu depois de digitar "vi" no console não é defeito e sim um editor de texto.......

Slackware é sistema pra quem quer aprender a configurar a fundo, sem assistente.
Mas pra usar mesmo, sem esquentar com configuração, tem o (X-Edu-K...)Ubuntu pra isso, essa é minha opnião

PS: é tanto comentario que acho que ninguem vai ler o meu, mas ta aí, coloquei minha opnião tb :D

[210] Comentário enviado por thelinuxlich em 30/08/2007 - 21:36h

Ubuntu is an african word. It means "I don´t know how to configure Slackware".

[211] Comentário enviado por israroot em 30/08/2007 - 23:38h

Não tenho nada contra o Slackware.
Pra quem quer aprender Linux ao fundo é a melhor opção.

Quanto ao Ubuntu só vejo 2 vantagens para ele:
1)Os cds são distribuidos gratuítamente.
2)Usa arquivos .deb (I love apt)

Só.

[212] Comentário enviado por tenchi em 31/08/2007 - 00:12h

Sim... Vi esse artigo na fila de espera.
Sombriks, não é nada contra você, mas espero que esse texto que você está escrevendo não venha a ser publicado. Não precisamos de guerras santas aki no vol ;-0

Vamos seguindo as nossas vidas... Sem mágoas de nenhuma das partes (nada contra colocar uns ubuntuzeiros na fogueira hauahauh).

;-)

[213] Comentário enviado por yoshiki em 31/08/2007 - 00:15h

Creio que o que esteja em questão aqui não é necessariamente uma "briga de facções", mas, sim, um grupo de usuários revoltados com a arrogância e ignorância de um ser que sugere que abandone-se uma distro séria (e considerada por muitos a melhor) para migrar para uma distro cujo público é majoritariamente iniciante.
Conheço muitos casos de usuários que usam, ou usaram Ubuntu, e, para minha surpresa, a maioria deles me disse: -sabe que, agora que eu sei um pouco mais, eu 'to pensando em migrar pro Slackware?
Particularmente, uso Slackware e Debian. Por quê? Porque não sou o único usuário da máquina e meu irmão sente-se mais à vontade no Debian, uma vez que ele é iniciante. Entretanto, eu uso o Debian sem problemas. No início vi várias coisas que não gostei, mas com o tempo aprendi a maximizar o uso apenas dos pontos positivos desta distro. Essa é uma prova de que um usuário do Slack pode conviver com qualquer outra distro, entretanto, parece que, infelizmente, o oposto não ocorre. Talvez pelo simples fato de que as pessoas prefiram algo rápido a algo eficiente. Entretanto, isso não é motivo o suficiente para um usuário de Ubuntu escrever tamanha asneira, a qual provavelmente teve o maior índice de "agressões", rejeições da história do VOL (até onde eu sei).
Deixo claro aqui que minha manifestação não tem como alvo nenhuma distro, uma vez que reconheço o valor do Ubuntu para usuários iniciantes. Meu repúdio dirige-se ao caráter pedante deste artigo.

PS: Os poucos defensores do artigo mencionaram que os Slackers demonstraram fanatismo, entre outras coisas. Contudo o artigo em si também não representa um fanatismo pelo Ubuntu?!

[214] Comentário enviado por ul1sses em 31/08/2007 - 00:34h

Os Slackers apresentam mais fanatismo do que os usuários do Ubuntu. Leia bem aos posts e verá.
Essa ideologia de um SO do jeito que você quiser não funciona. Isso é passado. Enquanto o linux não passar a seguir um certo padrão ele não será capaz de entrar na concorrência com outros SO's (Win) na área de Desktops. Vai ficar sempre com esse ar "underground".
Como foi dito anteriormente, usuário final só quer apontar e clicar. Linux é ainda um SO para pessoas com maior conhecimento na área de informática. Infelizmente.

[215] Comentário enviado por yoshiki em 31/08/2007 - 00:57h

Eu li bem os posts. Sou inteligente o suficiente para fazer isso.
Se você lesse com atenção o que escrevi, veria que eu deixei claro o fanatismo dos usuários do Slackware, apenas mostrei que do outro lado também há fanatismo.
Abraços =D

[216] Comentário enviado por coffnix em 31/08/2007 - 09:44h

E quem disse que o objetivo do Linux é tomar o lugar do Windows????? o objetivo sempre foi ocupar o lugar do Unix

[217] Comentário enviado por lado.negro em 31/08/2007 - 11:14h

amigo vc é usuario de microlixo so usa o linux para dizer que sabe e provavelmente nunca estudou a fundo o linux por geral, para de falar tanta besteira se vc que coisa facil so deixe a P@#*% do win na sua maquina. À se que uma interface grafica 3D o o winlixo 6 ou 7 tem até ma copia vagabunda e mal feita do XGL

[218] Comentário enviado por lado.negro em 31/08/2007 - 11:30h

amigo não sou radical ou fanatico por slackware mas vc falou o que não devia pois todas as distribuições são Linux e linux é linux e pronto correto e nossa luta e contra o Tio Bio não contra nós mesmo!!! como sempre brinco não sejeis debiamental ou slackmaniaco flw

[219] Comentário enviado por eliz em 31/08/2007 - 12:39h

Meu caro...
Acho que sua atitude foi errada qdo escolheu atacar o Slackwer para tentar "enaltercer" o Ubuntu.
Cada distro tem sua especialidade, se vc quer uma coisa que seja rápida de configurar, instalar programas e etc. vc com certeza vai atrás de um Ubuntu da vida, mas do outro lado temos o Slackwer, um linux enxuto que nos possibilita fazer as coisas "na unha".
Vc entende? Cada um tem o seu foco, a sua especialidade.
Não queira atacar uma distro para valorizar outra, isso é um erro. Só vai gerar discussões enormes como a que aconteceu aqui.
Espero que vc mude sua atitude.


[220] Comentário enviado por squidqueen em 31/08/2007 - 17:32h

Meu amigo...
Acho que sua atitude foi correta quando escolheu mostrar o lado negativo do Slackware para "enaltercer" o Ubuntu. A maioria das pessoas já usam ele mesmo!!!
Cada distribuição tem sua especialidade, se você quer uma coisa que seja difícil para configurar, difícil para instalar programas, etc... com certeza vai atrás de um Slackware da vida, mas do outro lado temos o Ubuntu! Um Linux fácil de usar, que nos possibilita fazer as coisas SEM SER MANICURE!!!
Entende amigo? O que você fez, faz a diferença, porque você fala o que pensa!!!
O maior erro é ficar quieto só porque os outros podem não gostar...!!!
Crucificação, é uma armadilha antiga da arrogância...

[221] Comentário enviado por removido em 31/08/2007 - 20:42h

welingtond... este é um grande exemplo de educação e bom senso...

patético, algumas pessoas cogitaram em exclusão deste artigo...

não apóio por questão de distro, opinião é opinião...

mas por questão de NÍVEL. questão de EDUCAÇÃO, tanto este artigo, quanto usuários como welingtond, que não têm um pingo de caráter devem ser excluídos do site...

não deixemos o VOL (que é uma preciosa fonte para nosso aprendizado), se torne essa palhaçada que usuários como, welingtond, vêm apenas para bagunçar...

Me desculpo à todos os usuários respeitosos do site pela minha brincadeira irônica, confesso ter sido algo digno de descrédito, mas outros ultrapassaram esse limite, e muito!

[222] Comentário enviado por rogerioprof em 01/09/2007 - 11:35h

#####------ATENÇÃO-------#########
parem para pensar....o cara fez este artigo com o intuito de fazer polêmica, a graças a isto ele conseguiu milhares de visitas ao seu PROPRIO SITE PESSOAL!!!!
Veja agora , fomos usados para divulgação....ACORDEM E ABANDONEM A CAUSA!!!!

[223] Comentário enviado por removido em 02/09/2007 - 13:56h

"Porque abandonar o Slackware e usar o Ubuntu" da até pena, quanto mais comodidade, menor o desempenho, se o usuario que ver sua maquina sempre rapida sem duvida o slack é uma boa opção, mais se ele não tem tempo ou vontade de ficar afinando sua distro, um ubuntu ou kurumin cai muito bem, os softs serão os mesmo, e o kernel sempre sera o linux, mais um zé querendo causar polemica

[224] Comentário enviado por jorge.s em 02/09/2007 - 22:15h

cara , sinceramente não vejo motivos para tanta discursão sobre o mesmo assunto, mais ambos são GNU/Linux acredito que ao inves de ficarmos discutindo sobre o quanto o ubuntu é confortavel e pratico e quanto o slack é "preguiçoso", deveriamos focar em meio de ajudar e crescer a comunidade linux, pois como ja disse ambos são linux ambos usam kernel discutir isso é a mesma coisa de encontrar amigos que passaram a semana inteira comendo arroz, feijão e bife e um ficar dizendo ah o que eu comi é melhor... ou então colocarmos o mesmo wallpaper em 5 computadores diferentes e seus respectivos donos ficarem dizendo ah o meu é mais bonito... eu considero isso perda de tempo
quem usa e gosta do slack vai continuar usando e quem usa ubuntu vai continuar usando, ou seja não vai adiantar em nada discutir
gente, vamos parar com isso vamos enriquecer a comunidade linux e não estraga-la com discursões bestas, inuteis que não nos levara a lugar nenhum.
essa é minha opnião.
jorge


[225] Comentário enviado por Iron Fist em 02/09/2007 - 23:03h

Que estranho robersonfox, eu uso o slackware desde a versão 4 (se não me engano desde a 3) e sei que o slackware é meio complicado de mexer, mas nunca tive problemas sérios de instalação não. Você tem que ver que o proprio PAT informa que ele segue o mais próximo possível do Unix, e que também tem o KISS (Keep it Simple, Stupid!).
Ele é um sistema muito simples, mas realmente pode te causar dores de cabeça mesmo.
Talvez você não tenha conseguido continuar com ele por algum fato mesmo, talvez não era para ser, mas olha, isso não significa que o slackware é ruim, ou que você não soube administrá-lo. Pelo contrário. Aprende-mos cada dia mais, e em algum tempo, aconselharia talvez a repensar em utilizá-lo novamente.

O Porque?

Bom, é uma opinião pessoal e não critico quem usa, pelo contrário, encorajo. Mas eu customizo meu slack seja o servidor de onde trabalho, ou minha estação da maneira que quiser. Já o ubuntu... Eu não tive muito sucesso, se bem que alguns programas são bem fáceis de instalar nele (apt-get install openoffice, por exemplo). Desde a época que mexia com o slack4 eu pensei e repensei em sair dele, mas ele sempre me segurou. apesar de todas as dificuldades que tive nele, eu nao encontrei problemas para customizá-lo ao meu jeito (bom, algumas dependencias, mas uma pesquisada me ajudava).
Calma, relaxa. Nem sempre conseguimos resolver tudo que queremos. Se tiver algum problema em uma distribuição (mesmo que não seja o slack) conte conosco.
É verdade que aconselhamos primeiro a procurar na net, mas 1000 pesquisas nem sempre valem do que uma experiência já vivida por alguem.
Sempre pense positivo, mas também sempre lembre-se que iremos encontrar dificuldades em nosso dia a dia, mas nada que o irmão maior Google ou o irmão menor Viva o Linux não saiba te informar não resolva. ;)

[226] Comentário enviado por fco em 07/09/2007 - 01:31h

Acho interessante recomendar a leitura deste artigo...

http://www.linuxhome.eti.br/site/index.php?option=com_content&task=view&id=566&Itemid=1

[227] Comentário enviado por rafareis021 em 07/09/2007 - 01:40h

Cara tenho que te dar a nota 1, cara sempre usei slack no começo sofri um pouco nao por causa do slack mais por causa do linux, lilo.conf, fstab, etc.., cara mais posso te afirmar com toda conviçao, tudo que aprendi nao que seja muito mais foi graças ao querido slack, se que apertar so botao volta pro windows, nao fale mal do nosso slack.

[228] Comentário enviado por Milk2Can em 07/09/2007 - 12:45h

OL@!

Não vou entrar no mérito da questão debatida no artigo, apenas gostaria de dizer que eu poderia parabenizar o autor do artigo pela audácia e coragem. Como eu havia comentado em outro fórum, muitos usuários de linux têm sérias críticas em relação a distros X ou Y mas têm medo de expor isso em público por medo de sofrer ataques, então preferem "engolir seco", assim como tem usuários que não se fazem de rogados e metem bronca mesmo, dane-se quem achar ruim. Não gostou do texto, não leia.

O problema é que o fato de ter usado a distro slack por 4 anos e só agora expor os pontos negativos pode tirar a ousadia o artigo. E lendo os comentários percebi que o Slackware é uma religião, e ai daqueles que ousarem atacá-lo. Peraí, gente, vamos maneirar. Já pensou se o desenvolvedor do slack pára de desenvolver o sistema? Muitos aqui são capazes de dar um tiro no monitor, chutar a CPU, cortar os pulsos e bater com a cabeça na parede... sim, porque eu não vi defesas e sim seguidores fanáticos.

[229] Comentário enviado por ghosturbo em 10/09/2007 - 07:58h

Olha, sinceramente usei slackware muito tempo na faculdade e detestei, pensava que todo linux era difícil, não fazia nada sozinho, até conhecer distribuições mais amigáveis e robustas. Muitas pessoas não saem do slackware por comodismo, já sabem utiliza-lo e não querem migrar para outra distribuição, mas temos que lembrar que distribuição é gosto, alguns gostam mais de uma, outros da outra, por motivos e aplicações diferentes, porém slackware em desktop é demais, não tem como, o que você demora 1 dia para configurar no ubuntu, demora 10 no slack. O melhor do slackware é que ele tem muita documentação, justamente porque é muito antigo, derivado do primeiro código do linux, há muito pacotes para ele, ferramentas, suportes, etc, mas também tem muito fanáticos.
Parabéns pela coragem de escrever o que tantos acham, mesmo que seja um tanto provocador. mas verdadeiro...

[230] Comentário enviado por lefigo em 11/09/2007 - 10:19h

Tentei instalar o Ubuntu em 3 versões (Xubuntu 7.10, Kubuntu 7.04 e Xubuntu 7.04) e todas elas apresentaram uma incrível e inaceitável lentidão para carregarem (coisa de mais de 1 hora). Ao carregarem, todas reconheceram meu HD com SCSI, quando na verdade ele é um Fujitsu IDE, além de não reconhecerem minha placa de vídeo (Intel 915GM Express). Todas também travaram quando, após selecionar para que o sistema fosse instalado no HD, escolhí o particionamento manual. Partí para o Debian com XFCE e foi tudo perfeito. Reconheceu todos os meus dispositivos, inclusive um leitor de cartões SD/XD/SM que tenho. Enfim, isso tudo é só para ilustrar que cada caso é um caso e sempre a melhor distribuição é aquela que se adequa ao seu equipamento e suas necessidades.

[231] Comentário enviado por Iron Fist em 11/09/2007 - 11:56h

ghosturbo, nem tanto assim que demora no slackware.
A configuração de um squid com sarg e firewall demorei no máximo 15 minutos depois da instalação do slackware.
Lógico que um squid no ubuntu não é diferente. Mas uma das vantagens do slack é que ele te mostra tudo que o administrador quiser. Ele não oculta nada.
O ubuntu também não oculta informações, mas a instalação do e-Groupware por exemplo, estou fazendo na faculdade e ja testei em 4 máquinas, não funfou.
Formatei 7 máquinas com slack e depois instalei o e-Groupware. Sem problema em nenhuma.

---
Não estou crucificando opinião de ninguém. To falando que cada caso é um caso. Pra tudo tem suas diferenças.

PS: eu uso o slack em meu desktop qual o problema? Nunca vi sistema mais rapido. Rodando Gnome com Beryl.

[232] Comentário enviado por ghosturbo em 11/09/2007 - 17:17h

Iron fist, problema nenhum, já que é você quem usa e não eu, hehehehe, brincadeira, só para descontrair.
É claro que o slackware mostra tudo que o administrador precisa, por isso que ele é bom em servidores e firewalls, ninguém aqui disse que o slack é uma distribuição inutil, para o uso em servidores, melhor nunca vi.
Eu simplesmente, de forma nenhuma, em nenhuma circuntancia, recomendo slackware para desktop, mas se outros usam, tanto faz, não muda nada na minha vida. Eu concordo com tudo que o cara que postou nesse artigo e digo mais, foi somente a verdade, mesmo que vocês não concordam, pelo menos dê o direito de livre expressão pro cara. Distribuição é gosto, cada um tem um e escolhe a melhor ao meu ver e para determinado uso. Para mim, slack é como o usuario querer digitar um texto em uma maquina de escrever tendo um editor de texto aberto bem na sua frente.
Enfim, distribuição não é religião, o que tem de mais discutir qual é a melhor? Não leva a lugar nenhum, mas também não deveria ofender ninguem.

[233] Comentário enviado por Iron Fist em 11/09/2007 - 17:46h

Realmente concordo com você. E nao estou negando a opinião do cara.

Eu também pensei assim, usei suse, opensuse, mandriva e solaris. Exceto o solaris, pelo qual gostei demais, eu nao consegui me adaptar aos outros. Mas não é defeito das outras distribuições.
Isso é comigo mesmo.

Talvez por estar passando por falta de tempo no fato de estar trabalhando muito e estudando, não tenha tido vontade suficiente para gostar das ferramentas. Deve ter sido por isso que no momento ainda estou fixo no slack.

Mas no ano que vem devo estar comprando um note e devo colocar o suse nele.
É aquela frase: "pra tudo existe uma ferramenta". hehe

[234] Comentário enviado por kalib em 04/10/2007 - 16:30h

Eu prefiro não ser radical pra cima dele como muitos de vocês fizeram...caindo em cima do cara...O que custa ouvir a opnião de alguém??
É como eu chegar dizendo: O Corinthians é apensa um remendo mal feito..e aí? Isso é minha opniâo, no caso meramente ilustrativa, pois discordo disso.
Mas se ele prefere o Ubuntu, tudo bem..é opnião dele...
Eu sou um que usei slack por um bom tempo e larguei. Porém não falo mal, sequer nego sua estabilidade. Muito pelo contrário, acho o slack uma distribuição excepcional, porém não é a minha escolha número um para o MEU desktop. Em minha casa sempre gostei de me sentir a vontade e com o máximo de conforto possível, portanto o que for mais automático para realizar meus processos, para mim, será o melhor. Claro, eu nunca instalaria um Ubuntu por exemplo em um servidor, para tal tarefa sempre optei por Slack, Debian...
Já tive meus tempos de prazer caseiros com o slack, mas agora prefiro aproveitar meu tempo em casa para lazer e conforto, já que no trabalho eu já quebro tanto a cabeça.

Sou usuário Linux, e quem me conhece sabe disso. Nâo sou usuário de distribuição X ou Y, mas sim de Linux. Tenho em meu notebook o Kubuntu. Em meu desktop de casa tenho Suse e Tutoo (testando). No trabalho estou com Fedora. Então...eu uso LINUX.

Porém já usei outras várias distribuições como Ubuntu, Kurumin, Conectiva, Mandriva, Coyote, Muriqui, Kalango, Slax, Slack dentre outras várias.

Meu ponto de vista é esse..e acho errado o que alguns de vocês fizeram em julgar o cara por ele expressar sua opnião pessoal...Cada um tem o direito de ler, concordar ou descordar, mas julgá-lo assim como a seus conhecimentos...considero estupidez e regresso humano.

Assim como seria estupidez julgar negativamente os conhecimentos de Linus Torvalds, quando o próprio assumiu em imprensa pública que em seu desktop usa Ubuntu como distribuição favorita pela sua customização e facilidade confortável.

abraços

[235] Comentário enviado por nicks_hudy em 11/10/2007 - 19:00h

bom eu acho que todas as dritiros são boas, afinal o nucleo eh o mesmo, no caso do ubuntu, ele oferece muita coisa para os "iniciantes" com o objetivo de deichar o desktop mais facil pocivel para o usuario , oferece muita coisa pronta, e o Sackeware prefere oferecer documentação pra ver se as pesoas sobem o nivel para usalo, muta gente nao sabe, mas o linux nao se foca em uma grande busca pelo decktop perfeito e sim num sintema robusto para para uma porção de aplicaçoes diferentes. Por exemlo, dispositivos embargados, rotadores, dvd( por incrivel que parece existes dvds que tem um micro linux demtro) , e por sua vez, grandes empresa tem linux em servidores e ateh mais, com a CVC, Bradesco (que usa linux em seus terminas) Supercado Carefour (que usa o calypso linux). mas em fim o autor desse topico foi muito infeliz ou falar mal de uma distribuiçao pois o mesmo kernel que ele opera no ubuntu opera no Salckware tambem, a unica resposta que eu tenho pra isso eh que, ele nao eh capas de operar o sistema como um administrador de verdade e sim, com um siples usuario que nao tem capacidade se subir de nivel pra usar o Slackware ou outra distribuição qualquer.

[236] Comentário enviado por maskate em 16/10/2007 - 01:28h

hahahahahahahaha

quanta besteira!!

esse cara se dá ao trabalho de escrever isso, e eu ainda perco meu tempo lendo!

esse texto não vale nem pela tentativa de contribuir com a comunidade.

LAMENTAVEL!!

[237] Comentário enviado por eusebioneto em 16/10/2007 - 20:40h

tenho 13 anos e venho usando linux a algum tempo, e acho que o slack é a melhor distro que já usei.

[238] Comentário enviado por kakashi_kun em 24/10/2007 - 15:44h

acho que se alguem quer aprender a mecher com linux , tem que começar a usar o slackware
por aqui sim vc aprende igual homem ralando quebrando a cabeça para fazer uma coisa simples funcionar.

Agora tem algumas distros ae que vc vem encima do arquivo e poem instalar e pronto.
como uma pessoa pode aprender algo assim.
acredito que o slackware é o melhor e nao tem comparaçoes.

[239] Comentário enviado por removido em 26/10/2007 - 02:55h

Tenchi, Quais os mirrors que tu colocou no slapt-get?

Obrigado.

[240] Comentário enviado por removido em 29/10/2007 - 18:04h

São muitos comentários.O slackware é muito bom.O leardership disse que o teclado USB não suporta linux.Pelo menos o modelo que tenho. Agora no slackware funciona muito bem esse teclado.
Olhe que o teclado não foi feito pro linux.

Hoje em dia desenvolvimento de hardware é só com UNIX.
E o slackware mais UNIX do que Linux. Ou seja bem mais compátivel
do que o ubuntu.

O dificil do slackware é a suposta fácilidade do Windows. Pois de todos linux que usei conectiva 6, mandriva 20005, fedora 6, red-hat 3, o slackware é o mais fácil. É só desaconstumar do windows.

Ainda faltou aprender mais do linux,mas o robersonfox também.

[241] Comentário enviado por Raphael.Slack em 01/11/2007 - 10:00h

Bem sou novo aqui só tenho 8 meses, mais uma coisa que vi de interesante no Slackware que nele tenho poder total sobre o sistema. pra mim isso e bom pois so assim posso ver o que eu quero realmente usar. Já usei o kurumin e o Ubuntu, mais vi que nessas Distros nao tenho "controle total sobre ele".

Como foi dito nao ter capacidade pra fazer rodar ou ate mesmo nao ter paciência pra fazer isso é uma coisa agora denigrir a imagem do Slack isso nao pode ser feito! Pois ele e uma otima Distro falo isso porque senti isso na pele e bom você passar horas tentando resolver um problema de SSH ou ate mesmo um simples problema de Tls.

E olha que tenho pouco tempo já pensei em sair do Slack sim pq era dificil e chato mais depois que começei a gostar de compilar os programas mexer com o Kernel vi que isso era muito bom. Vamos usar o exemplo de uma criança que vai pra escola:

ela nao gosta de matemática mais no final ela tem que aprender e se aprender e gostar fica tudo mais facil.

foi assim comigo eu aprendi e gostei entao esta se tornando mais facil.

bem amigo so tenho que te dizer uma coisa você tem que aprender muito sobre linux pois desta forma so poderá falar algo sobre alguma Distro.

"Só é digno do seu poder, aquele que o justifica dia-a-dia"


[242] Comentário enviado por murky em 07/11/2007 - 10:40h

Sou Slack-User há 9anos.. essas pessoas que falam mal do slack é porque são muito burras.. volta pro windows...

[243] Comentário enviado por Iron Fist em 07/11/2007 - 11:46h

muky, não vamos ofender os outros, afinal isto é um fórum, não guerra.
Sem flame wars por favor. Se for fazer ofensas, que seja por MP.

E outra. Muitas pessoas tem facilidades com slack, outras com Suse.. Afinal, cada um gosta daquilo que mais o agrada. O Robersonfox expos a opinião dele (pela qual nao concordo muito) mas é a opinião dele ora!

[244] Comentário enviado por k33p em 28/11/2007 - 19:41h

ah meu amigo.. não largo slack nunca..

slackware é muito limpo e simples.. claro uso dele em desktop é algo não viável.. para usuários normais.. e preguiçosos.. ele é muito bom para aprender realmente o que é realmente o sistema operacional linux

se você gosta do ubuntu fique com ele.. mas não crie artigos sem fundamentos..

o motivo do slackware estar até hj ai é por seus usuários fieis, que criaram laços com ele.. é a mesma coisa que dizer para um usuário do BSD largar e usar um debian based.. pq é mais simples e facil de usar e pratico.. uma coisa uma coisa.. outra coisa.. outra coisa..

é como estilo músical.. cada um tem o seu..

amigo se vc teve problemas com dependências faltou a vc olhar o manual e ler os READMES que vem junto a eles..
este é um grande problema.. ngm lê nada.. apenas deseja que funcione..

realmente acho o ubuntu muito bom para o usuário final.. porem para mim.. não faz meu tipo..

[245] Comentário enviado por fjbvn em 12/12/2007 - 09:57h

Bom, muito se falou ai....

Sou adepto da seguinte máxima:

Linux, qualquer um... simplismente baixe, instale e estude !! No fundo no fundo, é tudo igual !

[246] Comentário enviado por caarlos0 em 30/12/2007 - 16:37h

aff..
olha o que o cara escreve meoo...
se vocÊ tivesse estudado ao invés de escrever esse troço ae tu ganhava dinheiro cara..
de boa.

[247] Comentário enviado por Igor.Schmidt em 20/01/2008 - 14:33h

Uma coisa me deixou fascinado:

"ao passar o cursor do mouse sobre o link ele não apontará para um local comum como manda o protocolo, você verá link com protocolo APT ao invés de FTP ou HTTP, e o nome do programa, quando pressionar o cursor sobre o link, abrirá o instalador gráfico do Ubuntu e instalará remotamente o programa"

Você acaba de convencer mais uma pessoa a experimentar.

[248] Comentário enviado por boo em 29/01/2008 - 21:24h

Vi que o artigo foi escrito por alguem que usou o Slackware por um bom tempo, mas nunca conseguiu entender a filosofia que se esconde por trás do sistema feito por Patrick Volkerding...
O Slackware não foi feito para "emular" um windows, muito pelo contrário, ele foi feito para ser o mais parecido com Unix possível. O Slackware não maqueia processos ou oferece janelinhas bonitinhas para configurar qualquer tipo de coisa, o que ele faz é preparar o campo e dar o controle para o usuário.
Slackware é para pessoas que gostam de aprender e mexer no seu próprio sistema, ajustando-o as suas necessidades.
Slackware é para quem não tem preguiça e sabe o que quer...
Quem não sabe o que quer, usa Ubuntu :)
No ubuntu o usuário passa maior parte do tempo se divertindo com o Aptitude instalando um monte de tralhas que não vai usar depois :)
Eu uso ubuntu no notebook, mas no resto é Slackware...
Slackware para mim é a melhor distro...
A primeira grande distro que existiu e a melhor até os dias de hoje...

[249] Comentário enviado por juscelino em 04/02/2008 - 20:00h

Concordo com o adrianoturbo. "...mas se engana quem pensa que o Ubuntu e tão fácil assim ,ele como o Slackware também possui seus níveis de dificuldades.Uma hora ou outra alguém vai ter que compilar algo no Ubuntu também." Esse artigo não leva a nada O que importa é você usar o que for melhor pra voce. Agora é brincadeira o cara usar um sistema por 4 anos e não saber praticamente nada sobre o mesmo. É brincadeira! Eu mesmo tenho que saber usar o Windows pois tenho varios clientes que usa e preciso dar suporte a eles. Estou até usando o G.ho.st. http://g.ho.st/

[250] Comentário enviado por mrsnil em 07/02/2008 - 15:25h

Bem Depois de ler todos os comentários acima, expor um pouco minha opinião; comecei a usar Linux lá pelos idos de 2002 e minha primeira distro foi um Red Hat 6 era um tal de mont e umount a todo tempo e não reclamei depois fui usando Red até a 7.3, quando migrei para o Conectiva 8, cheguei a utilizar kurumin, debianBR cdd, ubuntu e Suse, Mandriva. cada uma com seu foco de utilização, cheguei a instalar uma época o Slackware 8 distribuido numa revista e foi tranquilo.
Mais já que estamos falando de facilidades e usabilidade vamos aos pontos a seguir:
RED HAT sempre foi uma das distros que mais preserva o software livre foi a primeira a empacotar e distribuir pacotes suprindo as dependências, isto por que o slackware tambem já tinha seu sistema de pacotes o TGZ que não requer dependências. Este procedimento da RED deu um impulso muito grande a outras, distros que adotaram o sistema de pacotes, inclusive a Suse que anteriormente tinha como base o slack passou utilizar esse tipo de empacotamento. É a mais bem sucedida empresa Linux do mundo, inclusive dedicando-se totalmente ao mercado corporativo e criando o projeto Fedora.
SUSE sempre primou pelo belo acabamento e facilidade de uso, e com a novell passou a apoiar e patrocinar o desenevolvimento com a comunidade aberta, a OpenSuse. Muitos falam mal do Yast e de que a distro e pesadona, não é bem assim, o Yast é o melhor centro de controle gráfico para linux tanto para usuário avançado como para iniciantes e quanto a ser pesada.
se querem programas gráficos para configurar tudo tem que se pagar o preço. Por isto o Suse também é uma excelente distro.
MANDRIVA uma junção da Mandrake e Conectiva. A Mandrake foi a primeira voltada para facilidade de uso haja visto seu instalador gráfico ser bastante aclamado as vezes até copiado e tinha grande aceitação no mercado, não tinha muita doc em português e pecava em algumas coisitas de nada, Já a CONECTIVA uma bem sucedida distro baseada no RED assim como o Mandrake, havia conquistado respeito na comunidade brasileira e participava ativamente de projetos, como o synaptic excelente gerenciador de pacotes, extremamente robusta e confiável. Para mim melhor Distro do Brasil, só perdendo mercado para o Kurumin por causa da facilidade de instalação deste, que era uma novidade no Brasil as Live CD, mais muito longe da Conectiva no quesito usabilidade (sei que muitos vão achar que coloquei esta frase anterior mal), mais falo de usabilidade não só para tocar cds ou ouvir mp3, falo no geral. Com a compra da Conectiva a Mandrake saiu do buraco e ganhou mais qualidade, mesmo tendo um começo difícil a MANDRIVA como é conhecida hoje tem grande aceitação no Brasil e no mundo. Também é execelente.
DEBIAN sempe primou pela utilização de pacotes estáveis e livres, o que conta para ela é estabilidade é tão difícil quanto o Slack no quesito configuração, é a base de varias distro no mundo inclusive do Ubuntu aqui falado, muito recomendada para servidores, mais até do que desktop, o que não deixa de ter uma legião de fãs tão ardorosos quantos os Slackers, ótima distro com uma grande gama de repositório e aplicativos que muitas outras se utilizam deles. Portanto felicito aqueles que utiliza esta distro e contribui para disseminação do linux.
SLACKWARE sempre voltado para o mundo unix de ser, jamais(soa determinista esta frase) será uma distro cheia de aplicativos gráficos, é uma distro para ser personalizada desde sua instalção a configuração do X, alta estabilidade e usabilidade tanto no quesito Servidor como no Desktop, bastando-se apenas vontade de aprender e paciência para configura-lo. Falar do Slack tomaria grande parte disto aqui, falarei um pouco mais adiante.
KURUMIN a mais fácil de instalar e usar só não tem o apelo comercial do ubuntu, infelizmente esta distro esta doente, muitos a tem deixado para utilizar o ubuntu que a meu ver é inferior(la vem eu de novo)o que esvazia a comunidade. Calma falarei o por que agora; o Kuruma é uma distro totalmente voltada para o brasileiro nele sente-se mais vontade para migrar do windows, é lepida como um coelho, vem com todos os codecs e tem os famosos icônes mágicos, só não tem o dinheiro da canonical por trás.
UBUNTU com foco na facilidade de uso(quase facilidade) ganhou mercado com um excelente plano de marketing da Canonical, tem la seus encantos e faz alarde no quesito instalação de pacotes e afins que toca mp3 e dvd´s com facilidade. Ledo engano! O Kurumin sim faz isto, no Ubuntu se vc não tiver conexão com a net mesmo que discada já era isto. então a facilidade pregada não é real, tente dar um cd do ubuntu para alguém que não tenha internet, ela vai usar e ver que não toca mp3 e dvd vai tira-la. Mais ai um espertinho vai dizer; o cara vai baixa numa Lan instala os pacotes .deb que quiser, só que as outras distros também pode-se fazer da mesma forma, baixa-se o que se quer e instala. Imagine que uma placa de rede wireless não funcione no Ubuntu, por exemplo uma rtl8185 ou 8180, se o usuário comum não consegui fazer ela subi graficamente o que le vai fazer?
Instalar os drives via net?
E Se ele depende desta placa para usar a net? Então ele vai numa lan e baixa o dito drive e instala. E se ele tiver de compilar? ja era! Mais se ele souber um pouquinho de .conf em modo texto ele podera dar uma ohadinha no /etc e procurar o blacklist, e descomentar a opção do referido drive e usar tranquilimente sua internet a rádio ou rede wireless. Esta vendo que nem tudo são flores no UBUNTU, todas tem seu grau de dificuldade, o que pesa mesmo é a adaptação que você tem em relação a distro. Vi gente com problemas para instalar o Ubuntu no note da ACER e quando acontece, não consegue configurar video ou rede tranquilamente, configurações é uma questão de ciência e paciência meu caro, por isto nada no linux é tão fácil, nós o tornamos fácil.
Há agora minha opinião concreta acerca desta discussão, cada um escolhe a distro que melhor lhe convém e vou puxar a sardinha para o Slackware, a instalação é um primou muito fácil(Só por que é em mod texto seja difícil, lembrem-se o Ubuntu tambm já usou instalação modo texto), digo isto por que você escolhe o que quer, ou faz uma instalação full. O grande erro dos usuáriso comuns é não lê documentação para o linux. E o slack causa medo para eles(inicantes), por não entrar diretamente numa interface gráfica, facilmente resolvido com um startx, a partir dai começa o aprendizado básico que é adicionar contas de users e paciência par ir descobrindo os arquivos de conf(basta ler um pouquinho a doc da distro). Sei que vão me dizer não é para usuário comum fazer isto; e eu discordo se é para usar linux aprenda desde o início como funciona e vc vai usar qualquer distro e solucionar seus problemas e de outros com tranquilidade, pois a vida toda criticaram o windows por causa do seu NNF(nex,next,finish) agora acham isto maravilhoso e tal, eu acho que vc pode conviver com as duas proposta, a linha de comando e o gráfico. Quanto a instalação de pacotes esta vai ser sempre a proposta do Slack e nos sentimos bem com isto, bem como muitos se sentem com as outras distros, imagine que alguém ou repositório te oferece o um programa pré-compilado e vc instala ele, só que vc sem saber instalaou junto um backdoor ou qualquer outro malwere que tava dentro deste pacote, e ai fazer o que, sei que difícil de isto acontecer mais não impossível, mais se voce tem o src na mão fica mais fácil de visualizar eles e verificar se esta tudo correto e sentar o ./configure e o make neles. Todos sabem que muito das vulnerabilidades encontrada no windows acontece com instalação falada acima, apenas instalamos e pronto, não temos acesso ao código fonte.
por isto linux esta ai para verificar a sua escolha, mais com segurança. Ha! O Slack não é cheio de patchs como falou-se no artigo, ele não tem base em outra distro, ele é por ele mesmo, único, e os patch que ele tem é comum a outras, afinal a base de tudo é o kernel, outra mentira deslavada o Slackware não reconhece beme hardware e outra sim, como pode ser isto se o kernel é o mesmo, já disse tudo é uma questão de se verificar os arquivos. conf, o Slackware é tão atual quanto qualquer outra distro. Outro mito não serve para Desktop. O que se entende por Desktop? tocar mp3 ver dvd´s e ouvir seu cd preferido, digitar um texto? Ouvir seu mp3 no Slackware é uma baba de cara ele já toca e dvd e se for criptografado basta instalar libdvdcss que toda distro tem que instalar, digitar o texto então não se fala o kaoofice resolve se não gosta do koffice tem nada mais fácil do que instalar BrOffice.org(Openffice).
E digo mais não precisa lá muitas estas configurações avançadas para o uso de desktop como se falou ai, para servidor sim concordo. Por tanto facilidade de uso tem se muito mais no slakware depois de instalado do que no Ubuntu e quantidade de aplicativos instaláveis para o slackware também é enorme tanto no DVD quanto nos repostórios, que para informação dos que dizem que o slackware não tem aplicativos pre-compilados é só irem dar uma olhadinha em dois deles slacky.eu e linuxpackages.net o que não falta lá é pacotes TGZ para instalar. Ha não quer instalar os pacotes via installpkg usa o kpackage que acompanha a distro, tão bom quanto qualquer outro gerenciador de pacotes na hora de instalar um aplicativo. Quanto aos gerenciadores, quem não gosta do KDE, usa o XFCE ou FLUXBOX ou isntala um dos vários GNOMES para Slack no site slacky.eu tem um projeto intessante.
O que gosto mesmo é de Linux seja ele qual for, mais prefiro o Slackware, mesmo que o amigo diga; o Slack não evolui, o que é uma injustiça, é uma distro muito completa haja visto como já disse o suporte multimídia que é melhor que muitas outras, principalmente se comparado ao Ubuntu. E me pergunto que raios é este facilidade que o Ubuntu tem que outras não tenha, é o GNOME que se parece um pouco com Mac, que se é para acostumar os recem chegado ao mundo Linux, o KDE é mais interativo e lembra mais o menu do windows, instalação de aplicativos o que dizer de SUSE e MANDRIVA, quanto a gratuidade todas elas são gratuitas, compra os cds quem quiser ajudar financeiramente no desenvolvimento, portanto o UBUNTU não é mais gratuito que outras. A grande tacada do Ubuntu esta no fato de que a Canonical montar um baita esquema de publicidade para ganhar dinheiro com o seu sistema, o que acho justo, mais dai dizer que ele é o melho Linux já criado é besteira, as distros vivem evoluindo e outras surgindo, agora cada um na sua. A Canonical falou uma coisa que nunca dissemos."O Linux é sim fácil". Enquanto ficavamos sempre exaltando a segurança do bicho, A Canonical fez o contrário pelou uma distro como o Debian, colocou só o necessário para uma instalação básica e isto outras Live CD ja faziam (Kurumin de novo) e mandou ver no marketing. Que ver que eu não tô mentindo. A onde é mais fácil configurar um softmodem no Kurumin ou no Ubuntu? Evidente que o kuruma fácil e ligeiro. Enfim o Ubuntu é uma boa distro mais não a melhor e nem de longe se equipara ao Slackware mesmo na dita facilidade. Pois facilidade na vida é problema, tudo que vem fácil vai fácil, só se consegue as coisas suando e com dificuldade, talvez isto explique o extase de quem usa Slackware quando consgue configurar sua placa de tv como ele quer, e olha que não é nada fácil fazer isto em outras distros. Por isto uso Slackware 12 aprendo cada dia mais sobre hardware e software. O Linux é como o Futebol, no Futebol a várias agremiações cada pessoa escolhe uma por afinidade e ficam loucos por ela, brasileiro se Orgulha de ter o melhor futebol do mundo, os argentinos discordam haja visto que Brasil X Argentina é uma guerra, só tem uma coisa, o Brasil tem Realmente o melhor futebol do mundo e no Linux também é assim. Se eu fosse dizer qual o melhor Linux diria o Slackware, por que é o que mais me identifico como outro vai dizer que é o Fedora, assim também é no futebol, torço para o Vitória-BA, sei o que muitos pensam, mais é o time que torço e gosto mais não saio por ai chigando nem desmerencedo outros clubes, cada um na sua. Quanto a você robersonfox não parece que usou Slack por quatro anos, pois a facilidade que você acha que tem no Ubuntu é por que usaste o Slackware e você bem devia saber que o Slackware é assim mesmo, pois a postura de ofensa diante do Slackware dizendo que ele é um sistema remendado não procede, veja sua nova distro, quantos remendos não tem. Quem tem telhado de vidro não joga pedra nos dos outros viu Sr. robersonfox, e para você não postar que estou mandando este post de uma máquina windows XP, é por que no exato momento estou no meu trabalho que é uma escola particular e não tenho outra opção se não usar o piratão. Uso Slackware 12 e minha esposa que não entende bulhufas de linux usa todos os seus aplicativos office e players e até conseguiu instalar o keffeine no Slack sabe por que? Coloquei por padrão o kpackage para abrir .tgz com sudo. Ja disse o mundo não é fácil nós o tornamos fácil, assim é o mundo linux.
Meu nome é Marcos cursei o técnico de informática e atualmente sou graduando da UEFS no curso de História e atuo como professor de História e Técnico, e eu tenho a plena certeza de que qualquer um possa fazer aquilo que gosta nas mais diversas áreas, querer é poder e paciência para aprender, por isto me sinto livre, curso o que amo (história) mais sou amado pelo mundo livre que a informática vem se tornando por isto tabém amo o SLACKWARE, sem deixar de gostar das outras distros. E VIVA O LINUX!



[251] Comentário enviado por p0ng em 10/03/2008 - 04:12h

bom, eu comecei a usar o Linux em junho de 1999. instalei algumas distribuições (conectiva, mandrake, caldera openlinux, corel linux...) e em 2000 conheci o Slackware. de lá pra cá não instalei mais nenhuma outra. e fiz isso porque me identifiquei com a distro. hoje em dia o pessoal mete o pau no Slackware por ser difícil e tal, e fala pra usarem o ubuntu (como diz o artigo) porque a Novell, Google, Dell e Acer usam. as minhas necessidades não são as mesmas dessas empresas. ou vai me dizer que o Ubuntu em um Celeron 600, com 256mb de ram fica uma bala?

acho sim, que as pessoas devem usar qualquer distribuição (inclusive o ubuntu). o que não acho legal é usarem tal distro porque tal empresa usa ou porque é a onda do momento.

ah! e só pra completar, eu uso o Slackware 12 no meu notebook. com rede wireless, touchpad, mouse com "rodinha" e tudo mais :P

[252] Comentário enviado por chernob em 23/03/2008 - 14:30h

resumindo: toshiba satellite a10 s167

tudo funcionando...nenhuma dificuldade...

suporte? a comunidade slackware tá aí pra isso

mercado? deixe-o para a microsoft e bughat

evolução? a preguiça não é evolução...evoluir é aprender...se tem preguiça de aprender, está involuindo (Se é que existe essa palavra)


realmente...o slackware necessita de um pouco mais de tempo, já que não é uma tentativa de transformar o linux no novo windoom x.

Quer simplicidade e tudo na mão?? Volte pro windows ou compre um mac.


[253] Comentário enviado por Radiske em 02/04/2008 - 09:46h

Pessoal, diariamente leio fóruns de linux, é o meu jornal diário de informação e raramente tenho comentado devido ao vício de não parar de escrever e, assim, ocupar demais meu tempo, porém, não pude deixar de comentar este, que, realmente, perturbou minhas idéias.

O Viva o Linux é o meu preferido, encontro quase tudo o que preciso aqui.
Quem nunca foi ajudado por um Slackwareuser?
Tenho certeza que quem mais ajuda, levando em conta a quantidade de usuários, são os Slacks.
Como aqui a opinião conta, vou passar a minha.
Comecei no final da década de 90 a mexer com esse tal de Linux.
Sou programador Windows, tenho meus sistemas Windows comprados e licenciados, (grande coisa hahahaha), porém, parei no Windows 2000 Pro e não vou mais adiante.
Sou completamente contra a pirataria.
Experimentei diversas distros, tive até Kurumim 2,3,4..., Hed Hat, diversos Mandrake e até aquelas alienígenas que apareciam em CDs de revistas, nossa, essas foram várias.
Tudo o que havia instalado até aí foi sem auxílio nenhum ou internet, só pegando CDs e disquetes emprestados.
Por fim, veio a internet, descobri que existia um tal de Slackware que o pessoal falava que era difícil... hummm tá pra mim...
Que difícil que nada, foi a melhor distro que já caiu na minha mão, não larguei mais ela desde então.
Muitos vêem o Slackware com maus olhos achando que a distro é difícil, complicada etc e tal. Complicado é o gosto feminino quando vai comprar roupa, Slackware tem manuais e fóruns próprios de ajuda e que fóruns, uma excelente comunidade de apoio e um sistema Linux fantástico ajustado pelo Patrick. Como gosto de ler uma Slackzine de vez em quando.
Dentro de minhas característica encaixou o Slackware, ele tem tudo o que eu preciso, se não tem, compilo :-), gosto de um tgz mas não sou preguiçoso, prefiro ter a certeza de que o que veio para o meu Slack foi algo que preste.
Não condeno quem usa Debian, Fedora, Kurumin, Ubuntu, Gentoo, Suse, OpenSuse, Mandrake, Hed Had, Mandriva e outras Alienígenas, ainda bem que tem pessoas que utilizam outras distros para os sistemas crescerem, apenas deixei minha opinião e minha experiência com o sistema Linux.
A propósito, para aqueles críticos mal intecionados, uso Windows e Slackware Linux. Vivo disso, trabalho com servidores Windows e Linux e sou feliz assim.
Meu PC de trabalho nas empresas é Linux e o meu residência é Windows e Linux, que mal há nisso? Não podemos viver dos dois sistemas ou três para quem usa Mac ou outro?

Obrigado pessoal e VIVA O LINUX!!! (amo tudo isso /o/)

[254] Comentário enviado por vodooo em 08/04/2008 - 11:40h

Uso Linux a mais ou menos 8 anos, minha primeira distribuição foi a WinLinux2000, instalada e iniciada a partir do Win98 :-)

De lá pra cá fiquei apaixonado por Linux, mas sempre esbarrei em vários problemas, como todo mundo aqui deve ter esbarrado!

Passei por distribuições como RedHat 6, Suse, Mandrake, Kurumin, e até mesmo o Ubuntu!

Mas nenhuma delas me fez tão feliz como o Slackware! Nele consegui uma curva de aprendizado muito maior do que poderia ter conseguido em qualquer uma destas outras distros.

Realmente você não deve ter conhecido ele bem, ou teve preguiça pra tentar conhecer pois falar mal como fez de uma das mais aclamadas e idolatradas distros foi uma burrice! E será porque que o Slack tem tantos adeptos que o defende com unhas e dentes se ele "é arcaíco, não inova, seu sistema de pacotes aborrece os usuários, suporte primitivo (nossa, essa foi demais pois o que mais se encontra no mundo Linux hoje em dia é slackers que sabem o que estão fazendo no sistema, sabem como resolver um certo problema e estão sempre dispostos a ajudar)" entre outros absurdos que você mencionou?

Cara, acho que você foi muito infeliz neste seu artigo e espero que aprenda com seu erro!

Utilizo Ubuntu também, em meu PS3, pois prefiro o Ubuntu do que o YDL, mas no PC só vou de Slack, ah, e com Desktop todo configurado e com tudo que tenho direito! Olha e nunca tive "problemas" em querer aprender para resolver os problemas que apareceram!


Viva o Linux!!!

[255] Comentário enviado por super-root em 11/04/2008 - 11:24h

Uso o slackware a mais de 4 anos não encontrei problemas como descrito no artigo. Usuario que aprendem usar/configurar o slackware na verdade estão praticamente conhecendo o "linux" e não uma distribuição especifica.

Certa vez quando estava conhecendo a linguagem de programação C/C++, encontrei em um livro a frase 'C uma linguagem para programadores!'. Quando ví isso não entendi muito o sentido e somente após conhecer a linguagem entendi a frase. Neste sentido tambem na minha opinião estã o slackware.

Não gostei nem um pouco deste artigo, e acho que se alguem estiver procurando facilidades deveria migrar para o windows, que é muito mais facil para usuario iniciantes em informática. Tenho o Cd o ubuntu e Kubuntu. Rodei uma vez somente e nunca mais !

[256] Comentário enviado por gryphonjp em 17/04/2008 - 17:26h

eu uso slackware a 2 anos. Gosto dele porque há algum tempo tive que montar um servidor em um PC 486 com conexão discada.
A conexão não podia ficar ativa o tempo todo. Então ele tinha que conectar com demanda.
Tinha servidor dhcp, apache, postgre, mysql, e um "firewallzinho". Na época era ipchains.
Sinceramente, slackware era um pé no saco. Fiquei uns 3 dias compilando as coisas para poder instalar. E faltava um monte de biblioteca. Eu tinha que baixar e instalar. Um Apt-GET teria me ajudado muito mais.
Mas tinha que ser o slackware porque era mais enxuto. Então era mais fácil de rodar ele no 486. Daí era só configurar os .CONF da vida e os scripts do rc.d.
Depois do slackware 9, meus problemas com compilar programas pelo fonte diminuiram.
Com o slackware 12 então. É muito bom. Montei um servidor recentemente, desta vez level 1 hora (já tinha download de tudo em dvd).
Sinceramente gosto mais do slackware por ser mais enxuto, e tudo que você faz nele, é fácil aplicar em outras distribuições.
Particularmente não uso Linux nenhum como desktop. E uso linux umas 16 hs por dia. Tudo via SSH.
Mas o slackware não perde para outros em interface gráfica, na minha opinião.
Slackware só peca em uma coisa: KD O 64 BITS????????
Isso faz muita diferença no desempenho do PC.
Estou esperando anciosamente por uma nova versão 64 bits.
Algumas coisas demoram mais no slackware. Mas ainda assim é uma das distribuições mais estáveis para servidor.

[257] Comentário enviado por albfneto em 29/05/2008 - 20:01h

Olha, seu artigo é bem polêmico. existem distros fáceis de usar, outras não, existem muitas.
Cada pessoa gosta de uma e a defende fervorosamente. tudo depende de gostar da distro ou não, de querer ter trabalho ou não, de querer compilar e configurar tudo ou não....
Veja no Brasil.... Slackware é muito utilizado e Ubuntu também! Cada uma tem seus cultores.
Eu comecei a usar Linux em Kurumin e em Ubuntu, mas hj gosto mais das distribuições Gentoo e Gentoo Like, pq as acho mais fáceis de usar que Slackware, mas sem serem pacotes fechados que só usam binários prontos como os Linux Debian e o Ubuntu.
Acho que distros baseadas no Gentoo, são úteis nas tarfeas comuns e ao mesmo tempo são customizáveis.
A melhor coisa dos Linux, é a possibilidade de escolha...
O que não gosto em Ubuntu?
Seu jeito de pacotão fechado como o MAC.... eo monopólio quie parecem criar, dominnndo o Mundo Linux.... Todo mundo usa Ubuntu, pq elee tem muita grana para fazer propaganda e distribuir!
O que não gosto de Slackware?
Os pacotes desatualizados e o trabalhão que dá!
O que gosto de Ubuntu?
O design, as atualizações e trocas de versão rápidas...
O que gosto de Slackware? Junto com o Mandriva ( outra arquitetura e Filosofia), o melhor reconhecimento automático de hardware (há documentos na rede sobre isso!) e sua estabilidade, é indestrutível!!!
Enfim, as opiniões são várias. Acho isso bom... Linux pra todos os usuários!!!!

[258] Comentário enviado por Warheart em 30/07/2008 - 05:33h

ae, mais um artigo desses e eu vou te dar um CD do windows XP, viu?


"Não existe melhor distro, existe aquela que se adequa á sua forma de pensar e trabalhar" :D

[259] Comentário enviado por spitfire-f11-ste em 17/10/2008 - 20:44h

so um comentário no slackware não tem restrição para instalar java flash nem drivers de placas de video certo
como no ubunto não preciso de permissão para ouvir minhsa musicas em mp3 para ver filmes no mplayer
não preciso ficar digitando sudo mais comando entende quero ver usar freebsd configure java flash e mplayer configura placa de som ,rede
uso desde a versão 7 adoro slackware porque e booooooooooooom.

[260] Comentário enviado por wertgo em 31/10/2008 - 22:15h

Vcs estão Discutindo o sexo dos Anjos. Quem é mais gostosa: a loira ou a morena?? Ué, é tudo mulher? Viu?

Vamos simplificar, existem duas correntes no Mundo Linux:

* Uma tenta alcançar o máximo de usuários possíveis (massificar), independente do conhecimento. Nem que para isso deva adotar a tática do concorrente: ‘Facilitar para conquistar!’

* Outra é a que procura a qualidade do usuário, que prima o conhecimento e exige a evolução mais rápida do usuário, o lema é mais ou menos esse: ‘Para usar, tem que conhecer, tem que merecer.’

O Ubuntu se encaixa na primeira corrente, o Slacware na segunda. Então, na hora de instalar Linux geral na empresa vc vai usar qual? Ubuntu.

E na hora de instalar no servidor? Prefira Slackware ou Debian. Voltando a retórica, gosto não se discute, pq tem gente usando Ubuntu Desktop com servidor!!

Mas seu comentário (desabafo?) foi muito válido, quanto mais se fala de Linux mais ele se espalha!! Obrigado.

Não vou defender uma bandeira, quem manda é o cliente e a necessidade!

Sabe qual é a bola da vez? Produtividade, vc é mais produtivo com qual distro? Sacou?

[261] Comentário enviado por psych0 em 14/11/2008 - 16:27h

Eu sou user Slackware faz 3 anos e não vou abandona-lo...

Vejo muitas coisas no debian/ubuntu boas e fáceis.. mais não troco o slackware por isso não!
Gosto da sua estabilidade e segurança, sem falar na personalização que no debian é aquilo e acabou e vc nao tira os pacotes desnecessários.

Vejo da seguinte forma: "Viva o Linux! Cada um com sua distro. Sendo Linux pra mim tá valendo."


E como diria o http://pt.wikipedia.org/wiki/Slackware:
Há quem diga: "Quando você conhece o Slackware, você conhece Linux; quando conhece Ubuntu, tudo que você conhece é o Ubuntu"...
Isso nada mais é que sempre que eu tenho problemas no debian e outras distros, os métodos e maneiras slackwares sempre funcionam mais quando algum amigo meu precisa usar um gentoo,arch,fedora,slackware,suse e ele é usuário ubuntu ele sempre tem dificuldades....
Vejo o slackware como uma escola e um S.O MARAVILHOSO!


E não vamos Brigar por uma distro (é lógico que isso sempre vai ocorrer) mais sim pelo OpenSource e pelo GNU/Linux

Parabéns pelos comentários e meus parabéns pelo artigo !!!

[262] Comentário enviado por goss em 03/02/2009 - 15:08h

Cara usei slack por 4 anos tbm, reconheço a facilidade de uso so ubuntu junto ao gnome, porém existem as mesmas ferramentas de instalação de pacotes no slack assim como no ubuntu como o slapt-get etc, tenho as duas distros no note porém notei uma consideravél perda de performance em aplicações 3D no ubuntu mesmo instalando o pacote direto do site da nvidia, alguém tem alguma dica de como posso resolver isso?


abraço

[263] Comentário enviado por helloworldbr em 11/04/2009 - 13:21h

Comprei um laptop Firstline FL188 em uma pechincha e instalei o Slackwre 12.2 depois de instalar o Ubuntu Intrepid Ibex. Para minha surpresa, o Slackware nunca falha. Já o Ubuntu às vezes congela no boot e eu preciso desligar o laptop e reiniciar. Além disso, o Slackware tem uma resolução de vídeo mais alta, enquanto o Ubuntu consegue no máximo uma resolução 800x600. Como não sou fã do KDE, optei pelo ambiente Xfce, que é mais leve e também não é difícil de usar.

[264] Comentário enviado por Slacker em 02/05/2009 - 23:10h

Aqui vai minha opinião: Quarta-feira comprei um Netbook Philco com a seguinte configuração: Intel Atom 1.6 GHz e chipset intel 945GSE, o netbook veio de fábrica com um tal Fenix Linux baseado no Ubuntu que não conseguia nem usar a resolução total do meu monitor, até aí tudo bem, instalação porca com certeza. Peguei o pendrive e fui instalar um linux pois meu netbook não tem leitor/gravador de cd/dvd, aí pensei: "putz, meu velho precisa usá-lo também, preciso achar uma distro amigável." Pensei de cara no Zenwalk, bem, resumindo, depois de nada mais nada menos 8 tentativas com 8 distros diferentes incluindo Xubuntu e Open Solaris, qual a distro que instalou tudo, não reclamou e ainda por cima configurou TODO o meu hardware sem chiar? Slack 12.2. O Xubuntu travou no meio do caminho do liveCD rodando no pendrive é mole? E GNOME? Pfffff...nem se compara ao KDE. Aqui o KDE 3.5 roda super liso e estável, rápido e lindo, quem precisa de GNOME? O Patrick chutou o GNOME da árvore do Slack justamente porque era difícil de compilar e exigia 876348568764387958743658634 de libs onde 2/3 não tinham funcionalidade alguma. Apt-get? Usei um Debo uma vez, com GNOME, não curti o garvador de cd do GNOME e instalei apenas o K3b, aí um belo dia resolvo desinstalar só o gravador do GNOME, o que aconteceu? o apt levou o X junto. Sim o X! Isso é que é ter pacotes inteligentes né. Sem mais.

[265] Comentário enviado por dr em 18/06/2009 - 12:13h

No fim das contas o ubuntu não passa de um parasita do debian, sugando, sugando e não dando nada em troca. Além disso, está querendo convencer alguém a abandonar uma distro renomada que nem o Slackware para utilizar um semi-linux? Uma distro (mal)modificada? Que isso!!!

[266] Comentário enviado por luiztomaz28 em 26/06/2009 - 22:14h

Meu caro, sou usuário de linux, uso na empresa onde trabalho, slack, debian, suze, começei aprender linux com kurumin, tive a oportunidade de conhecer slackware com uma amigo, e sinceramente me apaixonei, mas mesmo assim não dispenso outra distri, porém em termo de servidores, em termo de instabilidade sinceramente prefiro slack principalmente por não tem q ficar dando update tdos dias, cara, slack instalou acabou, pde ser um 486 como tenho 1 servidor de dns, nunca mechi para + nada nele. funciona perfeitamente. Como disse gosto de linux, mas slack merece respeito, e sinceramente eu respeito slack. E em termo de servidor ele é 10. Agora para quem quer facilidade, quem sabe ate aproximar do famoso nex nex find. A todos um grande abrço. At a prxima.

[267] Comentário enviado por richheavy em 16/07/2009 - 01:49h

hum... outra discussão sem sentido =/

[268] Comentário enviado por richheavy em 16/07/2009 - 01:56h

o cara passa 4 anos e num aprendeu devia se mantar isso sim....

[269] Comentário enviado por alefesampaio em 24/07/2009 - 21:13h

Eu quero cordar com tudo que foi dito por você no artigo.

Eu uso o ubuntu desde a primeira verção, tudo que um usuario slack.. faz no seu sistema eu fasso no ubuntu com algumas diferenças, enquanto usuario slack.. demora um tempão buscando informação para simplemente copilar um drive, eu copilo sem a necessidade de perder tanto tempo quero resalvar que sistemas operacionais forama feito para agilizarem certas tarefas, agora imagina eu programando e ao mesmo tempo, tendo que ficar revirando todo kenel do sistema para aceitar certas coisas que eu quero que ele fassa!.

Outro ponto que gosto sempre de lembra é que um sistema facil não quer dizer quem usa ele seja "BuRRo" talveis ele seja ate mais inteligente do que quem escolheu um sistema dificil.
A pergunta e se fosse para você compra um carro na loja iria compra um carro tipo fusca que a lataria e boa mais a injeção não eletronica o motor e ruim ou vc compraria Honda Civic? claro que vc compraria o honda isto pode ser uma comparação um um pouco esagerada mais e desta forma que também vejo o sistema ubuntu e slack sendo que honda = ubuntu slack= fusca
ok e minha opinão

[270] Comentário enviado por maskate em 24/07/2009 - 22:41h

caro alefesampaio já que é tão fácil "copilar" as coisas no Ubuntu, "copila" um corretor ortográfico pro seu Firefox "fassa" o favor!

E realmente as novas "verções" do Ubuntu até que estão bem legais.

Quem usa Slack pode até não ser mais inteligente, mas alfabetizados todos somos sem "esageros"!

hahahahahaha


[271] Comentário enviado por removido em 24/07/2009 - 23:28h

alefesampaio e maskate

A questão nunca é o que parece

A verdade é simples não estamos usando o GNU Linux realmente.
Quem conhece a distro conhece apenas a distro. E quem conhece slackware
conhece GNU Linux. Não existe Linux apenas o GNU Linux.

É um artigo de vergonha e muita grande. Dizendo para trocar GNU Linux
por outra coisa não GNU Linux puro. O ubutu para mim foi o que mais teve
incompartibilidade. Ainda estou procurando a distro que funcione direito, nenhuma
funcionou direito apenas o fedora chegou perto.

Slack, ubutu, mandriva, suse, kurumin, red hat

[272] Comentário enviado por removido em 13/11/2009 - 20:55h

Cara, o seu artigo ficou legal, eu confesso... mas deixou a desejar.
Distribuições cada uma a sua maneira, mas não é só por que a distribuição não tem uma coisa, que também ela vai ser ruim.

O Slack, é muito bom, já vem com programas e não é LIVE-CD (Isto é tem como reinstalar os pacotes do sistema sem reinstalar o sistema ou baixar da internet), o que possibilita a instalação dos pacotes via cd de instalação.

O Slackware, é mais uma filosofia do que uma distribuição propriamente dito.
Pois a força do Slack, está na sua utilização e semelhança com UNIX, e também e Slackware, é a remasterização* do Linux segundo Volkerding, ou seja ele fez uma distribuição a maneira que ele achou melhor e colocou na internet, de tanto que há várias pacotes distintos e nunca um "padrão" de pacotes que só utilizam GTK ou QT. como suas blibiotecas de interface.


[273] Comentário enviado por removido em 15/11/2009 - 12:47h

Cara, o seu artigo ficou legal, eu confesso... mas deixou a desejar.
Distribuições cada uma a sua maneira, mas não é só por que a distribuição não tem uma coisa, que também ela vai ser ruim.

O Slack, é muito bom, já vem com programas e não é LIVE-CD (Isto é tem como reinstalar os pacotes do sistema sem reinstalar o sistema ou baixar da internet), o que possibilita a instalação dos pacotes via cd de instalação.

O Slackware, é mais uma filosofia do que uma distribuição propriamente dito.
Pois a força do Slack, está na sua utilização e semelhança com UNIX, e também e Slackware, é a remasterização* do Linux segundo Volkerding, ou seja ele fez uma distribuição a maneira que ele achou melhor e colocou na internet, de tanto que há várias pacotes distintos e nunca um "padrão" de pacotes que só utilizam GTK ou QT. como suas blibiotecas de interface.

[274] Comentário enviado por ladino em 14/05/2010 - 16:38h

Amigo, comparar Slackware com Ubunto é o mesmo que comparar um 4x4 com um Sedan.

Só pra te deixar situado...
Slack e ubuntu tem filosofias distintas...!
Acho que você deveria ter estudado mais sobre o slack antes de fazer seu atigo.
Percebe-se facilmente que você se apaixonou pelo o ubuntu depois de ter se frustrado com por não conseguir usar o slack.



[275] Comentário enviado por alefesampaio em 15/05/2010 - 01:38h

Confesso que o Slack, super “MBO “ Muito bom para otário.
Nunca mudei minha opinião, sobre esse péssimo distro.
E ainda-se fala que é distro para usuário ele mal serve para servidores.
Pesquisa feita pelos usuários Ubuntu, mostra que muito dos usuários que defende esse distro nem sempre usa ele para tarefas diárias. Me mostre um desenvolvedor que utilize ele alem dos celebres slackianos, na minha comparação os slackianos estão no mesmo patamar dos Microsoftinianos
criticam, criticam mas não saem da mesmice.

[276] Comentário enviado por wouerner em 22/05/2010 - 14:22h

Veio tenho uma frase para isso:

Você não quer lidar com compilação e ter uma infinidade de programas: use Debian.
Você quer ter facilidade: use Ubuntu.
Você quer ter problemas use rWindows 7 Ultimate.
Você quer ter frescuras use MacOSX.
Agora se você quer realmente saber o que o GNU/Linux é: use Slackwere Linux.

[277] Comentário enviado por xirux em 28/01/2011 - 08:06h

Falou pouco mas falou nada! huahuahua

[278] Comentário enviado por /bin/laden em 14/02/2011 - 01:16h

Comecei no Linux utilizando o ubunto e depois de certo tempo vi que ele realmente é uma porcaria! Fui pro Debian e encontrei uma distro ótima e estável, agora estou começando a usar o Slackware e só posso dizer uma coisa: ESTOU ADORANDO...

[279] Comentário enviado por Rogerio pg em 15/02/2011 - 00:26h

não brigem ubuntu Slackware e outros sairam da mesma madre .amem

[280] Comentário enviado por fdavid em 29/03/2011 - 07:50h

Uso Slackware a 10 anos, tanto no servidor, quanto no Desktop.
Vai instalar alguma coisa, tem que compilar, resolver dependencia... com o termino dos cabelos comecei a usar SlackBuild.

Slackware não é para usuário, eu não o instalo para esse fim, optei por ele para aprender e pago o preco, ou você acha que existe almoco grátis ?!


[281] Comentário enviado por elionay em 17/12/2011 - 18:16h

e complicado verem tantos users brigando e glorificando uma distro mais do que a outra... todas as distros são linux, não entendo porque alguns users são tão ignorantes ao ponto de achar que uma distro especifica seja melhor que a outra, todas distros tem seu valor, desde o kurumim ate o slackware todas merecem respeito, todas levaram tempo pra serem aperfeiçoadas, gastaram tempo de seus colaboradores, todas desempenha um papel importante para que hoje o linux tenha o nome que tem e tantos adeptos das plataformas GNU/Linux, vejo uma discussão aqui sem fundamento e sem MATURIDADE. porque linuxer que é linuxer respeita todas as distros e todos os seus users.
cresçam crianças.
evoluem.

OBS: concordo com o comentário do Rogerio_pq "não briguem ubuntu Slackware e outros sairam da mesma madre .amem"

e não esqueçam que todas tem o mesmo objetivo. A LIBERDADE.

abraço para todos os membros do VOL

[282] Comentário enviado por vicentte em 24/05/2012 - 02:26h

Bom dia,

me desculpem por colocar meu comentário agora, mas só hj vi esse artigo.

Quando se fala em linux, qual a imagem que vocês tem do sistema? Qual é a fama do linux?

Dizem "Ahh o linux é um sistema aprova de falhas, super estável, mas tudo é feito em terminal de comando."
Isso é o que a grande maioria das pessoas que apenas viram o linux dizem, mas não é um erro, apenas parte da verdade.

A primeira distro que entrei em contato foi o fedora, depois passei a usar o centos com servidores, mas essas duas ainda conservam
essa imagem original do sistema, mas quando atravéz de um colega de trabalho, conheci o slackware, parti pra ele para usa-lo em meu
desktop, não tive dúvidas. Já tem 6 anos que uso slackware.

Porquê? Porque além de estável, ele uni duas coisas muito importante e legal pra mim, desktop e comandos avançados.

Sério mesmo, quem tem amor a linux de verdade, usa distros que exploram a perspicácia, e provam a verdadeira capacidade técnica do
usuário. Chego a dizer que o linux, é a barreira que separa os técnicos amadores dos profissionáis que realmente sabe de informática.

Essa história de clicar no link e instalar apps automaticamente, tira a magia do sistema, e o peso que o nome LINUX carrega. De você usar e aperfeiçoar-se o tempo todo. Está ridiculamente mais fácil instalar alguns programas no ubuntu do que no windwos. O ubunto está mais para uma tentativa de fazer um windows mais facil, porém gratuito.

Há pelo menos 6, 7 anos atrás, quem falava pra mim que trabalha com linux, eu respeitava, e nem questionava a capacidade técnica do sujeito, automaticamente sabia que ele era perito em linux, rede e serviços. Hoje... , eu peço a certificação LPI do cara pra saber se ele realmente SABE alguma coisa.

Como o nosso amigo sombriks disse, fazer em mais tempo, mas para durar.

Quando finlamente, depois de estudar bastante e estar seguro de saber linux pra não voltar ao windows para socorrer algo, o que implica conhecer gerenciadores de pacotes e sistema de arquivos, TCP/IP em geral como protocolos de toda natureza e roteamentos, serviços de rede e internet como mysql-apache-dns-squid-iptables-nfs, tcpdump, iptraf, entre outros, eu me senti um super administrador de redes.

Hoje trabalho autonomo, dou manutenção em provedores de internet e tenho o meu, manutenção em sistemas de gestão, e o mais
impressionante que vejo, é que a maioria tem deixado windows para aderir ao ubuntu, mas na hora que dá um sério problema, não são
usuários de ubuntu que resolvem, aí chamam um especialista em linux que realmente resolvem os problemas e adivinhem, praticamente
todos os técnicos são usuários de centos e ou slackware, no máximo, debian. E os poucos tecnicos experientes usuários de ubuntu, são
antigos aprendizes do slackware e ou centos, entre outras com o mesmo propósito.

Isso porque normalmente, depois do sistema rodando um serviço vital em uma empresa, não pode simplesmente ser formatado.

Isso prova também que quantidade não é sinonimo de qualidade, e que é melhor usar uma distro mais tradicional, e participar de uma comunidade menor, porém de verdadeiros usuários de linux que são normalmente excelentes técnicos com diferentes experiências e não só desktop, do que usar uma distro com quinzelhões de usuários, que na hora de fazer um redir com iptables ele pergunta, ""que isso? Não vi isso no menu!!!""

Quantas vezes peguei material de estudo sobre diversos serviços, ensinando a configurá-los da maneira LINUX e também com opção pelo desktop, e eu pulava essa parte, só aprendia a parte de comandos, porque é inigualavelmente mais segura, efetiva e prazeroza(pra quem curte linux).

Mas se você está pensando nas facilidades como o autor desse tema levantou questionamento, então eu me atrevo a dizer: Você não nasceu para usar LINUX, com todas as letras e o peso que o nome do sistema leva.

Cara, outra coisa, não procede essa de "ideias e produtos", empresas com uma distro rodando qualquer serviço, desde que esteja legal,
não migra pra uma outra assim pq ela é mais bela e aparentemente fácil, todas as empresas sérias pagam consultorias as vezes caras antes, e normalmente, os consultores indicam distros como centos e no máximo debiam como servidores, e alguns provedores de internet o slackware. Empresa nenhuma muda de uma distro pra outra, pelo menos nos servers, apenas por caprixo, e arriscando seu faturamento, isso é coisa seríssima.

Tenho visto isso no meu dia a dia durante os 4 anos que trabalho como autonomo, e quando me consultam, eu indico o centos, mas quando vejo que o cara manja um pouco de linux, eu mando um slackware nele e o cliente fica maravilhado e satisfeito com a initerruptabilidade do sistema, e principlamente do serviço, que é o objetivo de se usar uma distro estável.

Tudo o que eu disse acima, não é uma mera opinião minha, é o que eu vejo e sinto no dia a dia inexoravelmete, em todos os lugares que vou.

Pra mim o ubuntu não é um disperdicio, mas uma distro voltada a usuários comuns, que só querem como você disse, curtir seus programinhas sem ter que saber nada como funciona um protocolo http ou um instalador apt. Que odeia informática mas ama um facebook.
E pelo que você disse, você é um técnico e deveria saber disso. E um técnico em LINUX normalmente não tem as dificuldades e problemas que você apresentou, e curtiria sim seus programinhas, pois eu curto numa boa, tanto o processo de instalação na unha, quanto usar os programas em si posteriormente.

Se você ama realmente linux, aconselho a se aprofundar e mergulhar fundo nos comandos e se atualizar sempre com sua distro se for o caso o slackware, e seu ambiente, sistema de arquivos, hierarquia de diretórios etc., para que você saiba resolver qualquer coisa. Mas se realmente é disso que você está correndo, então reafirmo o que disse mais acima, vc nao nasceu para usar LINUX.

[283] Comentário enviado por M4rQu1Nh0S em 15/03/2013 - 22:54h

Slackware é um sucesso!
apesar de nunca ter conhecido ele, eu digo que: se ele tá aí por tanto tempo, se sujeitando a tantos bugs relatados por reclamações de usuários e que é usado ainda até hoje atravéz de sua filosofia, jeito de funcionamente, amor ao sistema e etc, ele está firme até hoje.

se o problema for gerenciador de pacotes, a preocupação foi reduzida com um gerenciador de pacotes que se tornou oficial!

PS: desculpem a demora por comentar só agora, mas só agora eu vi isso²...

[284] Comentário enviado por px em 25/03/2013 - 19:17h

O MEU DEUS !!!!!!!!!!!!!! NA BOA PQ LI ISSO , VO NEM DURMIR HJ , VAI Q O UBUNTU ROUBA MINHA MENTE TBM :)

[285] Comentário enviado por rogersj em 07/04/2013 - 03:33h

Nossa só agora vejo esta postagem... a original datada de 2007... qual será a cabecinha desse rapaz hoje em dia? será que num mundo de Ubuntu PESADÃO ele ainda pensa assim?

Nem quero fazer um comentário tão extenso quanto os ilustres amigos que postaram com muita propriedade os "porquês" de usar Slackware...

Atualmente Ubuntu 12.04LTS e saindo já já do forno o 13.04 VS Slackware 14.

O Ubuntu na minha opininão está para Windows Vista - pesadão, exigindo máquinas potentes, fugindo da filosofia original do Linux. Enquanto isso temos um velhinho que sobreviveu... afinal já estamos em 2013 (é verdade já se passaram 6 anos desde que o autor jogou essa postagem...) o engraçado é que quem estuda programação ou até mesmo é simpatizante e entusiasta de Linux faz justamente o contrário... o sujeito adentra o mundo Linux via Live CD - e nisso o Ubuntu faz sucesso "com quem não sabe usar linux e dá os primeiros passos com este OS ou com uma de suas variantes ou mesmo subprodutos que são desenvolvidos a partir deste...

Mas quando meninos viram "homens" e começam a se interessar e a estudar a fundo um OS, ai vem a necessidade de saber cada vez um pouco mais e a curiosidade faz encontrar o Slackware e se aventurar nos desafios de configuração e controle da Shell para executar todas as configurações.

A bem da verdade hoje o Slackware nem é tão dificil, já está ao alcance mesmo de um novato que seja atento, e que busque em pesquisas. A primeira vez que configurei um Slackware na vida, não pedi ajuda a ninguém em foruns, fui a luta e aprendi ( não sei se o termo na unha é correto ou se é melhor falar que aprendi a não ter medo de shell, não ter medo de converter pacotes RPM, não ter medo de quebrar o OS) e realmente eu quebrei em semanas. Como era novato, reinstalei, corrigi as falhas anteriores e tive um PC excelente nas mãos...

Quanto ao atual Slackware 14 - é estável, é bonito, reconheçe quase tudo automaticamente, e para quem gosta já tem opção semelhante ao apt-get do Ubuntu... quanto as dependências, nossa é tão fácil nos repositórios já tem a listagem de dependências, só baixar o que precisa e instalar. Se a instalação falhar vem o aviso do que falta, logo eu acho que o rapaz da época era meio noob em Linux.

Já eu sou um testador de distribuições, atualmente não testo as derivadas de Ubuntu porque é uma mesmiçe só. as variações são somente por conta de detalhes, embaixo do capô tem um ubuntu capado ou tunado.

Gosto da Novell Suse, Mandriva, Fedora, até do Gentoo e Sabayon (tenho instalado numa partição o sabayon) mas quando eu escolhi meu desafio de Linux a distro escolhida foi um Slackware, e desde então tem sido minha distro oficial, as outras são para me atualizar

Acho que qualquer Slack user vai engrossar o coro de que dá pra fazer tudo, mas tudo mesmo em Slackware,
É isso. Boa noite!

[286] Comentário enviado por _unity em 04/05/2015 - 18:05h

<title>Porque abandonar o Ubuntu e usar ArchLinux?</title>

Simples:

1. Multiambientes (gnome, xfce, mate, etc);

2. Totalmente configurável!

3. 1GB de .iso para mim é muita coisa (Ubuntu killed Portability with HEADSHOT -score do CS kkkk).

4. Eu com um 1GB de .iso nunca mais trabalho na vida.

5. Falar mal de distro é anti-ético e infatil. (:

...hehehehe...


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts