Guia de referência do ISOLINUX (parte 1)

O ISOLINUX é provavelmente o gerenciador de boot mais utilizado em LiveCDs, certamente pela grande quantidade de recursos que ele oferece para tornar o boot do LiveCD um processo mais amigável. Nesse artigo você verá como utilizá-lo em seu LiveCD, desde as configurações básicas até alguns recursos interessantes.

[ Hits: 75.337 ]

Por: Antônio Vinícius Menezes Medeiros em 17/03/2010 | Blog: http://www.vinyanalista.com.br/


Testando o ISOLINUX



Com as opções vistas no tópico anterior já é possível construir um menu funcional para ser exibido durante o boot. Os arquivos de configuração que você encontra nos LiveCDs que utilizam o ISOLINUX são variações do anterior, com algumas diferenças, que representam as funcionalidades adicionais que seus menus apresentam.

Vamos criar uma imagem ISO apenas com o ISOLINUX e seu arquivo de configuração só para podermos visualizar o menu daquele arquivo de configuração (e testar os que vierem a seguir como exemplo) em uma máquina virtual como o qemu ou o VirtualBox.

Não entrarei em detalhes quanto à instalação dos programas, visto que muda de distribuição para distribuição. No Debian e derivados, a minha especialidade, o comando a seguir é suficiente:

# apt-get install syslinux mkisofs qemu

Crie uma pasta temporária para a execução desse teste:

mkdir -p /home/vinicius/teste/boot/isolinux

Esse comando cria a pasta temporária já com todas as subpastas que necessitamos:

/home/vinicius/teste
/home/vinicius/teste/boot
/home/vinicius/teste/boot/isolinux

Copie os arquivos do ISOLINUX, que estão no seu sistema, para a pasta temporária:

# find /boot /usr/lib/syslinux/ -iname 'isolinux.bin' -exec cp -v {} /home/vinicius/teste/boot/isolinux \;
# find /boot /usr/lib/syslinux/ -iname 'vesamenu.c32' -exec cp -v {} /home/vinicius/teste/boot/isolinux \;


Agora vamos criar o arquivo "isolinux.cfg". Para isso, abra-o com o seu editor de texto favorito (no meu caso, escolhi abri-lo com o kedit):

kedit /home/vinicius/teste/boot/isolinux/isolinux.cfg

Em seguida, copie e cole o arquivo exibido no tópico anterior, salve o arquivo e saia do editor de texto.

Pronto, agora é só gerar a imagem ISO (o que deve levar apenas alguns segundos, visto que só temos três arquivos de alguns kB) e testá-la na máquina virtual:

# mkisofs -b boot/isolinux/isolinux.bin -c boot/isolinux/boot.cat -no-emul-boot -boot-load-size 4 -boot-info-table -V "DEBIAN" -cache-inodes -r -J -l -o /home/vinicius/live-cd.iso /home/vinicius/teste
$ qemu -cdrom /home/vinicius/live-cd.iso -boot d
Linux: Guia de referência do ISOLINUX - Parte 1
A partir de agora, quando eu introduzir uma nova funcionalidade nesse artigo, você pode acrescentá-la nesse arquivo "isolinux.cfg" e executar os dois comandos acima para verificar as alterações.

Página anterior     Próxima página

Páginas do artigo
   1. Introdução
   2. Configuração básica
   3. Testando o ISOLINUX
   4. Inserindo uma imagem de fundo
   5. Organizando os elementos do menu
   6. Definindo as posições e tamanhos dos elementos do menu
   7. Aplicando cores aos elementos do menu
   8. Alterando as mensagens de boot automático e de prompt
   9. Inserindo textos de descrição
   10. Criando um LiveCD usando o ISOLINUX como gerenciador de boot
Outros artigos deste autor

Guia de referência do ISOLINUX (parte 2)

Incrementando o visual do KDE 4

Instalação do ClamAV com DazukoFS

Desmistificando a instalação do Dazuko

Exibindo um splash durante o boot com Splashy

Leitura recomendada

Os Caminhos Para Certificação LPI1

Escrevendo em arquivos PDF

SeamlessRDP - Executando aplicações Windows

O que é Software Livre?

Ganhe uma camiseta do Viva o Linux ajudando o Viva o Android

  
Comentários
[1] Comentário enviado por xirux em 27/03/2010 - 17:44h

Muito bom o artigo, vou tirar um tempo pra praticar!

[2] Comentário enviado por zebento.cpd em 07/08/2010 - 12:07h

Parabéns por mais esse artigo!

Dentre as vantagens de cada gerenciador GRUB e ISOLINUX, existe alguma(s) que façam que um gerenciador sobressaia o outro? Resumindo, qual é o melhor e porque?

[3] Comentário enviado por edutaquary em 17/02/2011 - 13:10h

como faço para gerar uma iso do meu hd usando partimage e depois instalar pelo dvd

[4] Comentário enviado por sboorbou em 13/07/2011 - 12:33h

cara tem como usar o ISOLINUX para iniciar uma iso direto do HD?
Tipo uma iso de um live cd iniciar direto no hd?


Contribuir com comentário