Remover espaços em branco em nomes de arquivos

Nome do script: semespaco Este script facilita muito a eliminação de espaços em branco nos nomes de arquivos, para que estes arquivos possam ser utilizados por outros comandos que não aceitam espaços em branco em nomes de arquivos, como o comando gs e outros comandos. Notas: Este script é muito bom e seguro para eliminar o espaço em branco do nomes de arquivos, pois é aplicado somente ao arquivo especificado, outros comandos para a mesma finalidade costumam eliminar os espaços em branco de todos os nomes de arquivos, sem exceção e até de subdiretórios. Ele facilita muito a vida de quem costuma imprimir páginas HTML em PDF utilizando a extensão PrintPDF para Firefox, pois pode-se reduzir o arquivo PDF gerado para que fique bem menor utilizando o comando gs (que não aceita arquivos com espaços em branco no nome). Truque Com este script você pode eliminar os espaços em branco dentro de qualquer gerenciador de arquivos sem precisar usar janela de terminal, basta que o mesmo tenha a opção "Abrir com...". Basta selecionar esta opção e escolher outro aplicativo, desmarque a opção "Usar como padrão" ou "Associar" caso tenha essas duas últimas opções, digite semespaco e clique em OK, e pronto os espaços do nome do arquivo serão substituídos pelo caractere sublinhado. Obs.: este procedimento não funciona com pastas dentro do gerenciador de arquivos.

Por: Fernando T. Da Silva


Compilação automática do GCC-4.7.3 para Ubuntu 12.04+ 64 bits

Script de compilação automática do GCC para Ubuntu 12.04+ 64 bits. Ele baixa e instala todas as dependências e compiladores automaticamente. Licença: GPL-3.0. Como executar: $ time sudo bash scriptgcc-4.7.3_UBUNTU12_64BITS.sh Tempo de compilação em um Acer Aspire 4540 AMD Athlon M300 4 GB: ~3 horas.

Por: Mário RPG


Agendamento de compromissos com avisos baseados no horário

Este script esta licenciado sob a GLP e seu uso é de sua inteira responsabilidade. Trata-se de um 'avisador', ou agenda, de compromissos para quem usa muito o computador. Seu uso padrão fará com que um aviso com os compromissos do dia e mais uma antevisão de sete dias a frente apareça na inicialização do ambiente grafico (ele pode ser usado em abientes sem modo gráficos) e além disso existe também um segundo aviso baseado na hora do compromisso. Esse segundo aviso pode ser uma tela gráfica ou um aviso sonoro através de um mp3 ou os dois juntos. A vantagem dele sobre outros tipos de 'agenda', como o evolution ou o korganizer, é que nele os agendamentos são rápidos (depois q vc pega o jeito). Também permite o uso de parâmetros. Abaixo o texto do arquivo LEIA-ME.txt que está dentro do arquivo a ser baixado ÍNDICE: 1.0)Informações Para O Usuário 2.0)Preparação Dos Scripts 2.1) 1º Passo: (Permissões De Execução Dos Scripts) 2.2) 2º Passo: (Configuração Interna Dos Scripst) 2.2.1) script 'agenda.sh' 2.3.1.1) No 'KDE' 2.3.1.2) No 'GNOME' 2.2.2) script 'minuto.sh' e 'hora.sh' 2.2.3) script 'dia.sh' 2.5.1) No 'KDE' 2.5.1) No 'GNOME' 2.3) 3º Passo: ('Cron' E Inicialização No Seu Ambiente Gráfico) (próximo à Linha Nº 90) 3.0) Funcionamento 4.0) Funcionamento Avançado ############################################################# ######## 1.0) INFORMAÇÕES PARA O USUÁRIO ######### **************************************************** OBJETIVO DESTE SCRIPT: Script simples e rápido para avisos de compromissos. Ao ser executado ele mostra o compromissos agendados para o dia corrente e também os compromissos agendados para os dias à frente. Além disso também emite um outro aviso baseado na hora do compromisso. A quantidade de dias dessa antevisão dos compromissos à frente pode ser definido facilmente. Em relação ao "agenda 3.x" foi acrescentado o uso de horários, existindo então este segundo aviso baseado no horário programado além do aviso geral dos compromissos do dia atual e futuros avistados na inicialização do sistema gráfico. VERSÃO: 4.0 2010/08/04 AUTOR: Ricken DEPENDÊNCIAS: Subentendendo-se que é necessário o bash numa versão rescente: 1) Editar o script 'agenda.sh' a linha: 'editor=kate' um editor de texto presente em seu sistema. 2) Editar os scripts 'agenda.sh', 'minuto.sh', 'hora.sh' e .'dia.sh' a linha: 'localizacao_do_script=caminho/Agenda' diacordo com a correta localização do diretório 'Agenda' em seus arquivos. 3) Editar o scripts 'minuto.sh', 'hora.sh' e 'dia.sh' a linha: 'ambiente_grafico=gnome' o tipo de ambiente gráfico que você usa ('KDE' ou 'GNOME'). Se você não sua nenhum desses dois então você terá de instalar o 'konsole' ou o 'gnome-terminal' como dependência deste script. 4) Agendar a execução do script 'agenda.sh' na inicialização do seu ambiente gráfico. 5) Agendar no 'cron' a execução do script 'minuto.sh' para ele ser executado a todos os minutos. 6) Agendar no 'cron' a execução do script 'hora.sh' para ele ser executado a toda hora. 7) Agendar a execução do script 'dia.sh' na inicialização do seu ambiente gráfico. 8) Ter o 'dialog' instalado. ############################################################# ######## 2.0) A PREPARAÇÃO DOS SCRIPTS ######### **************************************************** 2.1) 1º PASSO: (PERMISSÕES DE EXECUÇÃO DOS SCRIPTS) *************************************************** Dê permissão de execução aos scripts 'agenda.sh', 'dia.sh', 'horar.sh' e 'minuto.sh' que originalmente estão localizado dentro do diretório 'Agenda'. Para fazer isso pela linha de comando, supondo que você vá usar o diretório 'Agenda' dentro do diretório 'home' de seu usuário, digite em um terminal: cd Agenda/ chmod +x agenda.sh chmod +x dia.sh chmod +x horar.sh chmod +x minuto.sh Caso você prefira fazer isto pelo modo gráfico, usando o ambiente gráfico 'GNOME', 'KDE' ou um outro, localize os scripts descritos acima ('agenda.sh', 'dia.sh', 'horar.sh' e 'minuto.sh') em algum gerenciador de arquivo (como o 'Nautilus', do ambiente gráfico 'GNOME', ou o 'Konqueror', do ambiente gráfico 'KDE) e clique com o botão direito do mouse com o mesmo encima de um dos scripts e procure a opção 'Propriedade' e depois clique na caixa referente a permissão de execução para dar essa permissão. Repita a operação em todos os scripts ('agenda.sh', 'dia.sh', 'horar.sh' e 'minuto.sh'). 2.2) 2º PASSO: (CONFIGURAÇÃO INTERNA DOS SCRIPST) ************************************************* O script 'agenda.sh' esta localizado originalmente dentro do diretório 'Agenda'. Não recomendo mudar nem o nome do diretório e nem dos scripts. Você pode colocar o diretório 'Agenda' em qualquer lugar que deseje, mas caso você não esteja acostumado ao ambiente Linux recomendo que você coloque o diretório 'Agenda' dentro do diretório 'home' de seu usuário, que é o lugar mais fácil de ser localizado visto que normalmente é neste local que os gerenciadores de arquivos (como o 'Nautilus', do ambiente gráfico 'GNOME', ou o 'Konqueror', do ambiente gráfico 'KDE)' se localizam ao serem abertos sem que se especifique um caminha para eles. Agora que você determinou o local em que deve ficar o seu diretório 'Agenda' você terá que configurar algumas variáveis nos texto dos scripts localizado dentro deste diretório. Isso é simples de se fazer porém é necessário saber apenas como indicar corretamente a localização deste diretório em um lugar específico do texto. A boa notícia é que se você colocou o diretório 'Agenda' dentro do diretório 'home' de seu usuário então não é necessário configurar nada porque o script já esta pré-programado para esta situação e funcionará corretamente. Caso contrário, então você terá de editar a linha que começa com os dizeres 'localizacao_do_script=' em todos os textos dos 4 scripts ('agenda.sh', 'dia.sh', 'horar.sh' e 'minuto.sh'). localizacao_do_script=/home/$USER/Agenda (NOTE: Esta é a 2ª linha do script que não começa com o '#' (sustenido)) ATENÇÂO: Caso a localização deste diretório contenha nomes com espaços vazios é obrigatório o '"' (aspas) imediatamente depois do '=' (igual) e imediatamente após a última letra, conforme exemplo abaixo: localizacao_do_script="/home/Meus Documentos/Agenda" Edite-a assim: localizacao_do_script=novo_caminho aonde 'novo_caminho', obviamente, é o novo caminho. 2.3) 3º PASSO: ('CRON' E INICIALIZAÇÃO NO SEU AMBIENTE GRÁFICO) *************************************************************** 2.3.1) *** SCRIPT 'AGENDA.SH' *** ********************************* Para cumprir bem o papel de 'avisador' de compromissos é necessário fazer com que o script 'agenda.sh' seja executado no início da inicialização do seu ambiente gráfico para que você possa ter a visão geral dos compromissos logo na inicialização do sistema gráfico. Para isso acontecer é necessário fazer uma configuração que varia de ambiente gráfico para ambiente gráfico e infelizmente não será possível eu abordar cada uma dessas configurações em cada um dos ambientes gráficos existentes, então, vou explicar a configuração da execução do script 'agenda.sh' nos ambientes gráficos mais usados, ou seja, o 'KDE' e o 'GNOME'. 2.3.1.1) No 'KDE': ------------------ Abra um editor de texto e digite, ou cole, as 2 linhas abaixo: #! /bin/bash konsole -e bash /home/$USER/Agenda/agenda.sh & (NOTE: O endereço acima '/home/$USER/Agenda/agenda.sh' é válido somente se você tiver deixado o diretório 'Agenda' dentro do diretório 'home' de seu usuário. Caso contrário ajuste-o ao caminho correto para a localização do seu diretório 'Agenda' e do script 'agenda.sh': '/caminho/Agenda/agenda.sh') Agora salve-o com qualquer nome, eu sugiro 'autostart.sh' Depois dê permissão de execução e mova-o para o diretório /home/(seu_usuário)/.kde/Autostart, onde o '(seu_usuário)' é o nome do usuário que você esta logado. Se você não saber quem é o usuário que você está logado agora, então abra um terminal e digite: users debian Como podemos ver acima, o comando 'users' me informou exatamente quem é o usuário que estou logado agora, ou seja, no meu caso o usuário é 'debian' e eu devo executar a ação mencionada acima (a de mover o arquivo criado) com o seguinte endereço; '/home/debian/.kde/Autostart' (Note que o diretório '.kde' é um arquivo oculto porque começa com '.' (ponto). Se você for mover o arquivo criado para o local indicado utilizando um gerenciador de arquivos, como o 'Nautilus' ou o 'konqueror' entre outros, você terá de ativar uma opção na configuração desses gerenciadores de arquivos para você poder enxergar este arquivo oculto e executar a ação proposta). Caso prefira usar a linha de comando abra o terminal e digite: mv /caminho/autostart.sh /home/(seu_usuário)/.kde/Autostart fazendo logicamente a conversão do '(seu_usuário)' para o nome correto do seu usuário. No meu caso o comando ficaria assim: mv /home/debian/autostart.sh /home/debian/.kde/Autostart/ 2.3.1.2) No 'GNOME': -------------------- Na 'Barra de Tarefas' superior abra o programa para configuração de 'Sessões' usando este caminho: Sistema > Preferências > Sessões 1) depois de aberto, na aba 'Programas Iniciais' tecle em 'Adicionar'. 2) preencha o campo 'Nome' com qualquer nome desejado. 3) preencha o campo 'Comando' conforme abaixo: gnome-terminal -x bash /home/$USER/Agenda/agenda.sh & (NOTE: O endereço acima '/home/$USER/Agenda/agenda.sh' é válido somente se você tiver deixado o diretório 'Agenda' dentro do diretório 'home' de seu usuário. Caso contrário ajuste-o ao caminho correto para a localização do seu diretório 'Agenda' e do scrit 'agenda.sh': '/caminho/Agenda/agenda.sh') 2.3.2) *** SCRIPT 'MINUTO.SH' E 'HORA.SH' *** ******************************************* Os scripts 'minuto.sh' e 'horar.sh' precisam ser agendados no 'cron' para serem executados periodicamente. O script 'minuto.sh' será executado de minuto em minuto para que ele verifique os compromissos do dia e avise-o quando a hora destes chegar. O script 'horar.sh' será executado de hora e caso haja compromissos que devam ser avisados de hora em hora ele fará isso. É mais para o caso daqueles compromissos que não tem uma hora certa mas que deve ser feito naquele dia. Então. desse modo você ficará relembrando-os constantemente. Naturalmente, depois de você cumprir a tarefa você poderá eliminar sua execução deletando-o na opção 5 do menu principal (Veja abaixo). Abra o terminal e digite: crontab -e Ao executar este comando você terá de acrescentar as informações abaixo na tabela apresentada: * * * * * /home/$USER/Agenda/minuto.sh 0 * * * * /home/$USER/Agenda/horar.sh depois tecle o 'ESC', digite ':' (dois pontos), digite 'wq' e tecle o 'ENTER' para salvar e sair. (NOTE: Estou supondo ainda que a localização do diretório 'Agenda' seja o diretório 'home' de seu usuário. Caso não seja isso então acerte a localização dele corretamente. (algo assim; '/localização/Agenda/minuto.sh', aonde 'localização' é o caminho correto até o diretório 'Agenda")) 2.3.3) *** SCRIPT 'DIA.SH' *** ****************************** O script dia será executado apenas uma vez a cada login. Sua configuração é semelhante a configuração do script 'agenda.sh'. 2.3.3.1) No 'KDE': ------------------ Se você estiver usando o 'KDE' abra o script 'autostart.sh' que você criou anteriormente e acrescente a linha abaixo no final dele: bash /home/$USER/Agenda/dia.sh & (NOTE: Estou supondo ainda que a localização do diretório 'Agenda' seja o diretório 'home' de seu usuário. Caso não seja acerte a localização dele corretamente. (algo assim; 'bash /localização/Agenda/dia.sh &', aonde 'localização' é o caminho correto até o diretório 'Agenda")) 2.3.3.2) No 'GNOME': -------------------- Na barra de tarefas superiora abra o programa para configuração de 'Sessões' usando este caminho: Sistema > Preferências > Sessões 1) depois de aberto, na aba 'Programas Iniciais' tecle em 'Adicionar'. 2) preencha o campo 'Nome' com qualquer nome desejado. 3) preencha o campo 'Comando' confome abaixo: bash /home/$USER/Agenda/dia.sh (NOTE: O endereço acima '/home/$USER/Agenda/dia.sh' é válido somente se você tiver deixado o diretório 'Agenda' dentro do diretório 'home' de seu usuário. Caso contrário ajuste-o ao caminho correto para a localização do seu diretório 'Agenda' e do script 'agenda.sh': '/caminho/Agenda/dia.sh') ############################################################# ######## 3.0) FUNCIONAMENTO ######### **************************************************** O funcionamento do script 'agenda.sh' é simples e ágil e ele foi criado justamento para isto. No Linux existem vários programas, e bem sofisticados por sinal, que permitem agendamentos e lembretes de tarefas e compromissos, como por exemplo o 'Korganizer' ou o 'Evolution'. Porém os agendamentos de tarefas neles demoram muito se comparado com este script, e, somando-se isto ao fato deste script poder ser usado em ambientes sem o modo gráfico resulta em um diferencial. Ao executá-lo você tera o seguinte 'tela': julho 2010 agosto 2010 setembro 2010 Do Se Te Qu Qu Se Sá Do Se Te Qu Qu Se Sá Do Se Te Qu Qu Se Sá 1 2 3 1 2 3 4 5 6 7 1 2 3 4 4 5 6 7 8 9 10 8 9 10 11 12 13 14 5 6 7 8 9 10 11 11 12 13 14 15 16 17 15 16 17 18 19 20 21 12 13 14 15 16 17 18 18 19 20 21 22 23 24 22 23 24 25 26 27 28 19 20 21 22 23 24 25 25 26 27 28 29 30 31 29 30 31 26 27 28 29 30 ================================================================ *** COMPROMISSOS DE HOJE **** 24-Ago-2010 Ter 13:23 *** 14:00 -> Dentista ================================================================ *** COMPROMISSOS FUTUROS **** P/ os próximos 7 dias *** Para daqui a 1 dias: 13:00 -> Dentista Para daqui a 2 dias: 13:00 -> Dentista ================================================================ Tecle "ENTER" p/ acessar o menu ou a letra "q" + "ENTER" p/ sair ou digite diretamente a opção, se você lembrar, e tecle "ENTER" Como podemos observar, depois dos calendários existem dois campos separados pelas linhas duplas. A primeira é dos COMPROMISSOS DE HOJE para o dia de hoje e eles são realçados pela cor vermelha e ainda piscam para chamar a sua atenção. No caso deste exemplo temos um compromisso 'Dentista' as '14:00' hrs. e um segundo aviso será emitido neste horário caso o sistema ainda esteja ativo. O segundo campo é dos COMPROMISSOS FUTUROS que são avisos dos compromissos dos dias seguintes. No exemplo acima temos avisos para os 2 próximos dias para que tenhamos uma idéia do que nos espera. Por default o script procura compromissos nos próximos 7 dias mas se você preferir pode mudar isso editando a linha ' dias_lembretes=7' localizado no texto do script 'agenda.sh' e trocando o número '7' por algum outro, podendo usar até '0' se não quiser esses avisos antecipados de compromissos de dias à frente. Estando diante da 'tela' acima e teclando enter você verá esta outra tela: *********************** MENU PRINCIPAL *********************** "ENTER") Para voltar a visualização dos compromissos deste dia. q) Para sair deste programa. 1) Agendar compromisso. 2) Ver compromissos agendados. 3) Ver compromissos deste MÊS. 4) Alterar. 5) Deletar. Esta outra tela é o Menu Principal e ela oferece 5 opções, conforme visto, bastando escolher uma delas digitando o número correspondente (de 1 a 5) e teclando 'ENTER'. Se você teclar 'ENTER' sem escolher opção alguma então você voltará a 'tela' anterior, a de visualização de compromissos. Quanto as opções, elas são auto-explicativas e o único cuidado mesmo é o de sempre usar dois dígitos nas respostas de dia e mês, e quando preciso, 4 dígitos para anos. Quando solicitado uma data completa então use o formato 'AAAA-MM-DD', ou seja, comece pelos 4 dígitos do ano, depois '-' (traço), depois 2 dígitos do mês, depois '-' (traço) novamente e depois os 2 dígitos do dia, como nos exemplos a seguir: 2010-08-11 2010-09-17 2010-01-10 O formato para horas é 'HHMM', ou seja, dois dígitos para horas (de 0 a 23), e dois dígitos para os minutos (de 0 a 59). Exemplos: 1200 1630 0817 Você poderá digitar mais de uma opção nas respostas para as perguntas. Se você colocou vários dias e vários meses para o agendamento de um compromisso então o compromisso será agendado para aqueles dias em todos os meses que você colocou. Por exemplo, coloquei os dias 05 e 06 e o mês 08 e 09 então serão agendados os compromissos para o dia 05 e 06 do mês 08 e 05 e 06 do mês 09. Se preferir, na questão deletar compromissos, você pode acessar o diretório 'Compromissos', dentro do diretório 'Agenda', e procurar o dia a deletar lá dentro e excluí-los ali através do gerenciador de arquivos que você usa. Quando se agenda um compromisso é criado um arquivo e o nome desse arquivo é a data desse compromisso no formato 'AAAA-MM-DD', por isso se excluir este arquivo o compromisso também será eliminado. Se edita-lo por esse método igualmente ele será alterado. Algumas perguntas quando não respondidas presumirão uma resposta, mas isto é indicado na própria pergunta. Isto acontece para tornar as coisas mais ágeis. Quando a pergunta 'hora do compromisso' não for respondido o script 'agenda.sh' executará o aviso deste compromisso de hora em hora no dia em que este compromisso está agendado. A única exceção dos formatos acima é quando você quiser ser avidado de algum compromisso apenas uma vez no início da inicialização do seu ambiente gráfico. Neste caso você responderá 'x' nas perguntas para 'dia', 'mês' e 'ano' e não precisará responder nada para a pergunta da 'hora', porém se responder não alterará o comportamento previsto. Se você não obedecer esses formatos então os compromissos não serão avisados nem nas horas previstas e talvez nem no aviso geral. Para torna-lo ainda mais ágel recomendo criar dentro do seu arquivo '.bashrc' um aliás para que ele seja executado como se fosse um comando, apenas digitando um nome, sugiro 'agenda'. Para isto abra o arquivo '.bashrc' e próximo do final do arquivo aonde tem várias linhas começada pela palavra 'alias' acrescente a seguinte linha: alias agenda='bash /home/$USER/Agenda/agenda.sh' (NOTE: O endereço acima '/home/$USER/Agenda/agenda.sh' é válido somente se você tiver deixado o diretório 'Agenda' dentro do diretório 'home' de seu usuário. Caso contrário ajuste-o ao caminho correto para a localização do seu diretório 'Agenda' e do script 'agenda.sh': '/caminho/Agenda/dia.sh') (Essa configuração só terá efeito para os terminais que forem aberto após esta configuração). Um outro detalhe em adição ao anterior é que este script aceita o uso de parâmetros. Por exemplo, você pode apenas querer agendar um compromisso rapidamente e nada mais que isso, então em vez de você executar o script 'agenda.sh' e depois procurar a opção de agendamento teclando 'ENTER' e teclando '1' você pode encurtar isto digitando no terminal 'agenda 1' (se seu arquivo '.bashrc' estiver editado conforme dica anterior) e ele abrirá o script já na opção de agendamento. Os parâmetros aceitos são: '0' ou 'menu' para acessar diretamente o 'Menu Principal'. '1' ou 'agendamento' para fazer os agendamentos de compromissos. '2' ou 'todos' para visualizar todos os compromissos. '3' ou 'mes' para escolher um mês e visualizar os compromissos dele. '4' ou 'alterar' para alterar um compromisso agendado. '5' ou 'deletar' para deletar um deletar um compromisso. '-h' ou '--help' para acessar este arquivo de ajuda. Uma última recomendação é o de testar a execução deste script mo sistema bem antes de usá-lo pra valer apenas para garantir que todas as configurações estejam corretas. ############################################################# ######## 4.0) FUNCIONAMENTO AVANÇADO ######### **************************************************** Você pode reeditar algumas opções de funcionamento para adaptá-las melhor a suas necessidades ou a do seu sistema. Por exemplo, você pode, além do aviso gráfico, usar um aviso sonoro como reforço ou usar apenas os sonoros ou ainda se você é um usuário avançado poderá modificar a forma como é emitido o avisa dos compromissos, podendo enviá-lo como mensagem de texto em seu celular, usar os bips da CPU etc.. Vamos supor que você queira apenas os avisos sonoros para os avisos de horário de compromissos. Lembre-se que além de um aviso geral dos compromissos do dia que é mostrado ao executar o script 'agenda.sh' existem a disposição os avisos por horários, os avisos de hora em hora e os avisos da inicialização do ambiente gráfico. Para mudá-los é simples, escolha uma música no formato '.mp3' (pode ser 'ogg' também, mas nesse caso você terá de acertar o player tocador para um tipo que lê este formato, veja como fazer isto mais a frente) e copie-os para o seu diretório 'Minuto', a mesma música ou outra para o diretório 'Hora' e a mesma música ou outra para o diretório 'Dia', dentro do seu diretório 'Agenda' (ou apenas faça um link dentro desses diretórios apontando para a mesma ou outras músicas, o que seria muito melhor porque evitaria o aumento de músicas repetidas espalhadas pelos seus diretórios). Prefira uma música curta e bem agitada mas serve qualquer música. Depois reedite os scripts 'minuto.sh', 'hora.sh' e 'dia.sh' na linha: som=nao e modifique-a para que fique assim: som=sim Fazendo assim agora teremos também os avisos sonoros. Se você quiser eliminar os avisos gráfico então, nos scripts 'minuto.sh', 'hora.sh' e 'dia.sh', reedite a linha: ambiente_grafico=kde ou ambiente_grafico=gnome e modifique-a para que fique assim: ambiente_grafico= (Ou seja apague tudo depois do sinal de '=' (igual)) Com essas configurações você pode fazer muitas combinações, conforme as necessidade de seu sistema ou suas preferências pessoais. Você pode, por exemplo, usar a combinação conjunta de aviso gráfico e sonoro para os avisos de horários de compromissos e ainda usar apenas um aviso sonoro para os avisos de hora em hora e ainda também usar apenas um aviso gráfico para o aviso de compromissos que serão mostrados uma vez por inicialização do ambiente gráfico (KDE, GNOME, etc), ou seja, combine como preferir. Porém usando o comando 'mpg123', que é o comando default usado nestes scripts ('minuto.sh', 'hora.sh' e 'dia.sh') para executar uma música no formato 'mp3', você poderá ter três problemas: 1) não tê-lo instalado. 2) caso a música não seja curta e você queira para a execução dela então você terá de executar em um terminal o comando 'killall mpg123'; 3) você terá de ficar restrito apenas a formatos de música em 'mp3'. Para resolver estas limitações então existe mais uma configuração nesses scripts (minuto.sh', 'hora.sh' e 'dia.sh'). Tratasse da linha: tocador=mpg123 modifique-a para que fique assim tocador=seu_tocador Aonde 'seu_tocador' é o seu player tocador de sua preferência, como por exemplo o 'xmms', ou 'audacious', etc. Se você é um usuário avançado, além de optar pelos avisos sonoros ou gráficos, você poderá editar um tipo de aviso particular, que poderá ser o envio de uma mensagem de texto para seu celular, usos do bips de sua CPU ou uma outra ação. Para tal os scripts 'minuto.sh', 'hora.sh' e 'dia.sh' já têm uma outra opção pré-preparada para que você programe esta nova ação rapidamente. Para tal apague os dizeres 'echo ok' nos finais destes scripts entre as linha começadas com três '#' (sustenidos), e depois programe essas ações neste espaço. Abaixo mostra como este local esta indentificado: ### REEDITE - COMEÇO echo ok ### REEDITE - FIM Depois mude a linha: minha_opcao=nao para minha_opcao=sim para ativar a execução da ação editada.

Por: Ricardo Sabaliauskas


Exclusão de arquivos em massa por data

Script para exclusão de arquivo em massa, por data. ATENÇÃO: Cuidado com o diretório a ser executado o script.

Por: Diego Godoi


Método para verificar e instalar pacotes

Método criado para verificar e instalar pacotes através do apt-get de forma interativa e fácil. Criei para utilizar no meu TCC como uma função, ano que vem vou postar meu TCC completo, por enquanto vou disponibilizar alguns pedaços aqui no VOL. Dica: * para usuários iniciantes - utilizar como quiser. * para usuários avançados - você pode saber como fazer isto, mas eu acho uma mão na roda este "método", alterei ele em diferentes partes do meu TCC e economizei muito código.

Por: Jonathan Wolff Andrade


Localizar arquivos por extensão e mostrar relatório

Olá para todos do VIVA O LINUX, este é meu primeiro post, por isso peço desculpas caso esteja fazendo algo errado. Esse script vai fazer uma busca pela extensão que você estiver desejando e no final ele gera um relatório num arquivo texto ou na própria tela. Quem quiser contribuir, fique a vontade, pois quanto mais conhecimento, melhor para todos. Um abraço.

Por: Guilherme Proença






Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts