XnView - Visualizador, conversor e organizador de fotos e gráficos

XnView é um freeware desenvolvido bem de acordo com os princípios do software livre, embora não tenha uma licença do tipo GPL. Tem versões para muitas plataformas e sistemas operacionais, como Linux, Unix e MacOS, além do MS-Windows. Vale a pena experimentar!

[ Hits: 25.636 ]

Por: Sergio Teixeira - Linux User # 499126 em 06/04/2010


Com licença



Pode-se baixar e instalar livremente o XnView em qualquer computador sem pagar um só tostão. Trata-se de "freeware" conforme declarado pelo desenvolvedor, para uso privado, não-comercial ou para finalidades educacionais, inclusive para quaisquer organizações sem fins lucrativos (por exemplo, escolas, universidades, autoridades públicas, polícia, brigadas de incêndio e hospitais).

Não tem dessa de "grátis para testar": É grátis mesmo, e livre das desagradáveis propagandas que acompanham os produtos do tipo "adware".

Entretanto, sendo para uso comercial ou para distribuição, exige-se que seja feito um "cada$tro" como forma de ajuda e incentivo para o desenvolvimento de versões futuras.

Nada mais justo. Acaba sendo um "shareware condicional", se é que isso existe.

Ele não cumpre com as orientações do que é considerado como "software livre", pois apesar de totalmente gratuito, XnView não nos concede uma licença do tipo GPL ou similar. Então não pode ser alterado, estendido etc.

Portanto, trata-se de propriedade intelectual privada, é protegido por direitos de cópia etc.

No entanto, chama à nossa atenção de que um produto comercial GRATUITO possa ser tão abrangente e bom, onde notamos a preocupação de seus desenvolvedores em beneficiar um grande número de usuários os mais diversos. Isso é - antes de tudo - respeitoso, e tal exemplo deveria ser seguido por "muitas empresas" por aí...

Existem inúmeras informações de copyrights, e o desenvolvedor faz questão de frisar que para ler/gravar arquivos nos formatos GIFF, TIFF, (algoritmo L2W) ou JBIG o usuário terá de adquirir uma licença junto aos proprietários, respectivamente a Unisys e a IBM.

O software tem traduções para Africaners, Alemão, Arábico, Basco, Búlgaro, Bielorrusso, Catalão, Chinês simplificado, Chinês tradicional, Coreano, Croácio, Tcheco, Dinamarquês, Eslovaco, Esloveno, Espanhol, Estoniano, Holandês, Islandês, Finlandês, Galego, Galês, Grego, Hebraico, Italiano, Japonês, Lituano, Malaio, Polonês, Português europeu, Português brasileiro, Romeno, Russo, Sérvio, Sueco, Tailandês, Turco, Ucraniano, Vietnamita, e pelo andar da carruagem talvez um dia eles traduzam para Siciliano, Gergeseno, Gadareno e Heteu...

E já que existem as versões em Basco, Galego, Catalão, Hebraico e Alemão, por que não em Yiddish e Crioulo, ou mesmo Francês (já que o autor tem nome francês)?

O que? Estou querendo demais?

Página anterior     Próxima página

Páginas do artigo
   1. Surpresa agradável
   2. Com licença
   3. Mas afinal, para que serve?
   4. O utilitário Nconvert
   5. Limitações e outras considerações
Outros artigos deste autor

Segunda experiência com BASIC LINUX

Internet Explorer: Esse fenômeno

O desafio continua...

Basic Linux: Como instalar no HD

Apresentação visual do Basic Linux

Leitura recomendada

Quebrando os mitos do software de código aberto

Instalando o RealPlayer 10 no Linux

Instalando MPlayer + GUI-GMPlayer + Skin + Codecs + fonts para Linux

Ogle: O player de DVD

Adium, IM open source

  
Comentários
[1] Comentário enviado por removido em 06/04/2010 - 15:49h

Para quem não sabe:

1) Neil Sedaka -> http://twixar.com/bmi

2) Paul Anka -> http://twixar.com/gxj

3) Brenda Lee -> http://twixar.com/ocw

4) Bill Halley e seus cometas -> http://twixar.com/njyp

5) Elvis Presley -> http://twixar.com/m9wm

6) Rony James Dio -> http://twixar.com/ybl1

7) Bob Dylan -> http://twixar.com/nww

Vc arrebentou no seu trabalho mas pegou lá no figo da garotada!!!

Eita Teixeirão, deu retrô na saudade, hein???
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
;-)


[2] Comentário enviado por Teixeira em 08/04/2010 - 17:43h

Bem, a alusão à ingenuidade do rock and roll das décadas passadas restringe-se e esses artistas e a alguns tantos outros; nauralmente não me referi ao "primo ovelha-negra" do pregador Jimmy Swagart, o super-polêmico Jerry Lee Lewis...
Gostei da complementação!...
A propósito, lá em "Belzonte" tinha a banda cover do Bill Halley e seus Cometas: era o Assis Ralo e seus Capetas...
"Saudade com retroescavadeira"... hehehe

[3] Comentário enviado por albfneto em 09/04/2010 - 14:56h

Puxa Teixeira, sempre trazendo boas coisas!
Foi para o favoritos, vou usar XnView,
tenho 55 anos, gosto de Rock dos anos 50 e 60, principalmente a Brenda Lee, é uma grande voz!
gosto tb de Blues e Jazz.
Gosto de Rock pauleira também, gosto de tudo de Rock e tudo de Jazz...

[4] Comentário enviado por Teixeira em 11/05/2010 - 18:52h

albfneto:

Um teste para os dinossauros da nossa época:

- Quem é o roqueiro que tinha por hábito dizer "cheguei da América, bicho!..." e que á a nossa "miniatura" de Mick Jagger, esteve em Woodstock e namorou a Janes Joplin?

Comentário:
O velho Chuck Barry ainda está vivo e dando o maior show... Tá cheio de gás o "home"!...


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts