Windows - Linux: Será que vale o seu preço?

Fiz um projeto de pesquisa (trabalho da faculdade) e resolvi publicar para que vocês tivessem acesso a esse material, já que este é um assunto muito polêmico na atualidade.

[ Hits: 55.968 ]

Por: Ítalo Pereira de Brito em 04/06/2006


Introdução - Falando sobre Sistemas Operacionais



Um sistema operacional (SO) tem o objetivo de fazer a interação entre o usuário e o equipamento, possibilitar que o usuário crie, acesse e modifique arquivos, usar programas, acesso a internet, entre outras funcionalidades que possam ter um computador. O SO tem que executar os softwares e ajudá-los a acessar os recursos do sistema de um forma simples e organizada.

Atualmente existem diversos sistemas operacionais, como por exemplo o Windows, Linux, que é o foco comentá-las. Cada qual tem suas características próprias quanto ao meio virtual usado, como também a forma comercial adotada, que divide-se em dois tipos distintos:

1. Sistema proprietários; São pagos e cujo código fonte não é livremente disponibilizado, por exemplo a Windows da grande Microsoft.

2. Sistemas Livres; São Open Source e cujo código fonte pode ser livremente alterado, por exemplo Linux.

A nível de funcionamento interno, os SOs podem ser divididos em três tipos principais, relacionados com o desenvolvimento tecnológico:
  1. Sistemas monotarefa, exemplo: DOS;
  2. Sistemas multitarefa, exemplo: Windows, Linux, Unix;
  3. Sistemas multitarefa, mono-usuário ou multi-usuários, exemplo Windows, Linux respectivamente.

Monotarefa: permite a realização de apenas um tarefa de cada vez.

Multitarefa: o tempo de processamento é repartido entre as diversas tarefas, dando a impressão ao usuário que elas são executadas simultaneamente.

Multi-usuários: Permite a utilização de diversos usuários ao mesmo tempo no mesmo sistema.

    Próxima página

Páginas do artigo
   1. Introdução - Falando sobre Sistemas Operacionais
   2. Linux, uma breve abordagem
   3. Windows, o pequeno gigante
   4. Os problemas
   5. Hipóteses
   6. Justificativa
   7. Anexo 1: Linux tem menos falhas que sistemas de código fechado, diz estudo
   8. Anexo 2: Windows é mais barato que Linux, diz estudo pago pela Microsoft
Outros artigos deste autor

Configurando internet banda larga no Linux (Slackware 10.1)

Uma breve abordagem sobre Criptografia

Leitura recomendada

Internacionalização de Caracteres em Computadores

Hurd - O kernel da GNU

Linux na Educação Infantil

Sorteio de camisetas promovido pela GeekWorld

ATUALIZADO 19/01: Tragédia em Nova Friburgo/RJ

  
Comentários
[1] Comentário enviado por leoberbert em 04/06/2006 - 15:29h

Boa exposição com seu artigo. Uma fascinate comparaçãoe mostrando que o Linux é muito bom na interface gráfica qt Windows!!

Gostei pra caramba do artigo.

Parabéns!

[2] Comentário enviado por removido em 04/06/2006 - 15:51h

Considero bastante oportuno suas observações. Tenho visto propagandas da Microsoft sobre as comparações que você fez. E como não há direito de resposta por parte do Linux, fica sempre a impressão de que o que está ali - via campanha publicitária - é a expressão da verdade.

Boa sorte pra você.

Abraço,

Wesley Caiapó


[3] Comentário enviado por pink em 04/06/2006 - 16:04h

Que danado que você é....rsrsrs
Amei seu artigo, excelente...

[4] Comentário enviado por Gladiuz em 04/06/2006 - 16:25h

Seu artigo esta muito bom, e esta na hora das pessoas saberem que Linux nao é ''step'' do Windows, e sim um SO totalmente independente do Windows.. infelizmente nao pude fikar 100% com linux devido a jogos e alguns softwares que nao rodam aki, mais futuramente quem sabe! :D

[]s

[5] Comentário enviado por Dark_Avatar em 04/06/2006 - 16:33h

Ótimo artigo, abrangeu bem ambos os lados.
Vê-se bem que a MS joga limpo e sujo, ao mesmo tempo que ela faz propagandas, que não são ilegais, ela faz afirmações infundadas sobre o Linux. Grandes empresas já começaram a ver que é bem melhor financeiramente a utilização de Software Livre, e isso uma hora afetará também a área de desktops.
Gladiuz, quanto a jogos no linux, eu uso o cedega, ele dificilmente deixa-me na mão, mas espero que as empresas produtoras de jogos comecem a codar para Linux também. Quanto aos softwares, eu não sinto falta de nenhum, Gimp para PS, Inkscape para CDraw, Scribus para Pagemaker, etc, etc, etc

[6] Comentário enviado por Gladiuz em 04/06/2006 - 17:08h

Olá Dark_Avatar, sendo assim, vc poderia me ajudar a rodar Tibia no Cedega?

Valeu :)

[7] Comentário enviado por removido em 04/06/2006 - 17:47h

bom, a interface do windows ta longe de ser bonita, aqueles botões enormes, ou o classico todo cinza orrivel, pesado instavel, e bugado sempre que tenho q vim aqui nece lixao me da vontade de fazer vomito ecu

[8] Comentário enviado por marcosbj em 04/06/2006 - 20:12h

alguns pontos que acho relevantes

"Ao adquirir softwares proprietários, como o Windows, percebe-se que em um espaço de tempo curto, problemas na utilização começam aparecer como travamento do sistema, constantes oscilações no desenvolvimento de tarefas, entre outros"

Bem, o problema maior não são os softwares proprietários, que não são sinônimo de má qualidade. O problema existe em alguns softwares proprietários, como o próprio Windows, mas isso não é regra geral. Regra geral é que a grande maioria dos produtos Microsoft são instáveis. E muitas vezes o problema pode estar no SO, no programa ou na interação entre os dois, seja esse software e o SO proprietários ou livres.

Achi tb que faltou um pouco de fluência no texto em geral... faltou ligar melhor as informações. Olhe o trecho abaixo, não faz mt sentido:

"Mudando a idéia para o público empresa, além dos gastos economizados com o licenciamento, a perca ainda é maior quando analisa-se que o sistema para seu funcionamento por motivos alheios, sem explicações, esse fato para pequenas, médias e grandes empresas é sinônimo de perca de lucro. "

outro trecho diz o seguinte:

"O segredo pelo qual o Linux é de longe mais estável e mais seguro que o Windows da poderosa Microsoft, é pelo fato de ser desenvolvido por centenas de colaboradores pessoais e empresas ao redor do mundo que trabalham no seu desenvolvimento. Dessa forma consegue-se uma maior eficiência nas atualizações do sistema, com maior agilidade. "

Bem, esse não é o único motivo da boa segurança em sistemas Liux e Unix. Fatores como, por exemplo, a distinção entre root e usuário comum é um passo gigantesco à frente do Windows. No SO da Microsoft podemos, claro, definir regras de acesso. Mas no Linux o usuário é obrigado a fazer isso se realmente quiser segurança.

Ainda na mesmo página, penso que as figuras poderiam mostrar um KDE mais bonito, com Superkarmba, papel de paree bonito, cores, temas e maquiagens em geral, pra mostrar até que ponto chega a "buniteza" do KDE (MUITO mais belo que o Windows, que também é bem bonito)

"Sem dúvida optar pelo mundo Open Source é mais viável financeiramente como praticamente."

Olha, acho que essa afirmação é assim: se é viável ou não, deve-se analisar caso a caso, já que para alguns a solução é GNU/Linux e Software livre e para outros a melhor solução é o Windows e seus softwares proprietários. Em muitos casos, como faculdades e empresas que utilizam sistemas Widows, optam por Windows + OpenOffice, mesclando software livre e proprietário. Não se iluda: em alguns casos implantar Linux pode sim sair mais caro. Depende do contexto e depende de quem vai implantar o sistema.

Faço essas críticas de modo positivo, já que gostei de seu artigo e penso que, sendo um artigo feito para a Universidade, pode ser melhorado, melhorando assim, a divulgação de dados sobre a velha questão MS Windows X GNU/Linux.

[9] Comentário enviado por forkd em 04/06/2006 - 20:27h

Bom, pelo que li no seu artigo, encontrei, pelo menos, três erros:

1. Erro grave: Na seção 5, "Hipóteses", você diz: "Com a utilização de software livre (Open Source)". Contudo, a Fundação do Software Livre (Free Software Foundation - FSF) é diferente da Open Source Initiative. Por isso, um sóftware livre, é diferente de um software de código aberto, apesar de algumas vezes o software de código aberto ser referenciado como software livre. Para maiores esclarecimentos, leia http://pt.wikipedia.org/wiki/FSF e http://pt.wikipedia.org/wiki/Open_source

2. Erro gravíssimo: Na seção 2, "Linux uma breve abordagem", você deixa a entender que SOMENTE Ken Thompson foi o criador do Unix. Contudo, ele o criou em conjunto com Dennis Ritchie (http://pt.wikipedia.org/wiki/Unix), sendo que este último ainda foi o criador de uma das (senão a) linguagens de programação mais respeitadas no mundo da computação: a linguagem C. Que foi criada para reescrever o código do Unix (http://pt.wikipedia.org/wiki/Unix).

3. Sendo um artigo para Universidade, onde estão as referências? Você cita apenas algumas. Como ficam aqueles leitores que querem se aprofundar em determinado tópico, como a história do Linux?

Leve estas críticas pelo lado positivo, para melhorar, ok?!
Até mais! ;)

[10] Comentário enviado por elidianemf em 04/06/2006 - 22:32h

Nossa! Parabens! Muito bom seu artigo!

[11] Comentário enviado por segment em 05/06/2006 - 11:29h

Obrigado a todos pelos comentários...jlojunior, marcosbj , pelas críticas negativas/positivas, pois são elas que iram me ajudar, se tudo mundo gosta-se do que eu faço nunca irei evoluir, mas enfim, agradeço muito tbm a pink, rsrsrsrsrsrrsrs, uma monge do linux deixando seu comentário aqui nesse humilde artigo...Então é isso ai pessoal, vlw a todos, espero que tenham gostado desse artigo, inrrelevando que muitos dão conceitos muito baixos, mas não importa, isso é o de menos..Vlw galera do VOL, fiquem na paz...

[12] Comentário enviado por fdettoni em 05/06/2006 - 12:02h

O artigo está bom, mas além de concordar bastante com o comentário do marcosbj, tem outros pontos que não concordo.

O artigo está muito imparcial. Longe de mim defender a microsoft, ou dizer que o windows é melhor do que o Linux, mas acho que não se deve colocar apenas os pontos ruins do windows e os pontos bons do Linux.

Eu faço Ciências da Computação na UFSC, que é uma referencia técnológica ,pelo menos na região. Já vi muitos estudantes em estágios já avançados, que não conseguem instalar um Linux Kurumin, que é considerado uma distro muito fácil. Imagina como seria um leigo.

Quanto a travamentos, e erros, dúvido que até conseguir deixar seu sistema bem configurado, vc não encontrou muitos problemas, que foram necessários certos procedimentos, muitas vezes dificeis para resolver. Será que um usuario comum conseguiria sair do lugar.

Quanto a segurança, aqui no VoL mesmo, que a maior parte das pessoas tem um nivel elevado, já vi pessoas indicando colocar UID 0 para um usuario comum, para resolver um problema de permissões. Um Linux mal configurado é tão inseguro quanto o windows.

Imagine um usúario comum instalando e utilizando seu sistema, acha que vai ser um sistema estável, ou seguro? Eu acho que não.

Eu defendo totalmente a utilização do linux, mas acho que o windows é mais viável em determinadas situações. Acho que o artigo deveria ser mais imparcial e mostrar pontos fortes e fracos dos dois sistemas. O linux não precisa de propaganda, ele é tem vantagens suficientes.

Vc viveria sem shell? Apenas com interface gráfica? Um usúario quer fazer tudo pelos botõezinhos.

O Linux não tem maturidade suficiente para o usuário final, a menos que este usuario goste/entenda de informática.

Não é exatamente uma critica, apenas acredito que poderia ser escrito de um outro ponto de vista, senão estaremos nos rebaixando ao mesmo nivel da Microsoft.

Espero que não entenda mal meu comentário.

[]'s

[13] Comentário enviado por forkd em 06/06/2006 - 00:30h

Fala segment!
Fico feliz em você ter compreendido a natureza dos meu comentário! Acho que as críticas, quando bem feitas, só servem pra nos ajudar a evoluir cada vez mais! Basta que saibamos extrair a parte boa delas! A idéia é essa: todos contribuindo para o crescimento coletivo!

Abraço! ;)

[14] Comentário enviado por cadolfo em 07/06/2006 - 11:07h

É isso aí segment!

Gostei do seu artigo! Você conseguiu mostrar os lados positivos do Linux. Porém concordo com algumas críticas que te foram feitas, Mas continue escrevendo. Só na exercício da escrita é que a gente aprende.

Só tenho uma crítica a acrescentar. Se o seu professor for fã do tio Bill ele vai achar que você puxou sardinha pro Linux ao não apontar quais são os pontos positivos do Windows. O que realmente é uma coisa difícil de achar. Mas deve existir. Rs...

( )'s

[15] Comentário enviado por Gilmar_GNU/Slack em 11/12/2006 - 21:47h

Tenho que falar a minha verdade.. Não concordo com essa distribuição Windows-linux pq isso ai seria uma forma de a microsoft implantar seu monopólio no projeto do softwear livre.. como aconteceu com a desonhada Novel que se vendeu ao monopólio do sistema windows e ainda eles estão copiando o LInux em todos os aspectos... isso é um sacrilégio !

Abaixo ao monopólio !

[16] Comentário enviado por brotheroliva em 31/05/2007 - 09:19h

Preciso de ajuda, não consigo me cadastrar no forum do ubuntu aparece uma mensagem para colocar a chave secreta mas não mostra a imagem da mesma.
Site: http://ubuntuforum-br.org/

Por favor me ajuda!!!!! estou perdido nesse linux....

[17] Comentário enviado por Gilmar_GNU/Slack em 29/06/2007 - 22:09h

Acho que apesar de tudo o sistema linux é meio que underground ainda.. para algumas pessoas que nuam sabem a sua história .. que realmente ele foi baseado em sistema Unix. Que hj o sistema Usa ainda vestigios realmentes voltado a fidelidade daqueles que vieram a usar o sistema unix ou as suas respectivas distribuições..
entaum por isso que o sistema que naum se rege as regras do windows sempre vai ser assim !....
Como por exemplo : computadores populares que vem com uma distro que tem quase a mesmo funcionalidade do windows as pessoas tem receio e chegam a usar o sistema no inicio e ai quando pega os computadores formatam colocando o windows e ai começa aquela filosofia de avançar e avançar e assim sucessivamente até a instalação ser concluida.....
como hj as pessoas naum usam assim os terminais de comando fica o chamado hj que ainda exixte o movimento comodismo ; sendo assim naum vendo a vantagen em usar um sistema de graça sem poblemas ainda com virus pois naum precisam imediatamente!

╔═════════════════════════════════╗
║ Profile Monitorado e Amado -=Familia Hacker=-
╚═════════════════════════════════╝
████████████████████████████
█ ® MONITORADO 24 hs! ®
█ ® http:www.cmyip.com ®
█ ® http:www.lalau.cjb.net ®
█ ® http:www.binladi.1br.net ®
████████████████████████████
╔═════════════════════════════════╗
║ Monitorado e Amado -=-=|(/)4§†3® |=| §K1_ñ3†|=-FH=-
╚═════════════════════════════════╝

[18] Comentário enviado por suarphi em 03/12/2007 - 11:48h

O Linux é muito superior ao Windows. E quanto a interface, até mesmo a Microsoft já reconheceu, tanto que no Ruindows Vista, quase tudo foi copiado do Linux.
Linux é show!!!!!!!!

[19] Comentário enviado por areno em 03/03/2008 - 16:29h

?comentario= Caro,
Espero que entenda que minhas críticas são construtivas. Primeiro para um trabalho acadêmico em nível de graduação você deveria tomar mais cuidado com os seguintes aspectos:
a) Coesão e coerência textual. Um texto coeso é um texto bem amarrado o seu é um texto bastante fluído, solto o que dificulta a integibilidade do texto. Já a coerência é a existência por exemplo de início, meio e fim por exemplo.

b) Como o colega já citou acima onde estão as referências?

c) O texto é altamente parcial ok que você concorde que o Linux é melhor que o Windows mas emum texto acadêmico você deve provar que essa superioridade o que você não fez;

Termino esse comentário mais uma vez dizendo que o meu intuito é apenas o de ajudar procure sanar esses problemas e que são graves em um aluno de graduação.

[20] Comentário enviado por joas em 28/05/2008 - 18:31h

Acho que o linux tem ferramentas e bastante possibilidade de trabalho dos mais variados possíveis, além disso, sendo código aberto, a chance de melhorar mais rápido é maior que no código fechado onde poucos estão trabalhando para isso. Além de que a migração para o linux está apenas na descoberta da facilidade de trabalho com este excepcional sistema operacional. Além disto existem distribuições linux que estão com a mesma aparência do Windows Vista sendo eles mais velhos que o Vista, caracterizando uma possível adoção de tal aparência pela Microsoft.

[21] Comentário enviado por wagnerkill em 25/06/2008 - 11:48h

?comentario=
Infelizmente o crescimento do linux está esbarrando na falta de vontade (ou $$) dos fabricantes de hardware de não disponibilizarem drivers para linux de seus produtos.
Por exemplo: em meu note eu apanhei pra funcionar td nele, tentei diversas distros e finalmente consegui, mas nem todos tem força de vontade pra ir tentando e ao msm tempo agregar conhecimento, hj trabalho nele tranquilamente e o SO tá bem configurado, bem enxuto e bem rápido.
Porque é um absurdo você comprar um pc por menos de mil reais e gastar o mesmo ou mais para comprar windows/office/aplicativos.


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts