VIM avançado (parte 1)

Nesse artigo falarei um pouco sobre repetição de comandos, como abrir múltiplos arquivos, como visualizar diferentes arquivos numa mesma janela e conseguir editá-los, além de algumas dicas básicas e alguns exemplos do uso do modo visual, um recurso útil do vim desconhecido por muitos.

[ Hits: 70.271 ]

Por: Ricardo Rodrigues Lucca em 05/10/2005 | Blog: http://aventurasdeumdevop.blogspot.com.br/


Dividindo a janela



O vim é um poderoso editor de textos e se tivermos instalado a ncurses pode ser ainda melhor, pois poderemos deixar vários documentos abertos para editarmos, como mostra a figura 4.


A figura 4 foi conseguida seguindo alguns passos:
  1. Abrimos o vim com o arquivo teste;
  2. Dividimos a tela abrindo o arquivo spliter;
  3. Dividimos a tela de novo agora especificando um tamanho de uma linha para o arquivo gato.

Vejamos uma rápida tabela com comandos básicos (em modo de comando) para essa função.

Comando/Teclas O que faz
:split arquivo Divide a tela pela metade carregando o arquivo especificado numa metade.
:wqall Salva e fecha todos os arquivos abertos.
:qall Fecha todos os arquivos abertos.
CTRL-W Usado para alternar entre as janelas.


Da tabela acima o mais útil é sem dúvida o CTRL-W, pois sem conhecê-lo não poderemos editar os arquivos mostrado. Além disso, o local onde o cursor está indica o arquivo sendo editado e tudo na linha de comando sendo feito irá para aquele arquivo. No caso da figura 4, se mandássemos ele fechar o arquivo teríamos só os dois arquivos restantes abertos cada um usando uma metade da janela.

Outro fato interessante é que aqui a numeração que precede o comando split não serve para repetição. Ao fazer ":3split gato" você não executará três divisões para o mesmo arquivo e sim criará uma divisão para o arquivo gato de 3 linhas. Assim, podemos passar qualquer número ali que ele será usado para o tamanho da divisão e não para repetição. Esse é um dos casos de exceções.

Página anterior     Próxima página

Páginas do artigo
   1. Introdução
   2. Repetições
   3. Múltiplos arquivos abertos
   4. Dividindo a janela
   5. Modo visual (em bloco)
   6. Dicas básicas
   7. Conclusões
Outros artigos deste autor

Usando MySQL na linguagem C

Introdução à linguagem C - Parte IV

Utilizando a função QSort em C

Ponteiros void na linguagem C

Introdução à linguagem C - Parte III

Leitura recomendada

Remasterização do Kurumin 7 final

APTonCD: Ubuntu Linux sem dependência de internet

LaTeX - Figuras e tabelas

Linux, a pirataria de software e a desvalorização do desenvolvedor (parte 1)

Conceitos de criptografia com chave simétrica e assimétrica

  
Comentários
[1] Comentário enviado por jose_maria em 05/10/2005 - 10:06h

Valeu pelo artigo Ricardo,
agora eu sei porque as vezes um texto meu se repetia várias vezes. :D
Gostei muito do comando de repetição.

[2] Comentário enviado por fchevitarese em 05/10/2005 - 14:13h

kra.. ainda não li seu artigo pois não tive tempo, mais desde já adicionei ao favoritos, pois pelo jeito parece ser bom!
Ae galera que quer mexer mesmo com linux, o VIM é mto importante!
Uma ferramenta poderosa nas mãos de quem tem conhecimento!!! abraços

[3] Comentário enviado por removido em 05/10/2005 - 15:14h

Que tal partir para expressões regulares e os
comandos emprestados do bom e velho "ex"?
Hehe! ;-)

[4] Comentário enviado por Jarnotrulli em 06/10/2005 - 09:29h

Bem, só para avisar, o VIM Book é apenas a ocumentação mais completa que existe sobre o vim. Ele trata tudo de tudo, até mesmo como fazer seus próprios arquivos de sintaxe (sabe quando você edita código C e as palavras-chave ficam coloridas?).
Apenas isto.

[5] Comentário enviado por xooom em 10/10/2005 - 21:36h

Muito show o artigo. Estará nos meus favoritos. Muita coisa útil que eu nunca tinha visto.

[6] Comentário enviado por gsi.vinicius em 13/03/2006 - 14:50h

bom artigo. Legal, tem funções q eu naum conhecia do vim

[7] Comentário enviado por DanielGimenes em 01/07/2009 - 12:24h

putz, o VIM é o melhor...

depois que aprendi a usar tabs comecei a usá-lo como IDE para desenvolver.

[8] Comentário enviado por (xinelo) em 21/07/2009 - 04:36h

Gostaria de saber se existe uma tecla similar ao CTRL-W quando eu tenho multiplos arquivos abertos. Muito legal o artigo!

[9] Comentário enviado por clubelinux em 30/07/2009 - 12:57h

Excelente artigo, como eu sou muito ruim no vim vai me ajudar muito

[10] Comentário enviado por mxfera em 18/04/2010 - 01:52h

gostei mano...Ajudou muito


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts