Um mês de Arch Linux: Resultado obtido

Após um mês utilizando a distribuição Arch Linux, demonstro aqui os resultados obtidos em meus testes e minhas impressões sobre esta distribuição que tanto me cativou. Apresento os pontos que achei mais marcantes, bem como o que mais me chamou a atenção para procurar ajudar esta distribuição não apenas com divulgação, mas com tradução de documentação, pacotes etc. Espero que gostem.

[ Hits: 21.375 ]

Por: Marcelo Cavalcante Rocha em 24/07/2008


Onde tudo começou...



Muitos aqui que me acompanham já devem ter notado que tenho várias screenshots com várias distribuições diferentes. Sempre me considerei um usuário Linux, e não de distro X ou Y. Porém, como todos aqui, sempre tive minhas preferências por se adequarem mais ao meu dia-a-dia e assim atenderem minhas necessidades.

Depois de passar por distribuições como Kurumin, Kalango, Slackware, SuSE, Conectiva, Ubuntu, Fenix, Fedora e outras, acabei estagnando no Debian para servidores e no KUbuntu para desktops. A facilidade de manutenção, estabilidade e gerenciamento de pacotes dessas distribuições me fascinou e acabei usando e abusando delas duas, apesar de nunca ter parado de testar outras distros, seja em outras partições ou máquinas virtuais. Afinal, eu só estava usando essas duas por não encontrar, até o momento, alguma outra que me fosse melhor para o que EU PRECISO e BUSCO em uma distro. Não desmerecendo as demais, já que em algumas delas até passei um bom tempo, como no Slack que permaneceu em minha máquina por quase 1 ano como titular. Mas as coisas mudam...

Durante quase um ano ouvi um amigo de minha cidade me falando muito bem de um tal Arch Linux. O Arch Linux fazia isso, fazia aquilo, funcionava assim, era bom nisso e naquilo. Porém o tempo não me permitia experimentar, já que coincidiu com o tempo em que estive morando fora e meio afastado do mundo tecnológico. Mas retornando a vida ao normal, o mesmo voltou a me falar muito desse tal Arch Linux, e para minha surpresa, ele já não era o único. Diariamente eu me deparava aqui no VOL com pessoas como o eu!noel divulgando aquilo que, futuramente, tomaria um lugar especial em minha máquina, de forma firme e convincente.

Pensei bem... porque não? Experimentar não custa nada. Instalei o Virtualbox em minha máquina e parti para os testes.

Instalei em uma máquina virtual e comecei a fazer os testes de performance, estabilidade, conectividade, pacotes, repositórios, gerenciamento de pacotes etc.

A imagem abaixo mostra o Arch rodando em uma máquina virtual dentro do KUbuntu:
    Próxima página

Páginas do artigo
   1. Onde tudo começou...
   2. Agora é pra valer...
   3. Minha conclusão
Outros artigos deste autor

Linux - Só não usa quem não quer

Pydev - Preparando o Eclipse para o Python

O Software Livre precisa de você!

Criando senhas seguras com o mkpasswd

Cultura Hacker - Tenha ética e ganharás respeito

Leitura recomendada

Linux: vivência é certeza de óbvio crescimento

As características de personalidade dos usuários de Linux

Tapa-olho, Gancho e Perna-de-pau

Futuro do software livre após as eleições

Micro empreendedor individual

  
Comentários
[1] Comentário enviado por Pianista em 24/07/2008 - 16:36h

:D.. Parabéns! ficou só o filet. assim que eu tiver tempo e internet eu vou testar o Arch, assim como foi prometido! .. []'s.. Valew!

[2] Comentário enviado por acid-r4in em 24/07/2008 - 16:47h

Já venho utilizando o arch faz um bom tempo, desde a "versão" don't panic... realmente tem sido o melhor pra mim também, hoje tenho ele instalado no meu desktop e num notebook vaio, e posso afirmar que não deixa nada a desejar para as distros já consagradas!

[3] Comentário enviado por albfneto em 24/07/2008 - 16:55h

Puxa.faz tempo que quero testar arch...Sem pacotes quebrados, muita atualização? Pode ser vantajos em relação ao Gentoo.

[4] Comentário enviado por [email protected] em 24/07/2008 - 17:01h

Olá Kalib!
Parabéns pelo artigo...
Também pretendo testar o Arch assim que voltar de viagem...
Já baixei, aprendi a instalar...
Pretendo fazer uma instalação bem enxuta, sem Gnome e KDE, só E17 e meus programas favoritos :)

Mas quanto a sua afirmação "nenhuma distribuição até hoje possuía versões para i686", tem por exemplo a distribuição Crux Linux...
O Crux tem a mesma idéia do Arch... Só que o Arch tem um suporte melhor ao português :)

Te desejo que o GNU/Linux sempre atenda suas necessidades!!!
Viva o Linux!
[]'s

[5] Comentário enviado por kalib em 24/07/2008 - 17:09h

@izabeljp, o crux trás todos os pacotes para i686 por padrão?? Eu não sabia..
pensei q fosse apenas a iso. ;]
[]'s

[6] Comentário enviado por [email protected] em 24/07/2008 - 17:25h

Oi Kalib!

No o Crux é otimizado para i686 e o sistema de instalação de pacotes lembra o Gentoo...
Em resumo, o Crux é o Arch sem o pacman :P

[]'s

[7] Comentário enviado por kalib em 24/07/2008 - 17:27h

@izabeljp,

AH tah...apenas o crux é otimizado para i686...como eu imaginava então...
A questão de o arch ser o primeiro, é justamente nisso...ser 100% otimizado para i686...inclusive todos os pacotes...como citei. ;] não apenas a distro.

QUe o Linux continue nos rendendo bons frutos.. hauhaua

[]'s amiga

[8] Comentário enviado por fulllinux em 24/07/2008 - 17:28h

Muito bom kalib,
Kara, muitos ficarão agradecidos assim como eu por disponibilizar sua experiencia, assim como você já testei o Arch também e achei uma distribuição muito consistente em tudo que faz...porém sempre quiz algo a mais e você sabe do que estou falando. Brother sempre adimirei essa sua busca da Distribuição perfeita, assim como adimiro Marcelo D2 em busca da batida perfeita...Fico muito supreso em ver que achou uma que se identificou muito e se não é a perfeita para você, esta muito perto disso..hehe

Muito grato,
fulllinux,

[9] Comentário enviado por kalib em 24/07/2008 - 17:32h

@fulllinux,

HUahuha..vlw pela crítica cara. ;]

Essa foi a minha experiência..e entendo o que diz sobre faltar um algo a mais.. já passei por isso com muitas outras distros..
Mas não é essa a maior vantagem do mundo livre?? Se a ferramenta que uso não lhe serve por completo...sempre existirá uma outra que poderá lhe servir?? ;]

Liberdade de escolha! Liberdade de utilização...

Abraço grande fulllinux! ;]

[10] Comentário enviado por [email protected] em 24/07/2008 - 17:39h

Oi Kalib!

A diferença é que no Arch, o pacman instala pacotes binarios em i686 e no Crux o sistema prt-get instala a partir dos fontes, como no Gentoo....
Ou seja, um sistema Crux não deixa de ser totalmente otimizado para i686...

Mas tudo bem...
[]'s

[11] Comentário enviado por vsmoraes em 24/07/2008 - 17:40h

O Arch tbm me fez mudar... Depois de quase 9 anos usando Slack, mudei pro Arch.
Muito bom mesmo, em relação às outras distribuições, tem uma página que compara a maioria com o Arch:

http://wiki.archlinux-br.org/Compara%C3%A7%C3%A3o_do_arch_x_outros

izabeljp e kalib, nessa mesma página diz que o Arch é descendente do Crux e, até onde eu sei, o Crux tem muitos pacotes i686 mas também muitos outros i486 e, até mesmo i386

[12] Comentário enviado por vsmoraes em 24/07/2008 - 17:46h

Outra coisa, pelo que vi vc instalou o splashy, né?
Depois que eu instalei fico recebendo essa mesma msg na hora de atualizar o sistema:
"atenção: initscripts-splash: local (2008.05-6) é mais novo que commity (2007.11-1)"

Num tem como atualizar pra versão do local e parar com essa msg?

[13] Comentário enviado por skate_forever em 24/07/2008 - 18:14h

"O Crux tem a mesma idéia do Arch... Só que o Arch tem um suporte melhor ao português :)"

Amigo é o contrário, Arch se baseia nas idéias do CRUX, porém ele está mais pra Linux/BSD (com suas ferramentas pkginfo, pkgadd, etc... e Ser totalmente baseado em SOURCES).

Suporte ao português se deve ao trabalho que é feito pela comunidade Arch Linux Brasil (apesar de todos os seus problemas, não é kalib?? que já estão se resolvendo, com o apoio de todos). =D

Kalib, sá faltou o falar da estabilidade da distro, que ao contrário do que se fala por aí!! Arch por se só é MUITO ESTÁVEL, só cabe o usuário manter ela estável ou não. =D

[14] Comentário enviado por albertguedes em 24/07/2008 - 19:12h

kalib, tirando o fato de ter me deixado com dor de cotovelo agora, por acaso o seu 'amigo' que falou do Arch não era o eu!noel por acaso né ? hehehe

Mas bom artigo Kalib, você foi o tempo todo explicito na sua tentativa de ser imparcial e analisar a coisa a um nível técnico, e isso é louvável, mas ainda assim você se condoeu demais de preocupação com os flamers e bagunceirers.

Somos todos aqui pessoas técnicas, linux é uma ferramenta técnica, e deve ser analisada como tal.
Sugiro que da próxima vez se atenha mais as questões técnicas e esqueça as opiniões pessoais, quem leva o Linux para esse lado pessoal só pode ter problemas.

Mas gostei muito de sua avaliação Kalib, espero ver mais artigos seus por aqui.

Até mais.

[15] Comentário enviado por xerxeslins em 24/07/2008 - 19:20h

Legal! Você me incentivou, Kalib.
Talvez eu aprenda um pouco mais sobre Linux já que o Arch vem "pelado".

[16] Comentário enviado por kalib em 24/07/2008 - 19:22h

@skate_forever,

Sim...se o arch está melhor em relação ao Português Brasil, é por mérito da comunidade Arch Linux Brasil. ;] Sinto-me até orgulhoso em poder estar ajudando um pouco a comunidade neste sentido....mesmo estando a pouco tempo na mesma.
E sim..é muito estável...achei que depois de tudo isso, ficaria claro.. hauhauha De qualquer forma...fica anotado para uma próxima oportunidade. ;]

@albertguedes,

Sempre gostei de deixar bem claro que tudo o que digo é uma opinião minha...justamente para evitar flames... prefiro evitar do que bater boca com eles ou mesmo do que ter de fingir não ver...
Prefiro mostrar uma imparcialidade neste sentido, de forma a garantir que todos os comentários, ou pelo menos a maioria deles, sejam saudáveis levando a um debate sobre o assunto abordado.
E obrigado pelas críticas..tenha certeza que levo tudo em consideração... é o mínimo que posso fazer para compensar o tempo que todos aqui "perdem" lendo o que escrevo.

abraços e obrigado pessoal

[17] Comentário enviado por hdoria em 24/07/2008 - 19:38h

Parabéns pelo artigo, Kalib. Ficou muito bom.

Parabéns, também, pelas contribuições que você tem feito. Mesmo novo na comunidade você tem contribuindo bastante. Sempre estamos tentando agregar novos membros, continue assim que tu vai longe.

Abração.

[18] Comentário enviado por kalib em 24/07/2008 - 19:56h

Vlw Hugo... ;]
Fico satisfeito em poder ajudar...e espero cada vez mais, dentro de meus limites, poder ajudar a comunidade.

abraço

[19] Comentário enviado por SmithuX em 24/07/2008 - 22:01h

Aê Kalib!!!

Não posso deixar de comentar sobre esse artigo.

Como o hdoria disse, você chegou chegando na comunidade ArchlinuxBR e espero realmente que continue com suas
contribuições muito úteis a todos os tipos de usuários Linux!!!

Meus parabéns meu velho e que Arch sempre atenda as nossas necessidades :D

[20] Comentário enviado por removido em 25/07/2008 - 00:34h

graaaaaaaaaaaaaaaaaaande kalib ...

[21] Comentário enviado por VonNatur em 25/07/2008 - 01:06h

Hi

Tive excelente experiências com o arch-linux,foi realmente uma distro que me surpreendeu.

[]'s


[22] Comentário enviado por juliaojunior em 25/07/2008 - 01:37h

Muito bom!! Como sempre, ótimo material. Parabéns novamente!!!!

[23] Comentário enviado por maran em 25/07/2008 - 06:59h

Grande Kalib, parabéns pelo trabalho meu velho.
Um grande artigo, sobre um grande linux, feito por um grande usuário ;)
Perfeito, em busca de algo que lhe de a oportunidade de mostrar todo seu potencial.

Um grande abraço

;)

[24] Comentário enviado por kalib em 25/07/2008 - 08:21h

Vlw pelo apoio galera. Que bom que gostaram..espero que tenham a chance de testar o arch assim como eu fiz..para descobrir se ele fará tanto sucesso com vocês como fez comigo.. ;]

@maran,
vlw brother..abração. ;]

[25] Comentário enviado por irado em 25/07/2008 - 09:52h

manoww... gostei de seu relato; possivelmente nuns 15 dias devo instalar para experimentar, mas preciso ainda de algumas informações complementares:

a) qual o boot-loader utilizado? nota: ODEIO PROFUNDAMENTE o grub (argh, argh..)
b) qual a distribuição BASE dêle? (rh-like, slawkare, debian..), ou seja, a arvore genealogica (rs)
c) formato dos pacotes? (tgz, tar.gz, .deb, .rpm.. )
d) existe a possibilidade de instalação básica do básico, ou seja, instalar até obter-se o terminal (telinha preta) apenas com (por exemplo) pacotes de desenvolvimento - compiladores, make.. essas coisas?

obrigado. E parabéns pelo artigo.

[26] Comentário enviado por kalib em 25/07/2008 - 09:58h

@irado,
Aqui vão suas respostas:

a) Você escolhe durante a instalação. Eu particularmente prefiro o Grub. Até mesmo por questão de segurança. Mas você pode optar sim pelo LILO.
b) Ele é baseado no Crux. Que possui uma filosofia KISS, como o Slackware. Porém trás um excelente gerenciador de pacotes que é o pacman...como o Debian..
c) normal tar.gz se quizer fazer compilação por exemplo. Mas o pacman resolve a maioria das coisas por você. Pro restante..existe o AUR. ;]
d) Sim. A instalação é bem básica mesmo..tanto que nem xorg ele instala. Você quem instala o que desejar depois. Voê seleciona qual árvore de pacotes necessita.

Obrigado você e boa sorte com os testes.. ;]
Espero que goste!

[27] Comentário enviado por gjr_rj em 25/07/2008 - 10:26h

A um bom tempo parei no Debian pois achei uma ótima distro para Desktop e servidores. Porém tenho ouvido falar muito bem desta distro e para finalizar, esse ótimo artigo.

O que você escreveu foi mais que um artigo, foi uma imposição, a no mínimo testar o Arch. rsrsrsrs

Não tenho saída, tenho que testar, então.

[28] Comentário enviado por kalib em 25/07/2008 - 10:30h

@gjr_rj,
Que bom que gostou...Sim..meu intuito aqui não era o de transformar todos em usuários arch...mas sim apresentar as qualidades do mesmo como tentativa de pelos menos deixar as pessoas tentadas a experimentar, já que o mundo linux nos propicia essa possibilidade..porque não utilizarmos? ;]

[]'s

[29] Comentário enviado por removido em 25/07/2008 - 11:08h

Seu artigo ficou muito bom.

Atualmente, considero o debian netinst (etch) + xfce4 uma dupla imbatível, mas fiquei tentado a testar o arch, e a culpa é sua!

Parabéns.

[30] Comentário enviado por skate_forever em 25/07/2008 - 11:59h

kalib, desculpa mas vou fazer umas correções...

1- Arch não é baseado no CRUX, foi criado do zero usando o LFS e pegou algumas idéias do CRUX;
2- Ele usa o .pkg.tar.gz (que é tar.gz assim como o tgz, do slackware etc...) - respondendo ao irado;

E para completar para aqueles que arch é só para desktop, temos um pequeno exemplo em servidores: http://www.howtoforge.com/arch-linux-mailserver-with-postfix-and-dovecot

Irado, Arch se faz de escolhas, podendo ser pelo pacman ou pelo ABS (Arch Build System). Como falei mais acima, Arch é muito estável, cabe a você escolher se quer ou não aquilo.

Qualquer coisa que está faltando nos repositórios, como kalib falou, temos o http://aur.archlinux.org

=D

[31] Comentário enviado por cesar em 25/07/2008 - 13:32h

Parabéns!

Ficou bem explicativo seu artigo, me deu até vontade de usar o Arch, hauha

[]'s

[32] Comentário enviado por kalib em 25/07/2008 - 16:22h

@skate_forever,
que é isso...não precisa se desculpar...você tem mais tempo de arch que eu...natural que entenda mais do assunto..e se cometi equívocos... é ótimo que você esteja aí corrigindo. Obrigado. ;]

@cesar,
obrigado. Não fique só na vontade..experimente e tire suas próprias conclusões. ;]

[33] Comentário enviado por irado em 25/07/2008 - 17:32h

skate_forever:
obrigado pelos esclarecimentos; contudo, carece de ponhá reparo:

"Ele usa o .pkg.tar.gz (que é tar.gz assim como o tgz, do slackware etc...) - respondendo ao irado;"

a extensão *tgz do Slackware (assim como FreeBSD e outros) NÃO É um arquivo tar.gz convencional. É composto de binários e scripts de inicialização, instruções especiais. Embora possa ser expandido pelo tar (ou mc, por ex), não se recomenda isso.

Alguns *tgz disponiveis por aí PODEM ser expandidos e utilizados convencionalmente (./configure, make, make install), mas não é o caso do Slack/FreeBSD.

portanto, já que fiquei confuso - risos - se for um tgz convencional quer dizer que o pacman faria a compilação e instalação? ou, mesmo sendo tar.gz, é binário instalavel e o pacote instala sem compilar?

grato,

[34] Comentário enviado por removido em 25/07/2008 - 22:41h

O Arch é sim baseado no CRUX !!!!!!!!
E isso foi dito pelo próprio criador Judd Vinet .

[35] Comentário enviado por skate_forever em 26/07/2008 - 09:04h

@irado (pegando o padrão do kalib) =D

"a extensão *tgz do Slackware (assim como FreeBSD e outros) NÃO É um arquivo tar.gz convencional. É composto de binários e scripts de inicialização, instruções especiais. Embora possa ser expandido pelo tar (ou mc, por ex), não se recomenda isso."

Sim o mesmo vale para o .pkg.tar.gz, e respondendo a sua outra pergunta, creio que não, pois o pacman (se não estou enganado), só reconhece o .pkg.tar.gz.

@ eu!noel

Amigo, ele não é baseado no CRUX e SIM NAS IDÉIAS DO MESMO!!!! Você já chegou a usar o CRUX? Acho que não... A diferença de um para o outro chega a ser absurdamente diferente, tirando as semelhanças do initscripts.

As ferramentas são diferentes, crux tem ports e arch abs, etc, etc, etc... Nós do Arch Linux Brasil, já conversamos com o Judd e o Aaron, quando começamos em 2006 com o projeto Arch Linux Brasil e perguntamos, ele mesmo já falou, QUE É APENAS BASEADO EM IDÉIAS.

E para ser baseado creio que ele deveria modificar a base do CRUX para tal (se eu estiver errado em relação a distros BASEDs, por favor me corrigam)!!

[36] Comentário enviado por GilsonDeElt em 26/07/2008 - 10:09h

graaaaaaaaande kalib
congratulations pelo artigo!

só não digo que vou testá-lo porque minha net não ajuda muito
porém parece ser uma ótima distro
(até se parece com o projeto da minha =D)

[37] Comentário enviado por sberlotto em 26/07/2008 - 10:43h

KLIB, parabéns pelo seu artigo, muito completo e mostrando mais uma otima experiência com o GNU/Linux.
Eu jah vinha comentando com amigos meus sobre a compilação tanto de kernels específicos quanto de pacotes i686 para o Ubuntu ( minha distro atual ) q que nao tem isto ... são kernels genéricos ( sendo que eu tenho p4 HT ) e poderiam ser pacotes i686.. sabe ! Nao se consegue definir nada além dos programas que se utiliza ou tem que fazer tudo na mão .. daí é um saco !
E o fato do boot, de você ter comentado que é muito mais rápido, isto tb é legal !
Bom, vou baixar o Arch e ver numa VM tb para saber qual a minha impressão... se se for tudo isto mesmo, acho até que vou utilizar ! heheh

Um abraço...
http://blog.berlotto.com

[38] Comentário enviado por kalib em 26/07/2008 - 12:34h

@eu!noel,
vlw fera. ;] É isso aí... temos de demonstrar nossas experiências para que outros possam tomar como base e quem sabe seguir o caminho. []'s

@skate_forever,
Sem stress cara.. ;]

@GilsonElt,
HUhauahua... Show cara..obrigado pelos elogios. Espero que um dia você possa partilhar de minhas conclusões fazendo seus próprios testes.

@sberlotto,
Que bom que gostou cara. Fico feliz em ver que este artigo gerou muitas críticas e todas foram saudáveis. Sem flames.. Fico feliz em ter lhes proporcionado um pequeno texto como esse. Espero que possa em breve fazer seus testes com o Arch e tirar as suas próprias conclusões. ;]
abraço

[39] Comentário enviado por skate_forever em 26/07/2008 - 13:03h

@kalib

Nem estou, relaxaê kalib tô de boa... Só para esclarecer mesmo...

"Arch Linux é uma distribuição linux otimizada para i686, baseada originalmente em idéias oriundas da CRUX, uma notável distribuição desenvolvida por Per Lidén."

http://wiki.archlinux.org/index.php/ArchLinux_(Portugu%C3%AAs_do_Brasil)

http://wiki.archlinux.org/index.php/Arch_Compared_To_Other_Distros#Arch_vs_CRUX

Bom, era isso!

Testem o Arch, não vão se arrepender!

[40] Comentário enviado por pink em 26/07/2008 - 13:37h

Grande kalib!!!!
Parabéns, amei seu artigo, que lindo! É impressionante, você tem uma capacidade de transmitir suas idéias e pensamentos de um maneira fácil e clara, dotado de um português bom, seus artigos eu poderia ficar lendo o dia inteiro e não cansaria, tem uma linguagem precisa e ao mesmo tempo "divertida" ao leitor, são depoimentos contados com emoção e não simplesmente algo estritamente técnico...
Eu testei o Arch aqui em casa mas ainda não tive tempo de usufruir tanto dele, mas assim que eu tiver um tempo vou conhecer o jeito Arch....
Fico pensando se em um mês você obteve tantos resultados satisfatórios, imagino daqui em diante...
Parabéns novamente pelo artigo, e claro não poderia deixar de comentar aqui né?
Obrigada e continue assim, a comunidade precisa de você!
Beijos, pink

[41] Comentário enviado por kalib em 26/07/2008 - 15:20h

@pink,
Obrigado pelos elogios.. Apenas procuro retribuir após tudo que esta comunidade já fez por mim. Todo o conhecimento que já me proporcionou tornam este meu artigo um tanto quanto simples. Espero poder cada vez mais contribuir com a comunidade de forma recíproca, já que diariamente tenho o vol como fonte de pesquisa, estudo e/ou diversão.
bjo

[42] Comentário enviado por G-Slack em 27/07/2008 - 21:11h

Ouvi bons comentários sobre o Arch Linux...
Tenho ainda a curiosidade de Usa-lo!
Mais tarei que esperar um pouco !
Pois Migrei para o Slackware Recentemente e to obtendo bons resultados..
Em breve postrarei os meus Screenshots aqui no forum para vocês Verem !

[43] Comentário enviado por removido em 06/07/2009 - 14:16h

Ouvi bons comentários sobre o Arch Linux...[2]
Mesmo sendo usuario do debian....estou a disposto a novas distros....
e pelos comentarios a ferramenta pacman esta me cativando...

vou instalar hoje e to achando q arch vai ser a minha distro preferida(debian vai ficar como segunda...hhehehe)


[44] Comentário enviado por kalib em 06/07/2009 - 14:30h

Huhauhaa.. sem sombra de dúvidas não vai se arrepender.. Normalmente usuários Debian que conhecem o Arch adoram. Porque? Pois já estão acostumados com um excelente gerenciador de pacotes.. Então, ao conhecer o arch e o pacman.. Huahuha. Você não larga. Principalmente pela filosofia rolling release. boa sorte.

[45] Comentário enviado por caarlos0 em 20/07/2009 - 21:05h

"Huhauhaa.. sem sombra de dúvidas não vai se arrepender.. Normalmente usuários Debian que conhecem o Arch adoram. Porque? Pois já estão acostumados com um excelente gerenciador de pacotes.. Então, ao conhecer o arch e o pacman.. Huahuha. Você não larga. Principalmente pela filosofia rolling release. boa sorte. "

faço minhas suas palavras kalib.
eauhiaehiuaehuiae

[46] Comentário enviado por luizvieira em 06/08/2009 - 09:31h

Ótimo artigo, kalib!
É um convite à testar o Arch Linux, e é justamente o que vou fazer aqui. Ainda bem que meu Virtualbox está rodando bonito aqui hehehe
[ ]'s
Luiz

[47] Comentário enviado por removido em 20/10/2009 - 11:57h

Muito Bom Kalib;
Confio no Arch.

[48] Comentário enviado por removido em 07/11/2009 - 15:10h

Estou completando um mês de Arch Linux semana que vem.
E venho aqui me posicionar sobre o tópico que é uma excelente distribuição e tudo que o Kalib falou é veridico. =]

[]'s


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts