SimpleBurn: o ultraleve da gravação de CD/DVD

O SimpleBurn é alternativa ultraleve pra você que busca um gravador de CD/DVD, mas que não quer recorrer à nenhum dos programas já consagrados porém grandes e pesados como K3B, Brasero etc... O SimpleBurn é pequeno, porém é leve e atende à todas as necessidade de um usuário comum.

[ Hits: 11.996 ]

Por: Perfil removido em 31/01/2011


Com vocês: o SimpleBurn!!!



Ultimamente eu ando com a crise do minimalismo. Tinha o Xfce como ambiente gráfico no meu Slackware. Não satisfeito, fiz uma instalação bem enxuta do Slackware, deixei de fora todas as outras interfaces gráficas e demais programas e posteriormente instalei apenas o LXDE.

Com o LXDE instalado, passei à caça de programas leves, pequenos e que não precisassem de uma infinidade de bibliotecas e dependências para funcionar. Tudo ia bem até eu passar a procurar um bom gravador de CD/DVDs.

K3B, Brasero, GnomeBaker, Xfburn... nem pensar! Esses programas necessitam de uma infinidade de pacotes, o menor deles é o Xfburn, que infelizmente precisa de algumas deps do Xfce, o Gravemam está completamente desatualizado... Enfim eu já ia quase desistindo quando me deparei com um tal de SimpleBurn.

Oras, só o nome já me chamou atenção, me chamou mais atenção ainda quando vi que seu tamanho era de apenas 45,7 KB!!! Além disso, não exigia nenhuma dependência além do óbvio CDRTools, ou o CDRKit ou o kit LibBurnia+CDParanoia+CDRDAO.

Como eu já tinha o CDRTools instalado, não perdi tempo. Baixei e instalei o SimpleBurn e devo dizer que esse "mini-programinha" me surpreendeu!

Confira abaixo um screenshot dessa belezinha:
Linux: SimpleBurn: o ultraleve da gravação de CD/DVD
Note que o SimpleBurn extrai e grava imagens ISO, extrai CD de áudio e DVD de vídeo, grava CD de áudio e de dados além de copiar e apagar CD e DVD.

Instalando o SimpleBurn

Pois bem, vamos parar de lero-lero e vamos instalar esse pequeno notável.

1° Você pode, primeiro procurar o SimpleBurn nos repositórios da sua distro, caso não encontre, baixe o pacote instalador do site oficial:
O site oficial do SimpleBurn já traz o pacote compilado para o Slackware. Nesse caso basta fazer o download do pacote no formato .tgz e instalar com o installpkg.

Mas para as outras distros nós vamos compilar o SimpleBurn através do pacote com os fontes. No momento em que escrevo este artigo, o SimpleBurn se encontra na versão 1.6.0, então baixe o pacote simpleburn-1.6.0 source.

2° Salve o arquivo em sua pasta home.

3° Extraia o conteúdo do arquivo com o comando:

tar -vxjpf simpleburn-1.6.0.tar.bz2

Não se esqueça de alterar a versão do pacote, caso já não seja mais a versão 1.6.0. Pode-se digitar apenas as primeiras letras do nome do pacote e usar a tecla TAB pra completá-lo automaticamente.

4° Agora entre nos diretório para onde os arquivos do pacote foram extraídos:

cd simpleburn-1.6.0

(novamente não se esqueça de alterar a versão do programa, caso necessário)

5° Vamos compilar o programa:

cmake -DCMAKE_INSTALL_PREFIX=/usr .
$ make


6° Agora logue-se como root e instale o SimpleBurn:

# make install

Pronto. Simple Burn instalado!

Para acessá-lo, basta chamá-lo pelo terminal com o comando:

simpleburn

Ou, dependendo da interface gráfica da sua distro ele deve estar na sessão "Multimídia" do Menu Principal.

Curta esse "programinha" que de simples e pequeno só tem o nome e o tamanho!

Um grande abraço à comunidade do VOL.

(E tem gente que ainda prefere pagar pelo Nero. Vê se pode!!!!!)

   

Páginas do artigo
   1. Com vocês: o SimpleBurn!!!
Outros artigos deste autor

O jeito fácil e o jeito difícil de inserir paginação no Open/LibreOffice

Gmail com POP e SMTP no Thunderbird

Configurando firewall básico para compartilhar internet

Algoritmo... como fazer?

Linux prestes a ganhar novos adeptos

Leitura recomendada

Testamos: Visual Basic 8 .NET no Linux. Vejam o resultado!

SuSE Linux Enterprise Desktop 10 - O novo desktop Linux da Novell

Sweave: Interface entre R e LaTex

Instalação e configuração do AUTO97

CUPS + Jasmine Ubuntu Server 10.04 LTS (gerenciador de impressões e relatórios de impressão)

  
Comentários
[1] Comentário enviado por izaias em 31/01/2011 - 21:09h

Instalei ele no Slack, Gedimar. Instalação simples e direta.
Ele tem uma interface bem simples, mas o que interessa mesmo é sua eficácia.
Ainda vou testá-lo para dar um parecer condizente, mas por enquanto gostei da leveza do aplicativo.


Ótima contribuição!

[2] Comentário enviado por removido em 31/01/2011 - 21:29h

Muito bom o SimpleBurn, já fiz alguns testes e gostei.

Ótimo artigo !


Abraço

[3] Comentário enviado por removido em 31/01/2011 - 21:31h

Nunca fui um usuário que grava muitos CDs e DVDs, desde que eu instalei o SimpleBurn, gravei apenas um DVD e acho que um ou dois CDs. Nesses poucos testes que tive a oportunidade de fazer, o programa funcionou muito bem.

[4] Comentário enviado por brunotec em 01/02/2011 - 10:21h

Muito bom!

uma bela alternativa para ambientes minimalistas como os boxs*

agora irei tomar vergonha na cara e parar de ficar emulandos os gravadores do M$ no wine!! rsrsrs

Abraço.

[5] Comentário enviado por bilufe em 01/02/2011 - 10:38h

Não entendo porque cargas d'água alguém em sã consciência iria ficar emulando gravadores de CD/DVD através do Wine. No mundo Linux, temos programas muito bons para isto, e também tem-se o NERO LINUX!

[6] Comentário enviado por albfneto em 01/02/2011 - 10:43h

brunotec, a preferencia é pessoal, mas mesmo o nero linux eu não gosto.
acho os gravadores de CD DVD de Linux, melhores que os de windows.
eu uso K3B, mas tb uso brasero, gnomebaker e no XFCE, o xfburn.
vou experimentar o SimpleBurn.

[7] Comentário enviado por Fabio_Farias em 01/02/2011 - 13:02h

Ótimo artigo Gedimar.
Mas uma opção de gravação de CD/DVD para Linux, especialmente os com poucos recursos.
Parabéns!
Abraços!

[8] Comentário enviado por mcnd2 em 01/02/2011 - 20:27h

Não preciso dizer mais nada.

Ótimo artigo.

O progrma ainda não usei mas já é uma bela alternativa leve para desk com pouca robustez.

Abraço...

[9] Comentário enviado por removido em 04/02/2011 - 22:35h

excelente artigo amigo Gedimar!

para usuários Debian:

$ wget http://simpleburn.tuxfamily.org/IMG/bz2/simpleburn-1.6.0.2.tar.bz2
$ tar -jxvf simpleburn-1.6.0.2.tar.bz2
$ cd simpleburn-1.6.0.2

por via das dúvidas:

$ sudo apt-get install hal udev cmake checkinstall
$ cmake -DCMAKE_INSTALL_PREFIX=/usr -DDETECTION=UDEV -DBURNING=CDRTOOLS .
$ make
$ sudo checkinstall -D

* isso irá gerar um pacote .deb prontinho para ser reinstalado posteriormente caso necessário.

** caso alguém queira esse pacote, basta enviar um email que envio esse .deb sem nenhum problema ( a arquitetura é a i386 ), para gerar um para a amd64 basta seguir o exposto acima.

[]'s

--------------------------------------

EDIT:

Para o caso do Arch Linux o pacote está marcado como 'out of date' no AUR, então editei o PKGBUILD:

http://pastebin.com/fk02yt1C
http://www.vivaolinux.com.br/screenshot/KDE-Arch-Linux-7

é baixá-lo e salvá-lo com o nome PKGBUILD e rodar o comando abaixo:

$ makepkg -si --skipinteg

* quem quiser este pacote para a arquitetura x86_64 basta pedir.

[10] Comentário enviado por iguito em 25/08/2013 - 20:32h

Uma dica para quem usa o Debian (neste momento estou usando a versão 7 - Wheezy).

A instalação do SimpleBurn pode ser feita via apt-get da seguinte maneira:

- adicionar no sources.list os seguintes repositórios:
deb http://ppa.launchpad.net/simpleburn/ppa/ubuntu precise main
deb-src http://ppa.launchpad.net/simpleburn/ppa/ubuntu precise main

Precise é a versão mais atual do Ubuntu a dispor de uma versão para instação do SimpleBurn via apt-get.

- adicionar a assinatura digital:
apt-key adv --keyserver keyserver.ubuntu.com --recv-keys 44DF1779

- agora é só dar um update e em seguida instalar o SimpleBurn:
apt-get update
apt-get install simpleburn

Pronto, agora é só usar :-)


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts