Instalando o Slackware em um computador sem cdrom, placa de rede e disquete

Saiba como instalar o Slackware em computadores antigos, principalmente notebooks, via PLIP. Aprenderemos desde como confeccionar um cabo laplink até como configurar o servidor NFS que irá nos prover os arquivos de instalação via porta paralela.

[ Hits: 59.796 ]

Por: Leonel Freire em 04/07/2004


Configurando o NFS no servidor



Esta seção vai mostrar como configurar e exportar um diretório via NFS para o notebook.

Se for usar um CDROM como fonte dos dados, monte-o primeiro:

# mount -t auto /dev/hdc /mnt/cd

Estou considerando o dispositivo como /dev/hdc e o ponto de montagem como /mnt/cd, mas você pode usar como desejar.

Se ainda estiver em dúvida se seu kernel suporta o sistema NFS faça:

# cat /proc/filesystems

Obtendo algo como:

...
        ext2
nodev   proc
nodev   nfs
nodev   ncpfs
nodev   devpts
        iso9660
...
Feito isso vamos prosseguir.

Agora é hora de ativar os serviços rc.portmap e rc.nfsd, então entre no diretório /etc/rc.d e, se os arquivos rc.portmap e rc.nfsd não estiverem com permissão de execução:

# chmod +x rc.portmap rc.nfsd

Se já estiverem apenas faça:

# ./rc.portmap start
# ./rc.nfsd start


Feito isso os dois serviços estão carregados, agora olhe se o seu portmap pode lidar com o nfs:

# rpcinfo -p

Você deve obter algo como:
program vers proto   port
...
100000    2   tcp    111  portmapper
100000    2   udp    111  portmapper
100005    1   udp    655  mountd
100005    1   tcp    657  mountd
100003    2   udp   2049  nfs
100003    2   tcp   2049  nfs
...
Se o NFS o portmap e o mountd estiver aqui é porque está tudo OK.

OBS: No NFS pode ser que esteja constando apenas o protocolo UDP, o que não é nenhum problema, pois é o padrão do NFS. O que importa é que o NFS tem que estar aqui. =D

Agora está tudo pronto, vamos tentar então montar localmente, via NFS, a pasta compartilhada no servidor.

Crie uma pasta qualquer:

# mkdir /mnt/teste

E faça:

# mount -t nfs 192.168.0.2:/mnt/cd /mnt/teste

Agora vamos verificar se a montagem foi feita com sucesso:

# ls /mnt/cd

Você deve obter, no caso, todos os arquivos do CDROM.

Não deu certo? Tente:

# exportfs -fa

Isso vai forçar a leitura do arquivo /etc/exports (no meu caso ajudou).

DICA: olhe sempre o seu /var/log/messages, ele dá boas dicas do que está acontecendo.

Se não conseguir, tente ler alguma coisa sobre NFS, aconselho o NFS-HOWTO.

Página anterior     Próxima página

Páginas do artigo
   1. Um pouco de historia (pode pular =P)
   2. A quem é dirigido esse artigo?
   3. Do que você vai precisar?
   4. O que será feito e algumas dicas antes de prosseguir
   5. Construindo o cabo
   6. Configurando a rede no servidor
   7. Configurando o NFS no servidor
   8. Instalação em um computador sem disquete, cdrom e placa de rede
   9. Para quem tem disquete
   10. Pra finalizar
Outros artigos deste autor
Nenhum artigo encontrado.
Leitura recomendada

Gerando arquivos PDF em modo texto

LiveCDs versus D.Q.R.E.Cs

Como acessar outras máquinas Linux remotamente

Certificado Digital para Peticionamento Eletrônico (2018)

Utilização e instalação do Litrix Live CD

  
Comentários
[1] Comentário enviado por fabio em 04/07/2004 - 01:20h

Excelente artigo, bem completo e muito bem explicado. Parabéns Leonel!

[2] Comentário enviado por taiar em 04/07/2004 - 15:15h

huuummm...

artigo MUITO específico ...

legal pois ensina a compartilhar as coisas pela porta paralela!!! XD

e tem SLACKWARE!!

XD

muito bem explicado!

[3] Comentário enviado por edersomangelo em 13/11/2004 - 10:38h

Putzzzzzzzz, era o que eu tava procurando a um tempao, (tava sofrendo para fazer isso do meu geito), adorei seu artigo, me fez perder menos tempo para instalar o slack nas minha estações, valewwww
parabenszaço, quando eu crescer quero ser como voce :D

[4] Comentário enviado por wagnerdequeiroz em 26/06/2006 - 14:11h

Alguem tem uma ideia de fazer plip no Debian. Fiz os disquetes de instalacao do Debian (Boot,rood,net-drivers,cd-drivers). Mas o plip lá nao funfeia nem no porrete. (Nem tem ping), o outro computador, este sim rodando debian sarge, pinga a si mesmo via plip bem.

[5] Comentário enviado por F4xl em 28/07/2006 - 02:07h

Esse recurso deve ser útil principalmente para aqueles que trabalham "resussitando" micros antigos, sem drives como CD ou disquetes disponíveis na máquina... Mais um artigo nota 10 :-) Parabéns!

[6] Comentário enviado por wallisonrm em 27/07/2007 - 11:52h

Artigo muiito bom cara...
teve manha :)...


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts