Instalação e configuração do AUTO97

Este artigo aborda todo o processo de instalação, compilação e configuração do software AUTO97, um programa antigo, mas ainda muito usado em ambientes acadêmicos para resolução de problemas de continuidade e bifurcação em Equações Diferenciais Ordinárias.

[ Hits: 19.038 ]

Por: Gustavo Vasconcelos em 29/05/2005


Compilando e rodando



Faltam poucos passos para a execução do AUTO, mas se algum problema tiver que acontecer, o mais comum é que seja agora, na compilação do mesmo. Não é uma notícia agradável, mas infelizmente é a verdade e nunca é demais repetir: apesar de muito usado, o AUTO97 é um software antigo, inflexível, que pede urgentemente uma revisão e talvez um "code revamp" do mais grosso calibre. Se alguma coisa der errado aqui, o máximo que é possível dizer é "volte ao passo 1 e confira tudo de novo".

Usando o editor de sua preferência (provavelmente o mesmo usado para editar o .bash_profile) entre no diretório do auto cujo caminho é /home/usuário/auto/97/tek2ps e abra o arquivo tek2ps.c. Este arquivo contém uma linha que é mister modificar para que a compilação tenha sucesso. Usuários com algum conhecimento em Linux e programação a reconhecerão à primeira vista:

static char def_pro[]="/home/doedel/auto/97/tek2ps/pstek.pro";

Que aponta para um arquivo no diretório home do Prof. Doedel, criador do AUTO. Para que ele funcione em seu computador, modifique a linha para que fique como esta abaixo:

static char def_pro[]="pstek.pro";

Agora o passo final: a tão esperada compilação do AUTO. Felizmente o comando não poderia ser mais simples: dentro do diretório do auto (/home/usuário/auto/97) execute um:

$ make cmd

Se tudo der certo e nenhum erro for reportado, temos agora um AUTO compilado e funcionando (algumas advertências poderão ocorrer, é normal).

Como foi dito anteriormente, este artigo não tem por objetivo ensinar o uso do AUTO, porém abaixo estarão alguns comandos do mesmo apenas para testar se tudo se encontra funcionando normalmente.

Através de um console (esta é a forma mais simples de usar o AUTO), entre no diretório /home/usuário/auto/97/demos/ab:

$ cd /home/auto/97/demos/ab
$ @r ab
f77 -c -O ab.f -o ab.o
f77 -O ab.o -o ab.exe /home/gustavo/auto/97//lib/*.o
Starting ab ...

  BR    PT  TY LAB    PAR(1)        L2-NORM         U(1)          U(2)
   1     1  EP   1   0.00000E+00   0.00000E+00   0.00000E+00   0.00000E+00
   1    33  LP   2   1.05739E-01   1.48439E+00   3.11023E-01   1.45144E+00
   1    70  LP   3   8.89318E-02   3.28824E+00   6.88982E-01   3.21525E+00
   1    90  HB   4   1.30900E-01   4.27187E+00   8.95080E-01   4.17704E+00
   1    92  EP   5   1.51242E-01   4.36975E+00   9.15589E-01   4.27275E+00

 Total Time    0.260E-01
ab ... done

Voilá! Para o teste final, vamos plotar o gráfico deste exemplo, digitando "@p" e inserindo os seguintes comandos na janela que surgirá:

ax 1,2 dp bd0 n n n n


Se você está vendo algo parecido com a figura acima, parabéns, você tem um AUTO97 funcionando e pronto para aceitar novos arquivos de entrada em FORTRAN.

Bons estudos!

Página anterior    

Páginas do artigo
   1. Introdução
   2. Download e instalação
   3. Preparação do sistema e compilação
   4. Compilando e rodando
Outros artigos deste autor

Gravação de CD's com o NeroLINUX

Masterização de VCD's com menu interativo

Leitura recomendada

Um tour pelos programas de gravação de CD/DVD no Linux

VLC, o reprodutor multimídia

Isoqlog no Debian - Analisando os logs do seu MTA

Instalando o IBExpert no Linux e acessando o Firebird

Usando o Kommander para criar GUIs

  
Comentários
[1] Comentário enviado por detetive em 31/05/2005 - 18:38h

ola galera qual o linux que tem enteface grafica no 486 pois tenho pc um e gostaria de usa linux

[2] Comentário enviado por alan-rss em 26/12/2007 - 12:35h

não stou consiguindo instalar o ubuntu 7.04 na hora de formatar as partições sinplismente não aparece nada e meu hd e novinho o0 hdd sata 2


Contribuir com comentário