Gerenciamento de pacotes RPM

Este artigo é voltado para quem está começando a trabalhar com distribuições derivadas da Red Hat, e para quem está estudando para a prova LPI. Como referência para os exemplos colocados no artigo foi usada a distribuição CentOS 6.

[ Hits: 21.483 ]

Por: Fernando Mendonça em 15/06/2012 | Blog: http://lpilinux.wordpress.com/


Atualizando com RPM



1. Para atualizar um pacote:

# rpm -Uvh rp-pppoe-3.5-1.i386.rpm

Onde:
  • -U : Atualiza um determinado pacote;
  • -v : Modo verbose, mostra mensagens na tela a medida que a atualização progride;
  • -h : Mostra 50 caracteres ( # ) na tela, à medida que o pacote é desempacotado.

Se o pacote já estiver instalado, ele será atualizado para a versão mais recente. Caso contrário, será feito sua instalação, semelhante ao 'rpm -i'.

2. Consultar se um pacote está instalado no sistema:

# rpm -q rp-pppoe
rp-pppoe-3.10-8.el6.i686


3. Exibe uma lista com todos os pacotes instalados:

# rpm -qa

Retorna a lista de todos os pacotes no seguinte formato:

xorg-x11-xkb-utils-7.4-6.el6.i686
abrt-cli-2.0.4-14.el6.centos.i686
orc-0.4.11-1.el6.rf.i686
libaio-0.3.107-10.el6.i686
python-beaker-1.3.1-6.el6.noarch ...


4. Exibe informações sobre um determinado pacote:

# rpm -qi rp-pppoe

Retorna várias informações, como nome, versão, tamanho, data de instalação, descrição etc.
  • Name : rp-pppoe Relocations: (not relocatable)
  • Version : 3.10 Vendor: CentOS
  • Release : 8.el6 Build Date: Qui 11 Nov 2010 20:17:37 BRST
  • Install Date: Sáb 09 Jun 2012 15:52:56 BRT Build Host: c6b5.bsys.dev.centos.org
  • Group : System Environment/Daemons Source RPM: rp-pppoe-3.10-8.el6.src.rpm
  • Size : 235553 License: GPLv2+
  • Signature : RSA/8, Dom 03 Jul 2011 01:45:36 BRT, Key ID 0946fca2c105b9de

5. Para conhecer os arquivos de configuração de um determinado pacote:

# rpm -qc rp-pppoe

Retorna:

/etc/ppp/pppoe-server-options


6. Para desinstalar um pacote:

# rpm -e rp-pppoe

Para garantir a integridade dos pacotes e suas origens, cada pacote possui chaves criptográficas SHA e MD5. Quando baixamos algum pacote da Internet, ele traz junto em arquivos de texto, com as chaves criptografadas.

7. Para fazer a validação da assinatura de um pacote, utilizamos o comando:

# rpm - - checksig rp-pppoe-3.10-8.el6.i686.rpm
ou:
# rpm -K rp-pppoe-3.10-8.el6.i686.rpm

Se a chave for válida, irá retornar as seguinte mensagem:

rp-pppoe-3.10-8.el6.i686.rpm: rsa sha1 (md5) pgp md5 OK


8. Para importar a chave de um determinado repositório:

# rpm --import http://apt.sw.be/RPM-GPG-KEY.dag.txt

Normalmente o próprio repositório fornece esta chave, no exemplo acima, foi importada a chave do repositório RPMforge for CentOs 6.

9. Para reconstruir o banco de dados do RPM:

# rpm --rebuilddb

Esta opção é usada quando a base de dados for corrompida, quando isso acontece, a instalação de qualquer pacote falha.

Se for executado o comando rpm --rebuilddb e mesmo assim não for restaurada a base de dados, é aconselhável copiar a base de outro computador e substituir a que está apresentando problemas.

A base de dados para pacotes binários ficam localizados em "/var/lib/rpm/*", e o diretório dos comandos RPM usado pelos gerenciador RPM fica em "/usr/lib/rpm/*".

Página anterior     Próxima página

Páginas do artigo
   1. Introdução
   2. Atualizando com RPM
   3. Utilizando o YUM
Outros artigos deste autor

Inicialização do Linux

O que é o Linux

Configuração de Serviços

Leitura recomendada

Guia (nem tanto) Introdutório do Linux

Ubuntu: desvendando o "fantasma" das instalações de programas

FreeRADIUS - Noções básicas - Parte I

Instalação de um Servidor Web

Necessidade do profissional de informática

  
Comentários
[1] Comentário enviado por levi linux em 15/06/2012 - 07:47h

Parabéns, muito bom!

[2] Comentário enviado por danniel-lara em 15/06/2012 - 09:20h

Parabéns , ficou muito bom

[3] Comentário enviado por eldermarco em 15/06/2012 - 09:55h

Bom artigo, gostei bastante!

[4] Comentário enviado por eabreu em 15/06/2012 - 10:48h

estava preparando um artigo com o mesmo objetivo apresentado neste, demorei de mais, rsrsrs.

boa dica.

[5] Comentário enviado por fernandowx em 15/06/2012 - 19:08h

Boa noite povo...
que bom que vocês gostaram do artigo, existe muitos com o mesmo assunto na internet, mas achei que estava faltando um com mais prática e menos teoria. Eabreu você poderia escrever um sobre os gerenciadores de pacotes dbkg pra completar o assunto, só não demore muito, kkk...





[6] Comentário enviado por albfneto em 16/06/2012 - 01:38h

é muito bom, favoritado e é um bom complemento do meu artigo:

http://www.vivaolinux.com.br/artigo/openSUSE-As-varias-formas-de-atualizalo-e-de-instalar-pacotes/

[7] Comentário enviado por rafael_linuxfx em 16/06/2012 - 12:32h

É bem semelhante ao dpkg do debian, será que um é baseado no outro?


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts