Funtoo Current - Instalação completa

Neste artigo compartilho a instalação completa do Funtoo Current.

[ Hits: 39.967 ]

Por: Igor Felipe em 10/04/2015


Xorg / Mate / Configurações / Extras



Primeiro boot

Após carregar o kernel, entre com seu usuário. Depois mude para root e então, temos que editar o "make.conf" antes de instalar o Xorg.

# nano /etc/portage/make.conf

Adicione os parâmetros:

FEATURES="parallel-fetch collision-protect"
EMERGE_DEFAULT_OPTS="--autounmask-write=n"
ACCEPT_LICENSE="*"
AUTOCLEAN="yes"
INPUT_DEVICES="evdev keyboard synaptics mouse"
VIDEO_CARDS="intel vesa fbdev" #nvidia nv vga" #Para intel
VIDEO_CARDS="nvidia nouveau" #Para Nvidia
VIDEO_CARDS="radeon" #Para amd

Como podem ver, a minha placa de vídeo é uma Intel. Infelizmente, quem tem NVidia ou AMD, terá que ler a WIKI para saber o procedimento correto, pois nunca tive um PC com NVidia e tive só um notebook com AMD, mas não instalei o Funtoo nele.

Mais detalhes em:

Nvidia:
AMD:
Após editar o "make.conf", salve, saia e execute o comando:

# emerge x11-base/xorg-drivers #Com esse comando, o sistema irá instalar os drivers que precisa para subir o X.

Ambiente gráfico

Como disse antes nesse artigo, vou usar o ambiente Mate. Mas antes de instalar, precisamos habilitá-lo, para isso use o comando:

# eselect profile add funtoo/1.0/linux-gnu/mix-ins/mate

Depois:

# emerge -va mate

Uma dica, entre no "make.conf" e coloque o pulseaudio na variável "USE", ficando assim:

USE="pulseaudio"

... assim você poderá aumentar o volume do sistema até 150%.

Após a instalação do Mate, temos que instalar mais alguns pacotes:

# emerge sys-auth/consolekit gnome-extra/nm-applet sys-power/acpi sys-power/acpid

Após isso, execute:

# rc-update add dbus default
# /etc/init.d/consolekit start
# rc-update add consolekit default
# rc-update add acpid default
# rc-update add bluetooth default

Agora digite:

# exit #Para sair do modo root e voltar ao usuário normal

E vamos editar o arquivo "xinitrc":

nano ~/.xinitrc

E adicione a linha:

exec ck-launch-session dbus-launch mate-session && nm-applet

Salve, saia e reinicie o sistema:

sudo reboot

Depois de reiniciar o sistema, entre com seu usuário e com o comando:

startx #Para subir a interface gráfica

Vamos instalar agora alguns pacotes "extras" necessários para uso básico.

Google Chrome

Existem três versões do Google Chrome no Portage. Escolha uma e instale, são elas:
  • www-client/google-chrome = estável
  • www-client/google-chrome-beta =beta
  • www-client/google-chrome-unstable = instável , ainda em fase de testes.

Firefox

Tem duas versões no Portage, são elas:
  • www-client/firefox :: compilado a partir das fontes, demora mais ou menos 2 horas pra compilar, dependendo do hardware.
  • www-client/firefox-bin :: Firefox Binário, instalação fácil e rápida.

Audacious

Para a instalação completa do Audacious com temas e plugins, instale os pacotes:

sudo emerge media-sound/audacious x11-themes/audacious-themes media-plugins/audacious-plugins

SMplayer

Instalação completa do SMplayer:

sudo emerge media-video/smplayer x11-themes/smplayer-skins x11-themes/smplayer-themes

* Importante: quando for instalar o SMplayer, o Portage irá dizer para você definir uma flag na variável "USE" (qt4) ou (qt5), use apenas uma. Porém, quando usei a flag "qt5", surgiram vários outros problemas o que me fez remover a flag "qt5" e usar a flag "qt4".

Vlc

Execute:

sudo emerge media-video/vlc

qBittorrent

Execute:

sudo emerge net-p2p/qbittorrent

Libreoffice

  • app-office/libreoffice
  • app-office/libreoffice-bin

Escolha uma das opções e instale. Lembre-se que a primeira opção é a compilação, pode levar várias horas para compilar.

Gimp

Execute:

sudo emerge media-gfx/gimp

Para ver algumas opções de plugins e brushes:

sudo emerge -s gimp

Skype

Execute:

sudo emerge net-im/skype

Gparted

Execute:

sudo emerge sys-block/gparted

Agora você já tem o básico para o dia a dia no Funtoo.

Depois de tudo instalado atualize o sistema:

# emerge --sync
# emerge -auND @world

Comandos básicos

Comandos básicos do Portage:

# emerge --sync #Atualiza a árvore do Portage

# emerge -s pacote #Procura por algum pacote

# emerge -c pacote #Remove um pacote

# emerge -auND @world #Atualiza todo o sistema
  • a :: Nos mostra o que será baixado e pergunta se queremos continuar.
  • u :: Atualiza pacotes especificos e não faz o download novamente dos pacotes já baixados.
  • N :: Atualiza todos os pacotes que foram alterados.
  • D :: Atualiza toda a árvore de dependência dos pacotes.

# emerge -aC #Remove o pacote pedindo confirmação antes de realizar qualquer alteração

# emerge -a --depclean #Remove pacotes orfãos pedindo a confirmação antes de realizar qualquer alteração

Para mais detalhes sobre o Portage acesse:

Conclusão

Funtoo exige muita paciência para instalar, configurar e usar no dia a dia. Funtoo é para quem realmente gosta de distros de compilação ou curiosos, a fim de "fuçar" e conhecer melhor o sistema, pois o aprendizado é enorme.

Espero que este artigo seja útil, tentei deixá-lo mais completo e esclarecedor possível.

É isso aí. Qualquer dúvida, correção, crítica e sugestão, é só deixar nos comentários.
Enjoy!

Página anterior    

Páginas do artigo
   1. Introdução
   2. Boot / Mapa do teclado / Criando, formatando e montando partições
   3. Stage3 / Chroot / Portage / Fstab / Make.conf / Configurações do sistema
   4. Idioma / Mapa do teclado / Profiles / Kernel
   5. Grub / Ferramentas / Wireless / Senha Root / Usuário / Sudo
   6. Xorg / Mate / Configurações / Extras
Outros artigos deste autor

Arch Linux - Instalação completa

FreeBSD 10 com GNOME 2 - Instalação no VirtualBox

Leitura recomendada

Instalando o SNX check point no Linux Mint 18 e Ubuntu 16.04

Gerenciamento de Lan House com Main Control System

Metisse + Gnome + Slackware (3D Desktop)

Instalação e configuração do LTSP 5 no Ubuntu 11.04

Jogos via Internet em 2 minutos com Hamachi

  
Comentários
[1] Comentário enviado por fabio em 10/04/2015 - 10:14h

Muito bom artigo, parabéns pelo trabalho!

[2] Comentário enviado por zezaocapoeira em 10/04/2015 - 10:31h


Salve mano . Parabéns pelo trabalho .

A instalação do Gentoo/Funtoo dá trabalho , mas depois o " Portage " facilita a vida .

Obrigado pela atenção , salve !!!

[3] Comentário enviado por xerxeslins em 10/04/2015 - 11:06h


Parabéns! Vou favoritar.

Estou usando o Elementary OS Freya agora. Mas vou repartir o HD para acomodar o Funtoo... Fiquei com vontade depois depois desse artigo.

Não sou muito bom com Funtoo, mas já instalei. Gostei muito da experiência.

Obrigado!

[4] Comentário enviado por albfneto em 10/04/2015 - 12:41h

Favoritado, excelente artigo.
Gentoo e Funtoo sempre dão trabalho, mas depois ficam excelentes.
¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨
Albfneto,
Ribeirão Preto, S.P., Brasil.
Usuário Linux,Linux Counter: #479903.
Distros Favoritas: Sabayon, Gentoo, OpenSUSE, Mageia e OpenMandriva.

[5] Comentário enviado por otaviobrito77 em 10/04/2015 - 13:39h

Felipe, parabéns pela matéria.

Já instalei o Gentoo uma vez numa máquina virtual. O funtoo parece ser tão ou mais trabalhoso que ele. hehehe.
Vou experimentar numa máquina virtual.

No dia a dia, preferi tentar juntar o melhor de dois mundos, utilizo o arch linux e, pessoalmente, gosto muito dele (bastante rápido e sem essa de compilar tudo, o pacman é show).

[6] Comentário enviado por Felipeigor em 10/04/2015 - 13:52h


[1] Comentário enviado por fabio em 10/04/2015 - 10:14h

Muito bom artigo, parabéns pelo trabalho!


Valeu Fábio

[7] Comentário enviado por Felipeigor em 10/04/2015 - 13:54h


[2] Comentário enviado por zezaocapoeira em 10/04/2015 - 10:31h


Salve mano . Parabéns pelo trabalho .

A instalação do Gentoo/Funtoo dá trabalho , mas depois o " Portage " facilita a vida .

Obrigado pela atenção , salve !!!


Valeu mano , depois que instalei o Funtoo não sai mais e gosto muito do jeito que o Portage interage com o usuário.

[8] Comentário enviado por Felipeigor em 10/04/2015 - 14:01h


[3] Comentário enviado por xerxeslins em 10/04/2015 - 11:06h


Parabéns! Vou favoritar.

Estou usando o Elementary OS Freya agora. Mas vou repartir o HD para acomodar o Funtoo... Fiquei com vontade depois depois desse artigo.

Não sou muito bom com Funtoo, mas já instalei. Gostei muito da experiência.

Obrigado!


Valeu xerxes ta ai a minha "vingança" pq só instalei o Arch a primeira vez e o Funtoo depois dos seus artigos kkk , to usando o Funtoo desde o seu artigo ano passado

[9] Comentário enviado por Felipeigor em 10/04/2015 - 14:05h


[4] Comentário enviado por albfneto em 10/04/2015 - 12:41h

Favoritado, excelente artigo.
Gentoo e Funtoo sempre dão trabalho, mas depois ficam excelentes.
¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨
Albfneto,
Ribeirão Preto, S.P., Brasil.
Usuário Linux,Linux Counter: #479903.
Distros Favoritas: Sabayon, Gentoo, OpenSUSE, Mageia e OpenMandriva.


Valeu Alberto , esse trabalho da instalação compensa depois , tudo funciona que é uma beleza

[10] Comentário enviado por Felipeigor em 10/04/2015 - 14:08h


[5] Comentário enviado por otaviobrito77 em 10/04/2015 - 13:39h

Felipe, parabéns pela matéria.

Já instalei o Gentoo uma vez numa máquina virtual. O funtoo parece ser tão ou mais trabalhoso que ele. hehehe.
Vou experimentar numa máquina virtual.

No dia a dia, preferi tentar juntar o melhor de dois mundos, utilizo o arch linux e, pessoalmente, gosto muito dele (bastante rápido e sem essa de compilar tudo, o pacman é show).


Valeu Otavio, cara eu usei o Arch durante um bom tempo e gostei muito tbm , mas eu gosto mesmo é distro manual e de compilação, depois que conheci o Funtoo foi amor a primeira vista kkk

[11] Comentário enviado por lcavalheiro em 10/04/2015 - 16:36h

Funtoo... grande distro. Assim como Slackware e Gentoo, distro pros cabras valentes
--
Luís Fernando Carvalho Cavalheiro
Public GPG signature: 0x246A590B
Licenciado Pleno em Filosofia pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro
Mestrando em Medicina (Cardiologia) pela Universidade Federal do Rio de Janeiro

[12] Comentário enviado por SpoooK em 10/04/2015 - 17:05h

Parabéns pelo artigo cara, muito bom! Instalei o Funtoo em uma máquina virtual também após ver o artigo do xerxeslins e achei muito bom, instalar não e complicado, problema maior é o uso do dia-a-dia. Só achei que ainda sou iniciante demais para isso kkkkkkkk. Mas agora vendo seu artigo, novamente fiquei com vontade de tentar. Mas surgiu uma dúvida, estou usando no notebook o Arch com o HD dividido em 4 partições (boot,raiz,home e swap). Eu posso compartilhar a pasta HOME e a BOOT com o funtoo ? elas estão ext4, teria algum problema? Na hora de montar precisaria apenas #mkdir /mnt/funtoo/home /dev/sdX ?

Desculpa tantas perguntas,

Abs!

[13] Comentário enviado por izaias em 10/04/2015 - 18:07h

Tem que ser muito nerd! :)

[14] Comentário enviado por bleckout em 10/04/2015 - 19:49h



[15] Comentário enviado por bleckout em 10/04/2015 - 19:53h

Caramba, belo tópico, parabéns!

Eu sou um usuário novo no mundo GNU/Linux, tem quase 3 anos que tenho contato com Linux no meu trabalho, mais somente há 1 ano que eu peguei interesse mesmo de me aprofundar e acabei me viciando huehue.

Uso o Ubuntu, mas eu sou muito curioso(acho isso bom), possuo algumas distros aqui já virtualizadas para "brincar", então estou querendo pegar uma distro desse nível para poder estudar numa VM, mas ainda estou em dúvida: Funtoo, Slackware ou Arch? =P

[16] Comentário enviado por removido em 10/04/2015 - 20:47h

Muito bom!
Só uns detalhes:
Recentemente foi introduzido no funtoo novos profiles, chamados de "subarch". Isso torna desnecessário a opção CFLAGS no make.conf ( http://forums.funtoo.org/topic/447-subarch-profiles/ )
Além disso, adicione o CPU_FLAGS_X86="coloque aqui o que for necessário" , como é explicado aqui http://www.funtoo.org/CPU_FLAGS . É importante não esquecer essa configuração pois, por exemplo, ao tentar instalar o XFCE em um sistema novo haverá uma mensagem de erro que informa a falta de determinada configuração.

[17] Comentário enviado por Felipeigor em 10/04/2015 - 23:19h


[11] Comentário enviado por lcavalheiro em 10/04/2015 - 16:36h

Funtoo... grande distro. Assim como Slackware e Gentoo, distro pros cabras valentes
--
Luís Fernando Carvalho Cavalheiro
Public GPG signature: 0x246A590B
Licenciado Pleno em Filosofia pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro
Mestrando em Medicina (Cardiologia) pela Universidade Federal do Rio de Janeiro


Concordo com vc Luís kkkk

[18] Comentário enviado por Felipeigor em 10/04/2015 - 23:38h


[16] Comentário enviado por f4k3 em 10/04/2015 - 20:47h

Muito bom!
Só uns detalhes:
Recentemente foi introduzido no funtoo novos profiles, chamados de "subarch". Isso torna desnecessário a opção CFLAGS no make.conf ( http://forums.funtoo.org/topic/447-subarch-profiles/ )
Além disso, adicione o CPU_FLAGS_X86="coloque aqui o que for necessário" , como é explicado aqui http://www.funtoo.org/CPU_FLAGS . É importante não esquecer essa configuração pois, por exemplo, ao tentar instalar o XFCE em um sistema novo haverá uma mensagem de erro que informa a falta de determinada configuração.


Opa valeu , bom esses profiles "subarch" só irão aparecer depois de atualizar o sistema pela primeira vez, não achei necessário falar sobre eles , em relação ao "CPU_FLAGS_X86" eu não uso e não tive nenhum problema na hora de instalar o Xfce.

[19] Comentário enviado por Felipeigor em 11/04/2015 - 00:05h


[15] Comentário enviado por Kuchiki em 10/04/2015 - 19:53h

Caramba, belo tópico, parabéns!

Eu sou um usuário novo no mundo GNU/Linux, tem quase 3 anos que tenho contato com Linux no meu trabalho, mais somente há 1 ano que eu peguei interesse mesmo de me aprofundar e acabei me viciando huehue.

Uso o Ubuntu, mas eu sou muito curioso(acho isso bom), possuo algumas distros aqui já virtualizadas para "brincar", então estou querendo pegar uma distro desse nível para poder estudar numa VM, mas ainda estou em dúvida: Funtoo, Slackware ou Arch? =P


Valeu brother , isso não é bom é muito bom rs , assim vc aprende , eu iria de Slackware primeiro. pra mim o slack foi como uma escola depois que vc aprende a usar o slack tudo fica mais fácil :P

[20] Comentário enviado por mcnd2 em 11/04/2015 - 00:08h


10!

Artigo bem didático.

Parabéns pelo trabalho.

Favoritado!!!

[21] Comentário enviado por Felipeigor em 11/04/2015 - 00:44h


[13] Comentário enviado por izaias em 10/04/2015 - 18:07h

Tem que ser muito nerd! :)


kkkkkk me lembro de um certo izaias ai dizer que ia instalar o Funtoo nas férias :P

[22] Comentário enviado por izaias em 11/04/2015 - 00:46h


[21] Comentário enviado por Felipeigor em 11/04/2015 - 00:44h


[13] Comentário enviado por izaias em 10/04/2015 - 18:07h

Tem que ser muito nerd! :)

kkkkkk me lembro de um certo izaias ai dizer que ia instalar o Funtoo nas férias :P


Esqueça! Sou um clicador. :)

[23] Comentário enviado por Felipeigor em 11/04/2015 - 00:56h


[12] Comentário enviado por SpoooK em 10/04/2015 - 17:05h

Parabéns pelo artigo cara, muito bom! Instalei o Funtoo em uma máquina virtual também após ver o artigo do xerxeslins e achei muito bom, instalar não e complicado, problema maior é o uso do dia-a-dia. Só achei que ainda sou iniciante demais para isso kkkkkkkk. Mas agora vendo seu artigo, novamente fiquei com vontade de tentar. Mas surgiu uma dúvida, estou usando no notebook o Arch com o HD dividido em 4 partições (boot,raiz,home e swap). Eu posso compartilhar a pasta HOME e a BOOT com o funtoo ? elas estão ext4, teria algum problema? Na hora de montar precisaria apenas #mkdir /mnt/funtoo/home /dev/sdX ?

Desculpa tantas perguntas,

Abs!


Valeu brother , vamos as suas perguntas kkk quanto a partição /boot eu não sei se é possível pois nunca fiz , já a partição /home da sim pra compartilhar desde que vc crie um usuário diferente para cada distro , mas cuidado pra não virar bagunça de uma olhada aqui nesse tópico http://www.vivaolinux.com.br/topico/Iniciantes-no-Linux/Duas-distros-com-a-mesma-particao-home

[24] Comentário enviado por Felipeigor em 11/04/2015 - 00:57h


[20] Comentário enviado por mcnd2 em 11/04/2015 - 00:08h


10!

Artigo bem didático.

Parabéns pelo trabalho.

Favoritado!!!


Valeu mano

[25] Comentário enviado por removido em 11/04/2015 - 13:24h

Nao tem como nao favoritar!Eu to rachando a cabeça com o slackware aqui,mais dessa vez eu vou resolver sozinho pra aprender e nao ser um script kid.Vou favoritar porque um dia vou usar o gentoo.Concordo com o Cavalheiro tem que ser cabra macho pra usar o funtoo!

A liberdade indocil e domada pela propria desgraça -William Shakespeare

[26] Comentário enviado por Felipeigor em 11/04/2015 - 18:54h


[25] Comentário enviado por SamsonBurke em 11/04/2015 - 13:24h

Nao tem como nao favoritar!Eu to rachando a cabeça com o slackware aqui,mais dessa vez eu vou resolver sozinho pra aprender e nao ser um script kid.Vou favoritar porque um dia vou usar o gentoo.Concordo com o Cavalheiro tem que ser cabra macho pra usar o funtoo!

A liberdade indocil e domada pela propria desgraça -William Shakespeare


Valeu brother , cara com certeza vc está indo para o melhor caminho, Slackware é uma escola mas cuidado com a maldição de Patrick Volkerding kkkkk

[27] Comentário enviado por albfneto em 13/04/2015 - 17:09h

Acho que é o melhor artigo de instalação de Funtoo, que ví em língua portuguêsa.
Voce está de parabéns.
Uma grande contribuição para quem quer conhecer Funtoo.
¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨
Albfneto,
Ribeirão Preto, S.P., Brasil.
Usuário Linux,Linux Counter: #479903.
Distros Favoritas: Sabayon, Gentoo, OpenSUSE, Mageia e OpenMandriva.

[28] Comentário enviado por Felipeigor em 14/04/2015 - 13:45h


[27] Comentário enviado por albfneto em 13/04/2015 - 17:09h

Acho que é o melhor artigo de instalação de Funtoo, que ví em língua portuguêsa.
Voce está de parabéns.
Uma grande contribuição para quem quer conhecer Funtoo.
¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨
Albfneto,
Ribeirão Preto, S.P., Brasil.
Usuário Linux,Linux Counter: #479903.
Distros Favoritas: Sabayon, Gentoo, OpenSUSE, Mageia e OpenMandriva.


Valeu mesmo Alberto , eu tentei deixar o artigo mais completo possível.

[29] Comentário enviado por DaianR em 02/11/2015 - 03:46h

Cara, parabéns pelo artigo!
Eu estava lendo aqui no site e por acaso encontrei essa contribuição, fiquei animando para tentar instalar, segui os processos e estou quase terminando.
Está dando muito trabalho, faz 3 dias que a máquina está ligada, mas estou fazendo por etapas, rs.
Valeu!

[30] Comentário enviado por Felipeigor em 03/11/2015 - 21:47h


[29] Comentário enviado por DaianR em 02/11/2015 - 03:46h

Cara, parabéns pelo artigo!
Eu estava lendo aqui no site e por acaso encontrei essa contribuição, fiquei animando para tentar instalar, segui os processos e estou quase terminando.
Está dando muito trabalho, faz 3 dias que a máquina está ligada, mas estou fazendo por etapas, rs.
Valeu!


Opa valeu brother , qualquer coisa posta ai que se eu souber como resolver te ajudo .
Abraço.

Igor Felipe
Cadastrado desde: 25/09/2009

[b]If it moves , compile it.[/b]

[31] Comentário enviado por Rhobb em 01/06/2017 - 20:16h

Foi o melhor tutorial de instalação do funtoo que eu já encontrei, agora sei que vou conseguir instalar, , fiquei surpreso com a riqueza de detalhes ,,
,explicado tão simples, que até incluiu informações sobre como compilar o kernel, ficou tudo fácil , obrigado por ensinar, , gostaria de fazer uma pergunta , porque a partição raiz , é montada antes da /boot , ou tanto faz a ordem,,? Um abraço

[32] Comentário enviado por AndersonInacio em 14/07/2017 - 11:30h


[31] Comentário enviado por Rhobb em 01/06/2017 - 20:16h

Foi o melhor tutorial de instalação do funtoo que eu já encontrei, agora sei que vou conseguir instalar, , fiquei surpreso com a riqueza de detalhes ,,
,explicado tão simples, que até incluiu informações sobre como compilar o kernel, ficou tudo fácil , obrigado por ensinar, , gostaria de fazer uma pergunta , porque a partição raiz , é montada antes da /boot , ou tanto faz a ordem,,? Um abraço


Olá Rhobb,
Durante a instalação a Raiz é montada antes porque não existe a pasta root / nem a pasta boot /boot


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts