Como tornar-se um membro da comunidade Linux

Disponibilizo para a todos o slide e o texto base da palestra que ministrei na 1a Semana de Informática - FAC em 18/10/2004. Sugestões e críticas da comunidade servirão para aprimoramentos. Conforme os organizadores do evento, os vídeos estarão disponíveis para a comunidade (sem previsionamento de data). Porém vamos aguardar.

[ Hits: 41.816 ]

Por: Alessandro de Oliveira Faria (A.K.A. CABELO) em 08/12/2004 | Blog: http://assuntonerd.com.br


Por que colaborar? Como se tornar um membro?



Não queira tornar-se um sucesso como homem e sim tornar-se um homem de valor. Pois um homem de valor dá mais à vida do que recebe dela.

Aplicando esta frase no escopo da palestra: não queira simplesmente brilhar dentro da comunidade. Em primeiro lugar descubra o seu dom, sua especialidade, para somente depois contribuir. Assim você estará disponibilizando para a comunidade o que sabe fazer de melhor.

Não é difícil se tornar um membro da comunidade. Basta usar Software Livre, entender por que o usa e definir a sua forma de contribuição (portal, artigos, traduzindo textos, livros, computação gráfica, esclarecendo dúvidas em fórum e outros).

Não se ache superior por usar uma determinada distribuição, o que faz a diferença é o administrador do sistema.

Portais: o método mais eficaz de divulgação!


A maioria dos mantenedores de portais foram criados em função da extensa documentação valiosa acumulada em papel, justamente por nunca tê-la disponível quando se precisava. Divulgar o acervo é a atitude mais lógica, além do compartilhamento do mesmo.

Eu achava o máximo entrar em páginas de artigos técnicos dos membros da comunidade. Isso me motivou a elaborar artigos para publicação em portais. Na maioria das vezes somos impulsionados pela admiração dos autores de artigos que nos ajudaram. Um artigo bem elaborado proporciona-lhe uma imagem de "guru" ao que são beneficiados pelos seu trabalho.

Antes de colaborar ativamente dentro da comunidade, aguarde até o momento em que se sentir preparado. Tornando-se um artesão da tecnologia. Com certeza você irá precisar de suas anotações, que não estarão disponíveis, a menos que você as publique, guardando-as para a posteridade. Então bastará um computador com acesso a Internet para resolver os seus problemas.

Dicas do Oracle 10 no SuSE


Faça com prazer. Contribuir é aprender. Sempre que estiver pesquisando um novo assunto, compile sua anotações em forma de artigo. Se gostar do resultado, publique-o. Pois logo perceberá que se tornou uma pessoa reconhecida como formadora de opinião e certamente guiará, mesmo sem saber, a vida profissional de muitas pessoas. Seja principalmente responsável, comprometido e determinado em suas ações.

Nunca pense que você não pode fazer nada para a comunidade. Qualquer um pode fazer qualquer coisa.

Seja um pinguim a mais.

A comunidade não é composta apenas de escritores de artigos técnicos, existem inúmeras maneiras de contribuir para a comunidade. No exemplo abaixo, a resposta deste e-mail reduziu infinita vezes o trabalho que supostamente teria para resolver o seguinte problema:

"On Mon, Dec 08, 2003 at 02:45:25PM -0300, silveira at vidaacademica.com.br wrote:
> # iptables -t nat -A POSTROUTING -o eth0 -j MASQUERADE
> iptables: Invalid argument
>
> Consultando a "oráculo", ela confidenciou-me que isso pode ter a ver com
> tentativas interna da equipe Conectiva em atualizar o kernel para resolver o
> problema do do_brk exploit. Essa versão do iptables não deve compatível com o
> kernel vulnerável.

Exato, você precisa atualizar o kernel também, o que não deixa de ser uma boa recomendação, visto que conserta a vulnerabilidade do do_brk().

> Gostaria de saber URGENTE como proceder, pois tenho clientes que ficaram sem
> acesso à Internet.
>
> Há alguma forma via apt-get de eu voltar facilmente para a versão anterior, a
> iptables-1.2.7a-26694cl ?

É muito melhor você atualizar o kernel. Se, REALMENTE, não for possível, baixe o iptables-1.2.7a-26694cl manualmente e faça

rpm -Uvh iptables-1.2.7a-26694cl.i386.rpm --oldpackage

O anúncio comenta que iptables foi atualizado também, mas concordo que não deixa claro que o iptables novo não funciona com o kernel anterior."

Nós, da comunidade Linux, temos um sonho:

De que o Linux será adotado de braços abertos pelo mais leigo dos usuários.

De que mostraremos e compartilharemos um caminho de liberdade a todos os usuários, profissionais e empresas que utilizam computadores.

De que quando tivermos dúvidas e problemas com o Linux, poderemos contar com o apoio preciso, rápido e mútuo de uma grande equipe profissional.

De que o Linux estará onipresente, à nossa volta, em telefones celulares, assistentes pessoais, veículos, geladeiras, enfim, no nosso dia-a-dia.

De que o Linux será o sistema operacional n° 1 no mundo num futuro bem próximo.

De que a nossa MODESTA contribuição transformará em Realidade os Nossos Sonhos!

Página anterior     Próxima página

Páginas do artigo
   1. Introdução
   2. O que é comunidade?
   3. O que é Software Livre?
   4. Por que colaborar? Como se tornar um membro?
   5. Dicas para elaboração de um artigo
   6. Como divulgar um artigo?
   7. Cuidado com o fanatismo!
Outros artigos deste autor

fprint: Biometria livre, completa e total!

Visão Computacional - Reconhecendo objetos na plataforma Linux via Webcam

MOVIX: a fantástica mini-distribuição Multimídia

True3D*Shell: Um shell 3D e futurista para o seu GNU/Linux

ReactOS: O irmão open-source do Microsoft Windows NT 4.0

Leitura recomendada

As brigas dos linuxers

Área de Trabalho Aristocrática

Software Livre é o futuro

Um níquel de volta

OSS & ALSA - A História

  
Comentários
[1] Comentário enviado por mre em 08/12/2004 - 09:14h

Excelente cabelo. Artigos como este que nos motivam a aprender e contribuir mais para a comunidade SL. Imagino que deve ter sido fazer uma apresentação como essa para tantas pessoas...

Gostei especialmente da parte sobre elaboração e publicação de artigos, valeu.

[2] Comentário enviado por jeffestanislau em 08/12/2004 - 10:36h

Grande Cabelo!!!

Gostei muito do slide, os fundos usados realçaram os textos, a galera da platéia deve ter curtido muito a sua apresentação!!!

Parabéns pelo esforço e a dedicação à comunidade Linux!!!

[]´s
Jefferson



[3] Comentário enviado por m4sk4r4 em 08/12/2004 - 14:35h

Olá Alessandro,

Um simples comentário, mais com muito prazer.

Parabéns, extramamente show de bola(Pinguim).

t+
Gabriel santana - M4sk4r4


[4] Comentário enviado por [email protected] em 08/12/2004 - 18:06h

Este é o meu 1º comentario, keria dizer que estou muito satisfeito com o linux, e espero tb ser aceito na comunidade.
Ja li alguns artigos seu, parabens pelos artigos. !!!

[5] Comentário enviado por vikylorenna em 08/12/2004 - 20:21h

Que ótimo!
Parabéns! Com certeza essa é só a primeira de muitas outras que estão por vir.
Ainda estou engatinhando no mundo do linux mas daqui alguns meses vou brigar para tambem fazer parte dessa comunidade.
Abraços e sucesso que você merece.
Viky - SP

[6] Comentário enviado por naoexistemais em 08/12/2004 - 22:07h

Cabelo,

Parabéns pelo artigo, unico problema que esqueceu de citar a LinuxIT na seção de divulgação, mas tudo bem...(risos)

Falou,

[7] Comentário enviado por nane_eli em 08/12/2004 - 22:53h

Cabelo, Parabéns!
Concordo com vc, o nervosismo vai a 100% quando se te tem um auditório lotado, por mais preparado que se esteja, na hora é sempre assim.
Gostei muito do seu artigo, você colocou de forma muito simples e bem elaborada os itens "O que é comunidade?, O que é SL? e Por que colaborar? Como se tornar um membro?".
Acredito que para as pessoas que estão começando, como eu, será de grande ajuda.
Obrigada!
[]´s Eliane!

[8] Comentário enviado por Candace em 25/02/2005 - 10:28h

Parbéns pela palestra!!!!
Este artigo está excelente. Gostei da parte onde vc fala que todo mundo pode ajudar de aguma forma. Eu, por exemplo, sou estudante de psicologia e não entendo tanto de informática como vcs. Apesar disso, me sinto aceita nesta comunidade. Foi questão de saber onde vão meus limites, coisas muito técnicas por exemplo eu não mexo. Mas configurações de dia-a-dia, eu até já posso ajudar alguns colegas.

Muito bom mesmo seu artigo

Obrigada,
Candace

[9] Comentário enviado por Nick em 04/05/2005 - 09:53h

Eu tava lá!!!!

[10] Comentário enviado por Ishikawa em 29/09/2005 - 12:20h

Cara... esse eh um artigo OBRIGATÓRIO pra todo mundo, mesmo pra linuxer com experiência. As vezes nós achamos que sabemos o que significa comunidade ou software livre, mas artigos como esses servem para "abrir as nossas mentes".

+ Favoritos? -- YESSSS!!!!

[11] Comentário enviado por brownsants em 23/10/2005 - 17:54h

aE cara mtu legal gostei, seria mtu bom se ouvessem mais com essa pelo Brasil

[12] Comentário enviado por gsi.vinicius em 19/05/2006 - 00:52h

grande... ótimo, material...categórico, ótima referência, seguindo os passos descritos não há como não ser reconhecido pelo seu trabalho. Parabéns

[13] Comentário enviado por ihtraum em 30/06/2006 - 00:01h

texto de grande valia.
muito esclarecedor.
ampliou bastante minha visão a respeito de comunidade.
não só de comunidade é claro !!
parabéns !

[14] Comentário enviado por marceloespindola em 02/07/2007 - 18:15h

Infelizmente existe muitas pessoas que erram por que se acham que são o superiores por que tem tanto conhecimento técnico principalmente na área de TI, mas esquecem de investir no relacionamento interpessoal

[15] Comentário enviado por fsalem em 25/08/2008 - 07:17h

Grande cabelo... muito bom artigo, a palestra deve ter sido muito boa... conhecimento e humildade nunca e demais. ideologia sempre, mas sem fanatismo..linux e maravilhoso, falta mais pessoas descobrirem isso .. e viva a liberdade.. relacionamento humano tbm e muito importante.. nao so com nossas queridas maquinas..

[16] Comentário enviado por removido em 22/12/2009 - 20:57h

Grande Cabelo.
Ótimo artigo amigo. Cometi vários erros como dito no mesmo aqui, e com ajuda de todos, fui melhorando, aprendendo, etc.

Obrigado pelo Artigo!

[]'s

[17] Comentário enviado por doradu em 02/02/2010 - 14:44h

pow, vc não é nem um pouco suscinto


Contribuir com comentário