Quebrando o gelo!! [RESOLVIDO]

133. Curtinhas...

Rodrigo Ferreira Valentim
engos

(usa openSUSE)

Enviado em 13/11/2007 - 14:48h

Em outra audiência, o juiz pergunta ao réu:
"O senhor não trouxe o advogado?"
"Não, meritíssimo! Eu não tenho advogado. Resolvi falar a verdade!"



Dois advogados, pai e filho, conversam: "Papai! Estou desesperado. Não sei o que fazer. Perdi aquela causa!" "Meu filho, não se preocupe. Advogado não perde causa. Quem perde é o cliente!"



Por que os correios estão recolhendo a nova série de selos em homenagem aos advogados?
Eles traziam efígies de advogados...e as pessoas ficavam em dúvida sobre em qual lado do selo deveriam cuspir.



Dois advogados, sócios em um escritório, saem juntos e vão almoçar. Já no meio da refeição um vira para o outro e reclama "Puxa vida, esquecemos de trancar o escritório" e o outro responde "Não sepreocupe, estamos os dois aqui!"



Certo dia estavam dois homens caminhando por um cemitério quando depararam-se com uma sepultura recente. Na lápide lia-se:
"Aqui jaz um homem honesto e advogado competente". Ao terminar a leitura um virou-se para o outro e disse:
- "Desde quando estão enterrando duas pessoas juntas na mesma cova?"



P: Você sabe como salvar cinco advogados que estão se afogando ?
R: Não.
Ótimo!


  


134. Loira Advogada

Rodrigo Ferreira Valentim
engos

(usa openSUSE)

Enviado em 13/11/2007 - 15:18h

A loira se formou advogada (sabe Deus como????), mas está com uma porção de dúvidas. Então resolveu formular um questionário para a OAB.... (tadinha)

01. Qual a capital do estado civil?
02. Dizer que gato preto dá azar é preconceito racial?
03. Com a nova Lei Ambiental, afogar o ganso passou a ser crime?
04. Pessoas de má fé são aquelas que não acreditam em Deus?
05. Quem é canhoto pode prestar vestibular para Direito?
06. Levar a secretária eletrônica para a cama é assédio sexual?
07. Quantos quilos por dia emagrece um casal que optou pelo regime parcial?
08. Tem algum direito a mulher em trabalho de parto sem carteira assinada?
09. A gravidez da [*****], no exercício de suas funções profissionais, caracteriza acidente de trabalho?
10. Seria patrocínio o assassinato de um patrão?
11. Cabe relaxamento de prisão nos casos de prisão de ventre?
12. A marcha processual tem câmbio manual ou automático?
13. Provocar o Judiciário é xingar o juiz?
14. Se um motel funciona somente das 8 as 18 horas, podemos dizer que ali só ocorrem transações comerciais?
15. Para tiro à queima-roupa é preciso que a vítima esteja vestida?


135. Há geito para tudo!

Ricardo Brito do Nascimento
rbn_jesus

(usa Fedora)

Enviado em 13/11/2007 - 16:10h

Um fazendeiro levou seu caminhão até à oficina; como não podia
esperar, ele disse que iria a pé para casa, já que morava perto.
No caminho para casa, parou na loja de ferragens e comprou um balde e
um galão de tinta.
No armazém, ele comprou dois frangos e um ganso.
Já fora da loja, ele ficou dando tratos à bola para saber como levar
as compras para casa.
Enquanto ele coçava a cabeça, apareceu uma velhinha (não muito velha)
que lhe disse estar perdida; ela perguntou:
- Pode me explicar como chegar até a Rua dos Tordos, 1603?
Respondeu o fazendeiro:
- Bem, minha fazenda é ao lado dessa propriedade. Eu até a levaria
até lá, mas não posso carregar tudo isso.
A velhinha sugeriu:
- Coloque o galão de tinta dentro do balde; carregue o balde em uma
das mãos, um frango sob cada braço e o ganso na outra mão.
- Muito obrigado, disse o homem; a seguir partiram os dois para o
destino.
No caminho, ele disse:
- Vamos cortar caminho e pegar este atalho, pois economizaremos muito
tempo.
A velhinha o fitou cautelosamente e disse:
- Eu sou uma viúva solitária e não tenho marido para me defender.
Como saberei se quando estivermos no atalho, você não avançará em cima
de mim e levantará minha saia pra transar comigo.
O fazendeiro disse:
- Impossível! Estou carregando um balde, um galão de tinta, dois
frangos e um ganso. Como eu poderia fazer isso com tudo isso nas mãos?
A velhinha respondeu:
- Coloque o ganso no chão, ponha o balde invertido sobre ele, coloque
o galão sobre o balde e eu seguro os frangos...


136. Viciados em computador

Sergio Teixeira - Linux User # 499126
Teixeira

(usa Linux Mint)

Enviado em 13/11/2007 - 16:11h

Você passa a desconfiar que está viciado em computador quando...
1- Já dorme com o mouse na mão;
2- Sua mãe é obrigada a mandar-lhe um scrap para avisar que o almoço está pronto...




137. Computador de bolso

Sergio Teixeira - Linux User # 499126
Teixeira

(usa Linux Mint)

Enviado em 13/11/2007 - 16:15h

Foi desenvolvido em Portugal o primeiro mainframe de bolso. Trata-se do maior computador do mundo, com a mais alta capacidade, etc., e que apresenta um bolso lateral confeccionado em nylon, que permite guardar CDs, cigarros, disquetes, etc.


138. Submarino atômico

Sergio Teixeira - Linux User # 499126
Teixeira

(usa Linux Mint)

Enviado em 13/11/2007 - 16:17h

Foi desenvolvido em Portugal um moderníssimo submarino atômico provido de teto solar. Os fabricantes prometem novas informações tão logo o protótipo volte dos testes.


139. O real significado

Sergio Teixeira - Linux User # 499126
Teixeira

(usa Linux Mint)

Enviado em 13/11/2007 - 16:19h

O termo "computador" indica um paulista reclamando estar com uma dor insuportável...


140. Definição

Sergio Teixeira - Linux User # 499126
Teixeira

(usa Linux Mint)

Enviado em 13/11/2007 - 16:20h

o termo "TV ABERTA" significa uma TV parada na oficina, esperando conserto...


141. Esquerdo e Direito

Rodrigo Ferreira Valentim
engos

(usa openSUSE)

Enviado em 13/11/2007 - 16:57h

Com muita dor nas proximidade do bilau, João vai ao médico, um clínico, conhecido de muito tempo. Lá chegando, para examiná-lo, o doutor pede que abaixe a calça e logo constata que o problema é um inchaço no testículo esquerdo. Fala para João procurar um especialista, um urologista, e dá a ele um cartão com o nome do médico. Mas, na pressa (médico tá sempre apressado), se engana e entrega ao João um cartão de um advogado.

No dia seguinte, sem notar o problema, João liga para o consultório e marca uma consulta. Quando comparece ao Escritório do Advogado, chega meio atrasado e nem se dá conta que lá é um escritório de advocacia. Logo, a atendente, o conduz até à sala do advogado que já estava esperando por João.

João, percebendo tinha deixado o doutor esperando, vai logo dizendo que sabe qual é o problema e abaixa as calças e diz:
-Dr., olhe aqui, o meu problema é no testículo esquerdo.

Assustado com aquela visão inesperada, o advogado fala:
-Sr. João, acho que aqui deve estar ocorrendo algum engano, pois minha especialidade é Direito.

Então, João reclama:
-Tá louco! Vai ser especializado assim no inferno!


142. Pérolas proferidas por advogados.

Rodrigo Ferreira Valentim
engos

(usa openSUSE)

Enviado em 13/11/2007 - 17:02h

As pérolas jurídicas que se seguem, são falas que realmente vazaram das bocas de rábulas (também conhecidos como advogados de “porta de cadeia”) e foram obtidas de registros oficiais de tribunais. Com toda a justiça aos pobres advogados aqui imortalizados como completos idiotas, o leitor deve saber que os datilógrafos transcrevem tudo o que e dito, de forma que a menor estultice fica em registro para sempre. Aproveite e veja entre parênteses as respostas que devem ter sido imaginadas pelos que ouviram as perguntas.

(1)
Foi este o mesmo nariz que você quebrou quando criança? (Como se alguém trocasse de nariz depois de adulto).

(2)
Então, doutor, não é verdade que quando uma pessoa morre durante o sono, na maioria dos casos ela o faz de maneira calma e não se da conta de nada até a manha seguinte? (E na manhã seguinte ao acordar ele vai notar que está morto?)

(3)
-O que aconteceu depois?
-Ele me disse: Tenho que te matar porque você pode me identificar no tribunal.
-E ele o matou?
(O inquirido deveria responder que sim, que era um fantasma voltando do além?)

(4)
-Foi você ou seu irmão que morreu na guerra? (Sem comentários!)

(5)
-O filho mais jovem, o de 20 anos, quantos anos ele tem? (Talvez, uns oitocentos e cinqüenta?!)

(6)
-O que significa a presença de esperma?
-Significa relação consumada.
-Esperma masculino? (Devia estar pensando que podia ser de um ET?!)
-E o único que eu conheço.

(7)
-Vou mostrar a Prova 3 e peço que reconheça a foto.
-Este sou eu.
-Você estava presente quando esta foto foi tirada? (P#ta que p#ariu! Como é burro!)

(8)
-Você estava presente a este tribunal esta manhã quando fez o juramento? (Na realidade, não tenho certeza, pode ser que eu tenha algum irmão gêmeo que eu não conheço.)

(9)
-Então, Sr. Alberto, como o seu casamento acabou?
-Por morte.
-E ele acabou pela morte de quem? (Deve ser por morte do cérebro do causídico)

(10)
-Há quanto tempo você esta grávida?
-Vai completar 3 meses no dia 8 de novembro.
-Então, aparentemente, a data da concepção foi 8 de agosto.
-Sim.
-E o que você estava fazendo? (Chupando melancia e acabei engolindo um caroço, aí minha barriga inchou assim.)

(11)
-Sra. Silva, a Sra. se considera emocionalmente equilibrada?
-Eu era.
-E quantas vezes a Sra. cometeu suicídio? (Não lembro, mas depois desta pergunta vou me matar pelo menos umas dez vezes.)

(12)
-Quer dizer que, quando você voltou, você tinha saído? (Não! Eu sempre volto sem ter saído.)

(13)
-Ela tinha 3 filhos, certo?
-Sim.
-Quantos meninos?
-Nenhum.
-Tinha alguma menina? (Não eram todos anjos, que não tem sexo.)

(14)
-Você não sabe o que era, nem com o que se parecia, mas você pode descrever? (Não. Mas posso descrever um burro de terno e gravata, se você quiser.)

(15)
-Você disse que a escada descia para o porão. Essa escada, ela também subia? (Nunca vi. Ela tinha uma mania danada de ficar só lá embaixo)

(16)
-O Sr. esta qualificado a apresentar uma amostra de urina?
-Sim, desde criancinha. (Este respondeu na bucha!)

(17)
-O Sr. se lembra, aproximadamente, a hora em que examinou o corpo do Sr. Silva?
-Foi à noite. A autópsia começou em torno das 20:30.
-E o Sr. Silva estava morto naquele momento, certo?
(-Não, seu panaca estúpido! Ele estava sentado na mesa tentando imaginar por que era que eu estava abrindo o peito dele com um bisturi!)



143. Sexo e profissões

Rodrigo Ferreira Valentim
engos

(usa openSUSE)

Enviado em 13/11/2007 - 17:05h

O doutor advogado casou-se com uma senhora que já havia sido casada 12 vezes. Em plena noite de núpcias, a noiva disse: -Por favor, meu amor, seja gentil. Ainda sou virgem.
Assustado, já que ela tinha sido casada 12 vezes, o advogado pediu a ela que explicasse essa história. E ela respondeu:
-Meu primeiro marido era Representante de Vendas e passava o tempo todo dizendo de falando de maneira eloqüente: "Isso vai ser fantástico para você!” ·
-Meu segundo marido era do Apoio de Software. Ele nunca tinha certeza como funcionava mas vivia prometendo mandar alguém dar uma olhada.
-Meu terceiro marido era Técnico. Depois de dar uma olhada, ele disse que as pecas estavam todas perfeitas mas que o sistema não funcionava.
-Meu quarto marido era de Serviços Educacionais. Ele sempre dizia: "Quem sabe faz. Quem não sabe vai dar aula".
-Meu quinto marido era do Departamento de Telemarketing. Ele dizia que tinha os pedidos mas não sabia quando ia poder entregar o produto.
-Meu sexto marido era Engenheiro. Ele dizia que compreendia o procedimento básico, mas que precisava de três anos para pesquisar, implementar e criar um método revolucionário.
-Meu sétimo marido era Servidor Publico. Ele dizia que compreendia perfeitamente como era, mas que não tinha certeza se era da competência dele.
-Meu oitavo marido era de Normas e Procedimentos. Ele dizia que o procedimento estava correto, mas que ele desconhecia qualquer norma a respeito.
-Meu nono marido era Gerente de Marketing. Ele dizia que sabia que tinha o produto mas não sabia como utiliza-lo.
-Meu décimo marido era psiquiatra. Ele só queria conversar sobre sexo.
-Meu décimo primeiro marido era ginecologista. Não queria misturar trabalho com lazer.
-Meu décimo segundo marido era colecionador de selos. Ele só queria lamber.
-Por isso agora estou casando com um advogado, porque eu tenho certeza que ele vai me foder!


144. Piada de Natal

Rodrigo Ferreira Valentim
engos

(usa openSUSE)

Enviado em 13/11/2007 - 17:06h

Um político honesto, um advogado generoso e Papai Noel estavam andando pela rua quando viram uma nota de R$ 50 reais. Qual dos três a pegou?

-Papai Noel, porque os outros dois não existem!






Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts