Use o GAG e nunca mais perca o boot

O GAG (Gestor de Arranque Gráfico) é um gerenciador de boot alternativo ao Lilo ou GRUB que não fica gravado na MBR e é totalmente independente. Por possuir recursos internos de recuperação de boot com ou sem seu disquete de recuperação ou de boot, com o uso do GAG pode-se afirmar que a perda do boot é completamente evitável.

[ Hits: 50.193 ]

Por: Alberto Federman Neto. em 20/08/2008 | Blog: https://ciencialivre.blog/


Introdução



Em computadores com duplo boot, geralmente o gerenciador de boot é o GRUB, e às vezes o LILO.

Embora sejam eficientes, esses gerenciadores ficam gravados na MBR do Windows, o que faz com que uma troca de sistema operacional ou um dano torne a perda de boot relativamente frequente.

Existem maneiras de recuperar o boot, seja em linha de comando, seja com software, mas sempre dá trabalho e às vezes não é efetiva, principalmente quando o boot perdido é o do Windows ou de ambos os sistemas, ou ainda nos casos em que, em adição à perda do boot, existam erros nas partições.

Todavia, existem gerenciadores de boot independentes e que não ficam gravados na MBR, o que os torna muito vantajosos! Um dos melhores é o GAG.

A abreviatura GAG significa "Gestor de Arranque Gráfico". É um pacote espanhol, com interface multi-linguagem, e que encontra-se na versão 4.10, de junho de 2008.

Ele é muito bom e pode ser usado de várias maneiras:
  1. Somente com disquete de boot: você não mexe na MBR, nem no Linux, não instala nenhum GRUB, nem Lilo, tem sempre boot de Linux, e quando quer boot de Windows usa o disquete de boot do GAG. Resumindo, sem disquete: Linux, com disquete: Windows!
  2. Instalado no Linux, junto com o seu GRUB: não fica na MBR, o que é muito bom. Mas, se você quiser, ele pode ser gravado na MBR! Nesses casos, naturalmente, o disquete não será necessário.
  3. Aconteceu um desastre! O GAG ainda está bom, abrindo, mas você perdeu o boot do Linux ou do Windows, ou os dois! Não faz mal, o GAG que está instalado no micro dá conta do recado, "conserta" o boot para você!
  4. Xí!!! Meu GAG está instalado, mas estragou... Não faz mal, ele se auto conserta!!!
  5. Grave um disco de recuperação: se tudo falhar, você ainda tem boot dos dois sistemas!

Percebi ainda em meus testes que, em GRUBs normais, o disquete ou CD do GAG recupera o boot perdido do Windows, o mais difícil de recuperar. Bastou instalá-lo em um micro com Mandriva e o boot de Windows estragado foi recuperado. O erro era tipo hal.dll faltante ou danificada, conhecido com difícil de resolver, com fdisk, fixboot ou fixmbr. Bastou usar um disco de GAG e foi como se o boot estivesse lá, instalei-o e o boot voltou!

Com essas vantagens, experimente o GAG e nunca mais perderá boot.

    Próxima página

Páginas do artigo
   1. Introdução
   2. Obtendo e preparando o GAG
   3. Instalando GAG no disco rígido
Outros artigos deste autor

Linux pode ser usado por todo mundo! Escolhendo o seu primeiro Linux. Duas Filosofias fundamentais

Usando Swap na RAM em Sabayon - ZRAM - Método novo

Firefox: Testando e/ou utilizando várias versões

Emmi Linux - Uma Revisão, Primeiras Impressões e Testes

As características de personalidade dos usuários de Linux

Leitura recomendada

A Catedral e o Bazar - Eric S. Raymond

Sugestões sobre distros Linux e particionamento de HD

Como gerenciar permissões no Linux

Deixando o Ubuntu (ou outra distro) parecido com o Mac OS X

Analisando processos em seu GNU/Linux

  
Comentários
[1] Comentário enviado por celioishikawa em 20/08/2008 - 09:44h

Poxa, esse GAG parece bom mesmo hein?
Espero que algumas distros passem a usá-lo, pois desde que passaram a usar grub ao invés do lilo, pipocou de gente perdendo boot com qualquer alteração nas partições (usou o particionador e esqueceu de dar grub-update antes de reiniciar? pimba, já era, talvez nem tanto mas quase isso)

[2] Comentário enviado por albfneto em 20/08/2008 - 13:13h

o Grub é gerenciador independente, ele fica gravado, no disco rígido (isso se instalado pelo procedimento usual), fora do win e do Linux, embora possa ser grabvado na MBR do win, ou no boot do linux, se vc quiser.
Como ele é independenpe, trabalha com todos is SOs, inclusive Unix, Solaris etc...
isto é vc pode usar mesmo que só tenha Win..
Por isso ele não pertence as distros, na maneira normal, ele fica gravado no HD, e não no Win ou no windows.
Isto é, vc pode baixar, colocar ele num disquete.... instalar o seu Windows, normal, portanto boot win..
agora colocou linux, opete po NÂO USAR GRUB NEM LILO.... ligou o micro? tá sem boot, logico!
aí vc pega seu CD ou disquete de GAG e da boot, aperta C e adiciona,o seu win e o sue Linux!
ele naão está nas distros, pq ele é um gerenciador de boot geral, pra qualquer SO...
é muito intuitivo o uso.... baixa, ele é pequeno, memso que ja tenha grub, na MBR, transfere o Grub pro linux e testa.
é bom mesmo!

[3] Comentário enviado por gsi.vinicius em 20/08/2008 - 13:43h

Então cara, legal o artigo, vou tentar conhecer esse gerenciador. Só uma correção a fazer: MBR (Master Boot Record) é a trilha inicial do HD, não é do Windows. O Windows assim como qlqr outro sistema operacional se utiliza dela para gravar suas informações de carregamento, mas de forma alguma a MBR é do WINDOWS.

abraço

[4] Comentário enviado por vitormicillo em 20/08/2008 - 16:09h

Graças a deus, não tenho dual boot na máquina.
Windows nunca mais em meu HD hehehehehe

Mais o artigo é show, programinha bom mesmo, já conhecia ele na época que usava o RUwindows junto com o linux. Época triste e de sofrimento hehehe

[5] Comentário enviado por removido em 20/08/2008 - 19:48h

Muito bom mesmo só uma pergunta!!!

Eu abri o pacote zip no Linux quando clico na pasta aparece cdrom.iso posso gravar a midia não???

[6] Comentário enviado por albfneto em 21/08/2008 - 03:06h

Isso.... CDROM.ISO grava o CD de boot do GAG, em CD... no Win,

No linux, voce pode abrir a iso,por ex. no K3B.... como se fosse uma Distro

install XP, grava disquete de boot gag, no XP....

gag install bat, grava disquete de boot do GAG, no Vista 32 bits....

No vista 64 bits, disquete de boot grava com NT Write...

e os comandos sao pra gravar disquete de boot no linux..

ou seja a maneira de preparar o disco de boot e diferente...
Obtido disco de boot, esse e o boot, a seguranca e o instalador do GAG...
nao terao dificuldades, e bem intuitivo...
NA Fac, eu tenho ele com XP e Mandriva e em casa triplo boot Vista, Sabayon e Gentoo

[7] Comentário enviado por grandmaster em 25/08/2008 - 20:53h

Legal conhecia ele nao.

Renato de Castro Henriques
CobiT Foundation 4.1 Certified ID: 90391725
http://www.renato.henriques.nom.br

[8] Comentário enviado por albfneto em 13/09/2008 - 21:47h

Veja como GAG é bom.
Minha partição de Mandriva estava pequena e redimensionei com GParted Live CD. Ocorreu um erro e perdi o boot do Mandriva no GAG. Foi só deletar o Boot da partição e recolocar, pronto!

[9] Comentário enviado por pbecker em 24/11/2008 - 16:56h

Ola Todos.
Para mim não funcionou muito pelo contrário.
Perdi o Grub, e o GAG não encontra nenhum sistema operacional linux, exceto o Vista.
Será que não configurei direito.
Fiz a instalação pelo CD, pois o meu note não tem disquete.
E agora qual a possível solução?

[10] Comentário enviado por albfneto em 24/11/2008 - 21:37h

Resumo das etapas:


baixar o GAG.
expandir o GAG
gravar o GAG em linux , ou de preferencia em win. gravad para CD ou para disquete...
iinstalar o win....primeiro o win, como do jeito normal..
depois instala o linux, com O GRUB NA PARTIÇÂO LINUX, NÂO NO MBR.
Nao trocou aqui, trocou?.

quando vc vai adicionar cada so no GAG, aparece o que, ou ao chamar? pq boot sector error, vc pode temtar arrumar como gag memso, em C, configurar, deleta aquele boot e recoloca...


[11] Comentário enviado por pbecker em 01/12/2008 - 08:46h

Reinstalei o Ubuntu, e salvei o Grub dentro da partição.
E consegui adicionar o Ubuntu no GAG.
Agora quero fazer um backup destas configurações.
O meu micro não tem disquete.
Como fazer um bakcup do GAG.
Depois na sequência quero instalar uma nova distro, para ter um boot triplo.

[12] Comentário enviado por pbecker em 19/05/2009 - 23:18h

Em certos casos o GAG é bom, me ajudou a recuperar o windows pelo menos umas duas vezes.
Mas por outro lado, não é infalível.
Tive um problema com o windows que danificou tudo.

E com o GAG não conseguiu recuperar mais nem o windows e nem o Ubuntu que estava instalado.
Tentei desta vez instalar o GAG, com o Ubuntu Studio, que é um pouco diferente do Ubuntu original.
Da vez passada consegui instalar no Ubuntu Normal.
Mas no Ubuntu Studio, não consigo salvar o GRUB na partição do linux.
Ocorre um erro fatal, e toda instalação do sistema fica prejudicada.
Esta parte da configuração do GAG, para muitos pode ser fácil, mas para novatos no linux, ficou complicada, por incrível que pareça não consigo descobrir a pasta para salvar.
E todos que tentei deu erro fatal.
Pelo que entendi o GAG é um gerenciador de boot de sistemas, assim como o GRUB o é de certa forma.
Se perdemos o GRUB, recuperamos com o GAG, mas quando dá um problema geral, perde-se tudo da mesma forma, pois o GAG não se recupera tão bem como noticiado.
O GAG é bom , mas é para usuários avançados.

[13] Comentário enviado por betoslz100 em 30/05/2009 - 03:00h

Bem pessoal, minha dúvida é a seguinte: Nas atuais placas-mães, hoje, é possivel dar boot através de pen-drive, pergunto então, se posso ao inveis de ter o GAG em disquete/CD, posso coloca-lo em um Pen e tb da mesma forma que faria com um CD/disquete? Saudação - BetoSLZ100

[14] Comentário enviado por albfneto em 02/06/2009 - 16:50h

Sim creio que pode, embora eu nunca tenha testado assim, pq o comp que eu uso, a BIOS não boota pendrive.
Pendrive , geralmente é FAT32, mas dá uma olhada na HP do GAG, para ver se ele grava diferente em Pen-Drive, pq por exemplo o SuperGrub, tem versões para Pen-Drive, Disquete e CD.

Pa PBecker:
Se quiser apenas consertar o Grub, prefira usar o SuperGrub, ele tem mais opções e não é um gerenciador de boot alternativo, mas um é um próprio reparador de boot.

[15] Comentário enviado por albfneto em 06/05/2010 - 15:44h

COMPLEMENTOS:

29 de Junho de 2015.

1) ARTIGO OBSOLETO. GAG não funciona com Grub2, só com GRUB Legacy.


2) Outro Artigo menos antigo no VOL, sôbre o GAG:

http://www.vivaolinux.com.br/dica/Resolvendo-incompatibilidades-entre-Grub-Legacy-e-Grub2-para-quem-...


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts