Ubuntu no Samsung Chromebook com processador ARM

O Chromebook é um notebook de baixo custo do Google, contando com o Chrome OS, sistema baseado na nuvem leve e eficiente. Para o usuário final, aquele que quer apenas postar fotos e bobagens no Facebook, olhar as promoções que as lojas enviam por e-mail e assistir alguma coisa no YouTube ou Netflix, o sistema é perfeito. Porém, e se você for um desenvolvedor, ou mesmo um entusiasta de programação? O que fazer?

[ Hits: 29.216 ]

Por: Fernando Eckhardt Valle em 22/01/2015


Introdução



O Chromebook é um notebook de baixo custo (se bem que não sei se R$ 800/900 é o que eu chamaria de baixo custo) do Google, contando com o Chrome OS, sistema baseado na nuvem leve e eficiente.

Para o usuário final, aquele que quer apenas postar fotos e bobagens no Facebook, olhar as promoções que as lojas enviam por e-mail e assistir alguma coisa no YouTube ou Netflix, o sistema é perfeito.

Porém, e se você for um desenvolvedor, ou mesmo um entusiasta de programação? O que fazer? Você comprou o Chromebook, sabia de suas configurações, de sua utilidade, mas de repente imagina que seria uma boa esse computador leve e rápido poder rodar um Apache para testar seus scripts em PHP. Ou rodar um Ruby para testar seus códigos ou mesmo compilar em C para poder usá-lo durante as aulas de estrutura de dados.

Então o objetivo da dica é essa, instalar o Ubuntu (no caso, com Xfce) para extrair um pouco mais desse gadget.

Backup do sistema

Como precaução para qualquer eventualidade, vamos fazer backup do sistema. Existe um app do Chrome oficial que faz isso, pegue no link abaixo:
Depois de instalar, abra-o e siga os passos. Você deverá escolher o modelo de seu Chromebook, como a dica é para o aparelho com processador ARM da Samsung, posso dizer que o reconhecimento do modelo foi automático, provavelmente em outros modelos também seja.

Lembre-se que você precisará de um pendrive (ou cartão SD) de pelo menos 4 GB espetado para o backup. O processo de backup irá demorar uns 10 ou 12 minutos.

Modo de desenvolvedor

Para prosseguirmos, precisamos deixar o Chromebook em modo desenvolvedor. Nesse modo, todos os dados que estão armazenados localmente (por padrão, na pasta Downloads) serão apagados. Por isso, caso seja necessário, faça backup de seus dados antes de prosseguir.

As telas que são apresentadas quando fazemos os procedimentos para habilitarmos esse modo são um quanto tanto assustadoras, mas nada de mais. Aconselho a ler as mensagens na tela com atenção, para você saber o que está acontecendo.

O que você precisa fazer:

1. Para entrar no modo desenvolvedor, digite o seguinte atalho: Esc+Refresh (botão com símbolo de atualizar) + Power (botão liga/desliga)

2. Na sequência irá aparecer uma mensagem com uma exclamação dizendo que o sistema foi perdido ou danificado, simplesmente digite: Ctrl+d

3. Uma mensagem avisando que os seus dados serão apagados irá aparecer, tecle Enter e prossiga.

Agora irá demorar um pouquinho, pode tomar um cafezinho e aguardar uns 15 minutinhos. Aparecerá um loading em formato de terminal no alto do monitor para você saber o quanto anda a coisa.

Depois basta esperar o reboot que aparecerá a tela inicial de configuração do sistema (aquela que aparece quando você liga o Chromebook pela primeira vez). No(s) reboot(s) ocorreram alguns bips do sistema, não fique alarmado, normal. Na sequência, faça seu login para entrar no sistema.

Crouton

Depois de logar no sistema, faça o download do Crouton pelo link:
Agora vamos digitar o seguinte atalho para aparecer um simplório shell: Ctrl+Alt+t

Na sequência iremos habilitar um shell de verdade, digite o comando:

shell

E agora a instalação, para isto digite o comando (considerando que o arquivo baixado anteriormente esteja na pasta Downloads):

sudo sh -e ~/Downloads/crouton -t xfce

Este comando irá instalar o Ubuntu com a interface Xfce. Aguarde a instalação que pode demorar mais ou menos uns 15 minutos de acordo com a velocidade da sua internet. No final da instalação, será pedido um nome de usuário e senha para o novo sistema.

Para entrar no Ubuntu, digite o seguinte no terminal:

sudo startxfce4

Finalizando

Pronto, agora você tem os dois sistemas funcionando em seu Chromebook.

Lembrando que você não tem um dual-boot e muito menos um sistema rodando dentro de uma máquina virtual. O Ubuntu utiliza a mesma "base" do Chrome OS para rodar. Você irá perceber como ele roda rápido e liso no HD SSD.

Para alternar entre um sistema e outro, digite um dos atalhos:
  • Ctrl+Alt+Shift + Seta-para-direita
  • Ou:
  • Ctrl+Alt+Shift + Seta-para-esquerda

Obs.: essas setas são aquelas que ficam lá na parte de cima do teclado.

Para encerrar o Ubuntu, basta deslogar.

Se você quiser ver os sistemas possíveis de serem instalados pelo Crouton, digite o seguinte comando no shell:

sh ~/Downloads/crouton -r list

Bibliografia

Github do Crouton (se você quiser que o Ubuntu rode numa janela do Chrome OS, leia a documentação - é fácil, só instalar uma extensão no Chrome antes de iniciar todo o processo):
Página do Chromium explicando como habilitar e o que é o modo de desenvolvedor do sistema. Geral:
Samsung Chromebook com CPU ARM:
Qualquer dúvida ou apontamento de erro, comentem.

   

Páginas do artigo
   1. Introdução
Outros artigos deste autor

Usando G4U, ProFTP e DHCP para clonar partições pela rede

Como fazer o Squid funcionar da maneira mais simples possível no Xubuntu e derivados

Leitura recomendada

Obtendo diferentes versões do Debian GNU/Linux

Introdução ao Linux: O editor de texto Nano

Guia: Pós-instalação do Debian Linux 4.0 Etch/Stable

Fundamentos do sistema Linux - comandos do Linux

Gentoo - Instalação partindo de LiveCD/USB do Sabayon LXDE

  
Comentários
[1] Comentário enviado por pimentel10 em 22/01/2015 - 22:13h


Obrigado por compartilhar seus conhecimentos Fernando, bem que eu queria que fosse morador de Belo Horizonte, eu lhe pagaria para instalar o Ubuntu no modo janela dentro do Chrome OS, possuo o Chromebook, comprei-o por ser leve, prático para uso de internet fora de casa e não pesar na mochila, tenho um notebook com Ubuntu, mas não é sempre que eu me animo a carregar peso na mochila, se eu conseguisse instalar o Ubuntu dentro de uma janela do Chome OS seria maravilhoso, vi alguns tutoriais, mas são incompletos para usuários não avançados como eu, o seu tutorial é bem completo em relação aos outros (só faltou dizer se o Ubuntu é instalado via pendrive ou é baixado pelo comando), pena que não se trata do Ubuntu modo janela dentro do Chrome OS, e no meu caso dificulta mais ainda pelo fato de ser analfabeto em inglês, mal mal um "the book on the table", e não confio em tradutores online, traduzem tudo ao pé da letra e pode nos induzir ao erro, então tutoriais internacionais me exclui, só pagando mesmo, se algum leitor GEEK do Viva o Linux for de BH e souber como instalar o Ubuntu dentro de uma janela do Chrome OS (Chromebook Samsung processador ARM) me avise, a gente combina o valor. Meu email : tudoemcima@ig.com.br

[2] Comentário enviado por pherde em 22/01/2015 - 22:27h


Então pimentel10, mas veja bem se realmente é necessário para você o uso do ubuntu em modo janela, eu dispenso justamente pois ou utilizo um ou outro sistema. Por exemplo quando quero ler meus emails, ver alguns sites, logar no facebook vou de chrome os, quando preciso programar alguma coisa, utilizar algum programa de edição de vídeo ou audio vou de ubuntu e é dificil ficar trocando entre um e outro.

Eu não realizei a instrução, mas para deixar o ubuntu em modo janela você precisa primeiro entrar em modo desenvolvedor, então instalar essa extensão no chrome http://goo.gl/Y9Kpt8 e só então baixar e instalar o crouton.

Mas tente, se tudo der errado e não rodar o modo janela, irá instalar normalmente o ubuntu, bastando alternar entre um sistema e outro com os comandos mencionados no artigo. E qualquer coisa tem o backup do sistema, se quiser voltar a forma original basta bootar o sistema com o pendrive do backup e voltar ao estado original.

[3] Comentário enviado por pimentel10 em 22/01/2015 - 23:00h

Obrigadão Fernando, só mais uma dúvida ( aliás várias) : O Chrome Os segundo o Google se atualiza sozinho, sem que o usuário precise intervir,numa dessas atualizações poderia prejudicar o Ubuntu compartilhando os mesmos recursos do ChromeOS ou não tem nada a ver? Qual o comando para instalar o Ubuntu padrão ( com Unity) ? Para dar o comando de instalação do sistema o Ubuntu já tem que estar inserido através de um pendrive na USB? ou seja liveUSB com Ubuntu? Mais uma se não for abuso: Dessa maneira o Chrome OS estará permanentemente em modo desenvolvedor? O Chomebook tem baixo custo sim, mas nos Estados Unidos, pra nós aqui para ser considerado baixo custo teria que valer umas 300 pratas no máximo. Mas a gula da carga tributária brasileira não deixaria, mas mesmo assim vale a pena, pra universitário como eu um Chromebook é muito prático!!!

[4] Comentário enviado por izaias em 22/01/2015 - 23:50h


Chromebook no Submarino: http://va.mu/A8wGj

Será que vale? Como disse o colega, pra quem está estudando e precisa carregar um portátil, parece uma boa solução.

[5] Comentário enviado por pherde em 23/01/2015 - 00:04h


[4] Comentário enviado por izaias em 22/01/2015 - 23:50h


Chromebook no Submarino: http://va.mu/A8wGj

Será que vale? Como disse o colega, pra quem está estudando e precisa carregar um portátil, parece uma boa solução.


Então Izaias, o meu comprei ano passado por 800 reais, eu comprei ele já pensando em instalar o GNU/Linux. Pela leveza, rapidez do ssd e o boot the flash, além de um excelente desempenho com os dois sistemas instalados, eu achei interessante. E para quem precisa de um computador para levar junto, seja para o trabalho ou pra faculdade acho uma boa também. Só não aconselho como seu computador principal.

[6] Comentário enviado por pherde em 23/01/2015 - 00:11h


[3] Comentário enviado por pimentel10 em 22/01/2015 - 23:00h

Obrigadão Fernando, só mais uma dúvida ( aliás várias) : O Chrome Os segundo o Google se atualiza sozinho, sem que o usuário precise intervir,numa dessas atualizações poderia prejudicar o Ubuntu compartilhando os mesmos recursos do ChromeOS ou não tem nada a ver? Qual o comando para instalar o Ubuntu padrão ( com Unity) ? Para dar o comando de instalação do sistema o Ubuntu já tem que estar inserido através de um pendrive na USB? ou seja liveUSB com Ubuntu? Mais uma se não for abuso: Dessa maneira o Chrome OS estará permanentemente em modo desenvolvedor? O Chomebook tem baixo custo sim, mas nos Estados Unidos, pra nós aqui para ser considerado baixo custo teria que valer umas 300 pratas no máximo. Mas a gula da carga tributária brasileira não deixaria, mas mesmo assim vale a pena, pra universitário como eu um Chromebook é muito prático!!!


Respondendo às dúvidas pimentel10:
Então, o meu está com os dois sistema há alguns meses e por ora não prejudicou em nada o Ubuntu as atualizações do ChromeOS.
Para o Unity o comando é: $sh -e ~/Downloads/crouton -t unity
Mas eu não aconselho, o Unity é muito pesado, com 2 GB nem com um processador i5 da Intel iria rodar leve.
Então, não precisa ter o Ubuntu no pendrive nem nada, o script do Crouton baixa pela internet e faz a instalação automática do sistema, super simples.
Até onde entendi o Chrome OS deverá ficar sim sempre em modo de desenvolvedor.

[7] Comentário enviado por izaias em 23/01/2015 - 00:18h


Gostei da apresentação do artigo. E me interessei tanto pelo Chrome OS quanto pelo hardware.
Acredito que com o tempo o Google crie APPs para torna-lo mais abrangente. Serviços bancários são uma exigência hoje em dia.

[8] Comentário enviado por pimentel10 em 23/01/2015 - 17:32h


Valeu Pherde, valeu pelo artigo, pelas dicas e pelo conselho, obrigadão!!!

[9] Comentário enviado por guimaraesrocha em 28/01/2015 - 20:37h


Gostei do artigo, parabéns.

[10] Comentário enviado por somentedan em 04/02/2015 - 00:36h

Artigo muto bem escrito e explicativo. Parabéns pelo empenho.
Compartilho a mesma experiência com o Chromebook, sendo ótimo computador secundário.

[11] Comentário enviado por lemefelipes em 05/02/2015 - 18:01h

Boa tarde, pode tirar uma dúvida? E quanto ao LibreOffice, funciona de boa?
Obrigado.

[12] Comentário enviado por flcoutos em 14/05/2015 - 06:54h

@pherde, parabéns!
#Favoritado.

[13] Comentário enviado por joaopcnogueira em 20/06/2015 - 10:06h


Olá, sempre pensei nessa possibilidade de instalar o ubuntu no chromebook, afinal, ele é muito leve e prático. Parabéns pelo tutorial. Gostaria de saber se ao fazer esse procedimento, a garantia é perdida? A bateria dura o mesmo tempo com o ubuntu, assim como ela dura com o chromeOS? O touchpad funciona corretamente?

[14] Comentário enviado por pherde em 20/06/2015 - 18:34h


[13] Comentário enviado por joaopcnogueira em 20/06/2015 - 10:06h


Olá, sempre pensei nessa possibilidade de instalar o ubuntu no chromebook, afinal, ele é muito leve e prático. Parabéns pelo tutorial. Gostaria de saber se ao fazer esse procedimento, a garantia é perdida? A bateria dura o mesmo tempo com o ubuntu, assim como ela dura com o chromeOS? O touchpad funciona corretamente?


Olha.... em relação a garantia eu nunca parei para pensar, mas já estou há quase um ano com o ubuntu no meu chromebook e ele atualiza certinho e nunca deu problema. Em relação a bateria é a mesma coisa, ela também é super econômica rodando direto o ubuntu. O touchpad também funciona certinho, igual ao do chrome OS. A câmera também, pendrive, tudo redondinho.

[15] Comentário enviado por Djaniara em 13/09/2015 - 16:34h

Boa tarde , estou com um problema gigantesco, minha mãe comprou um chromebook para ela , estava ótimo , porém a tela quebrou, compramos outra com mesmo part number e 40 pinos , enfim a mesma tela, porém ao iniciar informou a ausência do chrome o.s , já tentei de tudo que vi pela internet , incluindo instalar o Linux , porém ao “espetar” o USB/SD com o chrome informa um erro na integridade do disco , já com o Linux informa que não há chrome o.s. no disco.
E ele não entra de forma alguma no modo desenvolvedor.
Por favor me ajude *---*

[16] Comentário enviado por curileite em 22/11/2015 - 18:16h


Eu fiz isso mas quando reinicio o Chromebook ele volta para versão Original, o seu desliga e liga normalmente?

[17] Comentário enviado por gonzorn em 04/02/2016 - 21:27h

Boa noite amigo, sei que o artigo já tem um bom tempo, mas recentemente adquiri um chromebook samsung e fiz o procedimento todo correto, o LXDE foi instalado e rodando os programas normalmente, contudo não consigo mudar o idioma para PTBR ou mesmo mudar o layout do teclado, teria como fazer o procedimento ou o linux fica somente em inglês?

[18] Comentário enviado por pherde em 04/02/2016 - 21:41h


[17] Comentário enviado por gonzorn em 04/02/2016 - 21:27h

Boa noite amigo, sei que o artigo já tem um bom tempo, mas recentemente adquiri um chromebook samsung e fiz o procedimento todo correto, o LXDE foi instalado e rodando os programas normalmente, contudo não consigo mudar o idioma para PTBR ou mesmo mudar o layout do teclado, teria como fazer o procedimento ou o linux fica somente em inglês?


Olha, acredito que trocar o idioma seja uma questão de configuração do sistema. Basta procurar como fazer isso no LXDE.

Creio que o teclado também seja mexer em alguma configuração. Em algum momento do ano passado eu deixei uma versão do Linux apenas CLI pelo Crouton e deu um problema de teclado, eu digitei um comando para corrigir, não lembro qual, mas se você procurar na internet acha fácil.

[19] Comentário enviado por gonzorn em 04/02/2016 - 21:47h


[18] Comentário enviado por pherde em 04/02/2016 - 21:41h


[17] Comentário enviado por gonzorn em 04/02/2016 - 21:27h

Boa noite amigo, sei que o artigo já tem um bom tempo, mas recentemente adquiri um chromebook samsung e fiz o procedimento todo correto, o LXDE foi instalado e rodando os programas normalmente, contudo não consigo mudar o idioma para PTBR ou mesmo mudar o layout do teclado, teria como fazer o procedimento ou o linux fica somente em inglês?

Olha, acredito que trocar o idioma seja uma questão de configuração do sistema. Basta procurar como fazer isso no LXDE.

Creio que o teclado também seja mexer em alguma configuração. Em algum momento do ano passado eu deixei uma versão do Linux apenas CLI pelo Crouton e deu um problema de teclado, eu digitei um comando para corrigir, não lembro qual, mas se você procurar na internet acha fácil.


Cara ja fucei o LXDE todo e não encontrei nada sobre mudar idioma nele, apenas adicionando um programa extra creio que seja do ubuntu pois o mesmo tem a opção para muda idioma no ubuntu com unity, e mesmo quando adiciono o português ele até mostra o idioma, mas ao tentar aplicar ao sistema para mudar o idioma o mesmo não conclui o processo e fecha o programa.

[20] Comentário enviado por gonzorn em 05/02/2016 - 00:21h


[19] Comentário enviado por gonzorn em 04/02/2016 - 21:47h


[18] Comentário enviado por pherde em 04/02/2016 - 21:41h


[17] Comentário enviado por gonzorn em 04/02/2016 - 21:27h

Boa noite amigo, sei que o artigo já tem um bom tempo, mas recentemente adquiri um chromebook samsung e fiz o procedimento todo correto, o LXDE foi instalado e rodando os programas normalmente, contudo não consigo mudar o idioma para PTBR ou mesmo mudar o layout do teclado, teria como fazer o procedimento ou o linux fica somente em inglês?

Olha, acredito que trocar o idioma seja uma questão de configuração do sistema. Basta procurar como fazer isso no LXDE.

Creio que o teclado também seja mexer em alguma configuração. Em algum momento do ano passado eu deixei uma versão do Linux apenas CLI pelo Crouton e deu um problema de teclado, eu digitei um comando para corrigir, não lembro qual, mas se você procurar na internet acha fácil.

Cara ja fucei o LXDE todo e não encontrei nada sobre mudar idioma nele, apenas adicionando um programa extra creio que seja do ubuntu pois o mesmo tem a opção para muda idioma no ubuntu com unity, e mesmo quando adiciono o português ele até mostra o idioma, mas ao tentar aplicar ao sistema para mudar o idioma o mesmo não conclui o processo e fecha o programa.


Consegui amigo, fazendo os seguintes procedimentos

PASSAR PARA PT-BR
"apt-get install localepurge" e "dpkg-reconfigure locales".
sudo gedit /etc/environment
Acrescente ou altere a linha:
LANG="pt_BR.UTF-8"
dpkg-reconfigure locales
Aparecerá várias opções de idiomas. Escolha pt_BR.UTF-8 e caso solicite, outra vez pt_BR.UTF-8
Reiniciar
###########################################

[21] Comentário enviado por evandromachado em 08/03/2016 - 10:48h

Bom dia,

Possuo um Chromebook Samsung Snow Clear, estou tendo problemas com conexão WiFi, por este motivo estou pensando em instalar Linux nele e usar um adaptador TP-Link USB que tenho.

Achei seu tutorial interessante, mas como a conexão com a internet é o meu problema gostaria de alguma sugestão/orientação do que fazer neste caso.

Desde já agradeço.

[22] Comentário enviado por hardlord em 04/05/2016 - 00:32h

Muito obrigado pelas informações.
Estava com muita dúvida em se compensaria investir ou não em um Chromebook, e resolvi arriscar. Obrigado.

[23] Comentário enviado por nemex1975 em 20/05/2016 - 12:08h

Bom dia.
Desculpe se a pergunta for primária, mas o procedimento funciona também no Chromebook 2 da Samsung, com processador Intel® Celeron® N2840 (2.16 até 2.58 GHz, 1 MB L2 Cache)?? Ou só mesmo para modelos com processador ARM??
Obrigado!!

[24] Comentário enviado por gonzorn em 20/05/2016 - 13:04h


[23] Comentário enviado por nemex1975 em 20/05/2016 - 12:08h

Bom dia.
Desculpe se a pergunta for primária, mas o procedimento funciona também no Chromebook 2 da Samsung, com processador Intel® Celeron® N2840 (2.16 até 2.58 GHz, 1 MB L2 Cache)?? Ou só mesmo para modelos com processador ARM??
Obrigado!!



Brother, este procedimento é para o primeiro chromebook lançado pela samsung, já o seu caso com é um processador x86 é outro método.



[25] Comentário enviado por Albertino em 25/05/2018 - 17:43h

Ao terminar de instalar possa sair do modo desenvolvedor ou preciso deixar nesse modo para sempre?
Posso fechar o shell crosh ou ele precisa ficar aberto após fazer login no ubuntu?

[26] Comentário enviado por pherde em 12/06/2018 - 15:33h

Ao terminar de instalar possa sair do modo desenvolvedor ou preciso deixar nesse modo para sempre?

Tem que ficar sempre nesse modo. Pelo menos eu sempre deixei no modo desenvolvedor e nunca mais voltei ao normal.

Posso fechar o shell crosh ou ele precisa ficar aberto após fazer login no ubuntu?

Você chama o ubuntu pelo shell crosh... então tal qual uma aplicação do linux, se você fechar o shell vai fechar a aplicação, no caso o ubuntu! Logo, é necessário sim deixar aberto o shell do chrome.


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts