Se o Linux é tão melhor que o Windows e é de graça, por que a maioria dos usuários ainda usa Windows?

Conversando com um novo usuário e indicando os benefícios do uso do Linux, ele me fez a seguinte pergunta: "Se o Linux é muito melhor que o Windows e é de graça, porque ele não é o mais utilizado?". Eis minha resposta em forma de artigo.

[ Hits: 30.106 ]

Por: Renato Félix de Almeida em 10/06/2009


A pergunta que não quer calar



Vocês já tentaram fazer um usuário parar de usar Windows e passar para o Linux? Quais argumentos usaram?

1. O Windows é uma porcaria, o sistema trava o tempo todo e é cheio de vírus.

2. A Microsoft é mercenária, só quer saber do seu dinheiro.

3. O Linux é Open Source.

4. No Windows tudo é copiado de outros sistemas.

5. O Linux é de graça.

Mas agora o que você responderia para o usuário se ele te perguntasse:

"Se o Linux é tão melhor que o Windows e é de graça, por que a maioria dos usuários ainda usa Windows?"

Fico pensando qual seria uma resposta, pelo menos aceitável, para essa pergunta.

Acho que antes de dar a resposta, temos que acabar com alguns mitos.

1. O Windows é uma porcaria. Acho que aí está o grande problema, o Windows não é uma porcaria, é um ótimo sistema, muito fácil de usar e atende plenamente a maioria dos usuários. Ou vocês acham que o Bill Gates paga uma fortuna para uma equipe enorme de desenvolvedores, formados nas melhores universidades mundo a fora, para fazer uma porcaria?

2. A Microsoft é mercenária, só quer o seu dinheiro. Tudo bem, a Fiat também é mercenária, você não vai conseguir um carro sem pagar. O dono do boteco ali na esquina também é mercenário, o cara não vai ficar te dando cerveja de graça...

3 Linux é Open Source. Mas pelo fato de ser Open Source não significa que é melhor. Na verdade, tirando exceções (que confirmam a regra) os melhores programas ainda são proprietários.

4. Se grande parte do Windows é copiado de outros sistemas (o que realmente é), será que o Linux também não é?

5. O Linux é de graça. Essa parece até piada, o Windows pirata que 90% dos usuários domésticos usam também é.

Acho que temos que criar novas propostas para o sistema, mais claras e menos fanáticas. Ficam minhas sugestões:

1. O Linux é um ótimo sistema, provavelmente com a maior equipe de desenvolvedores no mundo. O sistema é atualizado numa velocidade incrível, qualquer falha que venha surgir é corrigida imediatamente e a atualização é também muito simples (basta dar um apt-get ou equivalentes).

2. O sistema é baseado no UNIX, priorizando segurança e desempenho.

3. O sistema é desenvolvido por apaixonados, pessoas que programam porque gostam. Fazer o que gosta com certeza torna o resultado final muito melhor.

4. Já existem aplicativos de qualidade, livres ou não, para a maioria das tarefas necessárias para um usuário comum no Linux.

5. Uma instalação do Linux normalmente dura muito tempo sem problemas. O Linux bem instalado funciona anos a fio sem formatação.

Uma coisa é importante: acho que além de falar das coisas boas do sistema, você deve citar também para o possível novo usuário do Linux as deficiências, que na minha opinião são:

1. Você não tem suporte técnico. Se por ventura ocorrer algum problema, você não terá um telefone para ligar ou um e-mail da mesma forma que os programas pagos tem (apesar de não adiantar muito). Mas existe na internet uma vasta documentação, e com um pouco de paciência e atenção a maioria dos problemas podem ser resolvidos com uma simples pesquisa no Google.

2. Você não tem nenhuma garantia. Se você instalar o Linux na sua empresa e o sistema parar de funcionar (o que é muito improvável), não terá a quem reclamar.

3. Pelo fato do concorrente (Windows) ser muito mais utilizado, é provável que em qualquer empresa que você for trabalhar o sistema utilizado será o Windows, tornando necessário saber utilizar os dois sistemas.

4. É possível que algumas coisas no seu computador não funcionem, alguns hardwares mais exóticos, placas de captura, scanners etc.

5. Será mais difícil encontrar técnico especializado para dar manutenção se necessário.

Acho que essa seria uma colocação mais sincera para o usuário. E a partir daí deixa o cara tomar suas decisões. Tentar impor o sistema para o usuário poderia gerar uma falsa expectativa e uma possível frustração.

Agora acho que está na hora de dar a resposta (minha resposta) para a pergunta que não quer calar:

"- Se o Linux é tão melhor que o Windows e é de graça, por que a maioria dos usuários ainda usa Windows?"

1. Trocar de sistema operacional não é tão simples como, por exemplo, trocar de carro. Todos os carros funcionam da mesma forma, ou de forma muito semelhante. No sistema operacional existem conceitos que são muito diferentes e, que a princípio, assustam um usuário menos experiente.

2. Comodismo. O ser humano é muito acomodado e por natureza não gosta de mudanças. Se o negócio está funcionando, para quê mudar?

3. O conceito equivocado que o Linux é um sistema difícil. É verdade que já foi um sistema difícil, mas hoje é tão simples quanto o Windows.

4. A falta de padronização e a quantidade de distribuições existentes do Linux que acabam por confundir o usuário.

5. O Windows já está bem implantando na mente dos usuários. Parabéns para a equipe de Marketing da Microsoft.

6. Os fanáticos pelo Linux, que na minha opinião são a maior praga que existe! Pessoas que se mostram como super usuários com QI acima do normal e que até desdenham de um novo usuário Linux. O problema é que a maioria das pessoas assim nunca escreveu uma linha de código, nunca configurou um simples servidor de arquivos. Vem com essa pose de superiores, seres de outro planeta, quando na verdade não conseguem sequer resolver uma simples dúvida de um novo usuário e por isso o tratam com desprezo.

Bom, fica aí a minha resposta para a pergunta...

Abraços,
Renato

   

Páginas do artigo
   1. A pergunta que não quer calar
Outros artigos deste autor

Squid - Autenticação e controle de acesso a base de dados Firebird

Regras de ouro ao instalar o Linux em empresas

Leitura recomendada

O Preço do Livre

KISS vs. HUG

A História que se perde...

Mais uma política "suja" de marketing da Microsoft

Alexa e o ranking dos principais sites Linux da comunidade brasileira

  
Comentários
[1] Comentário enviado por andrefreire em 10/06/2009 - 17:30h

Renato,

Gsotei muito do seu artigo e concordo com você, o windows não é uma porcaria. O windows assim como outros sistemas tem seus pontos fortes e pontos fracos e muitos que afirmam que ele não presta o fazem só porque conseguiram instalar um Linux via livecd e ja se acham o máximo. O Windows, no meu ponto de vista peca no gerenciamento de memória, no sistema de arquivos ntfs que ja está ultrapassado e outros detalhes que não vem ao caso agora. Por por outro lado tem um suporte a hardware que possibilita qualquer leigo a colocar muita coisa pra funcionar sozinho. Ja o Linux é excelente em aproveitamento de memória, ja está utilizando o novissimo ext4 que da um banho no ntfs, mas em certas aréas tem ainda um grau de dificuldade elevado. Quanto aos programas, só pra dar um exemplo, um usuário nível básico/intermediário vive muito bem com o Openoffice mas compara-lo ao MS Office 2007 não tem nem graça. Ache um similar a altura do Visio open source. O Linux ainda não tem suporte a shockwave, não que isso seja culpa de outro que não a macromedia mas o usuáeio não quer saber disso.

[2] Comentário enviado por removido em 10/06/2009 - 18:09h

Muito bom, parabéns.

[3] Comentário enviado por aaron.binner em 10/06/2009 - 18:13h

O povo vamos parar de ficar jogando um sistema contra o outro, eu já tentei várias vezes convencer pessoas a utilizarem software livre, porém nunca obtive resultados. Então cheguei a conclusão de que, o sistema está à disposição de todos e quem quiser que use.
Nem mesmo os desenvolvedores fazem tanta questão de atingir um grande público.
Na minha opinião deveríamos nos preocupar em ajudar a resolver dúvidas de pessoas que realmente querem aprender, ou seja, se você usa windows e não quer pesquisar ou estudar, continue assim. E se vai usar outro SO não fique procurando defeitos, se está ruim faça melhor.

[4] Comentário enviado por junior em 10/06/2009 - 18:44h

Pelo que vejo, a quantidade de artigos que abordam a filosofia de utilização e os "porquês" dos dois sistemas operacionais, tem sido alvo dos contribuintes do VOL.

Toda a discussão que é gerada em torno desse assunto é inteiramente proveitosa, sadia e de grande valia tanto para usuários iniciantes, quanto para o pessoal que começou na informática antes de o computador ser inventado.

Concordo com a visão do amigo acima, assim também com a visão do xerxelins em seu artigo. O que vemos são usuários experientes, conscientes do campo de atuação do Linux nos servidores e onde "pecamos" para Desktops.

Um usuário leigo se confunde fácil a primeira vista com Linux, quer ver?

Usuário Intermediário: "Cara, baixei o Ubuntu, derivado do Debian, que usa o Gnome por padrão. Até semana passada eu usava o Fedora, que vem do Red Hat, e eu usava com KDE. Mais eu sei que no fim no fim, vou usar o bom e velho Slack com Fluxbox mesmo."

Usuário Iniciante: WTF????

Tudo é questão de educação, cultura.
Em casa, utiizamos Linux no Desktop. Já coloquei Debian, Ubuntu, Mandriva e etc, e meus pais sempre conseguem utilizar.
Claro que volta e meia eles pedem ajuda, porque no Gnome era "assim", e no KDE é "assim". A única coisa que me impede de arrancar o Windows (Pirata, sim) da minha máquina, é o acesso ao Internet Banking da Caixa Econômica.
Não podemos fazer lavagem cerebral nos usuários, temos que ter educação, ensinar, mostrar os prós e contras e não ser um Octaiver Matt da vida, frustrado e imaturo em suas experiências tecnológicas.

Educação, é a base de tudo. Pensem nisso.

[5] Comentário enviado por nick em 10/06/2009 - 19:26h

Otimo artigo. É como eu sempre digo: O que "queima" o Linux, nao é nem o próprio sistema, sao os tais usuario "Xiitas".
Uso Linux em casa e no trabalho desde 98 e o que mais odeio no Linux sao os xiitas... de resto ta de boa.

[6] Comentário enviado por goeshp em 10/06/2009 - 20:12h

Em poucas palavras, você foi muito feliz com esse artigo. Gostei muito, irei indicá-lo a várias pessoas.

[7] Comentário enviado por premoli em 10/06/2009 - 21:14h

Viva o Linux! Viva o LinuxChix e o Windows Pirata do Paraguai, hehe, Brasil 2 X Paraguai 0. Viva o Linux e viva também o #apt-get. Viva o Linux!!!

[8] Comentário enviado por eduardo em 10/06/2009 - 21:33h

Cara, muito bom o seu artigo. Você foi sábio em não falar "vocês devem usar o Linux", mas você disse "o Linux é bom tanto quanto o Windows, se você quiser utilizá-lo, estaremos aqui para ajudá-lo, mas nem sempre poderemos ajudá-lo. Prove algo novo, tente usar o Linux. Você vai gostar!". Basicamente o seu artigo se resume a isso, o que eu acho muito bom.

Atualmente é extremamente DIFÍCIL colocar na cabeça das pessoas que Linux (e nem o windows ou qualquer outro SO) é melhor que o outro. Você deve utilizar aquilo que você precisa e melhor se adapta a você.

No meu caso, utilizo 100% Linux em server, mas em Desktop utilizo Win, pois não tenho tempo para configurações, salvo o meu Big Linux, que roda bonitinho em Trial-Boot.


Parabéns!

[9] Comentário enviado por douglas.giorgio em 10/06/2009 - 23:20h

realmente nao sei oq dizer

vamos dizer que muitas coisas o windows eh melhor, e muitas coisas o linux eh melhor

vamos considerar, EH UM EMPATE

agr para ver qual eh melhor para quem, ai vai depender de quem for usar

vc axa que sua vó vai ter paciencia de ficar compilando um kernel??? ou vai querer dar dois click num .exe avançar>avançar>avançar>finalizar e ficar no msn conversando com os parentes

sistema operacional eh que nem roupa

se todos usarem a msm roupa, vai ser estranho e sem graça, ninguem nunca ira te falar, nossa!!! que roupa bonita!!!

estilo e gosto, cada um tem o seu

flw

[10] Comentário enviado por aaron.binner em 10/06/2009 - 23:25h

Bom, como a minha opinião foi a mais contrária à todos, e observando os posts acima, compreendo que o "xiita" citado seja eu, e me reservo ao direito de resposta.

A questão é, porque ficar comparando estes sistemas operacionais ? Se ambos são totalmente diferentes, e com ideologias diferentes, ou seja, tanto um quanto outro estão acima das comparações. E também não há motivos para tentar mudar a opinião das outras pessoas, já que ambos possuem ótimas ferramentas para efetuar as mais diversas tarefas, é raro algo que seja possivel ser realizado somente em um linux, ou unix. E, ao meu ver, não devemos sair por ai tentando mudar o mundo, eu fico com o linux e o unix por questões de segurança e estabilidade, outra pessoa pode ficar com um SO proprietário por motivos como a facilidade de executar tarefas, mais o ponto é que ambos são felizes assim.
E, reforço a minha opinião. Não há motivo algum para continuar com isto, não há motivo algum para convencer alguém a mudar sua opinião. O SO é livre, gratis, e quem quiser que use, agora usar um SO pirata, isso sim é errado. Afinal se fosse você o programador você gostaria que outros se utilizassem do seu empenho e trabalho sem pagar por isto????

[11] Comentário enviado por xerxeslins em 11/06/2009 - 00:45h

Quem leu esse artigo e o entendeu, percebeu que o autor não quis comparar sistemas operacionais, ele quis mostrar que há erros na forma como se tenta convencer alguém a usar Linux. E um desses erros é falar mal do Windows.

Concordo plenamente com o autor.

Que os usuários iniciantes do Linux saibam: não há garantias de que após usar o Linux, você irá abandonar o Windows, mas a experiência pode ser muito compensadora. E há distribuições Linux mais simples e fáceis de instalar e configurar que o Windows.

É muito legal ver esses artigos no VOL, pois eles não estão incitando a guerra entre sistemas operacionais, estão esclarecendo as diferenças e os cuidados que devemos ter ao nos pronunciarmos sobre o Linux.

Parabéns ao autor.

[12] Comentário enviado por Teixeira em 11/06/2009 - 09:35h

É uma boa questão, se compararmos apenas Windows x Linux.

Conta-se que Daniel Webster, famoso sertanista norteamericano entrou em uma farmácia ("botica") e pediu "alguma coisa para uma dor de cabeça muito forte".
Naquela época não havia comprimidos da forma como os conhecemos: Era preparada uma massa com os componentes, colocada em um tabuleiro e posta para secar.
E o famacêutico ("boticário") ainda não havia feito isso.
Não havia ainda nenhuma aspirina pronta (naquela época "aspirina" não era um nome comercial, sendo apenas o ácido acetil-salicílico). Então, não teve dúvidas: Destampou um frasco de amônia e o aproximou rapidamente das narinas de Webster.
Claro que ele quase "caiu duro" diante dos efeitos imediatos da amônia, e voltou-se para o farmacêutico muito agressivamente.
Então o farmacêutico argumentou: "M-mas o senhor não está mehor de sua dor de cabeça?"
Ao que Webster respondeu: "QUE dor de cabeça? Quem está com dor de cabeça é a minha mulher!..."

O que quero dizer é que muitas vezes, ao tentar conseguir novos adeptos para o mundo Linux, estamos simplesmente implingindo amônias às narinas alheias sem nos determos em pensar como vencer os preconceitos já existentes nas mentes de nossos amigos ou clientes.

Diz o antigo ditado (quase todo ditado é antigo, não?) que moscas são capturadas com mel, e não com vinagre.
Daí depreendemos que ofender o usuário e atacar suas convicções não é um bom caminho para demonstrar as vantagens de um CONJUNTO baseado em Linux.
Além do que, estaremos geralmente empurando uma idéia incompleta pela goela abaixo de nossos interlocutores.

Para explicar melhor o Linux (e todos os fenômenos que o cercam), teremos de aprender a OUVIR, para somente então passarmos a argumentar sobre este ou aquele aspecto.

Uma das coisas que tenho observado é que o próprio Windows não funcionaria redondinho (ou quase), se não fosse a intensa participação de voluntários que, da mesma forma que no mundo Linux, partilham suas descobertas.
E que se isso não acontecesse, não conseguiríamos nem mosmo usar um microfone no MSN, porque nativamente ele não funcionaria.

Argumenta-se que o produto proprietário tem uma assistência técnica. Ok.
Mas quem já precisou do tal suporte técnico e realmente entendeu aquelas explicações mecânicas e genéricas?

É difícil para um marinheiro de primeira viagem compreender os comandos do Linux. Certo.
Mas para o mesmo marinheiro é difícil TAMBÉM no Windows configurar uma "simples" conexão à internet quando as coisas não vão bem.

Portanto, o assunto foi muito bem abordado, com uma precisão cirúrgica.
Precisamos repensar nossa maneira de apresentar o Linux aos usuários de Windows, que geralmente têm idéias já formadas.
Quanto áqueles que jamais viram um computador em suas vidas, a tarefa é bem mais fácil, pois neles inexiste qualquer preconceito.

Teremos de abandonar toda e qualquer "argumentação Chewbacca" (Guerra nas Estrelas) e nos atermos a apresentar um quadro real onde uma distro Lunx é uma "opção" e não uma "alternativa".

Agora, se a comparação entre Windows e Linux chega a tal grau de dificuldade, imagine se fôssemos ter de explicar o porquê de usarmos MacIntosh ou estações Sun em vez de IBM-PC...

[13] Comentário enviado por ch4c4r em 11/06/2009 - 09:54h

Muito bom artigo, eu sou meio novo no Vol mas de linux já uso a um pouco mais de temo, graças a Deus tive a oportunidade de conhecer um cara que me indicou linux sem querer fazer uma lavagem cerebral rsrsrs
O bom é que no artigo você falou muita coisa que eu vejo acontecer no dia a dia aqui na minha cidade, pessoas instalarem e achar que só porque isntalou linux o QI subiu de 60 pra 180 rsrsrsrsrsr

Grande abraço a todos e parabéns autor pela matéria :D

[14] Comentário enviado por bilufe em 11/06/2009 - 10:29h

Você está equivocado em afirmar que Linux não tem garantias e não tem suporte técnico.

A Red Hat e Novell vendem suas distribuições Linux focando a necessidade de garantias e suporte técnico, a Mandriva faz a mesma coisa. A Canonical, apesar de oferecer seu sistema gratuitamente, vende garantias e suporte técnico para seus clientes.

A diferença entre a Red Hat e a Canonical é que a Red Hat vende seu sistema operacional com um pacote de garantias e suporte; enquanto a Canonical distribui gratuitamente o sistema operacional e vende suporte e garantias.

É claro que quem utilizar distribuições do Linux não-comerciais, como Debian, Slackware, Gentoo, Arch e outras não terá suporte técnico de nenhuma empresa, a menos que contrate uma para este fim.

A maioria das empresas que utilizam distribuições não-comerciais o fazem porque possuem uma equipe que lhes atenda no sentido de dar suporte à distribuição em questão.

No Windows você não escolhe se quer suporte ou não, você simplesmente paga pelo suporte ou dá um jeito de burlar. No Linux você escolhe se precisa ou não da assistência de alguma empresa.

[15] Comentário enviado por bilufe em 11/06/2009 - 10:44h

Já me deparei em fóruns com usuários que estavam enfrentado dificuldades de instalar o MacOS X no PC. Informei a estes usuários que o MacOS X no PC é uma façanha difícil de ser realizada, além de que o sistema não funciona com todo o seu poder e dependendo do hardware a vida útil do mesmo poderá ser reduzida com a utilização do MacOS X.

E sempre apresento o Linux para estes usuários:

"Creio que vocês estão querendo experimentar o MacOS X porque estão cansados do Windows e querem novidades; então recomendo o Ubuntu que provavelmente irá funcionar no PC sem problemas e que tem uma interface semelhante à do MacOS X e que pode ser configurado para ser mais semelhante ainda através da utilização de temas".

Alguns responderam depois:

"Pesquisei sobre este Ubuntu e acho que ele é muito difícil de usar..."

Agora deixo aqui uma reflexão:

"Será que o Ubuntu é tão difícil de usar a ponto de ser mais fácil usar o MacOS X em um PC? Ou é o usuário que tem má vontade em experimentar? Será que o Ubuntu é mais difícil de usar que outro sistema operacional que nem sequer tem um gerenciamento de janelas decente (apertar o botão FECHAR em uma janela do MacOS X não fecha o programa)?"

Lembrando que o MacOS X é ainda mais diferente do Windows em sua interface que o próprio Ubuntu, visto que não há gerenciamento de janelas como existe no Windows e Ubuntu, as janelas se comportam de maneira diferente, o menu está no topo e muda conforme o aplicativo (na minha opinião isto dificulta o trabalho de que usa várias janelas ao mesmo tempo).


[16] Comentário enviado por wizard.slack em 11/06/2009 - 10:51h

parabéns pelo artigo, toda discussão sadia sempre acaba gerando algo de bom.

como sempre digo: "Use o melhor dos dois mundos"!

[17] Comentário enviado por Bernardo64 em 11/06/2009 - 12:46h

Vou contar minha experiência com o Windows e linux:

Windows: Sempre utilizei e só tive 4 problemas onde tive que reistalar tudo novamente.

Linux: Sempre acompanhava a sua evolução via notícias. Quando comprei um Pentium D, pedi para instalar um dual boot com Windows e Kurumin. O técnivo me falou que não deu par instalar o Kurumin pq tinha dado "conflito de IRQs".
Consegui tempos depois, um cdlive do Kurumin mas tinha dificuldades de compatibilidade com o Windows e meus parentes não gostavam de usar. O msn comparado com outro mensageiro linux ganha disparado! Pra quem conhece e utiliza todos os recursos d um editor de textos 10 x 2 pro Word.
Comprei um notebook com o Mandriva e ele não reconhecia o pendrive. Comecei a fuçar para tentar resolver: deu pau!
Meus parentes conseguiram dar pau no Windows. Mandei reinstalar e colocar em dual boot com o OpenSuse. Pouco tempo depois, o OpenSuse não funcionou mais.

Resumidamente, esta é a minha experiência com Linux.

Mas continuo tentando...Que tal um Minix?...vou ficar de olho neste SO.

[18] Comentário enviado por cruzeirense em 11/06/2009 - 12:54h

Prezado Bilufe

No seu comentário
"Você está equivocado em afirmar que Linux não tem garantias e não tem suporte técnico."
Realmente é verdade, existem grandes empresas que dão suporte no linux (um argumento a mais para apresentar para um novo usuário).

Em seu outro comentário:
"No Windows você não escolhe se quer suporte ou não"
Na verdade a empresa não pode vender um produto sem dar suporte (isso é uma questão legal). Então você não escolhe, nem a Microsoft, isso é uma determinação legal.

Prezado TheDrumer
Seu comentário:
"o Linux é bom tanto quanto o Windows, se você quiser utilizá-lo, estaremos aqui para ajudá-lo"
Acho que isso mostra toda a essência do linux.

Prezado Teixeira
Seu comentário:
"apresentar um quadro real onde uma distro Lunx é uma "opção" e não uma "alternativa".
Foi exatamente o que eu quis dizer no artigo.

Prezado aaron.biner
Seu comentário:
"não há motivo algum para convencer alguém a mudar sua opinião"
Realmente não a motivo, mas não sei se você sente o mesmo, mas é chato ter que chegar em um cliente e instalar uma cópia pirata do xp (não que eu nunca tenha instalado), mesmo porque também sou desenvolvedor (para windows). Sempre que um cliente me pede para instalar um xp pirata eu sempre tento convence-lo a utilizar ubuntu original. É claro que primeiro é necessário avaliar as necessidades do cliente e ver se o ubuntu vai atendê-lo.

Bernardo64
No seu comentário:
"não deu par instalar o Kurumin pq tinha dado "conflito de IRQs".
Isso é um dos problemas citados no artigo, falta pessoal preparado para dar manutenção no linux, mas esse problema vai diminuindo com o tempo.


Abraço a todos...

Renato

[19] Comentário enviado por nicolo em 11/06/2009 - 13:25h

Nhaca!!! Este assunto não tem fim. Pelo menos uma parte da resposta à pergunta:
Se o Linux é tão melhor que o Windows e é de graça, por que a maioria dos usuários ainda usa Windows?"

Para quem está habituado a fracassar:
Resposta 1- Delicioso por a culpa nos outros


Resposta para vencedores:
Resposta2- As distros precisam focar o usuário Precisam esquecer o programador, o analista de sistema , o expert, e focar no usuário. Tentei dizer isso no artigo "Porque o Linux é difícil".
O que falta fazer é pouco e é fácil. O Kurumin foi a melhor (DE LOOOOONGE A MELHOR) distro para o usuário, simplesmente porque foi uma distro feita para o usuário.

Muito simples, elementar, mas fundamental. Mais uma coisa: esqueçam o windows , ele não vai ajudar o Linux.

[20] Comentário enviado por fernandoborges em 11/06/2009 - 14:42h

Senhores!
Ainda há esperança...
Vejam em:

http://3.bp.blogspot.com/_2rbhsHEyVVg/SfvYmMq1M3I/AAAAAAAAAUE/GA2CayGKxF4/s1600/operating-system-tre...

Retirado do http://linuxhelp.blogspot.com/, mostra como as coisas demoram pra mudar, mas com o tempo, tudo acontece naturalmente...

Tudo isso será mais ou menos como acontece em algumas das instituições mais respeitadas do país (à qual pertenço)...
É como um grande navio, pra ele mudar alguns graus no seu rumo, será preciso tempo, bastante tempo... Imagine mudar 180º... Como é o caso do usuário Win mudar pra Unix...

A discussão é sadia, mas... Enfim...
Concordo com o nicolo, esqueçam o Win, ele não vai nos ajudar!

[21] Comentário enviado por xerxeslins em 11/06/2009 - 14:47h

YES! passou de 1%! E a tendência é continuar subindo. Mas isso aí é só de usuários domésticos, né? Ou inclui empresas, servidores e etc?

[22] Comentário enviado por XimenesWambach em 11/06/2009 - 16:39h

O artigo ficou d+.
Concordo que não devemos forçar o usuário final à usar isso ou aquilo, irá depender das facilidades que ele encontra no SO.
Gosto dos 2 sistemas tanto o Windows quanto o Linux, acho que cada um tem o seu melhor.
Por exemplo:
na minha opinião o que é mais legal:

1- No Windows
1.1 - A facilidade de encontrar instalar programas
1.2 - Encontrar drivers, mesmo que o dispositivo seja um "Xing-Ling" (do paraguai, hehehe) da vida.
1.3 - Rodar jogos, principalmente jogos 3D

2 - No linux
2.1 - Roda em praticamente qualquer dispositivo eletrônico(como em pdas, palms, celulares, etc)
2.2 - É bem portátil, mesmo em distro com muitos pacotes com o Debian
2.3 - É bem mais seguro

entre outras qualidades que os dois sistemas tem em particular...

[23] Comentário enviado por douglas.giorgio em 11/06/2009 - 17:24h

acabei de assistir o filme, the code, e consegui abrir mais a minha mente

o windows eh bom pela quantidade de pacotes, e sem contar o maravilhoso directx para jogos, jogos como "left 4 dead 2" "crysis 2" "lost planet 2" sao jogos realmente de cair o queixo

microsoft sabe muito tem oq a maioria quer, e faz oq eles precisam, assim muitos usuarios se contentam com isso, ficam acomodados

eu uso linux por varios motivos, nem uso mais o windows, mas tenho no meu pc pq nao eh soh eu que uso o pc, divido com o meu irmao que eh programador, meu outro irmao que sabe jogar e minha mae que nao tem muito conhecimento
para eles o windows ta perfeito, e eu vejo isso no dia a dia

tem muita gente que nao sabe nem oq eh codecs, nao sabe nem oq eh IP e pra que serve e quando pega um virus, fica se mijando todo e nem sabe oq fazer e deixa o anti-virus tomar a decisao

cada sistema para cada pessoa

[24] Comentário enviado por ratomem em 11/06/2009 - 17:26h

Vou resumir minha decepção em uma frase; "eu adoraria saber usar o linux", qualquer uma das distribuições, tudo o que ouço falar dele me passa a impressão de ser fantástico, respeitando o fato dele não ser perfeito, mas nem é isso que procuro.

Tenho amigos que utilizam ele e gostam muito do linux, cada um praticamente usa uma distribuição diferente, quando não usa varias, mas me sinto até mal de tanto que encho eles com minhas duvida.

Duvidas que me fazem sentir um descelebrado diante do linux.

Bom, o linux na minha visão deveria ser mais rápido e mais pratico que o windows, mas depois de um mês e mais de cem paginas (muito mais) de leitura sobre o linux e testado duas distribuições (ubuntu como gnome e o slack com o KDE) chequei a simples conclusão que o meu windows de perna de pau, me ajuda (isso mesmo, ME AJUDA) mais que o linux. Pois o que o windows não faz não faz e ponto ou eu consigo configurar rapidinho.

No linux quando não faz eu leio que na net tem explicações de como fazer ou configurar, mas comigo essas configuração nunca funcionam ou são horas de ralação pra fazer funcionar e o pior coisas que no windows eu configuro rapidinho.

Tenho micro a mais de 10 anos aprendi a usar computadores no MS-DOS (acho até hoje que o DOS 6 foi o melhor produto que o Bill já lanço rsrs), já usei todos os Win (95, 98, ME, XP, Vista, Seven), Mas adoraria aprender a usar, mesmo que uma distribuição do linux. Mas chegar em casa de noite cansado do trabalho e querer aprender uma coisa que não é absolutamente nada intuitiva é muito maçante.

Querem ver uma coisa, tenho um primo, ele tem 7 anos, na escola que ele vai não tem curso de informática, mas em casa ele aprendeu a usar quase tudo o que sabe praticamente sozinho. Garanto que se existisse uma distribuição do linux assim para iniciantes, muito mais pessoas iriam querem experimentar o linux e passar a utilizá-lo também, ai sim levariam em conta as vantagens de segurança e estabilidade e leveza do Linux. Mas não vou desistir, pois mesmo com todas as minhas dificuldades em aprender a usar o Linux acho ele um SO muito, mas muito bom.

[25] Comentário enviado por josef em 11/06/2009 - 19:18h

Seguinte, o fato é que só de uns 3 anos prá cá é que o Linux começou a ser portado para desktop, antes disso Linux só para servidores e meios estudantins, o windows, deu uma sorte danada e conquistou os paises de "primeiro mundo", onde o $ é muito mais facil do que aqui, e o valor do win, pra eles é pequeno....e nos nos viramos com o win pirata, como temos que estar conectatos com estes paises a migração para o win foi uma questão de tempo....

Mas agora com o Linux funcionando muito bem em Desktop, e cada vez mais facil de usar...vai ser uma questão de tempo...acho que mais uns 4 anos, estará muito perto de dominar....

Um exemplo: Eu, não trabalho na área, mas desde 1994 uso Linux.....imagina agora que temos ubuntu, opensuse e outras distros 10.....


Heheheheh

[26] Comentário enviado por removido em 11/06/2009 - 21:20h

Fazer comparações é essencial. É através de comparações que decidimos comprar um produto de determinada marca e não outra. Com Sistemas Operacionais não é diferente.

Ao contrário do que pensa o caro colega aaron.binner "Não há motivo algum para continuar com isto, não há motivo algum para convencer alguém a mudar sua opinião", discordo plenamente. Se imaginarmos que entusiastas não tivessem convencido grande parte dos membros do VOL, muito de nós ainda usariam Windows, pense nessa proporção no mundo inteiro. Se não houver quem tente convencer outros a usar Linux, ele estará fadado ao fracasso e extinção, pois quem, mesmo os mais entusiastas, irá desenvolver um Sistema para que ninguém use, a não ser talvez o próprio desenvolvedor.

Quanto o pensamento sobre a forma de abordar o Linux como opção, também concordo com o autor. Não devemos só apontar os pontos positivos do Linux, pois nesse caso, quando um dos pontos negativos influenciar nas tarefas que o novo usuário deseje realizar no Linux, essa contará como um forte fator em caso de desistência do novo usuário.

Mesmo nós que usamos Linux no nosso dia dia podemos um dia ter que usar o sistema da MS. Eu mesmo esse ano, quando comecei meus estudos, fui forçado a usar mais o Windows do que o Linux. Isso porque em uma disciplina, lógica de programação, a ferramenta de desenvolvimento usada para realização de exercícios foi o Visual C#. Nos laboratórios da faculdade todas as maquinas tem o Windows instalado, se alguma tem Linux ainda não vi. Em casa, ainda tentei usar o MonoDevlop, mas esta não possui todos os recursos necessários para suprir minhas necessidades. Isso sem mencionar grandes sucessos da MS, tais como o Office e o MSN Messenger. Temos bom programas que substituem esses, mas compara-los com os da MS é ridículo.

Uso Linux porque acho sim que ele é superior ao Windows, mas não posso ser hipócrita e não admitir que o Windows e a MS tem sim seus méritos, e que apesar de suas práticas comerciais questionáveis, não é a toa que tem o SO mais usado no mundo.

[27] Comentário enviado por masterphp em 12/06/2009 - 09:59h

Renato, concordo contigo, o windows não é uma porcaria, realmente é um sistema muito bom, mas que particularmente só utilizo na empresa que trabalho pelo simples motivo que vou descrever a seguir. A popularidade do windows está ligada a sua facilidade de manuseio, e devido a este fator, as empresas de software investem somente em softwares que rodam sobre plataforma windows (Softwares Financeiros, de Desenvolvimento etc.).

[28] Comentário enviado por cainf em 12/06/2009 - 10:08h

Realmente o Windows não é ruim pelo contrario como usuário do Linux o Windows XP por sinal é um sistema muito bom. Agora realmente tem tecnico que mexe com Linux e sempre diz ahh Win é uma porcaria pega virus e tal, pergunto quando ele começou com informática ele sempre instalou Linux para usuarios e empresas ?? Creio que não, aquele q nunca ganhou um dinheiro com esse sistema ruim que atire o primeiro mouse...

É o que eu digo aos meus clientes o problema do Linux é suporte a grande vantagem do Win é que qualquer um sabe mexer bem ou mal mas sabe coloca um cd ou baixa na net e clica em executar next, next e finish

Se a pessoa trabalha com sistemas e prioriza o software livre então venda seu peixe fale das vantagens como estabilidade, segurança e que nenhum usuário pentelho vai ficar instalando o que não deva.

Alias vcs ja devem ter ouvido falar do pc nas nuvens pois é, vai ter muita gente que criticava o Sr Bill Gates pedindo pelo amor de Deus para que esse sistema tão ruim volte e, ganhar dinheiro instalando esse sistema tão ruim

Abraço a todos
Carlos

[29] Comentário enviado por removido em 12/06/2009 - 10:11h

Simplesmente fantástico.
Não é qualquer um que tem a coragem de vir até aqui, na 'igreja' do linux e escrever tudo isso.
Concordo plenamente com você e tenho a certeza que muitos aqui também concordam.
Parabéns pelo ótimo artigo.
Abraço.

[30] Comentário enviado por thelinux em 12/06/2009 - 11:00h

Excelente artigo. O Windows é tão bom que é usado em quase 70% dos servidores das corporações no Brasil.

Acredito que exista mercado para todos. O Windows não vai se acabar e nem o Linux é melhor. Ambos os SOs são necessários.

[31] Comentário enviado por ryonagana em 12/06/2009 - 12:18h

bom, fikquei apaixonado pelo linux quando eu entrei na faculdade de Ciencias da Computção e teve uma palestra sobre isso
comecei minha aventura com o Conectiva Linux 10, apos isso fikei em busca de outra distro tentei kurumin, mandriva, e mais um monte
depois me adaptei ao OpenSuSe, fiquei uns 3 anos usando OpenSuSe, e agora estoua procura de outro]
tive muito azar com o Gentoo, instalei mas nao sei se reconeceu meu video, a tela toda distorcida

agora vou tentar a sorte no slackware


a respeito do artigo, gostei muito, em casa é dificil usar linux pq meu pai usa PC tambem e fica me enxendo o saco
quero transformar meu PC em 100% linux

[32] Comentário enviado por xerxeslins em 12/06/2009 - 14:12h

O Windows é bom, mas não é por ele ser bom que ele é o mais usado. Bill Gates é um estrategista e ele armou meios para conseguir popularizar o Windows. O sucesso teve mais a ver com estratégias de marketing. Agora toda a fama do Linux, vem de pouca estratégia de marketing e vem muito do que o sistema realmente oferece.

Não tem suporte legal a jogos, tá, beleza. Mas pelo menos para alguns usuários, como eu, prefiro um sistema com poucos jogos do que um sistema com vírus. Sim, tem gente que diz: "nunca peguei vírus no Windows", mas se não pegou, um dia pega. Chega de ter que ficar baixando anti-vírus, tentando procurar qual é o melhor anti-vírus, ficar desfragmentando, baixando essas ferramentazinhas anti-spyware, chega de ficar com medo de espetar pendrivers da faculdade.. na minha faculdade se voce espetar o pendrive num computador do laboratório, pode saber que ele será infectado. Os anti-vírus que ele s colocam lá não servem para muita coisa. Tem gente que tem medo até de ver o seu e-mail, pois nunca se sabe o que está instalado nessas máquinas Windows. Mas se fosse Linux, não haveria motivos para se preocupar.

Quer rapidez? eu instalo o Xubuntu em menos de 40 minutos, o boot dele dura 10 segundos entre o GRUB e a tela de login, e o consumo de RAM fica sendo 79 MB após o login. E com ele faço tudo o que faria no Windows.

Não tenho que ficar me preocupando com desfragmentação e ferramentas de otimização do sistema... isso sim é perder tempo.

O Windows só serve para jogos, para profissionais que trabalham com computação gráfica (pois há aplicativos que só existem para Windows), e para pegar vírus. O resto o Linux faz igual ou faz melhor, sem pedir serial, sem exigir "manhas" para ativar atualizações. Simples e prático.

O negócio é que tem gente que não quer mudar. Se não quer, nem tente. Pois toda dificuldade que encontrar vai logo dizer "ah, Linux não presta". Quando na verdade tudo o que é novo exige que a pessoa se dedique.



[33] Comentário enviado por douglas.giorgio em 12/06/2009 - 14:26h

concordo com o xerxes

o pior eh que ouço muita gente falando

afff.... linux eh uma bosta, merda, porcaria, etc

e eu sempre pergunto se ja mexeram com linux, adivinha, NUNCA!!!

eles nao sabem nem oq eh linux e falam merda, muitos usam por uma semana e ja desiste

===================

meu irmao por exemplo

quando ele ia mexer no linux, ele baixava os programas no baixaki "arquivos .exe" e dava dois click

ai ele falava, afff... o linux nao roda exe???

KCT!!!!! fico putooooooooo com isso

exe eh para windows

eu tbm fazia isso no inicio, pois eu comecei a mexer sem orientação nenhuma

eu tive um professor que ele soh falava de linux, ele era muito xita, e esculaxava o windows

foi ai que fiquei curioso em mexer com linux, apanhei muito, mas foi tudo na raça

akela epoca eu nem conhecia o VOL, soh fui conhece o VOL alguns anos depois

==================================

conclusao:

muitos nao usam linux pq nao sabe como instalar programas no linux, todos ja gravaram os formatos .exe na kabeça e pensa que no linux eh a msm coisa, muita gente axa que soh muda a aparencia, muitos sem orientação se lascam no linux e por preguiça de exercitar o cerebro acabam desistindo, e assim falam mau, axando que a culpa eh do sistema e nao deles, assim voltando para o windows onde conseguem fazer o de sempre de sua rotina

o bill eh muito esperto, afinal ele conveceu a ibm, apple e mais um monte de empresa soh na labia

flw

[34] Comentário enviado por lcnrj em 12/06/2009 - 14:55h

Simples: Jogos, programas que não rodam em linux nem com wine e facilidade de obter ajuda. Eu ainda uso windows porque tenho programas legais e jogos que nem pensar em rodar no linux...e vou dizer uma coisa lembro quando em 1997 comecei com pcs e naquela epóca já era mais facil e mais simpatico obter ajuda gratis com comunidades para windows do que é hoje obter ajuda para linux. Ninguem quer ser hacker só usar o que precisa no pc. O linux é muito elitista conceitualmente.

[35] Comentário enviado por everton3x em 12/06/2009 - 16:18h

Excelente artigo: sóbrio, equilibrado e sintonizado com a realidade.

Muito parabéns...

[36] Comentário enviado por antonoov em 12/06/2009 - 21:21h

Eu acho que a sua colocação 2 eh a grande razão do Linux ainda estar atrás do Windows... em geral as pessoas não gostam muito de raciocinar, preferem a coisa mais enlatada... afina vcs preferem uma pizza prontinha ou ter que cozinhar.... rerreerr

[37] Comentário enviado por cytron em 12/06/2009 - 23:32h

hummm, acho que não gosto de pizza cozida!

Mais heim!!!! Esse assunto sempre é polêmico, eu também era assim. Sabe de uma coisa... cansei!

Depois que resolvi viver o que prego as coisas começaram a mudar de verdade.

Eu também ficava falando de Software Livre... Software Pirata, Linux seguro e grátis, windows bugado e virulento... eu ficava igual a um disco arranhado.

Hoje em dia faço igual a futebol, tenho meu time, você tem o seu, a diferença é que fico na minha e vou caminhando. É como um fusion e um fusca, são veículos, andam e te levam onde você quer, a diferença é a situação que você fica.

Do meu ponto de vista Linux e windows não são concorrentes e nunca serão. São públicos diferentes.

Como eu faço hoje em dia?

Meu PC é Linux. Não trabalho com manutenção, quando me pedem para instalar Windows eu já vou logo perguntando: Você já adquiriu a licença ou quer que eu forneça uma?

Daí o cara diz: Não tenho... como consegue uma?

kkkkkkk: 400,00

O cara dá um pulo de 3 metros e diz: Não é só instalar?

Caro senhor cliente, eu não instalo software pirata, eu sou contra a pirataria e jamais vou incentivá-la ou participar dela. O que não quero para mim não desejo para os outros.

Mas o cara tá pagando!!!

kkkkkk, e o que eu tenho a ver com isso? Tá querendo dizer que minha dignidade tem preço???

Não dependo da pirataria para sobreviver... você depende?

Quanto custa sua dignidade? Eu tenho dois filhos e vou adorar dizer para eles que eu não participei da pirataria, vou adorar dizer para eles que minha dignidade mantém minha integridade. Eles aprenderão comigo que princípios e valores são conquistados pela atitude certa.

Qual dos dois é o melhor? Ora! Desculpe! Não uso os dois para ficar comparando. Eu uso Linux.

Muita gente olha meu PC e fica maravilhado com as janelas molengas que pegam fogo quando fecha. Eles ficam admirados em me ver tranquilo acessando o banco sem ter anti-vírus ou spywares, ficam admirados em saber que nunca formatei meu PC, entre outros benefícios. Poucos querem experimentar desses prazeres depois de vê-los no meu PC.

Tudo que é forçado é passageiro, vai embora muito rápido. Alguém se lembra do Bros?

Eu deixo o Linux seguir naturalmente, eu confio na capacidade, evolução é inevitável. O mais forte sempre sobrevive.

Quem assalta banco e rouba milhões vai preso, que rouba uma caixa de fósforos vai preso do mesmo jeito!

CRIME É CRIME! Não tem meio termo!

Se pirataria é crime... quero dizer aos meus filhos que não sou criminoso.

Você pode dizer o mesmo?

[38] Comentário enviado por CerberusBH em 13/06/2009 - 07:48h

Renato Félix,

Concordo com todos os seus argumentos apresentados.

Vale lembrar, também, que os programas criados para Windows são muito fáceis de instalar e usar, seguindo a linha do sistema, o que faz com que até mesmo uma criança consiga instalar e usar diversos tipos de programas, inclusive jogos.

Aliás, falando em jogos, infelizmente tem gente que pensa que computador só serve pra usar msn, orkut, e jogos. E sabemos que o mercado de jogos dá pouquíssima atenção ao Linux.

Já no caso do Linux, sabemos que muitos programas (na minha humilde opinião, a maioria) devem ser compilados na máquina do usuário para que funcionem perfeitamente. E compilar programas é chato, demorado e cansativo, até mesmo para usuários mais avançados. Obviamente, nenhum usuário leigo quer perder tempo compilando programas e resolvendo problemas de dependência. Quer simplesmente instalar e usar, assim como já está acostumado a fazer no Windows.

Ultimamente tenho visto "revendedores" de computador contribuírem para que o usuário leigo sinta pavor de Linux. Pelo menos aqui em Belo Horizonte tenho visto grandes redes de lojas venderem computadores com uma versão de Linux terrivelmente mal-feita, que não tem nada e nem sequer deixa o usuário instalar algum programa novo com facilidade. Adivinha o que acontece com esse computador poucos dias ou poucas horas depois de ser comprado? Será formatado e será instalada uma cópia pirata de Windows. Sim, cópia pirata, porque mesmo quem tem boas condições financeiras não está muito interessado em pagar de R$450 a R$900, atualmente, por uma cópia original do Windows.

Se os computadores forem revendidos com uma versão de Linux bem feita, que realmente dê suporte a todo o hardware que vier neste computador, com aplicativos suficientes para atender bem à maioria dos usuários e uma interface gráfica agradável, certamente as coisas começarão a mudar pra melhor.

Finalizando. Eu uso Windows e Linux em casa. No trabalho uso Solaris 10, e também já usei MacOS. Todos são ótimos sistemas e cada um atende bem a uma determinada demanda. Realmente cabe a cada usuário buscar o sistema que melhor lhe atenda.

Parabéns pelo artigo! E parabéns por ser cruzeirense, hehehehehe!

[39] Comentário enviado por monsores em 13/06/2009 - 12:07h

Muito bom o seu artigo. Aliás, um dos poucos artigos não-técnicos publicados por aqui que pode ser considerado realmente embasado e consistente. Parabéns!

Só discordo em parte em relação à inexistência de suporte. No software proprietário vc compra o software e o preço do suporte normalmente está embutido no do produto. Se der problema você liga necessariamente para o "dono" do software e pede socorro. Mas para Software Livre já existem diversas empresas prestando suporte. Você obtém um software de graça (ou com baixo custo) e escolhe uma destas empresas para contratar um serviço de suporte/help-desk. É só um ponto-de-vista diferente: o primeiro caso é mais prático e o segundo te dá mais alternativas.

Tem uma empresa de software (fornecedora de ERP) que eu tenho que lidar constantemente. Eu gostaria muito de poder escolher outra empresa, porque o suporte é horrível, mas sou obrigado a procurar esta empresa especificamente...

No mais concordo 100%. Principalmente com a reclamação sobre os fanáticos que acham que Linux é um time de futebol...

Abraços.

[40] Comentário enviado por fabiohauschild em 13/06/2009 - 16:22h

Renato,

concordo com seus comentários, principalmente do item 6 das tuas respostas.
É impressionante como alguns que se dizem seguidores do Linux usam esse argumento para menosprezar outros usuários iniciantes desse sistema ou mesmo os usuários dos sistemas da Microsoft. Como você mesmo diz, existem pessoas que simplesmente são usuários iniciantes e já se consideram seres superiores aos demais. Que o chapéu sirva para muitos.

Att.,
Fábio

[41] Comentário enviado por daniel030482 em 13/06/2009 - 20:11h

Claro que a parte dos Xiitas é bem engraçada, mas isso acontece com usuários mais jovens, é mais ou menos quando a gente é criança e aprende a andar de bicicleta que sai dizendo pra todo mundo que é o maioral.

[42] Comentário enviado por fmpfmp em 14/06/2009 - 11:47h

Não existe sistema muito melhor que o outro. O que existe são diferenças que dependendo do usuário podem ou não ser benéficas.

É difícil você fazer um usuário comum que usa Windows no trabalho e em outros lugares usar algo diferente como um Linux ou MAC OS X. Além do que ter Linux ou MAC OS não é algo trivial, muitas vezes você precisa fazer artifícios pra que certas coisas funcionem, coisa que não ocorre no Windows, pois tudo é feito pensando-se nele.

[43] Comentário enviado por gabrielsp em 14/06/2009 - 12:34h

Acho que já esgoto artigo de Linux x Windows em desktops... A moderação só deve estar deixando passar por falta de artigos de qualidade.... vamo colabora ai galera!

Esse mimimi já deu o que tinha que dar!

[44] Comentário enviado por bicalho em 14/06/2009 - 15:48h

Meus filhos que não conheciam o Windows, aprenderam rapidamente a mexer com Linux... Sem traumas ou dificuldades. Mas na escolinha deles só tem Windows, aí sim, eles tiveram dificuldades.
A preguiça de aprender algo novo impedem a disseminação deste maravilho sistema operacional...

[45] Comentário enviado por douglas.giorgio em 14/06/2009 - 18:02h

o windows foi feito por um cara muuuito esperto, feito para o usuario final: gamers, iniciates, profissionais, crianças etc.
ele fez algo para atender todo o publico com a maxima facilidade

o linux é dificil sim, nao para nos que mexemos a anos, pois ja nos adaptamos, mas muitos até tremem quando falam de linux, bsd etc
linux como o unix, foi feito para empresas, nao precita ter facilidade e sim qualidade e segurança, ao passar dos tempos muitos queria esta qualidade e segurança nos desktops, hj tornando os usuarios de linux que existem hj, apesar do linux nao ser mais tao dificil como antigamente, hj em dia ubuntu, mandriva etc. sao muito faceis, faceis até para iniciante com força de vontade

flw

[46] Comentário enviado por waplinux em 14/06/2009 - 18:06h

Tentar ajudar o usuários independente de sua plataforma é mais justo, mais justo ainda é podermos cobrar por nossa consultoria.

O importante é ganhar o nosso, do mesmo jeito que a Microsoft, Red Hat, Suse, Apple e etc..

Devemos parar de discutir a respeito desses assuntos inúteis.

Sigam a receita de bolo que já existe. " Comprei, paguei, então usei"

Quanto a pirataria, não posso dizer muito, mas na minha opinião, a Microsoft é totalmente conivente com isso.
Ela permite a pirataria doméstica, viciando os usuários, para que os mesmo cobrem em suas empresas o emprego do S.O Windows.

[47] Comentário enviado por xerxeslins em 14/06/2009 - 18:48h

Esse assunto parece ser um assunto eterno =P

Mas sim, Windows não foi feito para gamers. Acontece que ele de adaptou sempre para conseguir mais usuários, NUNCA preocupado com os usuários, só com o lucro. Claro! Ou alguém acha que o Bill gosta da ideia de disseminar conhecimento livremente sem ganhar nada com isso?

Bill Gates disse:

Já que vão roubar, então preferimos que roubem os nossos programas. Ficarão como que viciados e nós arranjaremos uma forma de fazer com que paguem algures na próxima década." (No original: "As long as they are going to steal it, we want them to steal ours. They'll get sort of addicted, and then we'll somehow figure out how to collect sometime in the next decade." fonte: http://news.com.com/2100-1023-212942.html?legacy=cnet).

Por que o Windows Seven está sendo distribuído de graça antes da versão definitiva? Alguém é ingênuo a ponto de pensar que isso faz parte de alguma preocupação social da Microsoft? É para viciar! Já que o Vista foi uma cagada, eles estão apelando dando de graça... Para não perder clientes. Mas tudo será cobrado futuramente.

E eles apoiam a pirataria sim, já que preferem que roubem deles.

Como eu já disse, algumas distros são mais fáceis de usar que Windows, menos em compatibilidade para jogos e para profissionais que trabalham com algumas ferramentas proprietárias disponíveis só para Windows. O resto o Linux faz igual ou melhor, sem perder tempo desfragmentando, procurando antivírus, ferramentas pra aumentar desempenho, antispywares, etc...

[48] Comentário enviado por cabralwms em 15/06/2009 - 06:17h

Seguinte, defensores de Ruindows.
Já que o sistema do Bill GAY é ótimo para vcs, me instala um servidor windows Server lixo, com controle de Usuários por pastas e grupos, controle de internet, Sistema de Backups, listagem de arquivos, grupos, horas, que o usuário deletou, ou alterou um arquivo dentro de um local compartilhado, sistema de listagem de sites que os usuários utilizaram durante periodo de serviço. Bem se vcs adoradores do lixo do Windows conseguir isso sem pagar mais nada só com o sistema que já custa em torno de 1000 Reais me fala algo, agora falar que o linux não conseguiu abrir um pen Drive fala sério hahahaha e que Técnico fala que linux não foi instalado por conflito em IRQ ele é um Técnico em que???? Mecânica ???? Bem procura usar Debian quem for fazer experiência em linux mais nada a dizer.

[49] Comentário enviado por cruzeirense em 15/06/2009 - 12:54h

"Bill GAY", "Ruindows", "windows Server lixo" - Vide ítem 6 da resposta.

"instala um servidor windows Server lixo, com controle de Usuários por pastas e grupos, controle de internet, Sistema de Backups, listagem de arquivos, grupos, horas, que o usuário deletou, ou alterou um arquivo dentro de um local compartilhado, sistema de listagem de sites que os usuários utilizaram durante periodo de serviço" - Isso tudo é possível fazer com o Windows. No linux também é feito, e normalmente o resutado final é melhor, mas de graça acho meio difícil, só se você mesmo for fazer...

Abraços...

Renato

[50] Comentário enviado por igormp em 15/06/2009 - 19:18h

Simplesmente maravilhoso, temos que parar com comparações absurdas e mostrar o linux como ele verdadeiramente é, para isso não precisamos falar que outro So é ruim ou um lixo, acho que o respeito é primordial, quem quer usar linux ta aí na net tem varios sabores é só escolher e pegar e ser feliz.

[51] Comentário enviado por thiago.flat em 15/06/2009 - 21:21h

Muito bom.na minha opinião os dois sistemas estão lado a lado o windows e bom para lazer e o linux e maravilhoso para servidores e empressas de grande porte,e uma otima solução abraço a todos

[52] Comentário enviado por cabralwms em 16/06/2009 - 06:40h

Comentário enviado por cruzeirense em 15/06/2009 - 12:54h:

Isso tudo é possível fazer com o Windows. No linux também é feito, e normalmente o resutado final é melhor, mas de graça acho meio difícil, só se você mesmo for fazer...

Bem o comentario a cima não tem fundamento, de Graça dificil fazer????
No linux por padrão usuários tem permissões de escrita apeas na sua pasta /home ou seja seus documentos, podemos dar permissões por grupos, criar novos grupos adicionar permissões para certos usuários, SAMBA controla quem se conecta no servidor não sendo apenas controle de usuário mais também podemos adiconar controlador de endereço MAC por placa de rede, Windows Server 2008 faz isso?
Controle de internet Squid gratuito no linux, só basta o administrador saber fazer coisa que o Windows não deixa vc escolher.
Audit do Samba me fala exatamente que usuário entrou, deletou, alterou ou apenas acesso a pasta. Windows faz isso? Questões jogos eu rodo grande parte em Linux mesmo que tenha que emular o console do Bill Gates, Só Lembrando o próprio Bill Gates falou, meu sistema é o pior mesmo, mais os usuários não acham. Então se o próprio Bill Gates fala que é pior ainda tem gente que acha o contrário?

[53] Comentário enviado por cruzeirense em 16/06/2009 - 08:27h

Bem o comentario a cima não tem fundamento, de Graça dificil fazer????

Caro cabralwms,

De graça é difícil, mesmo no linux. Ou você vai sair instalando os servidores para todo mundo de graça?
Dá uma olhadinha no AD do windows. Você pode fazer quase tudo isso que foi citado acima, e o que ele não faz existem outras ferramentas que fazem.
A questão é que para colocar isso no Windows de forma legal você vai gastar aí uns R$ 20.000,00 só com os softwares originais. Para nós usuários isso pode parecer absurdo, mas para empresas é apenas mais um investimento.
Acho que nós, como usuários um pouco mais avançados do linux, tinhamos que ver esse "filão" do mercado. Você pode instalar o linux e receber muito bem para isso. Inclusive com um contrato de manutenção mensal, que no linux é a maior mamata, porque depois que tudo tá instalado e funcionando, só se o hd queimar e você não tiver backup que você vai ter algum trabalho.
Agora essa do bil gades falar que o sistema dele é pior é novidade para mim...
Tá parecendo aqueles torcedores de times de futebol que sabem a escalação do time de 1920 de cor e salteado. Ninguém vai confirmar se está certo mesmo, então ele fala o que quiser...

Abraços,

Renato


[54] Comentário enviado por dastyler em 16/06/2009 - 09:20h

Òtimo artigo..um bom tapa na cara para os xiitas de plantão...
Há casos e casos. Sempre que posso procuro usar Linux no lugar do Windows, mas admito que nem sempre posso devido ao meu trabalho aonde tenho que usar ambos os sistemas.
E Linux da manutenção sim. Experimente deixar um servidor que trabalha como firewall por anos sem atualização dos softwares -o mesmo ficará sujeito a bug exploits de hackers e com certeza o sistema ficará vulneravel e inseguro, por melhor que voce "hardeie" o acesso ao mesmo.

[55] Comentário enviado por samucabh em 16/06/2009 - 10:01h

Com relação ao item abaixo:
"Pelo fato do concorrente (Windows) ser muito mais utilizado, é provável que em qualquer empresa que você for trabalhar o sistema utilizado será o Windows, tornando necessário saber utilizar os dois sistemas"

É um ponto a se questionar, afinal há diretrizes do governo digital que está caminhando para soluções FREE(livre e não é sinônimo de grátis como a maioria pensa), e tão logo será uma maioria sim, a se utilizar software livres e com isso empresas privadas migarão para a mesma tendência do governo, afinal elas tem que "prestar contas" ao governo e esse publicar os documentos em soluções FREE.
Outro ponto é que devemos observar é que a Microsoft publica seu crescimento em números ou seja é muito injusto pois numeros podem parecer grandes mas se colocarmos em porcentagem mostra a realidade de fato.


[56] Comentário enviado por inforrak em 16/06/2009 - 11:06h

Parabéns!



Como diz a sábia canção...


"..Cada um no seu quadrado..."



Aqui em casa, temos 2 computadores. No meu eu uso Slackware, já a turma prefere Windows ( e ainda o Vista )..... É como nosso amigo disse, se está bom para eles pra que mudar?

Se bem que não faltaram convites...rs..


Mandou bem cruzeirense!

[57] Comentário enviado por chaplinux em 16/06/2009 - 13:02h

Concordo com o autor do artigo...! em genero numero e grau. não sou xiiiita, "macaca do taaarzan!".

Mais eis que meus Netos viram e ouviram! a Micro$$oft lançando uma distro linux O MSnux ! heheheheh!!!

Pq é fato, que o Linux vem crescendo.... e como é de praste da M$, se não vence-lo, junte-se a ele!!!





[58] Comentário enviado por carlosxtec em 16/06/2009 - 13:41h

Parabéns Renato!!

Essas idéias colocadas são realmente de um profissional de informática!!

Abraço!!!!

[59] Comentário enviado por grodriguesq em 16/06/2009 - 15:23h

Queria acrescentar 1 item que na minha ótica é o que faz o Windows "ganhar" do Linux.

Se o Linux é tão melhor que o Windows e é de graça, por que a maioria dos usuários ainda usa Windows?

1 - Pois quase tudo no Windows é PNP, com dois cliques você instala e configura um uma infinidade de programas. Essa praticidade do Windows está muito a frente do Linux.... Quem nunca sofreu aqui com alguma biblioteca da vida onde os (apt-get, slapt-get e cia.) não conseguiram resolver? Pior as vezes a biblioteca é assim Xvkw.so.1.0.7.890.188, mas no google inteiro você só encontra a Xvkw.so.1.0.7.890.189 que não serve.

Um fator que eu ressalto no que você disse é a questão dos Drivers, putz tem determinados tipos de Hardware que nem com muita Macumba tu acha o driver NIX para eles, ai já era lascou....

[60] Comentário enviado por guest19 em 16/06/2009 - 16:30h

Não digo que windows seja ruim taulz , ele tem lá seus problemas com DLLs, Virus , Bugs, Etc.. mais tirando isso(quase sensial) ele é um sistema bom , mais na real que LINUX está ao muito melhor muito mais estável , mais problema do LINUX ainda é os Drivers para muita coisas e tem muito oque melhor ainda.

[61] Comentário enviado por douglas.giorgio em 16/06/2009 - 19:01h

concordo com tudo ai

mas em questao dos drivers, ai nao eh problema do linux e sim dos desenvolvedores

minha enltv da encore, no manual fala que nao funciona em linux

mas na verdade funciona sim, minha impressora vem com driver soh para windows e mac

agr placa de video, pelo menos a nvidia lembrou do linux, e aki funciona perfeitamente

===================================

ai nao eh problema do linux em si, mas sim por nao ter muitos drivers

[62] Comentário enviado por guest19 em 17/06/2009 - 10:46h

pq para os fabricantes LINUX ainda não é muito viavel e um sistema quase excluido, pois MAC e Windows reinam o mundo dos OS e já LINUX vem numa escala muito a baixo em termos de usuários, mais isso está mudando e muito fabricantes e próprias empresas estão olhando para o futuro e vendo que o LINUX e redução de custos , conheço muitas empresas que já estão migrando até empresas de grandes portes como o caso da Intelbras que agora está migrando totalmente ao mundo OPEN SOURCE

[63] Comentário enviado por thiagopriest em 19/06/2009 - 20:04h

Muita besteira.....


o cara não foi respondido em um tópico que perguntou...
o pessoal não resolveu e o cara ficou magoado...


ahahha

[64] Comentário enviado por notreve27 em 23/06/2009 - 00:14h

VIVA O LINUX!

[65] Comentário enviado por Bodock em 24/06/2009 - 11:16h

Bom, eu fui apresentado ao Linux quando saiu a primeira versão do Debian. Na época eu fazia faculdade e estava muito empolgado. Essa semana resolvi reintalar uma versão nova Ubuntu 9.04 em meu pc depois de muito tempo. Fiquei de boca aberta. Em comparação com a dificuldade de instalação que tive da última vez(Meu amigo que me apresentou o Linux deve ter perdido a pasciência de tanta pergunta hahaha) é incrível a facildiade de instalação e configuração no Linux atual. A única parte que achei que precisaria colocar a mão na massa(instalção de hardware) nem existiu. Ele simplesmente me abriu uma tela falando que precisava atualizar e instalar alguns drivers(até o drive da minha placa Geforce nova ele encontrou).
Algumas poucas coisas achei fácil na internet(a maioria aqui no site mesmo OBRIGADO).
Diante disso só tenho uma coisa a dizer. Quem não quer instalar e aprender a usar Linux hoje em dia é um tremendo preguiçoso e desinteressado mesmo.

[66] Comentário enviado por JD em 26/06/2009 - 19:02h

Muito bom o artigo, o autor está mesmo de parabéns.
Depois de 15 anos no Windows, decidi usar o linux e comecei pela distro q pra mim foi a mais querida, a kurumim 7, gostei, primeiro só rodava no live cd, depois instalei em dual boot, aos poucos fui me afeiçoando.
De lá pra cá já usei varias distros, sempre tentando me adaptar melhor e hoje, com pouco mais de um ano, nos meus computadores uso apenas o mandriva 2009.1, o qual reconheceu todos os meus hardwares.
Ñ uso mais o Windows, nem mesmo no meu trabalho, apenas o mandriva spring.
Também ñ digo q o windows é ruim, apenas q pra mim, o melhor é mesmo o linux.

[67] Comentário enviado por vcarvalho em 01/07/2009 - 12:06h

Tudo que eu sempre quiz dizer a respeito de windows e Linux o autor do artigo disse.
Porem quero dizer que tb fico muito chateado com esse "FANATISMO" da maioria dos supostos usuarios de LINUX.
Acho sim um ótimo Sistema, porem temos que respeitar o trabalho de quem quer que seja, seja Ms, Fiat,GM etc.., todos tem custos p produzir seus produtos.
então ficar chamando um sistema que esta presente em 87% dos pcs no mundo de (Ruindows) é no minimo Ridiculo.
Naõ devemos (CUSPIR) no prato que comemos.
Se vc não pode ter um produto pelo fato de ele ser caro, opte por um gratuito ou mais barato, mas não seja ridiculo a ponto de chamar um sistema como o Windows de (RUINDOWS)
Tenho ctz que 98% das pessoas fanaticas pelo Linux são como alguns aqui já citaram, ou seja, nem ao menos sabem se quer configurar um teclado e vem p os Fóruns falar bobagems inuteis de que só serve para fazer com que um sistema como Linux não saia da casa dos 1%.
Quando os fanaticos forem extintos dos Fórums dae sim o linux ou qualquer outro Sistema podera competir com a MS ou ate mesmo empatar em termos de usuarios.
Fiquem expertos "LINUXISTAS"
Uso os dois Sistemas e me dou bem com eles.
Minha opnião p forums éh que se fosse eu o Admim eu (BANIRIA) do Fórum pessoas com manias de fanatismos.
Fanatismo leva ao caos, vejam algums países e suas religioes.

[68] Comentário enviado por kalachinikov em 17/07/2009 - 19:43h

Dentre tudo o que foi falado aqui, importa lembra que, a constante trasnformação que o GNU/linux vem sofrendo ("evolução"), sem falar que antes tudo era complicado mesmo de configurar, tinha que ser na unha mesmo, e hoje com a evulução de programadores e amam o que fazem, tudo ou quase tudo está ficando bem mais facil. Hoje vc obtem um distribuição linux, e boota ele em seu pc e em minutos ja está basicamente "tudo" configurado e pronto pra suar. É claro que ainda falta muito, mais muito mesmo pra que o Linux possa tomar conta do cenário de maquinas desktops. Mais eu como apaixonado que sou pelo Linux, acredito nesa evolução, nessa transformação que acontece diante dos nossos olhos e da qual fazemos parte!

[69] Comentário enviado por cabralwms em 01/10/2009 - 11:44h

O Cara vir falar em desenvolvimento fala que linux é 1% me faz rir.
Eu uso os dois sistemas a mais de 10 anos, como administrador não coloco Ruindows como servidor nem que me pagem muito bem eu não administro isso que chamam de Windows Server.
Linux em Questão servidores da um baile que Windows nem aparece. Eu estou falando como administrador de redes, não como usuário.
O que quero dizer que se todos estivessem dispostos a desenvolvimento mesmo e não ficar na mesma coisa de sempre acomodado como todos os usuários, hoje o windows estaria muito melhor. Microsoft não ganha mais com windows isso é fato.
Mais ainda vem gente falar aqui que o cara fala sem saber o que está falando, eu sei muito bem o que estou falando, windows é coisa para quem quer ter trabalho, e administradores preguiçosos que gostam de ficar formatando máquina a cada Mês.
Bem acho que já está muito mais que esclarecido.

[70] Comentário enviado por removido em 16/10/2009 - 02:05h

minha opinião... qual windows não é uma porcaria??? Somente o windows 3.11... eu era e ainda sou apaixonado nesse lixo... odiei quando fui obrigado a "subir" para o 95 e depois o 98 que viviam me ferrando. Numas dessas crises que assumi de vez o Linux (la por 1998) e sou um ferrenho usuário, defensor e advogado do sistema desde então.

E olha que eu já baixei e instalei tudo que foi sistema (QNX, *BSD, BeOS, AtheOS, Plan9, Haiku, ReactOS, etc) pra ver o que pegava e fiquei no Linux.

Dos windows, o menos pior é o XP, em termos de usabilidade, requisito de hardware e estabilidade. Mas olha so: entre usar um Ubuntu que vem completo, gratis e livre, pra que pagar uma licença ou usar algo pirata, que vem todo pelado -- falta office, falta isso, aquilo, minha conexao 3g nao funciona que preste, tenho que por antivirus, volta e meia reformatar? Ai está o grande xis... Mas enfim. fica so meu desabafo, que não vale nem 10 centavos.

O que falta, na verdade, minha opiniao de novo, é instalar e configurar as máquinas segundo a vontade e necessidade do usuário.

quer ver? minha irmã não sabe nem o modelo de teclado do notebook dela. e nem quer saber. o que eu fiz: como o note era meu, ja usava Ubuntu 8.10, mas mantive o XP que veio nele pq era original etc... Configurei o Ubuntu no grau, pra conectar, deixei impressora zerada, instalei Amsn, aMule, vlc, dei um treinamento basico de meia hora... ate o gimp ela ja usa pra cortar as fotos etc.

O note esta em dual Ubuntu e Xp. Perguntem: quantas vezes ela entrou pelo XP? Resposta: NUNCA. ELA FAZ TUDO PELO UBUNTU. e ela não entende zero de Linux, nunca abriu um terminal. A última vez que aquele note rodou o windows foi quando EU atualizei o firmware dos nossos modens claro (ela tem um e eu outro -- sim, ela conecta pelo Ubuntu)...

Isso tudo e navegar na internet e digitar no OpenOffice é geralmente o que o usuário doméstico medio precisa... É so dar isso a ele, aliado ao hardware todo ajeitado que quero ver não ter retorno.

Tenho um amigo advogado que está se inclinando pro Linux, porque ele ve meu notebook velho (tenho um que carrego comigo todo dia e outro que fica em casa -- novo, logico) rodando Linux a uma velocidade incrivel, quase nunca travando (qual é, todos sabemos que interfaces do X são meio doidas as vezes) e fazendo tudo que preciso sossegado, Firefox, aMSN, aMule, OpenOffice, tudo isso rodando e muito bem, as vezes tudo junto (Ubuntu 9.04, Dell Latitude C 600, PIII 850MHz, 256MB RAM, 10GB HD, 1 USB, CDROM, rede, etc).

Ele já esta se preparando pra receber o Linux no ECS Desknote dele... Não precisei fazer muito, so mostrar resultados.

CONTRA FATOS NÃO HÁ ARGUMENTOS.

[71] Comentário enviado por oandrerj em 13/01/2010 - 18:50h

O melhor artigo q já li sem fanatismo.
Porem o Linux é gratuito, mais financiados por muitas empresas e governos.
Sem dúvidas são os melhores S.O do mundo.

[72] Comentário enviado por cainf em 15/01/2010 - 20:39h

Amigo cruzeirense

Convido-lhe a publicar esse mesmo artigo em meu site www.linuxfast.com.br gostaria que fosse de sua autoria ao invés de eu refazer com minhas palavras é um assunto que mereçe uma análise

Fica aberto o convite

Carlos

[73] Comentário enviado por GordonFreeman em 05/04/2010 - 14:48h

Bom esse negocio de qual é o melhor é complicado vai muito do gosto de cada um.
O que tenho a comentar é que minha experiencia com o LINUX nao foi lá muito boa.Depois de muito resistir a usar o LINUX, foi tentado a instalar o Pinguim para pelo menos conhecer , afinal fazendo um curso de ciencia da computação é extremamente saudavel conhecer varias tecnologias para poder avaliar qual a melhor.Primeiramante parto do seguinte principio de que computação e o computador vieram para simplificar a vida das pessoas.Depois de instalar o lixux me deparo com um dos problemas mais ridiculos que já vi , o player que vem integrado nao é capaz de tocar um simples MP3, necessita de codec, mas tudo bem, lá vou eu procurar o tal codec e me deparo com outro problem o de instalar o rereferido programa que nao vem .exe como o windows.Daí até eu conseguir ouvir uma musica foi duro ,ler tutorias até conseguir instalar o maldito arquivo pelo terminal que estava .tar.gz .Isso aí ,foi somente um dos problemas que encontrei e que talvez um usuário comum nunca conseguisse resolver.Como disse anteriormente a computação veio para simplificar a vida das pessoas entao nao faz sentido ficar perdendo tempo simplesmente lendo tutorias, para simplesmente instalar um programa , coisa que no windows faço tranquilamante e qualquer pessoa faz.Um sistema operacional para ser aceito tem que privilegiar todos independente de serem proficionais de computação ou nao e isso o LNUX nao faz, somente pessoas que sao da área de informática e afins conseguem usar o sistema corretamante e seus softweres.Talvez seja isso a razao do LINUS mesmo que de graça nao ser bem aceito APESAR DE SER DE GRAÇA.

[74] Comentário enviado por everton3x em 05/04/2010 - 16:10h

A respeito do comentário do aenderenq, gostaria de dizer que talvez o rapaz tenha feito como eu fiz a alguns anos. Na época (+- 2000) tentei instalar o Conectiva, sem sequer saber direito o que era linux: não deu outra, não consegui e desisti de conhecer o tal Linux.
Porém, alguns anos depois surgiu o Kurumin e lá fui eu outra vez tentar conhecer o pinguim (agora sem trema). Evidentemente que com as facilidades que o Kurumin oferecia, tive sucesso e até hoje prefiro Linux ao Windows, o que não significa que seja um linuxtremista (linux + extremista). Mesmo preferindo linux, por vários anos, devido a certas necessidades, usava somente Windows.
Baseado em minha experiência como usuário de ambos os sistemas, diria que: primeiro, o Windows nasceu com motivação comercial, por isso, o que interessa é a facilidade para o usuários final. O linux nasceu num projeto "escolar", não voltado para usuários e que foi crescento sempre com o objetivo de supriri necessidades específicas e sem cunho comercial. De uns anos para cá, é que, não o linux, mas comunidades de desenvolvedores perceberam que para que o uso do linux se expandisse, seria necessário mudar o foco atual, que era o de ter um SO que pudesse suprir as necessidades de que o uso e que pudesse ser adaptado sem maiores compicações legais, passando o foco para a facilidade de uso dos usuários "comuns". Junto a isso, algumas empresas viram que poderiam usar o linux como fonte de renda. Essa conjugação de interesses, fez com que a usabilidade do linux evoluisse muito, se comparado aos "concorrentes".
Para finalizar, se o aenderenq teve uma experiência ruim co o linux, e se ele quer facilidade de uso, recomendo testar o Ubuntu e postar suas impressões depois, é claro.

[75] Comentário enviado por adsonrenato em 05/04/2010 - 22:21h

muito bom artigo ;D

[76] Comentário enviado por raulgrangeiro em 04/08/2010 - 19:10h

Amigo, realmente, não devemos ficar iludindo os usuários contando só as vantagens do sistema, afinal nada é perfeito. Temos que contar quais são as desvantagens também. Se uma pessoa for mudar de um sistema operacional para outro e se decepcionar, ela provavelmente voltará a usar o sistema anterior e será mais difícil levar esta pessoa a usar o Linux de novo, até porque não é você que deve fazer, a pessoa tem que ter boa vontade ao mudar de sistema, senão não aprenderá nada. Olha, também não devemos impor o sistema à pessoa, senão se algo der errado, essa pessoa vai culpar quem impôs o sistema a ela, talvez seja até por isso que em muitos lugares têm-se a idéia de que Linux não presta, o que está errado, pois o Linux é um ótimo sistema operacional.

[77] Comentário enviado por vinivend em 06/01/2011 - 11:08h

parabéns pelo artigo, simplesmente fantastico

[78] Comentário enviado por LMMS em 31/01/2015 - 14:33h

Muito bom Renato, excelente artigo, um dos poucos que li relatando as verdades em ambos dos sistemas.

[79] Comentário enviado por removido em 19/06/2016 - 20:07h

Belo artigo, também concordo com isso e eu acho que isso é uma boa resposta até (Resposta sobre a pergunta que esse novo usuário).
Linux realmente é um ótimo sistema até, mas o que mancha ele mesmo, são os FUCKINGS XIITAS do Linux, ficam se achando o Pikão das Galaxias com QI de 400, ao invés de ajudarem um novo usuário no Linux, eles ficam xingando esse novato, ué? qual a porra da lógica nisso? Todo mundo foi um novato na vida, então por que esses..... paspalhos, digo, Xiitas do Linux ficam zuando e humilhando o Novato? nhé, vai ver eles tem problemas mesmo..........

[80] Comentário enviado por antoniocaser em 06/01/2019 - 21:03h

Gosto do Linux e uso o Ubuntu Mate, mas o que está MATANDO o Linux é o CANSATIVO do Terminal, mais de 50% das funções do Linux são executados no Terminal, é isso que está DESMOTIVANDO muita gente. Por favor, eliminem esse Terminal...

[81] Comentário enviado por antoniocaser em 06/01/2019 - 21:09h


[79] Comentário enviado por removido em 19/06/2016 - 20:07h

Belo artigo, também concordo com isso e eu acho que isso é uma boa resposta até (Resposta sobre a pergunta que esse novo usuário).
Linux realmente é um ótimo sistema até, mas o que mancha ele mesmo, são os FUCKINGS XIITAS do Linux, ficam se achando o Pikão das Galaxias com QI de 400, ao invés de ajudarem um novo usuário no Linux, eles ficam xingando esse novato, ué? qual a porra da lógica nisso? Todo mundo foi um novato na vida, então por que esses..... paspalhos, digo, Xiitas do Linux ficam zuando e humilhando o Novato? nhé, vai ver eles tem problemas mesmo..........


Também tenho essa mesma MÁ IMPRESSÃO desses NERDS BABACAS, que se acham o bam-bam-bam do pedaço, mas não passam de uns IDIOTAS...

[82] Comentário enviado por antoniocaser em 06/01/2019 - 21:11h


[76] Comentário enviado por raulgrangeiro em 04/08/2010 - 19:10h

Amigo, realmente, não devemos ficar iludindo os usuários contando só as vantagens do sistema, afinal nada é perfeito. Temos que contar quais são as desvantagens também. Se uma pessoa for mudar de um sistema operacional para outro e se decepcionar, ela provavelmente voltará a usar o sistema anterior e será mais difícil levar esta pessoa a usar o Linux de novo, até porque não é você que deve fazer, a pessoa tem que ter boa vontade ao mudar de sistema, senão não aprenderá nada. Olha, também não devemos impor o sistema à pessoa, senão se algo der errado, essa pessoa vai culpar quem impôs o sistema a ela, talvez seja até por isso que em muitos lugares têm-se a idéia de que Linux não presta, o que está errado, pois o Linux é um ótimo sistema operacional.


O que DECEPCIONA no Linux é esse #$%!#$¨de Terminal ...


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts