Sabayon Linux - O Gentoo fácil!

O artigo descreve como instalar, configurar para português do Brasil, atualizar e usar o Sabayon Linux, uma distribuição italiana de primorosa apresentação gráfica e derivada do Gentoo.

[ Hits: 167.276 ]

Por: Alberto Federman Neto. em 13/05/2008 | Blog: https://ciencialivre.blog/


Resolução de problemas com drivers de vídeo, Compiz Fusion e aceleração de vídeo



O uso de placas de vídeo menores que 128 mega de memória, configuradas com aceleração de vídeo não é recomendada no Sabayon. podem ocorrer travamentos, telas brancas ou pretas sem visualização, problemas de memória, impossibilidade de salvar configurações de resolução de vídeo, possibilidade de só iniciar sessões em Fluxbox ou outros ambientes gráficos menores etc.

Mesmo em placas de 128 Mega (ex. NVIDIA FX5200) alguns desses problemas podem ocorrer. O ideal é ter placa de 256 da NVIDIA, porque as ATI funcionam menos bem com Sabayon.

Se mesmo assim você tiver placa de 128 e tiver problemas, mas quer testar a aceleração de vídeo e o Compiz Fusion, há vários procedimentos a serem testados, enumerados em ordem de complexidade.

Esse métodos só devem ser usados se você tiver problemas de aceleração de vídeo ou resolução.

1) O método mais simples. O Sabayon, como o Gentoo, aceita comandos diretos do boot (são chamados "cheat codes").

Abra um terminal como root ou usando os comandos su e password, e utilizando um editor (nano, gedit, xedit etc) edite os arquivos /boot/grub/menu.lst e /boot/grub/grub.conf, adicionando no boot as strings:

sabayon noddc res=1280x768 refresh=75 opengl=nvidia

(ou opengl=ati, se sua placa for ATI)

Com isso deve minimizar os problemas de estar sem aceleração de vídeo e de não manter a resolução.

Não esqueça de fazer backup dos arquivos originais, para restaurá-los caso haja problemas.

Os arquivos do GRUB deverão ficar algo mais ou menos assim:

# grub.conf generated by anaconda
#
# Note that you do not have to rerun grub after making changes to this file
# NOTICE: You do not have a /boot partition. This means that
# all kernel and initrd paths are relative to /, eg.
# root (hd0,0)
# kernel /boot/kernel-genkernel real_root=UUID=39b045ee-a1a6-4d07-ba0e-5fd12aa6e07d
# initrd /boot/initramfs-genkernel
#boot=sda

default=1
timeout=12
splashimage=(hd0,0)/boot/grub/splash.xpm.gz
title Sabayon Linux x86 3.4 Standard Edition
   root (hd0,0)
   kernel /boot/kernel-genkernel-x86-2.6.22-sabayon  root=/dev/ram0 ramdisk=8192 real_root=UUID=39b045ee-a1a6-4d07-ba0e-5fd12aa6e07d  quiet  init=/linuxrc splash=silent, theme:sabayon sabayon vga=791 drv=nvidia res=1280x760 refresh=75 CONSOLE=/dev/tty1 pci=nomsi
   initrd /boot/initramfs-genkernel-x86-2.6.22-sabayon
title Windows XP
   rootnoverify (hd0,3)
   chainloader +1

Feche as sessões e reinicie o sistema. Se tudo estiver bem você já terá aceleração de vídeo e resolução reguladas.

2) Se o procedimento 1 não resolver o problema. Usando um terminal, digite su e senha e a seguir:

# gedit /etc/X11/xorg.conf

e edite o arquivo, substituindo:

driver "nv" por driver "nvidia" ou "ati"

Salve o arquivo e reinicie a sessão.

Se ocorrer um erro, não conseguirá mais abrir tela de login e nem ambiente gráfico. Para corrigir isto:

Inicie o micro, vai aparecer somente o modo texto (verbose).

# login:
digite...
# login: root
password: sua senha de root

A seguir:

# nano /etc/X11/xorg.conf

Edite o xorg e remova nvidia ou ati, retornando ao valor "nv" do driver genérico. Salve o arquivo e saia do editor (Ctrl+X) e reinicie o micro.

3) Se os procedimentos acima não solucionarem os problemas, ainda há a opção mais elaborada (créditos devidos a plao e wolfden, dois dos principais programadores do Sabayon):

Abra um terminal e digite e execute os comandos em sequência:

$ su
password

# emerge --sync (atualiza o Sabayon)

# emerge portage (atualiza o portage, instalador de pacotes)

# layman -S (atualiza outros arquivos)

# gedit /etc/make.conf

E edite o arquivo, adicionando após a linha USE=, as flags:

opengl qt4 qt3 qt3support gtk sdl png gif

e salve.

# layman -s sabayon && euse -E kickoff && emerge kicker desktop-acceleration-helper

# emerge nvidia-drivers
(ou ati-drivers, conforme sua placa)

Após a execução completa dos comandos tudo deverá estar funcionando. Senão, é provável que você tenha uma placa não adequada.

Se continuar a observar travamentos ou congelamentos, remova os drivers nvidia ou ati, substituindo por drivers genéricos, mas não poderá usar desktops 3D. Para remover, proceda da seguinte maneira, a mais fácil:

$ su
password
# portato (interface gráfica do portage)

Quando a interface gráfica do portato abrir, procure nvidia-drivers, clique em cada um dos instalados e clique no botão "unmerge". Espere os drivers serem removidos. Reinicie a sessão.

Página anterior     Próxima página

Páginas do artigo
   1. Sabayon Linux, uma introdução
   2. Baixando e instalando o Sabayon Linux
   3. Iniciando o Sabayon
   4. Resolução de problemas com drivers de vídeo, Compiz Fusion e aceleração de vídeo
   5. Melhorando suporte a Português do Brasil
   6. Atualizando o Sabayon Linux
   7. Instalando e removendo pacotes
   8. Instalando pacotes .sh
Outros artigos deste autor

Introdução aos ambientes gráficos e gerenciadores de janelas menos conhecidos

Sabayon 5.0 - Uma nova distro multimídia (parte 1)

Linux no Pendrive: Definitivamente configurável e persistente

zsh (Z shell) - Uma alternativa ao bash

Regulando o desktop para trabalhar em máxima performance

Leitura recomendada

Visopsys - Sistema Operacional aberto e portátil para manipulação de discos rígidos

Como resolver libusb error no Heimdall

Convertendo DVD para AVI com 2 idiomas de áudio

Instalando a DD-WRT em roteadores Linksys WR54G*

CloudStack no CentOS7 com KVM

  
Comentários
[1] Comentário enviado por removido em 13/05/2008 - 14:10h

seu artigo ficou muito bom,
eu gostei muito !!!

[2] Comentário enviado por asdf2 em 13/05/2008 - 14:45h

"Recomenda-se não baixar os ISOs via Torrent. Os erros são muito comuns. É melhor escolher um dos espelhos citados na Home-Page"

é ao contrario: seria mais seguro baixar via torrent, assim teria 99% de chance do arquivo ser baixado corretamante, enquanto que baixando via ftp ou http teria 90% de chance do arquivo ser baixado sem defeito.

[3] Comentário enviado por kalib em 13/05/2008 - 15:59h

Mto bom o artigo cara..bem completo. ;]

Parabéns

Apenas não gosto da interface pesada dessa distro..não me refiro a memória..mas sim a cores.. mto carregado..pesado..sei lá..

[4] Comentário enviado por M4iir1c10 em 14/05/2008 - 11:41h

Uso o Sabayon desde a versão 3.3 que vinha com o Beryl já configurado, acho ela sensacional e quero te parabenizar por esse artigo, ficou excelente e completo.
Eu não conseguiria fazer um artigo tao cheio de qualidades.

Ps: Kalib essa e a interface padrao, mais voce pode mudar ela e deixar de acordo com o seu gosto, e pode fazer isso para os 4 ambientes (Gnome, KDE, Fluxbox e xfce)

[5] Comentário enviado por albfneto em 20/05/2008 - 01:44h

as minhas observaçõessobre os torrents são pessoais. Pode ser minha rede,mas quando baixo torrents, demora muito e os erros são frequentes.

[6] Comentário enviado por giorgio em 20/05/2008 - 22:07h

Parabéns pelo artigo, Nota 10!
Era o que estava faltando para instalar e configurar o Sabayon 3.4 que por acaso chegou às minhas mãos, entre muitos outros Cds de outras distros; eu tinha lido em algum fórum que ele era em inglês e nem testei há 4 meses atrás. Achei o Cd que estava perdido na minha gaveta no fim de semana passado, e descobri que tem opções de idiomas apertando a tecla F2. Tive uma grata surpresa, achei ele muito inteligente, detecta quase tudo automaticamente, a interface achei a mais bonita, realmente uma arte, é uma distro completa, inclusive com o manual do KDE completíssimo. Agora, a flexibilidade de escolher ambiente Gnome, KDE, Fluxbox, ou Xfce, é sensacional. Realmente o problema que constatei é que bagunça os acentos quando espeto o pendrive, logo, tem que ser melhor configurado para Português do Brasil, por isso seu artigo veio a calhar...Instalarei ele no meu segundo HD e irei configurando-o aos poucos, pois sou iniciante no mundo Linux...
Mais uma vez, parabéns pelo artigo!

[7] Comentário enviado por agk em 21/05/2008 - 16:37h

Muito bom, parabéns!
Só fiquei um pouco curioso com o título "Sabayon Linux - O Gentoo Fácil", eu sei como é o gentoo, mas esperava que viesse alguma coisa um pouco mais fácil ainda devido ao título.

[8] Comentário enviado por albfneto em 22/05/2008 - 00:05h

Mais dicas recentes para Sabayon:

A versão 3,5, não usa Portage/Portato ou Kuroo, mas um sistema novo de instalador, chamado Entropy, com comando equo ( ao inves de emerge) ou com GUI gráfico spritz... Não é Portage, mas usa a arvore de programas fontes portage do gentoo, aliada a uma coleção de binarios compilados previamente, do próprio sabayon!
tem ainda , um sistema de inteligencia artificial, para escolherer as dependências....
Outras dicas: além de poder escolher entre xfce, gnome, KDE, fluxbox etc... ( Mandriva 2008 tb tem isso) se pode instalar fácilmente windows maker, enlightment, e ainda usar Metisse ou Compiz Fusion!
Outra dica: se ao instalar algo com emerge, recebeur uma mensagem tipo: "requer EAPI 2 e só EAPI! é suportado", isto indica Portage desatualizado. Um simple emerge portage, pode resolver, mas se houverem pacotes comflitantes ou masked, não conseguirá atualizar.
Atualizar completamente um Portage mascarado é um processo arriscado, pois o portaqe é o instalador. qualquer erro e perde o comando emerge.
veja:

http://gentoo-wiki.com/HOWTO_Use_Portage_Correctly

Se desejar mesmo atualizar o portage, veja:

http://www.sabayonlinux.org/forum/viewtopic.php?f=54&t=13098&p=75247
http://www.sabayonlinux.org/forum/viewtopic.php?f=54&t=12213&start=20
http://www.sabayonlinux.org/forum/search.php?st=0&sk=t&sd=d&keywords=portage+and+bash&start=10


Trocar um firefox antigo,por ex:

emerge --unmerge firefox
ou emerge - C firefox
depois,
emerge firefox

Atualizando manualmente e completamente o Portage:

Caso o comando emerge portage não atuar pou não atualizar completamente, siga a dica:

http://www.vivaolinux.com.br/comunidades/verTopico.php?codigo=67&codtopico=17925

[9] Comentário enviado por albfneto em 22/05/2008 - 00:13h

Mais uma dica.
Muitos pacotes -deb ou .rp não funcionarão, mas se quiser testar, instale o alien:
emerge alien
e siga a dica:

http://www.gulipa.com/index.php/dicas/15-dicas/46-utilizando-o-alien

[10] Comentário enviado por albfneto em 30/05/2008 - 22:23h

dicas adicionais, descobertas a pouco tempo. Estou postando essa dicas, para ajudar os usuários de Sabayon e Gentoo. A medida que descobrir mais coisas simples, que não justificam uma dica ou artigo, vou postando aqui!!!

1)descobri è mais fácil atualizar KDE e GNOME antesde fazer a atualização completa com emerge --sync.
Elimina-se problemas com pacotes mascarados os bloqueados.

2)Uma maneira prática de baixar software pra Sabayon ou Gentoo, em português do Brasil é, usar a flag LINGUAS,antes do comando emerge:

Ex.

LINGUAS=pt_BR emerge gnome

3)Instalei e uso o enlightenment. ficou muito legal em sabayon.

4) Não faça emerge de mais de um pacote de cada vez, e não edite ou altere arquivos de configuração, enquanto atualiza. de preferência, não abra outra sessão, principalmente de outro gerenciador gráfico. Eu estava fazendo emerge --sync e abri uma sessão paralela se GNOME, e danei meu GNOME!!!!rsrsrsr


[11] Comentário enviado por albfneto em 31/05/2008 - 04:37h

É Isso Mesmo!!
Leia isto antes de aplicar o artigo...

Se vc quiser atualizar efetivamente só o que usa, instale o sabayon, depois:
LINGUAS-pt_BR emerge nomedopacotequequeratualizar
se4 o sistema não achar pt_BR ai não instala, mas: aí:
emerge nomedopacotedesejado
e por aí vai...
emergiu o que quer?
agora
emerge portage

e não rode emerge --sync e nem layman -S
ssim pode manter seu Sabayon razoalvelmente atualizado nos pacotes que deseja usar, e terá muito menos problemas com blocked packages e masked e hypermasked.
qiauando tudo estiver acertado, aí sincroniza com emerge --sync

[12] Comentário enviado por M4iir1c10 em 31/05/2008 - 08:25h

Ok, estou confuso....
por uns momentos eu sinto falta do velho ./configure, make & make install...
Oque exatamente esses comandos estao fazendo?
emerge pacote:
Vai buscar os ebuilds do pacote e instalar fazendo o papel do make & cia.

emerge --sync vai sincronizar os dados dos pacotes que esta no meu Sabayon, atualizando as suas listas de acordo com a lista do server onde os pacotes estao.

E de acordo com o help do layman, "layman -S" esta fazendo a mesma coisa que emerge --sync, so que nao verifica os pacotes que eu tenho e pega tudo oque estiver no server.

Estou correto ou nao?
Se estiver correto eu so devo usar layman -S se eu quero novos programas no meu sistema.
Devo usar emerge --sync quando eu quero atualizar meus programas com uma versao mais atual.

Seria perda de tempo usar os dois ao mesmo tempo.
repito: Se oque eu entendi com a utilizacao dos comandos estao corretos, senao por favor me digam




[13] Comentário enviado por albfneto em 31/05/2008 - 16:02h

Mauricio, emerge --sync atualiza a lista do portage e os pacotes.
layman Ś atualiza os Overlays.
mas eu descobri recentemente que a atu7alizaçõa completa do sistema, todos os arquivos, dificulta posteriores trocas d eversões.. Por ex. se vc rodou emerge --sync, não conseguirá mais emergir KDE, haverá as mensagens de máscara e pascotes bloqueados...
ou seja atualizações de tudo, atrapalham as atualizações do que vc realmente quer!
o gentoo é a mesmoa coisa!
make e companhia:
Em Sabayon e Gentoo, make é só pra instalar as coisas tipo tzg, que não foram puxadas dos repositorios com o comando emerge... ex:
eu baixei de www.superdownloads. uol. com.br , Um Kopete novíssimo,mais ( mais novo que o do repositorio Gentoo), agora quero instalar: simples, expando, abro um terminal no diretorio e faço ./configure, make e make install, epronto ta o meu kjopete na pasta /home/baixados/kopete e funcionando e agora posso apagar o kopete antigo do Sabayon

[14] Comentário enviado por guneves em 02/06/2008 - 07:59h

Muito bom artigo!
Mas tenho que discordar quanto aos downloads por torrents. Afinal é um sistema com checagem de erro (hash) O arquivo é dividido em partes, cada qual com seu checksum e em caso de falha aquele "trecho" é baixado de novo. Tanto que usei o torrent para "consertar" o meu Live-DVD que veio corrompido por http (mandei o client torrent abrir nele e ele corrigiu as partes defeituosas do arquivo, sem ter que baixar tudo de novo).

Uma duvida que eu tenho é se não seria possível fazer este procedimento mencionado no artigo antes da instalação, rodando o sistema pelo Live-DVD. Até onde eu sei as mudanças feitas neste ambiente serão transferidas para o sistema instalado, certo? (desde que instale naquela sessão).
Assim o sistema já entraria rodando em pt_br e com as configurações corretas para atualizações? Além disso já seria instalado direto da parte pt_br do dvd (caso não tenha como usar internet em alguma maquina).

estou correto?

[15] Comentário enviado por luizlcds em 12/07/2008 - 14:37h

Baixei o DVD do Sabayon 3.5 final, rodando em liveCD, configurei a conexão com a internet atraves do pppoe-setup, e conectei pelo pppoe-start, aparece a mensagem de conectado, mas nao consigo abrir nenhuma pagina pelo navegador, que configurações adicionais tem que se fazer, em muitos sites por ai, verifiquei que dizem para rotear o modem, mas como conecto normalmente em outras distribuições linux, não to querendo mexer com isso. ajuda ai moçada

[16] Comentário enviado por albfneto em 20/07/2008 - 16:22h

só agora vi o post. Em sabayon, precisei rotear sim. se rotear , não precisará mais nem configurar nada.

[17] Comentário enviado por silvadouglas em 21/07/2008 - 10:25h

Ótimo artigo; parabéns...

porém estou louco de vontade de esperimentar o sabayon, mas eu não consigo rodar o live dvd para a instalação grafica...

ele só entra em modo texto.....

Alguem me ajude por favor

[18] Comentário enviado por albfneto em 21/07/2008 - 14:24h

Problemas do 3.5 resolvidos,agora, rodando!
Parabéns a todos nós do VOL.
Este meu artigo é a única revisão do Sabayon Linux, em língua portuguêsa, citada na Distrowatch!

[19] Comentário enviado por albfneto em 10/03/2009 - 15:00h

ADENDO AO ARTIGO - 2009. MINI-DICA -INSTALAÇÃO DO E17, EM GENTOO E SABAYON.

Como visto acima, pode-se instalar com o Script Easy E17.
Outro método fácil para instalar E17, no Sabayon e no Gentoo (pois o Entropy e Portage, normalmente somente tem E16)
Agradecimentos a Omar, Fórum SabayoMania, Itália, e Wolfden, Fórum Oficial Sabayon e adaptado a partir dos Wikis do Gentoo e do E17.

1) Atualize Portage:

$ su
# emerge --sync
# emerge portage portato

2) substitua o Overlay padrão do Sabayon, pelo Overlay do E17:

$ su
# LINGUAS=pt_BR emerge -a -v layman
# layman --fetch (para ver os overlays existentes)
# layman -d sabayon
# layman -a enlightenment
# layman -s enlightenment && layman -S
# layman -l (para ver os overlays do seu sistema)

3) Instalando o E17:

$ su
# LINGUAS=pt_BR emerge -s enlightenment (procura pacotes do E17)
# LINGUAS=pt_BR emerge -p enlightenment
(simula instalação do E17, para ver se está tudo bem)
# LINGUAS=pt_BR emerge -a -v enlightenment (instala)

4) recolocando o Overlay do Sabayon ou do Gentoo:

# layman -a sabayon (ou sunrise (*))
(*) - sunrise para o Gentoo, Sunrise é um dos principais Overlays clássicos do Gentoo, mas vc pode usar o que quiser).
Lista do Overlays do Gentoo:

http://overlays.gentoo.org/

# layman -s sabayon (sunrise) && layman -S

5) Se a instalação estiver OK, vc pode fechar a sessão e reabrir, e encontrará o Enlightenment no menu de Login.

Screenshot:

http://www.vivaolinux.com.br/screenshot/Enlightenment-E17-novo-em-Sabayon/





[20] Comentário enviado por albfneto em 10/03/2009 - 15:29h

Este link é já antigo, mas contém um documento clássico e um vídeo que mostra as vantagens de Sabayon sôbre outras distros linux:

http://www.linuxiso.com.ar/sabayon/

[21] Comentário enviado por edijuca em 09/06/2009 - 22:20h

Ola instalei o Sabayon 4.1 e rodei os comando de atualização;

emerge --sync;
emerge portage
layman -S

Até ai tudo certo. O problema acontece qud tento atualizar o Gnome, rodei o comando citado acima;

LINGUAS=pt_BR emerge gnome (e recebi a seguinte resposta de erro)

emerge: there are no ebuilds built with USE flags to satisfy ">=net-libs/libsoup-2.25.1[gnome]".
!!! One of the following packages is required to complete your request:
- net-libs/libsoup-2.26.2 (Change USE: +gnome)
(dependency required by "gnome-base/gvfs-1.2.3" [ebuild])
(dependency required by "gnome-base/gnome-2.26.2" [ebuild])
(dependency required by "gnome" [argument])

Não sei se estou certo, mas me parece que preciso instalar algumas dependências. A pergunta eh como? Qual o comando correto.

Aguardo.

[22] Comentário enviado por m4iir1c10 em 10/06/2009 - 00:18h

Edijuca esse artigo foi escrito na época usando o Sabayon 3.4 (acredito que foi por causa das imagens que o autor mandou), no 4.1 é melhor você fazer a atualização usando o spritz (gerenciador de pacotes), assim você pode atualizar o gnome 2.24 para o 2.26 sem problemas.

[23] Comentário enviado por edijuca em 10/06/2009 - 09:42h

opa vlw, vou tentar e aviso aqui.

abraço

[24] Comentário enviado por edijuca em 15/06/2009 - 08:36h

Opa, infelizmente deu mesmo erro. Um amigo flw algo sobre o suporte a placa Ati Xpress 200m, pois o novo drive instalado pela atualizacão do Sabayon nao da suporte a essa placa.

Será q alguem tem alguma dica?

[25] Comentário enviado por albfneto em 15/06/2009 - 21:41h

O seu sistema não está funcionando sem o pacote LibSoup, é isso?

[26] Comentário enviado por mcnd2 em 26/06/2011 - 14:52h

Muito bom seu artigo @albfneto.

Instalei o Sabayon 5.5 amd 64 E17 no VB notebook e estou rolando ele numa boa.

Estou agora no processo de atualização do sistema que já está em portugues, usando para atualização o 'entropy store' que em primeira imprensão parece ser ótimo.

Abraço e parabéns por este ótimo trabalho.

[27] Comentário enviado por albfneto em 25/07/2013 - 21:19h

iNFORMAÇÃO SOBRE ESTE ARTIGO. Atualização a 25 de Julho de 2013.

O INSTALADOR DE PACOTES CITADO É OBSOLETO

Ví uma mensagem aqui de 2011.

Este artigo é clássico, ele está citado até na Distrowatch, serve para conhecer o Sabayon,
mas é muito antigo, ele tem 5 anos, é Obsoleto.

O Instalador de Pacotes é OBSOLETO, os Sabayons Novos são MUITO MAIS FÀCEIS

Para instalar, usar etc.. siga estes Artigos. Na data desta Atualização, o Sabayon está na versão 13.

http://www.vivaolinux.com.br/dica/Instalar-programas-em-Sabayon-com-apenas-alguns-cliques-de-mouse
http://www.vivaolinux.com.br/dica/Instalacao-de-pacotes-em-sistemas-Sabayon-sem-acesso-a-rede
http://www.vivaolinux.com.br/artigo/Otimizando-o-Sabayon-Linux-inclusive-o-Firefox
http://www.vivaolinux.com.br/artigo/Como-instalar-pacotes-no-Sabayon/
http://www.vivaolinux.com.br/dica/Instalador-universal-de-pacotes-PackageKit-e-suas-GUIs-em-qualquer...
http://www.linuxfast.com.br/artigo/Sabayon-e-Gentoo.-Como-usar-Entropy-junto-com-Portage.
http://linuxfast.com.br/dica/Usando-Sabayon-Linux-em-modo-nao
http://www.vivaolinux.com.br/dica/Sabayon-Linux-Nova-sintaxe-e-modos-de-uso-dos-repositorios


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts