Recupere o Grub na MBR após uma instalação do Windows

Não é sempre, mas às vezes pode ocorrer de você ficar sem o Grub (gerenciador de boot) devido a uma reinstalação inevitável do Windows, ou instalação do openSUSE, que por estranho que pareça reconhece por padrão o MS, mas não a partição com o seu Ubuntu e então o que fazer? Aqui lhe mostro uma maneira prática de como resolver isso.

[ Hits: 28.516 ]

Por: Lúcio SLV em 23/03/2011


Onde está Grub?



Por mais que sejamos amantes do software livre e do sistema Linux e fazemos uso deste como sistema operacional principal, é sabido (reconhecemos) que o Windows ainda detém o status de sistema operacional mais utilizado nos lares da maior parte das pessoas ao redor do mundo, sem mencionarmos as empresas.

Embora isso esteja mudando gradativamente, pois o número de pessoas que estão migrando ou utilizando simultaneamente os dois sistemas, ou seja, Linux e Windows no mesmo disco e em partições diferentes já chega aos milhares. Sendo possível iniciar um ou outro através de um sistema de arranque ou gerenciador de boot mais conhecido como Grub, acrônimo de (Grand Unifield Bootloader), que é gravado na MBR (Master Boot Record), que são os primeiros 1.024 kbytes do disco principal da máquina, que é o primeiro local lido após a leitura da Bios, que após uma instalação do MS vai forçosamente para o espaço; tendo como consequência a indisponibilidade do acesso ao Linux.

Mas esse tipo de problema pode ser facilmente resolvido com o shell script recGrub.sh, que permite recuperar o gerenciador e assim ter novamente o acesso ao sistema Linux e ao Windows, afinal o Grub é mais bem educado e democrático e não teme a concorrência.
A seguir os passos necessários para tal empreitada:

1. Copie e cole o código do recgrub.sh (no final do artigo) para o seu editor de texto preferido gedit (kedit) etc.

2. Salve com o nome recgrub.sh e dê via terminal a permissão para que possa executá-lo.

chmod +x recgrub.sh

3. Passe o recGrub.sh para um pendrive.

4. Você deve ter em mãos um Livecd do Ubuntu: 9.04 e/ou 9.10 e/ou 10.04 e/ou 10.10

5. Inicialize o Livecd normalmente como faria para testar o Ubuntu através do cd-rom.

6. Já com o Ubuntu carregado, insira o pendrive na porta usb.

7. Assim que abrir o conteúdo do pendrive, clique como o botão direito do mouse no recgrub.sh e copie-o para a home ou pasta pessoal Ubuntu, embora não exista oficialmente; pois o sistema está rodando diretamente do cd, mas a estrutura está lá e portanto (just do it :) ...

8. Agora vá em Aplicativos > Acessórios > Terminal e digite o comando abaixo sem o $ (cifrão):

./recgrub.sh

Obs.: Se o recGrub.sh for executado diretamente dá erro, por isso os passos citados!

Basta seguir as instruções do script e no próximo subtópico algumas explicações úteis para quem não está familiarizado com alguns dos termos mencionados.

    Próxima página

Páginas do artigo
   1. Onde está Grub?
   2. Padrão do disco, sistema de arquivos e journaling
   3. Código do shell script recgrub.sh
Outros artigos deste autor

Por que mudar de sistema operacional pode ser um bom negócio?

O Mestre, o Tecnólogo e o Aprendiz

Fazendo jus ao nome GNU/Linux

Como a propaganda afeta você?

Será este o ano do Linux?

Leitura recomendada

Traceroute com ICMP e TCP

OSPF + quagua + CentOS 5.3

Instalando e desmistificando o Debian

Iniciando no Linux com o Ubuntu Gutsy

Servidor de backup Bacula 7 + Webacula 5.5 no Debian Wheezy

  
Comentários
[1] Comentário enviado por alelima.xandao em 23/03/2011 - 12:36h

Agradeço pela dica. É muito valiosa, pois sempre que instalo um Fedora, o Grub some.
Abraço,

[2] Comentário enviado por removido em 23/03/2011 - 15:10h

Excelentes informações Lúcio !


Abraço.

[3] Comentário enviado por murderb13 em 24/03/2011 - 09:41h

Boa!

[4] Comentário enviado por murderb13 em 24/03/2011 - 09:42h

Existem vários tutoriais para esse "probleminha",,kkkkk
mas gostei desse script, mais fácil para indicar para usuários menos familiarizados com o Pinguim.!

[5] Comentário enviado por rone.martins em 24/03/2011 - 12:02h

Parabéns !
Um script simples e eficiente testei com a minha máquina que tinha o Debian squezze instalado fiz algumas modificações e funcionou normalmente, muito bom mesmo !

[6] Comentário enviado por MilbolTylerDurde em 24/03/2011 - 19:54h

eu lembro quando fiquei sem Grub, entrei em pânico xD!, ai usei o Grub disc e resolveu meu problema ^^

[7] Comentário enviado por pinduvoz em 24/03/2011 - 20:38h

Muito interessante.

Eu acho que já passou da hora de existir algo parecido, mas com uma GUI, para cuidar desse problema.

E o ideal seria que esse programa de recuperação funcionasse tanto no Windows quanto no Linux, assim como o UnetBootIn.

É uma pena que a maioria dos usuários de Linux achem que todo mundo está disposto a aprender a recuperar o Grub, ou mesmo o sistema inteiro, com um terminal.

[8] Comentário enviado por gokernel em 25/03/2011 - 09:48h

Concordo com o comentário do pindovoz, se essa dica fosse para uma pessoa tipo( minha esposa ou minha irmã ) elas falariam: "melhor usar o windows que é só colocar o CD de instalação e tudo fica pronto para usar".

Vale também esta dica usado o slitaz, pois o mesmo é pequeno.

Como usuario root:
___________________________________________
grub-install /dev/hda root-directory <SEU_PONTO_DE_MONTAGEM>
___________________________________________

Este unstala o grub 1.x e não o grub 2, agora é só editar as entradas do menu: /boot/grub/menu.lst

Gokernel.

[9] Comentário enviado por removido em 28/03/2011 - 21:52h

Já passei por este problema, e a única solução que dispunha era formatar e instalar tudo novamente.

[10] Comentário enviado por Lúnix:) em 30/03/2011 - 12:03h

ERRATA:

Caros amigos, quero desdizer o que eu disse no artigo sobre o espaço da MBR,pois não são 1024 kbytes, mas sim 512 bytes dos quais destes, 446 bytes são reservados para o setor de boot, enquanto os outros 64 bytes guardam a tabela de partição e os dois ultimos a assinatura.

(446+64+2=512)


No qual é possível ter 4 partições primárias e 63 sub-partições extendidas e complementando no Linux há diferentes maneiras de se fazer as coisas. Por exemplo: Há um disco de recuperação chamado "Super Grub Disc" que pode recuperar o GRUB, porém pouco amigável principalmente para principiantes, o mesmo é espartano até pra quem possui alguma noção sobre o assunto. Eu o utilizo já algum tempo, mas criei este script que é simples, fácil e eficiente. Onde se pode recuperar o Grub sem quebrar a cabeça e correr o risco de reinstalar um sistema que pode e deve ser recuperado com uma solução fácil, que qualquer um pode realizar tal feito bastando apenas ler as orientações e utilizar o recGrub.sh. Pois entre perder dados e ter o trabalho de reinstalar um sistema eu prefiro recuperá-lo e o tempo que eu perderia nisso, ganho fazendo algo mais produtivo e prazeroso.

Lúcio M.V. Silva

[11] Comentário enviado por andreuebe em 07/04/2011 - 11:21h

Valeu!!!!

Abs


[12] Comentário enviado por crimelordz em 21/10/2011 - 13:43h

MARAVILHAAAA. parabéns e obrigado pela ajuda!


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts