Modificando a remasterização com Molecule - Sabayon completo, com KDE e GNOME

Este artigo descreve como modificar e simplificar a remasterização de Sabayon, e ao mesmo tempo, criar uma ISO grande de Sabayon com KDE e GNOME, bastante completa e com muitos pacotes. A ideia é formar uma ISO grande, que possa ser usada direto do Live DVD, mesmo por quem não tenha Internet.

[ Hits: 34.654 ]

Por: Alberto Federman Neto. em 01/06/2011 | Blog: https://ciencialivre.blog/


As remasterizações seguintes, incrementais



Como visto na página anterior, você já tem uma Sabayon de uso geral, com KDE e com GNOME. Mas podemos aumentá-la, colocando mais pacotes, usando as remasterizações incrementais.

7) Para isso, na nossa pasta de trabalho, "molecula", com o editor em modo root, fazer uma modificação do arquivo "primrem.spec", chamada "segrem.spec", deletando as linhas em "packages to add" e colocando outros pacotes e o arquivo ficará assim:

# Sabayon Linux 5 64 Bits GNOME+KDE Molecule remaster spec file, modified by albfneto
# The aim of this spec file is to add arbitrary applications & misc stuff
# to an already built ISO image via scripting (providing hooks that call
# user-defined scripts).
# squashfs, mkisofs needed

# Define an alternative execution strategy, in this case, the value must be
# "iso_remaster"
execution_strategy: iso_remaster

# pre chroot command, example, for 32bit chroots on 64bit system, you always
# have to append "linux32" this is useful for inner_chroot_script
# prechroot: linux32

# Path to source ISO file (MANDATORY)
source_iso: /home/albfneto/Desktop/molecula/final/sabayon.iso

# Extra mkisofs parameters, perhaps something to include/use your bootloader
extra_mkisofs_parameters: -b isolinux/isolinux.bin -c isolinux/boot.cat

# Destination directory for the ISO image path (MANDATORY)
destination_iso_directory: /home/albfneto/Desktop/molecula/final

# Destination ISO image name, call whatever you want.iso, not mandatory
destination_iso_image_name: Sabayon_Linux_GNOME_KDE.iso

# Output iso image title
iso_title: Sabayon_Linux_GNOME_KDE

# Alternative ISO file mount command (default is: mount -o loop -t iso9660)
# iso_mounter:
# Alternative ISO umounter command (default is: umount)
# iso_umounter:

# List of packages that would be removed from chrooted system (comma separated)
packages_to_remove:

# Custom shell call to packages removal (default is: equo remove)
# custom_packages_remove_cmd:

# Modificar do "primrem-spec":
# List of packages that would be added from chrooted system (comma separated):
packages_to_add:krusader, epiphany, scribus, opera, seamonkey, autounmask, autoconf, automake, make, cmake,
mirrorselect, lm_sensors, filezilla, simple-ccsm, ccsm, fusion-icon, xchat, evolution, transmission, vuze,
vuze-coreplugins, eterm, fish, yakuake, zsh, guake, tilda avidemux, k9copy, amarok, exaile, kaffeine, totem, vlc

# Determine whether repositories update should be run (if packages_to_add is set)
# (default is: no), values are: yes, no.
execute_repositories_update: yes

8) Agora, na mesma pasta "molecula" (coma primeira ISO remasterizada, da página 4), delete o arquivo MD5, renomeie "Sabayon_Linux_GNOME_KDE.iso" para "sabayon.iso" e repita o processo de remasterização:

sudo molecule segrem.spec

9) A seguir, reedite o arquivo "segrem.spec", trocando as linhas dos pacotes a serem adicionados, por:

packages_to_add: dragonplayer, audacity, audacious-plugins, emerald,
file-roller, ark, cheese, cinelerra, kopete, amsn, emesene, pidgin, kmess,
gget, kget, gwget, wireshark, frostwire, amule, amuleadu,
livestation, mplayer, smplayer

E salvando como tercrem.spec.

Delete os arquivos temporários do diretório /var/tmp e refaça a remasterização: renomeie a ISO novamente a "sabayon.iso", edite um novo arquivo .SPEC, colocando mais pacotes etc.

10) Isto é, sucessivamente, repita os passos similares descritos nos itens 7-9, usando os arquivos quartrem.spec, quintrem.spec etc até completar todos os pacotes que quer instalar.

Deste modo também demora muito, mas você minimiza problemas de perda de RAM, cache, buffer pequeno, espaço insuficiente em pastas ou na ISO (ficar maior do que caberia em um DVD) etc.

Página anterior     Próxima página

Páginas do artigo
   1. Introdução e ponto de partida
   2. Baixando a ISO inicial, salvando e preparando as pastas adequadas
   3. Arquivo para controlar a remasterização inicial
   4. Primeira remasterização - Sabayon KDE + GNOME com pacotes essenciais e gerais
   5. As remasterizações seguintes, incrementais
   6. Sabayon completo, com KDE e GNOME e muitos aplicativos
   7. Conclusão
Outros artigos deste autor

Estudo comparativo de alguns gerenciadores e aceleradores de download

Como traduzir Software Livre - Um método fácil

Alternativas ao Google - Sites de busca e motores de procura

Recuperação do arquivo sudoers - comandos su e sudo não funcionam mais [Resolvido]

Instalando, gerenciando e mantendo pacotes no Gentoo Linux e derivados

Leitura recomendada

O primeiro FISL ninguém esquece!

Apresentando agora o Scientific Linux

Como fazer publicações pelo Instagram Web

CUIDADO com o comando "dd", embora muito útil ele pode ser perigoso

Slides em PDF com o LaTeX

  
Comentários
[1] Comentário enviado por albfneto em 01/06/2011 - 19:13h

A) COMPLEMENTO. 14 DE JUNHO DE 2012, ENCERRAMENTO DESSA SÉRIE DE REMASTERIZAÇÕES.

Esta série de remasterizações Live DVD de Sabayon completo com GNOME e com KDE necessitou ser encerrada,por dois motivos:

em Sabayon 9,o DVD não cabe mais todo KDE e todo o GNOME 3.

Outro motivo:

O excelente Forum Italiano
SabayonMania foi descontinuado definitivamente por seu Programador e Mantenedor;

Ele não existe mais,já está offline e aquela minha Área de FTP público tambpem saiu do ar.

Portanto,não tenho mais onde hospedar as imagens.

Lamento o contratempo e sugiro que quem quiser,como Eu,Sabayon completo com KDE e com GNOME,baixe a versão KDE,instale e depois instale os pacotes do GNOME3,ou faça a ISO remasterizada com mais de 4.6 Giga e a armazene no disco rígido ou num pendrive ou HDD externo.

[2] Comentário enviado por [email protected] em 05/06/2011 - 11:52h

Eu até estou pensando em voltar a fazer remaster, é sempre bom fazer uma remaster com os programas de nossa área e distribuir no departamento... Acho que você faz isso, não é albfneto? rsrsrsrs

Juro que pensava que remaster um Sabayon era algo bem mais complicado...
Mas eu prefiro um debian-like que eu sei configurar hehehehe

Parabéns pelo artigo...

[3] Comentário enviado por albfneto em 05/06/2011 - 21:40h

de fato,com remastersys, vc tanto pode remasterizar uma ISO como o seu sistema instalado tb.

ocorre que remastersys, só trabalha em Debian like, e Molecule, Metro etc... só funcionam em Gentoo Like.

remasterizar Debian Like é diferente de Gentoos. tudo diferente, comandos etc...

Linux é bom por causa disso, cada um usa o que gosta.
eu testo muita coisa, testei até Arch e Slackware, mas sempre volto para minhas arquiteturas Linux preferidas, Gentoo e Red-Hat.

[4] Comentário enviado por mcnd2 em 27/06/2011 - 22:47h

Muito bom o artigo Alberto.

Bem explicado.

Como entrei nesse mundo 'Sabayon' a poucos dias, não tenho tanta experiência assim. Fica um alerta se aparecerem dúvidas vou perguntar ao mestre 'albfneto' rsrsrsr...

Já de prima o entropy estava dando erro ou sei lá o que. Então fui forçado a usar o comando 'equo'.

Mais deixando isso pra lá, aparecendo dúvidas vou logo criar o tópico:

'Essa é para o albfneto - Sabayon'.

Parabéns pelo ótimo trabalho.
Abraço...


[5] Comentário enviado por albfneto em 25/05/2015 - 17:36h

MODERNIZAÇÃO DO ARTIGO:

25 de Maio de 2015.

Página 2, Ítem 4; Invés de você usar RSYNC, você pode usar o Script quo o Joost Ruis, Holanda, um do s desenvolvedores do Sabayon, fez:

http://wolf911.us/wgo/?p=818


¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨
Albfneto,
Ribeirão Preto, S.P., Brasil.
Usuário Linux, Linux Counter: #479903.
Distros Favoritas: [i] Sabayon, Gentoo, OpenSUSE, Mageia e OpenMandriva[/i].


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts