ManageIQ: Gerencie a sua infraestrutura de TI Híbrida através de uma única plataforma

Neste artigo apresentarei o ManageIQ, uma plataforma Open Source para gerenciamento da sua TI Híbrida. Gerencie suas máquinas virtuais, instâncias na nuvem pública ou privada e aplicações através de uma única plataforma.

[ Hits: 13.909 ]

Por: Alessandro Silva em 04/08/2017 | Blog: http://alessandrosilva.info


O que é o ManageIQ e como ele pode ajudar



ManageIQ é uma plataforma Open source de gerenciamento para TI Híbrida. A plataforma foi desenhada para gerenciar pequenos ou grandes ambientes e tem suporte a múltiplos provedores de infraestrutura, nuvens públicas ou privadas e contêineres. Você poderá gerenciar sua infraestrutura local, instâncias na Amazon, no Microsoft Azure ou outros provedores de nuvem compatíveis, além das suas aplicações.

Poderá automatizar tarefas e criar catálogos de serviços que poderão ser consumidos pelos desenvolvedores sob demanda, tudo isso segmentado por departamento, projeto e com quotas preestabelecidas. O acesso e gerenciamento será através de uma única interface, aumentando a eficiência operacional e reduzindo custos na entrega de infraestrutura e aplicações corporativas. O ManageIQ é patrocinado pela Red Hat e é a base para o desenvolvimento do produto Cloudforms.
Algumas das principais funcionalidades do ManageIQ :
  • Portal self-service: Crie catálogos de serviços que poderão ser consumidos pelos usuários finais e operadores. Menor tempo para entrega de infraestrutura e mais eficiência operacional.
  • Billing: Obtenha uma visibilidade do custo operacional de cada componente da sua infraestrutura de TI através do recurso de billing. Gere relatórios de chargeback/showback, por departamento, projeto, etc.
  • Gerenciamento e Controle: Suporte a múltiplos tenants, quota, criação de ciclos de aprovação, gerenciamento do ciclo de vida das instâncias e criação de políticas.
  • Performance: Capture métricas das suas VMs, instâncias, contêineres e hosts e tenha uma visibilidade da utilização e consumo dos recursos computacionais.
  • Relatórios estratégicos: Através das métricas coletadas, gere relatórios de "right-sizing" para otimização dos recursos e planejamento de capacidade.
  • Integração com Ansible: A combinação do ManageIQ com o Ansible, é uma poderosa ferramenta para automatizar diversas tarefas do workflow.
  • Segurança: Faça varreduras nas suas VMs, hosts e contêineres baseando-se em politicas de compliance preestabelecidas.
  • Monitoramento: Monitore eventos e logs de hosts e instâncias, visualize através de linhas do tempo e diversos filtros disponíveis.

Algumas vantagens que gostaria de destacar:
  • Disponibilidade: O ManageIQ é Open source e está disponível gratuitamente em formato de appliance para diversas plataformas do mercado, dentre elas Openstack, VMware, Amazon, Microsoft Azure, Google Cloud, entre outras. [Consulte as plataformas compatíveis [Link http://manageiq.org/download/]
  • Arquitetura escalável: Você poderá segmentar o ambiente por regiões e zonas, além de replicar os VMDBs para garantir a redundância dos dados. Saiba mais sobre modelos arquiteturas na [documentação oficial] http://manageiq.org/docs/guides/architecture/enterprise]
  • Eficiência operacional: O gerenciamento da infraestrutura de TI é centralizado através de uma única interface web. Menor complexidade e mais tempo da equipe de TI para se dedicar as atividades mais estratégicas da organização.
  • Agentless: Não requer a instalação de um agente para gerenciar sua VMs, instâncias, contêineres e hosts.
  • Interface Web customizável: Crie dashboards personalizados com as informações mais estratégicas para sua equipe, com gráficos, relatórios de performance e eventos. Personalize a interface de login e adicione a logo da sua empresa.
  • REST API disponível: Através de uma API REST, desenvolvedores poderão integrar facilmente o ManageIQ com outras aplicações corporativas e facilitar a automatização de tarefas realizadas pelos administradores de sistemas através de scripts.

Página anterior     Próxima página

Páginas do artigo
   1. Introdução
   2. Modelo tradicional e a TI Híbrida
   3. O que é o ManageIQ e como ele pode ajudar
   4. Como instalar o ManageIQ
   5. Conclusão e referências
Outros artigos deste autor

O Movimento Software Livre

DNS - Digital Nervous System

Zabbix Network Monitoring

Software Livre: Migração de mentalidade

A Revista Espírito Livre

Leitura recomendada

Docker Linux Container - Open vSwitch Containers - Múltiplos Servidores

Instalando o novo Anjuta 2.2.0 no Ubuntu Feisty

O software livre e as novas oportunidades

Fazendo jus ao nome GNU/Linux

Tutorial convertendo DVD para AVI - com mencoder

  
Comentários
[1] Comentário enviado por fabio em 04/08/2017 - 10:59h

Bem interessante, obrigado por compartilhar!

[2] Comentário enviado por danniel-lara em 04/08/2017 - 15:46h

Muito bom o Artigo
vou estudar essa ferramenta


Contribuir com comentário