LINA - Open Source em todo lugar

LINA, a grosso modo, é o inverso do Wine. O Wine emula programas de Windows no Linux e nos *NIX; LINA vai emular Linux em Windows, Mac OS e *NIX. Este projeto ainda é novo, e nem pronto está. Aqui esboço um pouco da nova ferramenta, minhas opiniões sobre isso e a consideração ideológica do Linux, que vai dentro de cada pacote do LINA.

[ Hits: 11.792 ]

Por: Alexandre Jaguar F. de Siqueira em 14/06/2007 | Blog: http://deviljaguar.blogspot.com


O que é o LINA?



A proposta do projeto LINA é fazer com que um executável escrito e compilado para o Linux possa rodar com aparência nativa no Windows, Mac OS X e UNIX em geral. É como um inverso do "Wine" para outros sistemas.

A idéia é boa, já que:
  • Traz o Open Source para a maioria dos usuários que usam SO's comerciais;
  • Leva Linux a todo lugar, desde linha de comando à aplicações gráficas;
  • Faz com que desenvolvedores e empresas pequenas possam construir aplicações em Linux que possam rodar em todos SO's.

Com LINA, programas escritos em Linux rodarão seguros, salvos das mudanças feitas ao SO. Além disso, a ferramenta protege os outros programas dos usuários e dados contra modificações inesperadas.

LINA é executado invisivelmente onde quer que seja instalado, oferecendo uma solução totalmente integrada para desenvolvimento de executáveis cross-platform.

Basicamente, LINA é uma máquina virtual que utiliza o kernel do Linux. Os caras do LinuxDevices chamaram de "Santo Graal do software"!

    Próxima página

Páginas do artigo
   1. O que é o LINA?
   2. Como funcionará?
Outros artigos deste autor
Nenhum artigo encontrado.
Leitura recomendada

Micro empreendedor individual

Elementary OS Freya

Mrxvt x Gnome-Terminal x Konsole

Software Livre - GNU x LPG e o Governo x Economia (parte 1)

Cadê minha área de trabalho?

  
Comentários
[1] Comentário enviado por scoob em 14/06/2007 - 08:09h

Na minha modesta opinião, pode ser uma boa idéia, desde que, se e somente se:

1 - Os usuários não confundam os travamentos e erros do windows ou de outros sistemas com problemas dos programas open-source que estão em execução (exceto se forem causados por bugs do software)

2 - Seja dado um aviso ao usuário que os programas podem ser melhor executados e obter melhor desempenho se estiverem em um ambiente nativo Linux

3 - O projeto seja muito bem organizado e tenha boas fases de testes (vide Debian :>)), para não queimar mais ainda o filme do Linux, assim como vem sendo feito por alguns fabricantes/distribuidores de PCs que enfiam um Linux do Zecão nos PCs para baratear o custo e depois, além de tudo não dão suporte, causando péssimas experiências aos usuários e fazendo deles inimigos do sistema como um todo (já que não conhecem muito o esquema de distros)

Enfim, na minha opinião, desde que com boa organização e qualidade de software, é uma boa idéia sim...

Lembrando "é só minha opinião pessoal"...

:>)

Abraços

[2] Comentário enviado por pablover em 14/06/2007 - 08:25h

qual o site deste projeto?

[3] Comentário enviado por devil_jaguar em 14/06/2007 - 09:46h

olá, scoob,
não acredito que o Lina esteja seguindo sua opinião pessoal; o projeto já existe há quatro anos, mas ainda não funciona tão bem quanto esperaríamos, pelo que os desenvolvedores falam. eu não sou muito fã de máquinas virtuais. acho que aplicações devem rodar nativamente, por isso defendi a portabilidade que o pessoal da GTK mantém, com versões Linux e Win. mas vamos esperar o resultado!

olá, pablover,
o site é www.openlina.com

até.

[4] Comentário enviado por mbsalgueiro em 15/06/2007 - 08:41h

porra e eles n liberam logo o programa =T tava contando os dias mes passado p chegar junho p pegar o programa mas so q ate agora n colocaram la =TTT
hehehe to loco p brincar com ele

[5] Comentário enviado por jamur em 15/06/2007 - 12:22h

Não é para isso que serve o cygwin?

[6] Comentário enviado por tenchi em 15/06/2007 - 18:29h

jamur, o cygwin executa programas GNU compilados para o Windows (ou a plataforma onde estiver rodando). Vc pode ver isso até nos programas dele, que são todos .exe (quando não são bash-scripts).
Portanto rodar um aplicativo do linux no windows via cygwin só mesmo compilando de novo. E nem todos programas funcionam neste ambiente. Mesmo assim, ter um interpretador de comandos como o bash e os utilitários GNU ajudam muito quem usa Windows. Não fica tão legal quanto no Linux, mas...

[7] Comentário enviado por devil_jaguar em 15/06/2007 - 20:29h

obrigado tenchi!

[8] Comentário enviado por robersonfox em 16/06/2007 - 18:54h

Detestei a novidade...

[9] Comentário enviado por kyrme em 18/06/2007 - 15:01h

Talvez seja uma novidade interessante... eu também sou de acordo que os programas rodam muito melhor em um ambiente nativo correto mas as vezes você quer fazer um teste de uma nova versão de um programa.. ou menos um programa novo... e não quer instalar no seu SO diretamente para testá-lo... Essa poderia ser uma solução...
Hoje em dia o número de empresas que utiliza o Linux como SO em todas as suas máquinas ainda é muito pequeno, e todos sabemos que existem softwares para Linux que funcionam muito melhor do que outros feitos para Windows (que geralmente são pagos... )... assim poderiamos usar aquele software que utilizamos em nossas casas para nos auxiliar nos problemas onde trabalhamos... Assim como o Wine pode vir nos ajudar no Linux...

Bom, pelo menos eu penso assim...

[10] Comentário enviado por devil_jaguar em 18/06/2007 - 20:00h

Senhores, LINA estará disponível para download em torno de 11 de julho, segundo um desenvolvedor. assim que sair aviso. ok?
até +.

[11] Comentário enviado por eduardolm17 em 07/11/2009 - 20:47h

ha ha ha ha achei engraçado quando o cara falou linux do zeção! realmente o linux que vem nas lojas é uma bosta. Chegou o Fênix pra mim. Por causa disso até hoje não sei utilizar o linux. Mas um dia vou conseguir. Preciso comprar outro computador para fazer isso.


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts