Gnu/Linux para todos

Este texto é um resumo de uma palestra ministrada pelo Sr. Djalma Valois no 1° Congresso Internacional de Software Livre, realizado em Curitiba nos dias 5, 6 e 7 de Novembro de 2003.

[ Hits: 7.543 ]

Por: Rogério em 03/03/2004


"Free" como em Liberdade



Palestrante: Djalma Valois
CIPSGA (Comitê de Incentivo a Produção de Software GNU e Alternativo)
Dia: 05/11/2003

A palestra do Sr. Djalma Valois é muito interativa, ele consegue prender a atenção de todos. Talvez o segredo esteja em todo o seu carisma, simpatia e passa bastante confiança naquilo que fala. O simples fato de estar nessas linhas iniciais descrevendo como foi a palestra já comprova que ele realmente é muito comunicativo.

Bem, mas vamos ao mais importante: a palestra.

A palestra iniciou com um exercício onde tínhamos que dar um soco no ar e gritar "liberdade", após ele concluía que falar de Software Livre é primeiramente falar de Liberdade.

O enfoque foi o benefício que o Software Livre traz à comunidade, já que o software proprietário possui algumas características que acabam por excluir as pessoas.

Veja algumas dessas características:

Anti-social - os preços cobrados por software proprietário não permitem que a grande maioria das pessoas tenham acesso a informação, a tecnologia.

Manutenção - a modificação em software proprietário para adaptação ao usuário final é muito difícil, pois quem quiser uma alteração no software terá que pagar um preço muito alto pela modificação.

Não-ético - pois o software proprietário se baseia na lei do direito autoral, lei esta que protege mesmo somente o direito de quem distribui, pois a lei de direto autoral chegou num certo tempo e impôs que tudo que fosse distribuído a partir do dado momento deveria ter um custo; se fôssemos cumprir a lei à risca deveríamos pagar direitos autorais para usar as letras, os números e etc.

O Sr. Djalma abordou também dados do Governo Federal brasileiro, onde o gasto com software proprietário chega a números realmente grandes. Porém, citou o esforço que esta sendo feito não só pelo governo federal, mas por governos de alguns estados, especialmente dos estados do Sul e Sudeste para que possamos todos juntos dar um basta no envio de dinheiro para o exterior.

Foi citado um exemplo de que "o brasileiro é bom de futebol porque tem uma bola nos pés deste criança, imagine os programadores que teremos no futuro se hoje as nossas crianças tiverem acessa à tecnologia".

E não é só isso, o software livre prega a partilha, o software livre trata todos de maneira realmente igualitária, então seja livre, use GNU/Linux!

Até o próximo artigo!

[]',
Rogério.

   

Páginas do artigo
   1. "Free" como em Liberdade
Outros artigos deste autor

VNC no GNU/Linux

Leitura recomendada

Porque abandonar o Slackware e usar o Ubuntu

Software Livre e a liberdade de aprender

Máquinas virtuais - Qual a melhor ferramenta?

Porque as pessoas não usam Linux?

Por quê o Linux não emplaca como sistema para Desktop

  
Comentários
[1] Comentário enviado por repolho em 03/03/2004 - 19:59h

Eu estava lá na palestra do Djalma, te garanto que ao vivo é MUITO melhor e empolgadora eheheheh muito show ;)

[2] Comentário enviado por removido em 03/03/2004 - 20:26h

Eu tbm estava la
:)

[3] Comentário enviado por korn em 07/03/2004 - 23:14h

Sobre esta palestra quero deixar aqui registrado que o Leocadio que dá aula na UNI-BH, reflete sobre este assunto no curso GSL e achamos isso de suma importância para a comunidade, quem sabe este é um passo para um mundo bem melhor?
Digamos que em outras áreas as coisas sejam LIVRES!
Já penssou?
O mundo poderia ser bem melhor, não?
Um abraço.

[4] Comentário enviado por genioloco em 23/10/2004 - 11:45h

Nesses meses com Linux, ainda não tive a oportunidade de ver ninguém falando dele. Gostaria muito, mas money e tempo...

Gostei do estilo do artigo! Seria até legal fazer uma seção com "Casos de sucesso"


Contribuir com comentário