Gerando gráficos para interfaces de rede com MRTG

Neste artigo mostrarei como configurar o software MRTG para gerar gráficos informativos sobre determinada interface de rede local definida pelo usuário.

[ Hits: 44.803 ]

Por: Perfil removido em 30/11/2006


Configurando e rodando



Esta é a parte mais importante do processo, o arquivo de configuração. Crie um arquivo com o nome "exemplo.cfg" na pasta /etc/mrtg, dentro do mesmo adicione as linhas:

# Esta primeira linha indica onde a página com os gráficos serão salvas,
# eu coloquei como destino a pasta padrão do meu Apache, mas você tem
# total liberdade de escolha, pois o resultado é gravado em linguagem
# HTML, não necessitando diretamente do Apache.

WorkDir: /var/www/htdocs/mrtg

# Esta linha é onde ficará o script que criamos, pois sempre que for chamado
# ele atualizará os valores de dados recebidos e enviados de forma automática,
# onde a palavra "trafego" é o nome da seção. Procure manter o mesmo nome para
# todos os comandos, evitando problemas mais a frente.

Target[trafego]: `/etc/mrtg/ath0`

# Aqui é informado o título da página, usei simplesmente "Tráfego da rede", que
# já resume muito bem minha intenção
Title[trafego]: Trafego da rede

# As duas próximas linhas representam no gráfico, o máximo suportado pelo seu link
# para um resultado mais preciso, os valores são dados em bytes.

MaxBytes[trafego]: 32000
AbsMax[trafego]: 32000

# Esta linha força o gráfico a mostrar no valor máximo o valor setado em
# MaxBytes seguido pelas iniciais de quais quadros este parâmetro vai ser
# aplicado, onde d = diário, w = semanal, m = mensal e y = anual.

Unscaled[trafego]: dwmy

# Nesta linha é definido em qual idioma será gerado o resultado
Language: brazilian

# Define qual o intervalo de tempo entre cada atualização, o valor é dado em
# minutos, sendo o valor mínimo 5 minutos
Interval: 5

# Esta linha se encarregará que a atualização seja automática e o
# processo irá rodar como um daemon qualquer, sendo possível
# iniciá-lo junto com o sistema

RunAsDaemon: Yes

A configuração está pronta para por em funcionamento, basta dar o comando:

# mrtg /etc/mrtg/exemplo.cfg
Daemonizing MRTG ...

Está tudo pronto e funcionando, com esta configuração a cada 5 minutos o gráfico será atualizado de forma automática, bastando abrir o local onde está o documento, que no exemplo é "trafego.html".

Como eu coloquei para o resultado ser gerado no diretório do Apache, visualizo no meu navegador com o endereço:

http://localhost/mrtg/trafego.html

Chegamos ao fim de mais um artigo, meus sinceros agradecimentos a toda comunidade VOL.

Confiram o resultado da minha configuração pessoal:

Página anterior    

Páginas do artigo
   1. Criando o script
   2. Configurando e rodando
Outros artigos deste autor

Consegue guardar um segredo?

Exportando e importando confs do Putty em Windows

Linux x Windows - O paradoxo da atualização

Perl e MySQL

Como gravar o som da sua Zoom G2.1u

Leitura recomendada

Blender para todos! - Parte II

Cinelerra no Ubuntu - Instalando e configurando para melhor desempenho

Personalizando o tema do usplash nos Ubuntu-like

Publicidade e software LIVRE? De novo?

Como turbinar seu GIMP com mais fontes

  
Comentários
[1] Comentário enviado por agk em 30/11/2006 - 08:43h

MRTG é uma ferramenta excelente, além de monitorar a banda podem ser feitos outros monitoramentos como espaço em disco, processamento, uso da memória, além é claro de poder monitorar equipamentos de rede que utilizem snmp, basta usar a imaginação e montar os scripts para monitorar qualquer coisa no seu servidor.

[2] Comentário enviado por the question em 30/11/2006 - 19:56h

Interessante o programa, não conhecia.
Parabéns pelo artigo

PS: Tem algum jeito de ele mostrar o quanto foi baixado e o quanto foi upado(acumulado no mês)???

[3] Comentário enviado por removido em 30/11/2006 - 21:32h

realmente nao se te informar deste recurso, pois nao explorei todo o potencial deste software

[4] Comentário enviado por Edy em 01/12/2006 - 14:10h

Quanto as estatisticas mensais, de uma pesquisada sobre o protocolo SNMP. Tenho quase certeza que ele armazena as informações por um período.

[5] Comentário enviado por y2h4ck em 01/12/2006 - 19:58h

Mrtg ta meio por fora ...
rrdtool e muito melhor.

[6] Comentário enviado por removido em 01/12/2006 - 20:03h

criei um tutorial sobre o mrtg porque gostei da praticidade dele, mais foi uma boa dica, vou da uma pesquisada sobre a ferramenta sugerida pelo colega, e quem sabe criar um tutorial.

[7] Comentário enviado por jonathanmaia em 04/12/2006 - 16:28h

Na verdade, o Mrtg pode funcionar usando o rrdtool sim. O processo de integração pode ser visto na própria documentação do Mrtg. Segue o link direto para a página que ensina como fazer esse integração:
http://oss.oetiker.ch/mrtg/doc/mrtg-rrd.en.html
Até mais amigos!

[8] Comentário enviado por robsonalex em 04/01/2007 - 12:59h

caro colega, fiz exatamente como descrito mas ocorre o seguinte erro:

ERROR: Target[trafego][_IN_] ' '/etc/mrtg/eth0.sh' ' evaluated to '/etc/mrtg/eth0' instead of a number

e no trafego de saida tambem o mesmo erro.
alguem poderia ajudar?
obrigado antecipadamente

[9] Comentário enviado por ramontcruz em 03/02/2009 - 02:11h

robsonalex:

ja tive esse problema uma vez :p

vê se na linha do script:

Target[trafego]: `/etc/mrtg/eth0.sh`

vc usou a crase ` entre /etc/mrtg/eth0.sh

eu havia usado aspas simples, quando mudei pra crase deu certo

:-)

abraços!!

[10] Comentário enviado por paulinhomd9 em 18/09/2009 - 17:38h

Pessoal,

Alguém pode me ajudar, configurei seguindo o tutorial em um firewall e funcionou perfeitamente, depois segui exatamente o mesmo passo a passo em outros 2 firewalls e em ambos cria todos os mesmos arquivos porém os gráficos não saem do 0.0

ja removi instalei de novo, o scrip ./eth0.sh funciona normal enclusive cria um arquivo trafego.log que é atualizado

Utilizo Fedora 8 nos 3 locais

[11] Comentário enviado por manoserpa em 28/11/2009 - 09:00h

Bom dia turma.

Queria saber como monitoras as interfaces de outras estações da rede, sabe quais são os parâmetros que devo configurar?

Um abraço.


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts