Funções da categoria Miscelânea do PHP

Existe no manual do PHP uma categoria de funções chamada Miscelânea, que abriga funções que não se enquadram em nenhuma outra categoria de funções. Este artigo visa apresentar ao leitor alguma destas funções que, embora pouco usadas pela maioria dos desenvolvedores, podem ser de grande utilidade em diversas situações.

[ Hits: 19.365 ]

Por: EVERTON DA ROSA em 25/02/2008 | Blog: http://everton3x.github.io


Trabalhando com código-fonte



eval - Executa uma string como código PHP
eval ( string $code_str )

A função eval() executa a string dada no parâmetro code_str como se fosse um código PHP. Isto é útil para guardar código em um campo de texto de um banco de dados para execução posterior.

Entretanto, é preciso lembrar que, quando se usa eval(), a string passada deve ser código PHP valido, incluindo terminar os comandos com ponto-e-vírgula e escapar caracteres em code_str.

Também se lembre que as variáveis que tenham seus valores em eval() irão reter estes valores para o resto do script.

<?php
$string = 'taça';
$name = 'café';
$str = 'Esta é uma $string com o meu $name nela.';
echo $str. "\n";
eval("\$str = \"$str\";");
echo $str . "\n";
?>

O exemplo acima irá mostrar:

Esta é uma $string com o meu $name nela.
Esta é uma taça com o meu café nela.

highlight_file - Destaca a sintaxe de um arquivo
highlight_file ( string $filename [, bool $return ] )

Esta função mostra uma versão do código contido em filename com a sintaxe destacada usando as cores definidas pelo destacador de sintaxe do PHP.

Se o segundo parâmetro return for TRUE então highlight_file() irá retornar o código como uma string ao invés de mostrá-lo. Se o segundo parâmetro não for TRUE então highlight_file() irá retornar TRUE se funcionar, FALSE em caso de falha.

Para configurar uma url que possa fazer o destaque da sintaxe de qualquer script que você passar para ela, é preciso usar a diretiva "ForceType" no Apache para gerar um bom modelo de URL, e usar a função highlight_file() para mostrar o código com uma boa aparência.

Adicione no httpd.conf o seguinte:

<Location /source>
    ForceType application/x-httpd-php
</Location>

Depois é só chamar o arquivo, com o caminho completo, na função que ela retornará o código-fonte do arquivo com a sintaxe destacada (colorida).

highlight_string

(PHP 4, PHP 5)

highlight_string - Destaque da sintaxe de uma string
highlight_string ( string $str [, bool $return ] )

Semelhante à função highlight_file(), porém, mostra o destaque da sintaxe para o parâmetro str, que é uma string (exemplo: $str = "<? echo 'teste'; ?>") usando as cores definidas para o destacador de sintaxe do PHP.

php_check_syntax - Check the PHP syntax of (and execute) the specified file
php_check_syntax ( string $filename [, string &$error_message ] )

Verifica a sintaxe de um arquivo .php passado em filename. Útil para verificar a sintaxe de arquivos editados em editores on-line.

php_strip_whitespace - Retorna o código com comentários e espaços em branco removidos
php_strip_whitespace ( string $filename )

Filtra o código-fonte do PHP retornando o código-fonte sem comentários PHP e espaços em branco.

Útil para reduzir o tamanho dos arquivos que serão utilizados no servidor, reduzindo o tempo de processamento e o seu tamanho.

O código-fonte filtrado será retornado em caso de sucesso, ou uma string vazia em falha.

Página anterior     Próxima página

Páginas do artigo
   1. Introdução
   2. Trabalhando com código-fonte
   3. Gerando id único
Outros artigos deste autor

SLiM: Simple Login Manager - Mini review

Utilizando endereços personalizados no seu servidor web: passo-a-passo

Qual o valor de seu trabalho

PHP Orientado a Objetos: Para quem está começando

Tratamento de exceções do PHP: uma introdução para iniciantes

Leitura recomendada

Migração de dados no Joomla

Uma introdução à biblioteca GD

Requisições assíncronas em PHP usando AJAX - Parte I

PHP Orientado a Objetos

O uso de templates em PHP

  
Comentários
[1] Comentário enviado por kabalido em 25/02/2008 - 11:58h

everton3x,
Primeiramente parabéns pela iniciativa, mas o exemplo que vc deu está errado!

O certo é:

?php
define("MAXSIZE", 100);
echo MAXSIZE;
if(!defined('MAXSIZE')){
echo "Constante MAXSIZE não está definida!"
}else{
echo constant("MAXSIZE");
}
?>

T+

[2] Comentário enviado por everton3x em 25/02/2008 - 12:54h

Obrigado kabalido....
confundi-me no escrever o código do exemplo..

vlw


Contribuir com comentário