Funções da categoria Miscelânea do PHP

Existe no manual do PHP uma categoria de funções chamada Miscelânea, que abriga funções que não se enquadram em nenhuma outra categoria de funções. Este artigo visa apresentar ao leitor alguma destas funções que, embora pouco usadas pela maioria dos desenvolvedores, podem ser de grande utilidade em diversas situações.

[ Hits: 19.360 ]

Por: EVERTON DA ROSA em 25/02/2008 | Blog: http://everton3x.github.io


Introdução



Existe no manual do PHP uma categoria de funções chamada Miscelânea, que abriga funções que não se enquadram em nenhuma outra categoria de funções.

Este artigo visa apresentar ao leitor alguma destas funções que, embora pouco usadas pela maioria dos desenvolvedores, podem ser de grande utilidade em diversas situações.

Constantes e controle de script

constant - Retorna o valor de uma constante
constant ( string $name )

Esta função retorna o valor de uma constante indicada pelo parâmetro name e é útil quando se deseja o valor de uma constante, mas não sabe o seu nome.

define - Define uma constante.
define ( string $name , mixed $value [, bool $case_insensitive ] )

O nome da constante é dado pelo parâmetro name ; o valor é dado por value. O terceiro parâmetro (opcional) significa que, se é dado o valor TRUE, a constante será definida como case-insensitive (diferencia maiúsculas de minúsculas). O padrão é case-sensitive.

defined - Confere se uma constante existe
defined ( string $name )

Retorna TRUE se a constante dada pelo parâmetro name já foi definida, se não, retorna FALSE. Se você este querendo testar a existência de uma variável, use isset() (a função defined() aplica-se somente a constantes). Se você quiser saber se uma função existe use function_exists().

<?php
define("MAXSIZE", 100);
echo MAXSIZE;
if(!defined('MAXSIZE')){
   echo constant("MAXSIZE"); // mesma coisa que a linha anterior
}else{
   echo "Constante MAXSIZE não está definida!";
}
?>

exit - Mostra uma mensagem e termina o script atual
exit ([ string $status ] )
exit ( int $status )

A função exit() termina a execução do script. Ela mostra o parâmetro status antes de terminar o script.

Se status é um integer (número inteiro), este valor será usado como estado se saída (não é impresso). Estados de saída deve, estar no intervalo de 0 a 254, o estado de saída 255 é reservado pelo php e não deve ser usado. O estado 0 é usado para terminar o programa de maneira bem sucedida.

Se status é uma string, ela é impressa.

die - Equivalente a exit()

Exemplo de utilização de exit() e die();

<?
mysql_connect() or die("Erro ao tentar conectar no servidor!");
mysql_connect() or exit("Erro ao tentar conectar no servidor!");
?>

Em ambas as linhas acima, o resultado será o mesmo: caso ocorra um erro, será impressa a mensagem de erro.

sleep - Atrasa a execução do script
sleep ( int $seconds )

Esta função atrasa a execução do script de acordo com a quantidade de segundos dados no parâmetro seconds.

time_sleep_until - Paralisa o script até um tempo especificado
time_sleep_until ( float $timestamp )

Similar à função sleep(), porém esta paralisa o script até o especificado timestamp. Útil para determinar o disparo do script em determinada data-horário.

    Próxima página

Páginas do artigo
   1. Introdução
   2. Trabalhando com código-fonte
   3. Gerando id único
Outros artigos deste autor

SliTaz: Mini-review desta mini-distribuição Linux

Relatórios com PHP e XSLT - Conceitos iniciais e utilização básica

PHP Orientado a Objetos: Para quem está começando

Tratamento de exceções do PHP: uma introdução para iniciantes

Considerações sobre as distribuições

Leitura recomendada

Ninguém planeja fracassar, mas muitos fracassam por não planejar

Requisições assíncronas em PHP usando AJAX - Parte I

Instalação do MediaWiki em uma Project web do SourceForge

Migração de dados no Joomla

Gerando gráficos com PHP e highcharts.com

  
Comentários
[1] Comentário enviado por kabalido em 25/02/2008 - 11:58h

everton3x,
Primeiramente parabéns pela iniciativa, mas o exemplo que vc deu está errado!

O certo é:

?php
define("MAXSIZE", 100);
echo MAXSIZE;
if(!defined('MAXSIZE')){
echo "Constante MAXSIZE não está definida!"
}else{
echo constant("MAXSIZE");
}
?>

T+

[2] Comentário enviado por everton3x em 25/02/2008 - 12:54h

Obrigado kabalido....
confundi-me no escrever o código do exemplo..

vlw


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts