Faça o GNU/Linux falar as horas para você

Neste artigo mostrarei como fazer a tua distro GNU/Linux falar as horas e minutos de um modo bem simples, usando alguns arquivos de áudio e um único e simples arquivo em Shell Script.

[ Hits: 4.840 ]

Por: Perfil removido em 17/08/2015


FalaHueHue - fazendo o GNU/Linux falar as horas para você



Olá pessoal, tudo bem?

Então... Este é meu primeiro artigo aqui no VOL, e é inclusive meu primeiro login, rsrs. Sou meio novo no mundo GNU/Linux. Já faz um tempo que venho acompanhando o site e tenho aprendido muito aqui, por isso quero primeiro agradecer a esta comunidade por manter o sonho de liberdade vivo.

Hoje eu estava "brincando" com minha distro Antix em um velho micro de mais ou menos 10 anos de idade e comecei a tentar arrumar um modo de fazer algum "efeito especial" ao bootar o sistema, queria fazer algo como tocar uma música, fazer o sistema dizer alguma coisa...

Eu queria que minha máquina falasse comigo, rsrsrsr.

Pois bem, tentei muitas coisas, mas nada parecia muito diferente do que a maioria das distribuições já faz.

Foi aí que decidi colocar áudios personalizados, áudios com minha voz, áudios com a voz do Google Tradutor. E foi pensando em dar uma função para estes áudios que criei o "FalaHueHue".

Veja a seguir como o programa/script pode fazer a tua distribuição falar as horas para você.

O programa

O FalaHueHue (nome em homenagem aos BrHueHue, rsrs), nada mais é do que um Script Shell com umas 4 ou 6 linhas de comandos e umas pastas com uns arquivos de áudio (voz da mulherzinha do Google), o programa pesa no total 428 kB.

Funciona assim: o script "falahuehue.sh" cria variáveis usando o programa date da tua distro (programa por onde se visualiza e se configura a hora do sistema) e de acordo com o valor de saída do date ele executa um arquivo de áudio correspondente no player de áudio configurado, aqui eu fiz uso do mpg123, é possível usar outros.

Assim:

#!/bin/bash
verificar_hora=$(date +%H)

mpg123 /root/Meus-Programas/Meus-scripts/FalaHueHue/vozes-horas/$verificar_hora.mp3

O comando "date +%H" fornecerá um número entre 00 e 23 (que são os possíveis valores de hora) para a variável verificar_hora e o mpg123 executará o arquivo .mp3 correspondente.

No exemplo acima, se a saída do (date +%H) fosse 02, na linha mpg123 o áudio a ser executado seria o 02.mp3 dentro da pasta .../vozes-horas. É isto que o programa faz para as horas e minutos.

São 60 arquivos .mp3 de minutos e 24 de horas.

Talvez a parte mais complicada da instalação seja indicar os caminhos corretos das pastas do programa no executável falahuehue.sh, fora isto basta você dar permissão de execução para o mesmo, executar e descobrir que horas são, rsrsr.

Instalação e configuração

Agora que você já sabe o que é e como funciona, vamos à instalação.

Deixo aqui três links para baixá-lo, para caso ocorra que algum saia do ar:

No 4shared:
No Google Drive:
No VOL:
Basta descompactá-lo via terminal ou modo gráfico, e editar os caminhos das pastas de acordo com a localização do programa no teu sistema no arquivo falahuehue.sh, use o editor de texto de tua preferência.

Além de editar os caminhos de acordo com a localização do programa no teu sistema, você também precisa definir o player de áudio que irá executar as vozes do programa, usei o mpg123, você também pode usar outro como o MPlayer mas recomendo o mpg123 por ter sido o mais rápido e leve aqui no meu sistema, a escolha é tua.

A documentação dele está no executável e no .txt dentro da pasta do programa (tentei explicar ao máximo o funcionamento do programa por meio de comentários, não sei se está certo fazer isto, sou um novato no sistema) basta abri-lo com um editor de texto qualquer para ler a documentação-explicação e editar o caminho das pastas do mesmo no sistema.

Após editar os caminhos das pastas, não esqueça de dar permissão de execução para o executável.

Acho que é isso pessoal, fiquem à vontade para elogiar, criticar, colaborar, opinar etc... (principalmente sobre a questão da edição do caminho das pastas no executável, não encontrei nada sobre isso na internet, li sobre a criação de links mas não achei algo para simplificar a questão da edição dos caminhos das pastas no executável).

Até mais pessoal.

Obrigado.

Qualquer coisa só entrar em contato: carlinhosedubr[at]gmail.com

Paz.

   

Páginas do artigo
   1. FalaHueHue - fazendo o GNU/Linux falar as horas para você
Outros artigos deste autor

Outros recursos no OpenOffice: colunas, fundo e bordas

Formatando texto no Open Office

AFT : Tecnologia para Formatação Avançada - Conceitos básicos

Sylpheed - Cliente de e-mail para terminais leves

Instalando o OpenOffice

Leitura recomendada

Introdução ao Gambas2 (parte 2)

Sabayon Linux 5.3, versões futuras e seu potencial + remasterização

Etherwake + wake on coioti

Instalação do Oracle 10g 86 x64 no Cent OS

Shell do GNU/Linux

  
Comentários
[1] Comentário enviado por fabio em 17/08/2015 - 15:36h

Bacana, bem criativo! Funcionou bem aqui. Vou passar a usar como uma espécie de alarme em determinados horários.

[2] Comentário enviado por epasini em 17/08/2015 - 21:31h

Funcionou de boa, achei muito criativo e de simples execução. A voz da mulher do google é muito engraçada, acho que você mesmo deveria ter feito os sons.

[3] Comentário enviado por removido em 17/08/2015 - 23:53h

obrigado.


[4] Comentário enviado por Tacioandrade em 20/08/2015 - 01:53h

Parabéns cara, isso dai é uma boa lógica que pode ser usada por exemplo para sistemas de chamados. Um que usei uma vez o cara usa a mesma lógica que você, por exemplo: Ficha número 320, vá para o guichê 2. Onde o cara fez EXATAMENTE o mesmo de gerar as falas. =D

E o melhor seu código ficou bem didático assim como gosto de fazer os meus, sendo possível para os outros usarem ele como base para criar suas próprias variantes. =)

Att. Tácio Andrade.

[5] Comentário enviado por tkramer.tk em 20/08/2015 - 11:45h

Que brincadeira boa hein!! Obrigado por compartilhar!

[6] Comentário enviado por linus black em 27/08/2015 - 13:48h

boa tarde amigo seu artigo ta otimo para ficar melhor vc poderia colocar um lista de comandos ai ficaria 1000

[7] Comentário enviado por azk4n em 28/08/2015 - 02:07h

massa, bem criativo, de fato!

[8] Comentário enviado por edpes em 28/08/2015 - 15:29h

Muito bom simples e criativo funcionou perfeitamente, somente alterando o path para = do meu sistema, da pra incrementar o áudio substituindo os arquivos originais.

Valeu, Obrigado pelo post.


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts