Faça o GNU/Linux falar as horas para você

Neste artigo mostrarei como fazer a tua distro GNU/Linux falar as horas e minutos de um modo bem simples, usando alguns arquivos de áudio e um único e simples arquivo em Shell Script.

[ Hits: 5.485 ]

Por: Perfil removido em 17/08/2015


FalaHueHue - fazendo o GNU/Linux falar as horas para você



Olá pessoal, tudo bem?

Então... Este é meu primeiro artigo aqui no VOL, e é inclusive meu primeiro login, rsrs. Sou meio novo no mundo GNU/Linux. Já faz um tempo que venho acompanhando o site e tenho aprendido muito aqui, por isso quero primeiro agradecer a esta comunidade por manter o sonho de liberdade vivo.

Hoje eu estava "brincando" com minha distro Antix em um velho micro de mais ou menos 10 anos de idade e comecei a tentar arrumar um modo de fazer algum "efeito especial" ao bootar o sistema, queria fazer algo como tocar uma música, fazer o sistema dizer alguma coisa...

Eu queria que minha máquina falasse comigo, rsrsrsr.

Pois bem, tentei muitas coisas, mas nada parecia muito diferente do que a maioria das distribuições já faz.

Foi aí que decidi colocar áudios personalizados, áudios com minha voz, áudios com a voz do Google Tradutor. E foi pensando em dar uma função para estes áudios que criei o "FalaHueHue".

Veja a seguir como o programa/script pode fazer a tua distribuição falar as horas para você.

O programa

O FalaHueHue (nome em homenagem aos BrHueHue, rsrs), nada mais é do que um Script Shell com umas 4 ou 6 linhas de comandos e umas pastas com uns arquivos de áudio (voz da mulherzinha do Google), o programa pesa no total 428 kB.

Funciona assim: o script "falahuehue.sh" cria variáveis usando o programa date da tua distro (programa por onde se visualiza e se configura a hora do sistema) e de acordo com o valor de saída do date ele executa um arquivo de áudio correspondente no player de áudio configurado, aqui eu fiz uso do mpg123, é possível usar outros.

Assim:

#!/bin/bash
verificar_hora=$(date +%H)

mpg123 /root/Meus-Programas/Meus-scripts/FalaHueHue/vozes-horas/$verificar_hora.mp3

O comando "date +%H" fornecerá um número entre 00 e 23 (que são os possíveis valores de hora) para a variável verificar_hora e o mpg123 executará o arquivo .mp3 correspondente.

No exemplo acima, se a saída do (date +%H) fosse 02, na linha mpg123 o áudio a ser executado seria o 02.mp3 dentro da pasta .../vozes-horas. É isto que o programa faz para as horas e minutos.

São 60 arquivos .mp3 de minutos e 24 de horas.

Talvez a parte mais complicada da instalação seja indicar os caminhos corretos das pastas do programa no executável falahuehue.sh, fora isto basta você dar permissão de execução para o mesmo, executar e descobrir que horas são, rsrsr.

Instalação e configuração

Agora que você já sabe o que é e como funciona, vamos à instalação.

Deixo aqui três links para baixá-lo, para caso ocorra que algum saia do ar:

No 4shared:
No Google Drive:
No VOL:
Basta descompactá-lo via terminal ou modo gráfico, e editar os caminhos das pastas de acordo com a localização do programa no teu sistema no arquivo falahuehue.sh, use o editor de texto de tua preferência.

Além de editar os caminhos de acordo com a localização do programa no teu sistema, você também precisa definir o player de áudio que irá executar as vozes do programa, usei o mpg123, você também pode usar outro como o MPlayer mas recomendo o mpg123 por ter sido o mais rápido e leve aqui no meu sistema, a escolha é tua.

A documentação dele está no executável e no .txt dentro da pasta do programa (tentei explicar ao máximo o funcionamento do programa por meio de comentários, não sei se está certo fazer isto, sou um novato no sistema) basta abri-lo com um editor de texto qualquer para ler a documentação-explicação e editar o caminho das pastas do mesmo no sistema.

Após editar os caminhos das pastas, não esqueça de dar permissão de execução para o executável.

Acho que é isso pessoal, fiquem à vontade para elogiar, criticar, colaborar, opinar etc... (principalmente sobre a questão da edição do caminho das pastas no executável, não encontrei nada sobre isso na internet, li sobre a criação de links mas não achei algo para simplificar a questão da edição dos caminhos das pastas no executável).

Até mais pessoal.

Obrigado.

Qualquer coisa só entrar em contato: carlinhosedubr[at]gmail.com

Paz.

   

Páginas do artigo
   1. FalaHueHue - fazendo o GNU/Linux falar as horas para você
Outros artigos deste autor

Um tour pelos visualizadores de imagem para Linux

XL - Ferramenta de gerenciamento Xen - Parte II

Slackware - Instalação com Tagfiles

Configuração do serviço NTP em servidor cliente

Sudoers 1.8.12 - Parte IV - Manual

Leitura recomendada

Zeiberbude - Gerenciador de Lan House e Cyber Café

Asterisk - Configurando Ramais, Plano de Discagem e URA Simples

CmapTools: Gestão do Conhecimento através de Mapas Conceituais no Linux

iTALC 2.0 - Instalação e Configuração no Ubuntu

Instalação do Software de Monitoramento Zabbix

  
Comentários
[1] Comentário enviado por fabio em 17/08/2015 - 15:36h

Bacana, bem criativo! Funcionou bem aqui. Vou passar a usar como uma espécie de alarme em determinados horários.

[2] Comentário enviado por epasini em 17/08/2015 - 21:31h

Funcionou de boa, achei muito criativo e de simples execução. A voz da mulher do google é muito engraçada, acho que você mesmo deveria ter feito os sons.

[3] Comentário enviado por removido em 17/08/2015 - 23:53h

obrigado.


[4] Comentário enviado por Tacioandrade em 20/08/2015 - 01:53h

Parabéns cara, isso dai é uma boa lógica que pode ser usada por exemplo para sistemas de chamados. Um que usei uma vez o cara usa a mesma lógica que você, por exemplo: Ficha número 320, vá para o guichê 2. Onde o cara fez EXATAMENTE o mesmo de gerar as falas. =D

E o melhor seu código ficou bem didático assim como gosto de fazer os meus, sendo possível para os outros usarem ele como base para criar suas próprias variantes. =)

Att. Tácio Andrade.

[5] Comentário enviado por thiagoalcav em 20/08/2015 - 11:45h

Que brincadeira boa hein!! Obrigado por compartilhar!

[6] Comentário enviado por linus black em 27/08/2015 - 13:48h

boa tarde amigo seu artigo ta otimo para ficar melhor vc poderia colocar um lista de comandos ai ficaria 1000

[7] Comentário enviado por azk em 28/08/2015 - 02:07h

massa, bem criativo, de fato!

[8] Comentário enviado por edpes em 28/08/2015 - 15:29h

Muito bom simples e criativo funcionou perfeitamente, somente alterando o path para = do meu sistema, da pra incrementar o áudio substituindo os arquivos originais.

Valeu, Obrigado pelo post.


Contribuir com comentário