Como traduzir Software Livre - Um método fácil

Este artigo, resume um método fácil para traduzir Software Livre e/ou Pacotes Linux, usando o editor de tradução online
Transifex.

[ Hits: 14.765 ]

Por: Alberto Federman Neto. em 18/04/2012 | Blog: https://ciencialivre.blog/


Introdução - Transifex



Introdução

Nós, aqui do VOL, usamos Software Livre. Porém, alguns dentre nós (como eu), não somos Programadores e nem Profissionais de TI.

Vocês poderiam perguntar: Não sendo programador, como posso ajudar o GNU/Linux e o Software Livre?

Bem, uma das maneiras de ajudar é traduzindo pacotes ou distribuições.

De fato, várias distribuições Linux, como Mandriva, Mageia, Fedora, openSUSE, além de seus times de tradutores, têm vários tradutores colaboradores, do Mundo todo.

A vários anos, sou um dos tradutores do Mozilla Firefox para Português do Brasil. Comecei traduzindo o antigo navegador Netscape em suas versões para Windows.

Também sou o tradutor do instalador gráfico do Sabayon (para 'pt-BR'), um dos tradutores do Entropy e tradutor do cliente GUI de Portage (do Gentoo) Portato:

Além de outros pequenos programas (Smart-Download-Mania, Smart-Packet-Mania, Smart-USBKey-Mania etc...):
Tanto para Sabayon como para Gentoo, Linux em Geral e inclusive, alguns programas para Windows.

Para lidar mais eficientemente com traduções de código-fonte ou pacotes, deve-se conhecer o manuseio de arquivos de linguagem e localização (PO e POT) e o uso de certos editores especiais para tradução, como o Poedit.

Outro jeito é operar direto sobre o binário.

São conhecimentos, porém, que nem todos os usuários possuem. Nos últimos anos, tem surgido algumas aplicações que facilitam e tarefa de tradução.

o Site Transifex é um Aplicativo na Web (que não exige instalação), especial para tradução e totalmente feito com Software Livre.

Através dele, você pode acessar um projeto online e colaborar traduzindo diretamente da Web, sem necessidade de ter conhecimentos prévios ou específicos de qualquer linguagem de programação e sem conhecer o uso de editores especiais para tradução.

Usando o site Transifex

Para usá-lo, acesse o site: https://www.transifex.net

Clique em: Tour (acima, à direita).

Veja a documentação e/ou clique em: Try it for free

No fim da página, abaixo, em 'Free Plan' e 'Sign up free', pois para projetos Open-Source e para tradutores, é totalmente gratuito:

Agora que você fez uma conta gratuita, logue-se, vá no seu nome de usuário (acima, à direita), clique e sua: Dashboard

Será aberta:

Como indica a figura acima, vá em 'Search Projects', e use uma palavra-chave, ex.: linux.

Para 'linux', há vários projetos interessantes a colaborar, como por exemplo, a tradução do Mandriva e do Gerenciador de Arquivos do Arch, o Pacman:

Se as traduções estiverem completas, você poderá revisá-las ou modificá-las.

Suponho que neste momento, você escolheu o projeto.

Por exemplo, usando a palavra-chave 'Anaconda', aparece o instalador Anaconda do Fedora. Vá em: 'Portuguese-Brazil', e verá que faltam algumas Strings:

Clique em 'Join Team' e espere o coordenador do time de tradução aceitá-lo.

Se não houver um time, o autor do projeto (geralmente é um programador ou desenvolvedor) que inseriu o projeto de tradução no Transifex, irá aceitá-lo.

A partir daí, poderá traduzir direto na Web. E pelos meus exemplos, você terá uma ideia sobre como se faz.
    Próxima página

Páginas do artigo
   1. Introdução - Transifex
   2. Exemplo: Traduzindo o Rigo (futuro sucessor do Sulfur)
Outros artigos deste autor

Recuperando e/ou adaptando o GRUB do Sabayon Linux

Otimizando o Sabayon Linux (inclusive o Firefox)

Usando Swap na RAM em Sabayon - ZRAM - Método novo

BOINC - Computação distribuída e aplicações científicas

Modificando a remasterização com Molecule - Sabayon completo, com KDE e GNOME

Leitura recomendada

Instalando Adobe Flash 10 em distros amd64 (Ubuntu, Mandriva, Fedora)

Entenda o XML - Parte 2

Detonando robots!

Proteja seu website ou página html com encriptaçâo

Codificação e decodificação entre ASCII, hexadecimal e unicode

  
Comentários
[1] Comentário enviado por Miqueloti em 18/04/2012 - 11:04h

Muito bom, não conhecia o Transifex, é uma ótima iniciativa para a conclusão de traduções dos projetos.

[2] Comentário enviado por levi linux em 18/04/2012 - 11:41h

Excelente artigo. Não conhecia o Transifex, só conhecia o QT Linguist e o KLocalize. Favoritado!

[3] Comentário enviado por jairus em 18/04/2012 - 12:42h

Boa tarde !!!


Não conhecia esta ferramenta, muito boa por sinal. Podemos assim de alguma forma colaborar para o crescimento do software livre.

[4] Comentário enviado por dudis em 18/04/2012 - 14:22h

Muito, mas muito bom o conteúdo apresentado!

Parabéns pelo excelente artigo. Sempre tive dúvidas sobre este processo de tradução.

Abraço!

[5] Comentário enviado por feijojunior em 18/04/2012 - 20:15h

Muito bom, senhor Alberto como sempre com seus artigos fantásticos, parabéns!

[6] Comentário enviado por eldermarco em 18/04/2012 - 23:24h

Vale a pena ressaltar que quem está por trás do Projeto Transifex é o Diego Búrigo Zacarão, que é brasileiro e bastante envolvido com o Projeto Fedora. Atualmente, o fedora migrou todo o seu sistema de traduções para o Transifex porque ele é realmente uma excelente ferramenta.

[7] Comentário enviado por albfneto em 19/04/2012 - 07:02h

Obrigado pelo esclarescimento, não sabia, porque soube do Transifex pelo Sabayon Linux.
O fato de todo o fedora estar nele, facilita muito.

[8] Comentário enviado por dilasmartins em 19/04/2012 - 18:23h

Há algum tempo venho pensando em contribuir traduzindo, seu artigo mostrou que pode ser bem fácil ajudar. Muito bom amigo, nota 10!

[9] Comentário enviado por julio_hoffimann em 19/04/2012 - 19:26h

Ótima contribuição Alberto!

Abraço!

[10] Comentário enviado por phrich em 20/04/2012 - 01:21h

Muito bom, facilita muito quem deseja participar da tradução de algum projeto!

Parabéns!

[11] Comentário enviado por millemiglia em 21/04/2012 - 20:10h

Ótimo artigo Alberto. Há também o Launchpad (http://launchpad.net) que é uma iniciativa da Canonical e é usado para tradução do Ubuntu e de outros aplicativos que são postados lá. Eu atuo como tradutor para pt_br do Task Coach que é um gerenciador de tarefas muito bom e simples de usar.

[12] Comentário enviado por albfneto em 22/04/2012 - 11:01h

COMPLEMENTO DO ARTIGO:

Eis a imagem de meus testes com a minha tradução do Rigo . Rigo é a futura Interface Gráfica do Entropy do Sabayon:

http://brasilimg.com/?di=T0KJ

[13] Comentário enviado por mcnd2 em 22/04/2012 - 19:13h

Muito boa esse artigo Alberto.

Favoritado!...

[14] Comentário enviado por Jmario15 em 24/04/2012 - 15:22h

Nossa, ajudou muito mesmo! Não sou programador expert, mas sempre quis contribuir de alguma forma :D Parabens, nota 10.

[15] Comentário enviado por Diehl78 em 26/04/2012 - 18:04h

Ótimo artigo.

Sempre quis contribuir com Linux... E finalmente consegui (traduzi alguns textos do Rigo)

[16] Comentário enviado por albfneto em 27/04/2012 - 14:37h

MAIS INFORMAÇÔES,COMPLEMENTOS E ATUALIZAÇÕES DO ARTIGO - 20/5/2013:

A informar que as traduções do Anaconda, do Entropy e do Rigo, nas atuais versões de Sabayon estão totalmente atualizadas.

Agradeço a Pablo Diehl, Julio Mario e Felipe Azelio, as pessoas que estão ajudando e/ou ajudaram na tradução.

Continuem, pois as versões mudam, as traduções são revisadas etc...

Os Aplicativos traduzidos estão funcionando e já estão oficializados no Sabayon 11, Rolling Release, em breve no Sabayon 13.

Experimentem, se quiserem, baixando o último Live CD Daily Build.

Aqui,uma imagem do Rigo, com tradução revisada e instalando os aplicativos:

http://brasilimg.com/?di=ZN8E

Agora, também estou traduzindo o MATE e o Razor-QT, além do Mozilla Firefox (do qual sou um dos tradutores a uns 11 anos).

[17] Comentário enviado por NewWave em 21/07/2012 - 12:20h

O que mais me deixa feliz é saber que mesmo os não programadores e não profissionais de TI se preocupam com a coletividade digital e fazem a sua parte para termos um mundo melhor! Obrigado, colega!

[18] Comentário enviado por mcnd2 em 29/01/2016 - 18:55h

Alberto, boa noite!

O endereço "transifex.net" esta sendo redirecionado para o "transifex.com".

Como fica os cadastrados no domino '.net'? Continua sendo uma conta gratuita?

Agradeço pelo esclarecimento, como é um tradutor assíduo no referido serviço.


Contribuir com comentário