CentOS 5 - Utilizando como desktop com o Fluxbox

O Fluxbox é um ótimo gerenciador de janelas, aliado ao CentOS, com seus pacotes seguros e estáveis, torna uma combinação altamente produtiva e veloz. Neste artigo você vai aprender a instalar o Fluxbox, os principais programas para um desktop e as configurações básicas para que tudo funcione corretamente.

[ Hits: 42.944 ]

Por: Perfil removido em 09/08/2010


Preparando instalação dos pacotes



Dicas

Antes de prosseguir, você pode seguir essas duas dicas para um ambiente mais enxuto:

Atualizando o CentOS

Para uma maior garantia, atualize os pacotes antigos:

# yum check-update
# yum update


Página anterior     Próxima página

Páginas do artigo
   1. Introdução
   2. Habilitando repositórios
   3. Ajustando prioridade dos repositórios
   4. Preparando instalação dos pacotes
   5. Instalando pacotes
   6. Pós-instalação
   7. Iniciando Fluxbox pela primeira vez
   8. Conclusão
Outros artigos deste autor

Multiboot pelo pendrive usando grub2: instalando várias distros a partir de uma unidade de armazenamento móvel

Instalação da Broadcom 1390 no Debian Etch

Como se comunicar com outros usuários da rede

Software Livre X Microsoft

Criptografia quântica

Leitura recomendada

Instalando o Gnome-2.20.3 no Slackware 12 usando o Gslapt

Cacti: Gerenciamento de redes com os plugins Weathermap e Monitor no Debian Etch Linux

DeVeDe - Produzindo discos de vídeo

VPN PPTP - Instalação entre estações Windows, Dispositivos com Android e CentOS 5.x Server

Incrementando o Spacefm com plugins e ações personalizadas

  
Comentários
[1] Comentário enviado por moisespedro em 09/08/2010 - 18:12h

Parabéns pelo artigo, o coloquei na minha lista de coisas a fazer, o CentOS é muito estável e robusto mas eu sempre tive uma preguiça de configurar desktops *box

[2] Comentário enviado por wesllay em 13/06/2011 - 09:26h

Ótimo o artigo, faltou colocar depois de alterar os repositórios:
# yum clean all
# yum check-update


[3] Comentário enviado por px em 06/06/2013 - 18:54h

Duas palavras, TIRO ONDA!


Contribuir com comentário