Bootsplash no Slackware - HowTo

Este é um HowTo sobre como instalar o software Bootsplash na distribuição Linux Slackware. A versão utilizada para compor o artigo foi o Slackware 11.

[ Hits: 53.139 ]

Por: Perfil removido em 22/11/2006


Obtendo o necessário



Para instalar o Bootsplash no Slackware precisaremos "patchear" o nosso kernel e (re)compilá-lo. Para isto iremos precisar da série development (/d) do Slackware e do kernel-source do kernel que será utilizado.

Não irei cobrir detalhadamente o processo de compilação do kernel em si, pois estaria fugindo da proposta do artigo. Há artigos muito bom sobre a compilação do kernel, muito daqui do VOL mesmo. Portanto, partirei do princípio de que o leitor sabe compilar um kernel e tem o kernel-source instalado na sua máquina.

Os pacotes necessários serão, portanto:
  • O pacote bootsplash, em si;
  • Um diff, para colocar o patch ao kernel;
  • Um tema do Bootsplash (opcional, já que o pacote do Bootsplash que eu recomendarei já contém 2 temas)

O pacote slackware-tgz do Bootsplash está disponível no LinuxPackages, no seguinte link:
Já o patch do kernel vai depender justamente da versão do kernel que você está utilizando. A série 2.6.x do kernel Linux é muito ampla e a variedade de sub-versões utilizadas é muito grande, entretanto as sub-versões dá série 2.6 são bastante compatíveis entre si, o que possibilita que o DIFF (patch) do bootsplash para o kernel 2.6.15 funcione perfeitamente em kernel 2.6.9 ou ainda 2.6.18, por exemplo. Pegue o DIFF abaixo mais próximo ao seu kernel:
Veremos mais sobre os temas mais adiante, mostrando links para temas e ensinando o procedimento para instalá-los.

Antes de prosseguir, faça um backup do seu diretório /boot para poder restaurá-lo em caso de problemas. Faça também um backup do seu initrd.gz no próprio diretório /boot, usando o comando abaixo:

# cp /boot/initrd.gz /boot/initrd.gz-backup

O arquivo de backup será utilizado posteriormente para trocar o tema do bootsplash, portanto é fundamental fazer o seu backup.

Página anterior     Próxima página

Páginas do artigo
   1. Introdução
   2. Obtendo o necessário
   3. Configurando o kernel
   4. Instalando os pacotes e tema
   5. Configurando a barra de progresso
   6. Mudando o tema
   7. Conclusão
Outros artigos deste autor

Multiterminais e Userful Multiplier nas escolas públicas: Uma solução barata que sai caro

Onde o Linux peca ao tentar atrair novos usuários

Instalação personalizada com Debian

A importância do modo texto

Migrando para Linux sem medo

Leitura recomendada

Salvando arquivos do Inkscape para o CorelDraw

Inkscape descomplicado - Parte II

Fontes personalizadas no GNU/Linux

Compiz Fusion: Compilando e instalando em 5 minutos

Teoria das Formas e o Aumento da Usabilidade

  
Comentários
[1] Comentário enviado por roanfranklin em 22/11/2006 - 15:04h

Show de Artigo!!! Parabéns, "tom bishop". Gostei Muito...

[2] Comentário enviado por Reideer em 22/11/2006 - 23:36h

artigo legal
bom eu acho q ja vi este negocio rolando no mandriva, se não me engano.

porém eu prefiro o tradicional... tem mais a ver com a alma do linux, e do slackware. até que a imagem q tem do verbose é legal.

[3] Comentário enviado por coffnix em 23/11/2006 - 01:16h

bacana cara.... mas tu vacilou em uma coisa: "LINUX IS NOT GNU/LINUX"

Linux é kernel... e muitos softwares q são usados no Linux não são da Free Software Foundation..... exemplo clássico? $vi ehehehehehe


abração, tu tá de parabéns cara!

[4] Comentário enviado por aprendiz_ce em 24/11/2006 - 18:55h

Show de bola!

tzbishop,

Eu tenho algumas máquina com o CL10 instalado e todas estão com o "bootsplash" ativo. Gostaria de desativa-lo, sem ter que deinstalar o mesmo. Como eu faço isso?

Obrigado pela atenção e parabéns pelo artigo.


[5] Comentário enviado por removido em 24/11/2006 - 19:37h

mardonio, creio que se você fizer um backup do seu /boot/initrd.gz e criar um outro sem o parâmetro do Bootsplash, deve funcionar....

[6] Comentário enviado por demoncyber em 24/11/2006 - 21:55h

Poxa cara já faziam um tempo que estava querendo fazer isso, mas nunca sobrava tempo e não tinha uma razão junta ( Heheh agora tenho vou apagar o meu windows XP profissional original do hd ). Nossa esse artigo caiu muito bem.

Grato ....

( Ótimo artigo )

[7] Comentário enviado por nissieloin em 18/12/2006 - 12:28h

Estou usando o slackware 10.2 kn 2.6.13 e to com problema na hora de patchear o kernel... toda vez que uso qualquer dos patches nao consigo mais compilar.

[8] Comentário enviado por removido em 27/01/2007 - 02:45h

nissieloin, foram reportados bugs com relação ao kernel 2.6.13 com patches (não só do bootsplash). Aconselho a pegar uma versão de kernel linux mais recente...

[9] Comentário enviado por nissieloin em 20/03/2007 - 14:26h

kra, fiz tudo que vc falou pra fazer, utilizei o kernel 2.6.18 e nada feito. Não to entendendo onde está o problema. A máquina funciona direitinho, mas nada de rodar o bootsplash.

[10] Comentário enviado por cacjorge em 26/04/2007 - 17:37h

ae amigao... por favor me ajude!
eu fiz tudo! mas nada do bootsplash aparecer...
ele fica dizendo:

/proc/splash: No such file or directory

o q poderia ser?

[11] Comentário enviado por iganem em 30/06/2014 - 14:51h

Ptz cara, muito bom,,, principalmente como já mencionado a favor dos usuários desktop, leigos!
Um bootsplash da uma sensação de comodidade e robustez ao usuário, historicamente algemado ao uso do mouse e de "windows"!
Interessante também o fato de o slackware rodar em todo tipo de máquina, fazendo com que uma velha "máquina de escrever" se torne um desktop razoável!

Abraços e sucesso!


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts