Acabou a festa: refisefuqui vão ter que pedir ao dono para montar no cavalo

13. Re: Acabou a festa: refisefuqui vão ter que pedir ao dono para montar no cavalo

Perfil removido
removido

(usa Nenhuma)

Enviado em 17/02/2014 - 21:52h

Sempre fui a favor do projeto Debian Pure Blends https://wiki.debian.org/DebianPureBlends
Então posso dizer: - Taí uma boa notícia.


  


14. Re: Acabou a festa: refisefuqui vão ter que pedir ao dono para montar no cavalo

Sebastiao Marcio Camargo
semaca

(usa Linux Mint)

Enviado em 17/02/2014 - 22:08h

Que pena, gosto tanto do Mint mas tudo bem, volto para o Windows Paratebay já que não posso escolher aquilo que gosto.


15. Re: Acabou a festa: refisefuqui vão ter que pedir ao dono para montar no cavalo

Bilufe
bilufe

(usa XUbuntu)

Enviado em 17/02/2014 - 22:17h

clodoaldops escreveu:

Tem ubuntero tendo orgasmo com essa noticia!
Nem vai dormir de tanta felicidade!
Mas terá pesadelos quando Mageia passar o Ubuntu no DW!


Será excelente se isto acontecer.


16. Re: Acabou a festa: refisefuqui vão ter que pedir ao dono para montar no cavalo

André Canhadas
andrecanhadas

(usa Debian)

Enviado em 17/02/2014 - 22:46h

É se isso vier a acontecer mesmo acho que a visão do mundo "Open Source" sobre o Ubuntu vai mudar ainda mais kkkk o que dirá Richard Stallman sobre o assunto?


17. Re: Acabou a festa: refisefuqui vão ter que pedir ao dono para montar no cavalo

Ricardo Fabiano Silva
madrugada

(usa Gentoo)

Enviado em 17/02/2014 - 23:26h

A verdade tem de ser dita: Mark/Canonical/Ubuntu estão no seu direito.

Dito isto, seria interessante que as distros derivadas mais populares, como o Mint propusessem aos usuários a escolha entre migrar pro Debian ou bancar um repositório próprio.

Lembrando que, se o Mate e o Cinnamom não forem compatíveis com o Mir, é desperdício de tempo continuar baseado no Ubuntu. O que não descarta a hipótese de um repositório próprio, ainda que fosse uma cópia do repositório do Debian.


18. Re: Acabou a festa: refisefuqui vão ter que pedir ao dono para montar no cavalo

Izaias
izaias

(usa LMDE)

Enviado em 17/02/2014 - 23:29h

O Mint é internacional!

Será que seria tão complcado assim ter seu próprio servidor?
Ou seria complicado $manter$ um sysAdmin. :)


19. Re: Acabou a festa: refisefuqui vão ter que pedir ao dono para montar no cavalo

Ricardo Fabiano Silva
madrugada

(usa Gentoo)

Enviado em 17/02/2014 - 23:44h

izaias escreveu:

O Mint é internacional!

Será que seria tão complcado assim ter seu próprio servidor?
Ou seria complicado $manter$ um sysAdmin. :)


Pra uma distro que alcançou o status de "internacional" não é difícil, o que ocorre é que simplesmente não havia necessidade.

Lembrando que o Mint disponibiliza (já no modo live e na instalação padrão) codecs não-livres, e por causa disso o servidor principal e os espelhos terão que ficar em países cuja lei permita o uso e distribuição desses codecs sem o pagamento de royalties.


20. Re: Acabou a festa: refisefuqui vão ter que pedir ao dono para montar no cavalo

Izaias
izaias

(usa LMDE)

Enviado em 18/02/2014 - 00:04h

madrugada escreveu:

...
Lembrando que o Mint disponibiliza (já no modo live e na instalação padrão) codecs não-livres, e por causa disso o servidor principal e os espelhos terão que ficar em países cuja lei permita o uso e distribuição desses codecs sem o pagamento de royalties.


Esse é o ponto!
Talvez os caras não e$tejam preparado$ pra i$$o.


21. Re: Acabou a festa: refisefuqui vão ter que pedir ao dono para montar no cavalo

Ricardo Fabiano Silva
madrugada

(usa Gentoo)

Enviado em 18/02/2014 - 00:27h

izaias escreveu:

madrugada escreveu:

...
Lembrando que o Mint disponibiliza (já no modo live e na instalação padrão) codecs não-livres, e por causa disso o servidor principal e os espelhos terão que ficar em países cuja lei permita o uso e distribuição desses codecs sem o pagamento de royalties.


Esse é o ponto!
Talvez os caras não e$tejam preparado$ pra i$$o.


Exato, por isso devem colocar para que os usuários escolham. Se os usuários escolherem continuar baseado no Ubuntu, então que contribuam($) para bancar o servidor.


22. Re: Acabou a festa: refisefuqui vão ter que pedir ao dono para montar no cavalo

Wellington
wellington_r

(usa Debian)

Enviado em 18/02/2014 - 08:04h

andrecanhadas escreveu:

É se isso vier a acontecer mesmo acho que a visão do mundo "Open Source" sobre o Ubuntu vai mudar ainda mais kkkk o que dirá Richard Stallman sobre o assunto?


Uma coisa é compartilhar o código fonte, outra é bancar servidor para os outros.
É óbvio que a Canonical não tem a "filosofia Open Source" como ponto principal, mas como dito anteriormente, acho que ela está no seu direito.
Eu, como usuário do Debian, não gostaria de ter a velocidade de minhas atualizações diminuída pelo fato de o Debian compartilhar repositório com 500.000 outras distros. Imagine então os desenvolvedores que se envolvem no projeto tentando criar uma distribuição que consideram ideal e de repente vem uma porrada de distribuições que fogem completamente da filosofia da distribuição-pai prejudicando o uso de seus usuários.

Se alguém pega o código-fonte do Ubuntu e cria uma distribuição que considera ideal, isso não prejudica os usuários do Ubuntu. Já se uma distribuição UTILIZA os repositórios do Ubuntu...


23. Re: Acabou a festa: refisefuqui vão ter que pedir ao dono para montar no cavalo

Clodoaldo Santos
clodoaldops

(usa Linux Mint)

Enviado em 18/02/2014 - 08:08h

madrugada escreveu:

izaias escreveu:

madrugada escreveu:

...
Lembrando que o Mint disponibiliza (já no modo live e na instalação padrão) codecs não-livres, e por causa disso o servidor principal e os espelhos terão que ficar em países cuja lei permita o uso e distribuição desses codecs sem o pagamento de royalties.


Esse é o ponto!
Talvez os caras não e$tejam preparado$ pra i$$o.


Exato, por isso devem colocar para que os usuários escolham. Se os usuários escolherem continuar baseado no Ubuntu, então que contribuam($) para bancar o servidor.


LM tem uma média de doações de 5000 a 6000 dolares por mês.
Não sei qto custa manter um servidor próprio, mas acho que deva ser suficiente.
Sem contar que doações deverão aumentar se isso realmente acontecer.



24. Re: Acabou a festa: refisefuqui vão ter que pedir ao dono para montar no cavalo

Ricardo Fabiano Silva
madrugada

(usa Gentoo)

Enviado em 18/02/2014 - 10:04h

clodoaldops escreveu:

madrugada escreveu:

izaias escreveu:

madrugada escreveu:

...
Lembrando que o Mint disponibiliza (já no modo live e na instalação padrão) codecs não-livres, e por causa disso o servidor principal e os espelhos terão que ficar em países cuja lei permita o uso e distribuição desses codecs sem o pagamento de royalties.


Esse é o ponto!
Talvez os caras não e$tejam preparado$ pra i$$o.


Exato, por isso devem colocar para que os usuários escolham. Se os usuários escolherem continuar baseado no Ubuntu, então que contribuam($) para bancar o servidor.


LM tem uma média de doações de 5000 a 6000 dolares por mês.
Não sei qto custa manter um servidor próprio, mas acho que deva ser suficiente.
Sem contar que doações deverão aumentar se isso realmente acontecer.


Talvez nem custe tanto. Várias universidades colaboram disponibilizando seus servidores para armazenar iso e pacotes, tanto na Europa quanto nos EUA. Aqui eu sei que a UFPR colabora com isso.






Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts