Slackware, incentivando o uso no Brasil

37. Re: Slackware, incentivando o uso no Brasil

Eduardo Querido
Querido

(usa openSUSE)

Enviado em 21/11/2015 - 13:08h

Caro Luiz,

Sua abordagem foi ótima! É o outro lado da moeda. Realmente os Slackers não se fazem; nascem! Mas, como saber se você nunca testar? A ampla divulgação vem nesse sentido, fazer a Distro mais conhecida por um maior número de usuários que, ou Nunca usaram um computador na vida, minha filha poderia ser um exemplo até um tempo atrás. Ou aqueles que como eu, migraram do Windows. Para que não precisem passar pelo Ubuntu e outros antes e venham direto usufruir dessa que concordamos ser a melhor das Distros já criadas. Né não?



  


38. Re: Slackware, incentivando o uso no Brasil

Patrick
Freud_Tux

(usa Outra)

Enviado em 21/11/2015 - 13:11h

Querido escreveu:

Freud Tux escreveu:

Eu estava pensando aqui com meus "botões" rsrsrsr, e me surgiu uma ideia.

Não sei aqui tem alguém que prática algum esporte. Eu particularmente, curto MTB, mas a linha mais "xtreme" do negócio, ou seja, umas 5 modalidades do negócio.

A alguns anos, a Red Bull começou a patrocinar vários pilotos de MTB xtreme, e tudo que é modalidade de esportes, os caras patrocinam até uma equipe de empinadores de pipa. Todos os patrocinados, usam roupas com a marca, tem seus equipamentos com o logo da marca, cores, e essas coisas.
Os caras colocam os vídeos deles em vários serviços como: Vimeo, youtube e outros... E recebem milhares de visualizações, e a marca fica cada vez mais fortalecida, pois muitas pessoas gostam de ver o que é feito no vídeo e procuram equipamentos para começar a praticar essas modalidades, utilizar os produtos da Red Bull, e essa coisa toda.

Bem, ai cheguei ao ponto que quero explicar.
Por que não fazer algo semelhante com o Slackware (aproveitando o gancho Funtoo, Gentoo, Familia BSD, Gimp, Krita... - Minha lista negra: Tudo que usa systemd e pulseaudio) ?
Digo, transformar o Slackware, Gentoo, Funtoo & os outros citados acima, em uma "marca", uma identidade, algo mais forte que a marca Ubuntu!

Bem , eu pretendo criar algumas artes relacionadas (adesivos) para, colocar na minha magrela, pois a mesma vai passar em breve por uma pintura nova, e quero mudar um pouco o visual dela. Só estou vendo se acho algumas peças que vou ter que importar pra poder fazer isso.

E então, o que acham da ideia?

T+




Eu, pessoalmente, quero encomendar uma camiseta e uma Polo com a Logo do Slack.(Pedi de Natal à minha esposa) A ideia de um Camelo com a logo é ótima!
Acho que assim, ao ver em nosso quotidiano o pessoal, na rua, vai ter curiosidade e interesse também!

Boa ideia Freud Tux!


Quando tiver algo pronto, eu posto algumas coisas por aqui.

É mais pra tirar os nomes das marcas das peças, não ganho um centavo em sair por ai desfilando o nome das marcas dos caras, e, então, resolvi mudar um pouco. Como eu uso Gnu/Linux para trabalhar, então acho válido, sair por ai, desfilando o nome de algumas distros, e programas.

Lcavalheiro, eu penso quase igual a você.
Só penso de um ponto de vista um pouco diferente em relação ao MKT da distro em si.

A ideia não é sair por ai captando usuários que são adoradores dos cliques, mas, chamar a atenção, daqueles usuários que gostam de por a mão na massa, mas que não acham sentido em usar um Slackware, Gentoo, Funtoo, Família BSD....
As pessoas olham o ubuntu e acham que ele único Linux que existe.
Por que não mudar um pouco o foco, tirar o ubuntu da jogada (por assim dizer) e mostrar a luz da liberdade que ainda paira sobre o Slackware, Gentoo, Funtoo e BSD's?

É meio que inverter a história que o Gnu/Linux é difícil (coisa pregada por janelazistas de plantão), e fazer ao contrário, aproveitando a crescentes onda de descontentamento que as novas versões dos janelas está trazendo + o uso do systemd e pulseaudio tem desagradado muito a comunidade.

Seria válido uma ajuda de divulgação para o Slackware e os outros sistemas citados.
A longo prazo, isso poderia atrair mais gente disposta a ajudar nos projetos das distros citadas, e eliminar qualquer ameaça e/ou futura dependência que o sustyemd + pulseaudio poderiam trazer para essas distros.
Imagine se as distros citadas, cada uma tivesse uma equipe que cuidasse de manter todos os pacotes conhecidos do mundo Gnu/Linux, sem o sytemd + pulseaudio? Algo como pegar os pacotes dos próprio sites dos devs, ou mantenedores, e se possível reescrever eles sem o pulseaudio e sem systemd.

T+ ;)








39. Re: Slackware, incentivando o uso no Brasil

Patrick
Freud_Tux

(usa Outra)

Enviado em 21/11/2015 - 13:17h

Querido escreveu:

Caro Luiz,

Sua abordagem foi ótima! É o outro lado da moeda. Realmente os Slackers não se fazem; nascem! Mas, como saber se você nunca testar? A ampla divulgação vem nesse sentido, fazer a Distro mais conhecida por um maior número de usuários que, ou Nunca usaram um computador na vida, minha filha poderia ser um exemplo até um tempo atrás. Ou aqueles que como eu, migraram do Windows. Para que não precisem passar pelo Ubuntu e outros antes e venham direto usufruir dessa que concordamos ser a melhor das Distros já criadas. Né não?


Esse seria um ponto interessante!

Captar usuário sem "vícios" de outras distros.

T+









Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts