Criar usuários com ponto (nome.usuario) no Slackware

Publicado por Charles de Jesus Lima da Costa (última atualização em 06/11/2011)

[ Hits: 7.630 ]

Download criar.sh




Um grande problema encontrado por diversos administradores de servidores Slackaware é quando seu cliente pede para que os logins de usuário sajam no padrão nome.sobrenome. Trata-se de um problema porque se você simplesmente digitar "useradd nome.sobrenome" recebera a mensagem de erro alertando sobre a sintaxe incorreta do login do usuário devido ao ponto.

E agora? O que fazer quando todos os serviços possuem essa sintaxe?
Podemos fazer essa tarefa na "unha" editando os arquivos /etc/passwd , /etc/shadow e /etc/samba/smbpasswd, e ainda renomear o home dos usuários "mv /home/nomesobrenome /home/nome.sobrenome".
Fala a verdade, nem dá tanto trabalho assim. Mas fazer isso para 100, 200, 500 usuários é terrível!

Esse script trata justamente sobre a criação de usuários com o padrão nome.sobrenome e ainda faz isso em lotes!
Basta ter um arquivo nomeado como nomes no mesmo diretorio do script com a seguinte sintaxe por linha:

nomeusuario nome.usuario senha grupopadrao

Espero que ajude a muitos!

  



Esconder código-fonte

#!/bin/bash

#################################################################################################
#                                    #
# ESSE SCRIPT CONTORNA A RESTRICAO ENCONTRADA EM ALGUMAS DISTROS (NO MEU CASO SLACKWARE)   #
# PARA A CRIACAO DE USUARIOS COM UM PONTO NO LOGIN (useradd user.name).            #
# E FUNDAMENTAL POSSUIR O ARQUIVO 'nomes' NO MESMO DIRETORIO QUE ESSE SCRIPT COM A SINTAXE   #
# NOMEUSUARIO NOME.USUARIO SENHA GRUPOPADRAO                     #
#                                    #
#################################################################################################
#                                    #
# Desenvolvido por Charles de Jesus (CeeJay-BR @ Viva o Linux) em 02.11.2011         #
#                                    #
#################################################################################################



#Backup dos arquivos originais do sistema
cp /etc/passwd /scripts/samba/passwd.bak
cp /etc/shadow /scripts/samba/shadow.bak
cp /etc/samba/smbpasswd /scripts/samba/smbpasswd.bak

#Inicio da rotina - Armazena em i cada login contido na primeira coluna do arquivo nomes
for i in $(awk '{print $1}' nomes)
do

#Definindo variaveis
nome1=$(grep $i nomes | awk '{print $1}') #Nome sem o ponto
nome2=$(grep $i nomes | awk '{print $2}') #Nome com o ponto
senha=$(grep $i nomes | awk '{print $3}') #Senha
grupo=$(grep $i nomes | awk '{print $4}') #Grupo

#Verfica se o usuario ja existe:
#Se nao existir o login sem ponto e o login com ponto
if [ -z $(grep $nome1 /etc/passwd) ] && [ -z $(grep $nome2 /etc/passwd) ] ; then

#Adiciona o usuario criando o diretorio /home/$login, adicionando-o ao grupo definido na quarta coluna do arquivo nomes
useradd $i -m -g $grupo

#Aplica a senha definida na terceira coluna do arquivo nomes
echo $i:$senha | chpasswd

#Adiciona o usurio no SAMBA
(echo $senha; echo $senha) | smbpasswd -s -a $i

#Altera os arquivos do sistema: Substitui o login sem ponto pelo login com ponto
sed "s/$nome1/$nome2/g" /etc/passwd > /etc/passwd.tmp
rm /etc/passwd
mv /etc/passwd.tmp /etc/passwd

sed "s/$nome1/$nome2/g" /etc/shadow > /etc/shadow.tmp
rm /etc/shadow
mv /etc/shadow.tmp /etc/shadow

sed "s/$nome1/$nome2/g" /etc/samba/smbpasswd > /etc/samba/smbpasswd.tmp
rm /etc/samba/smbpasswd
mv /etc/samba/smbpasswd.tmp /etc/samba/smbpasswd

mv "/home/$nome1" "/home/$nome2"

cp /etc/passwd /scripts/samba/passwd
cp /etc/shadow /scripts/samba/shadow
cp /etc/samba/smbpasswd /scripts/samba/smbpasswd

else
#Exibe uma mensagem de erro caso o usuario ja esteja cadastrado no sistema
echo "Usuario ja cadastrado!" $nome2
fi

done

Scripts recomendados

Configurando a raiz do seu servidor apache facilmente.

rc.firewall

Monitoração do CBQ

geotables

Script de Instalação de Layer7 no CentOS 6.0


  

Comentários

Nenhum comentário foi encontrado.


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts