openSUSE - Guia pós-instalação

Publicado por Fábio Farias em 19/07/2013

[ Hits: 11.735 ]

 


openSUSE - Guia pós-instalação



Aproveitando a publicação do amigo Edinaldo sobre a instalação do openSUSE usando o LiveCD KDE (nesse link: http://goo.gl/JsqIA), deixo aqui alguns passos a serem realizados para uma primeira configuração e uso do sistema.

Repositórios

Abaixo, segue uma lista de repositórios para o openSUSE. As observações estão abaixo de cada link.

Repositórios Oficiais
  • http://download.opensuse.org/distribution/12.3/repo/oss
  • http://download.opensuse.org/distribution/12.3/repo/non-oss
  • http://download.opensuse.org/update/12.3
  • http://download.opensuse.org/update/12.3-non-oss

Packman

Mais importante, pois contém a maioria dos pacotes para o openSUSE, incluindo os pacotes de multimídia.
  • http://ftp.gwdg.de/pub/linux/packman/suse/openSUSE_12.3

Libdvdcss:
  • http://opensuse-guide.org/repo/12.3

Education:
  • http://download.opensuse.org/repositories/Education/openSUSE_12.3

KDE

KDE Extra (somente se usar essa interface):
  • http://download.opensuse.org/repositories/KDE:/Extra/openSUSE_12.3
KDE Updates (somente se usar essa interface):
  • http://download.opensuse.org/repositories/KDE:/UpdatedApps/openSUSE_12.3

Kernel

Use-o somente se quiser o Kernel mais atual, assim que for lançado. O Kernel estável também está nos repositórios oficiais. A diferença é que ele aparece aqui primeiro.
  • http://download.opensuse.org/repositories/Kernel:/openSUSE-12.3/standard

Libre Office

LibreOffice mais recente – série 4.X:
  • http://download.opensuse.org/repositories/LibreOffice:/Unstable/openSUSE_12.3

LibreOffice mais antigo – série 3.X:
  • http://download.opensuse.org/repositories/LibreOffice:/Stable/openSUSE_12.3

Virtualização

  • http://download.opensuse.org/repositories/Virtualization:/openSUSE12.3/openSUSE_12.3

Para outras interfaces gráficas, acesse o link abaixo: Nele, você escolhe os repos que deseja para variadas interfaces gráficas.

Para versões mais recentes de sistemas de arquivos
  • http://download.opensuse.org/repositories/filesystems/openSUSE_12.3

Mozilla

O Firefox também está nos oficiais, mas as atualizações por este repositório são mais rápidas:
  • http://download.opensuse.org/repositories/mozilla/openSUSE_12.3

Network:
  • http://download.opensuse.org/repositories/network/openSUSE_12.3

VLC

Se gosta do VLC, use esse repositório, mas desabilite o repositório específico do libdvdcss descrito acima, pois vão conflitar.

O repositório VLC contém o pacote libdvdcss.
  • http://download.videolan.org/pub/videolan/vlc/SuSE/12.3

Placas de vídeo

ATI (depende da placa gráfica do computador):
  • ftp://download.nvidia.com/opensuse/12.3

NVIDIA (depende da placa gráfica do computador):
  • ftp://download.nvidia.com/opensuse/12.3

Adicionando os Repositórios

Adicione um repositório, seguindo o modelo abaixo:

# zypper ar --refresh URL apelido

* Note que há um espaço enter a "URL" e o "apelido".

Ex.:

# zypper ar – -refresh ftp://download.nvidia.com/opensuse/12.3 NVIDIA

Após adicionar um novo repositório, execute o seguinte comando:

# zypper refresh

Para atualizá-los novamente, antes de procurar/instalar um pacote.

Se quiser optar pelo YaST, o caminho é:

YaST → Repositórios de Software → Adicionar → Repositórios da Comunidade

Lá se encontram também outras opções para adicionar novos repositórios no openSUSE. É só explorar.

Mais sobre o zypper: http://pt.opensuse.org/Zypper/Uso

Codecs

Para instalar os codecs no KDE, adicione os repositórios Packman e Libdvdcss e execute o seguinte comando:

# zypper install libdvdcss2 libxine1-codecs ffmpeg lame gstreamer-0_10-ffmpeg gstreamer-0_10-plugins-bad gstreamer-0_10 plugins-ugly gstreamer-0_10-plugins-ugly-orig-addon w32codes-all mplayer gmplayer gstreamer-0_10-plugins-good libxine1 libdvdplay0 libdvdread4 libdvdnav4 libmad0 sox libxvidcore4 xvidcore libavcodec52 libavdevice52 libvlccore4 libvlc5 pullin-flash-player flash-player gstreamer-0_10-fluendo-mp3 gstreamer-0_10-fluendo-mpegdemux gstreamer-0_10 fluendo-mpegmux gstreamer-0_10-plugins-base gstreamer-0_10-plugins-good-extra libquicktime0 vlc

Pode instalar esses pacotes também pelo YaST. ou usando o 1-click install.

Para o GNOME, use esse link: http://goo.gl/i3veD

Tradução da interface

A instalação pelo LiveCD não traduz o sistema para nosso idioma.

Mas, se você selecionou o idioma português brasileiro na instalação, na primeira atualização ele instalará os pacotes necessários para isso, além de instalar o Flash Player e alguns pacotes GStreamer, pacotes restritos que não podem estar na mídia de instalação.

Para essa primeira atualização, recomendo o YaST.

Acesse o caminho: YaST X Gerenciamento de Software

Passe à aba ‘Resumo da Instalação” e confira os pacotes pré-selecionados para a instalação. Basta aceitar, para efetuar o download e a instalação.

Se você instalou pelo DVD, esse passo é desnecessário, pois você já terá o sistema no idioma PT_BR.

Java e openJDK

O openSUSE vem com o openJDK (icedtea) e comigo vem funcionando normalmente para aplicações que precisam de Java, como o Banco do Brasil e o LibreOffice.

Sendo assim, em uma situação normal, não necessita alterar isso. Se você ainda assim quer o Java da Oracle, consulte essa dica.

O autor, inclusive, alerta para não usar o pacote RPM (que ele afirma ser uma furada). Não testei esse método, pois como disse, no meu caso não se faz necessário.

Conclusão

Esse é o básico para o uso do openSUSE após a sua instalação.

O openSUSE é muito versátil e um novo usuário que quer utilizá-lo, não pode deixar de explorá-lo ao máximo. Eu gosto do KDE, mas o Gnome e as demais interfaces são tratadas igualmente pelos desenvolvedores, não havendo preferência por nenhuma.

Para quem tem boa velocidade de Internet, eu recomendo uma instalação pelo DVD, que te oferece mais algumas possibilidades já na instalação, ou uma instalação pela rede, onde o usuário pode selecionar a dedo o que deseja.

Abraços!

Outras dicas deste autor

Ajude sua distro: faça download via torrent

Soluções para aplicativos de escritório e os vários formatos de arquivos

GeForce 7300GS no SuSE 10.2

OpenSUSE a partir do pendrive

StarOffice, OpenOffice, BrOffice e finalmente LibreOffice

Leitura recomendada

PNP4 para Nagios Core em Debian/CentOS - Instalação e configuração

Instalando Firefox 5 no Ubuntu - PPA

Canal de vídeo-aulas no Youtube

Convertendo 3gp e amr para mpeg e vice-versa

Constructor Game no Linux

  

Comentários
[1] Comentário enviado por izaias em 19/07/2013 - 01:09h

Parabéns, Fábio.

Faltava mesmo um guia como esse, agrupando tudo num único trabalho.


[2] Comentário enviado por Fabio_Farias em 19/07/2013 - 19:50h

Obrigado Izaías.
Abraços!

[3] Comentário enviado por removido em 21/07/2013 - 07:57h

Segui todos esses passos com sucesso, depois fiz uma copia dessa VM e parti para p Tumblerweed!

Se tudo correr bem, adicionarei as imagens em seu post e as enviiarei a voce caso queiea publicar no VOL.

t+

[4] Comentário enviado por Fabio_Farias em 21/07/2013 - 15:21h

Obrigado Edinaldo pela ajuda!
Na pressa esqueci de capturar algumas imagens do processo do Tumbleweed! Se não for incômodo, aceito as imagens!

Abraços!

[5] Comentário enviado por malokagc em 21/07/2013 - 16:55h

Minha instalação do openSUSE é 12 mas não é KDE, é GNOME.
As informações procedem para instalações GNOME também?

bjs

[6] Comentário enviado por Fabio_Farias em 21/07/2013 - 19:43h

Sim, servem para o Gnome também! Só não usar aqueles repositórios específicos para o Kde.

[7] Comentário enviado por Fabio_Farias em 21/07/2013 - 20:32h

Respondi seu e-mail e postei no tópico aberto sobre partições!
Abraços!

[8] Comentário enviado por thiago0112 em 07/09/2013 - 20:31h

Valeu amigo, acho esta uma grande distro e estou tentando me acostumar a ela, ajudou muito =)

[9] Comentário enviado por Fabio_Farias em 09/09/2013 - 10:00h


[8] Comentário enviado por thiago0112 em 07/09/2013 - 20:31h:

Valeu amigo, acho esta uma grande distro e estou tentando me acostumar a ela, ajudou muito =)


Que bom que ajudou alguém. Precisando, estamos aí.

Abraços!



Contribuir com comentário