Usando Portage em Sabayon Linux - Método Geral, Passo a Passo

Publicado por Alberto Federman Neto. em 04/03/2016

[ Hits: 1.518 ]

Blog: http://www.angelfire.com/wa/brasbeto/

 


Usando Portage em Sabayon Linux - Método Geral, Passo a Passo



1. Introdução

Algumas pessoas sempre perguntam como se usa Portage no Sabayon. Por isso resolvi fazer esta dica, um passo a passo.

Sim, Sabayon é um Linux derivado do Gentoo e é totalmente Gentoo compatível. Porém, algumas coisas podem ser diferentes:

Exemplos, as versões de Portage, às vezes são diferentes. As versões de GCC, nos Sabayons novos, a estrutura dos diretórios de Portage é diferente.

Por esses motivos, geralmente não se recomenda que usuários iniciantes usem Portage junto com Entropy, mas seguindo algumas coisas, sim, é possível fazê-lo:
Experimente por sua conta e risco, mas vamos aos procedimentos.

2. Instalação

Instale um Sabayon Linux de preferência novo, versão nova, após o 15 (o atual é 16.03). Isso porque os novos já tem Portage modificado, modernizado.

Se usar um Sabayon antigo, você precisa modernizar o Portage. Detalhes, veja estes meus artigos:
E esta configuração e comentários dela:

3. Atualize o Sabayon normal, pelo Entropy

# equo update
# equo upgrade

4. Prepare o make.conf

Nos Sabayons novos, o arquivo "make.conf" tem outro nome e localização:

/opt/sabayon-build/conf/intel/portage/make.conf.amd64

Note que é diferente do Gentoo clássico (/etc/portage/make.conf ou /etc/make.conf).

Renomeie o seu, para protegê-lo:

cd /
$ sudo mv /opt/sabayon-build/conf/intel/portage/make.conf.amd64 /opt/sabayon-build/conf/intel/portage/make.conf.amd64.original


Crie um novo arquivo /opt/sabayon-build/conf/intel/portage/make.conf.amd64:

# nano /opt/sabayon-build/conf/intel/portage/make.conf.amd64

(use seu editor favorito)

e copie e cole nele, as linhas desta minha configuração:
Se desejar, edite ou adapte para seu processador. Para isso, encontrará detalhes neste artigo:

5. Verificação

Sabayon é Rolling Release, pode ser que seu Sabayon "Novo" tenha sido rolado de um antigo. Por isso, neste ponto será necessário fazer uma verificação.

Vamos facilitar as coisas para você! Abra seu Gerenciador de Arquivos.

Navegue até a pasta /etc/portage e certifique-se de que ela é "Link Simbólico" de /opt/sabayon-build/conf/intel/portage.
Entre na Pasta /opt/sabayon-build/conf/intel/portage e verifique se dentro, existe um "make.conf" que seja "Link Simbólico" e aponte para /opt/sabayon-build/conf/intel/portage/make.conf.amd64.

Caso existam os links simbólicos, tudo certo. Vá par o item 6.

Se não existirem os links simbólicos, seu Sabayon é antigo e foi atualizado. Cada caso é um caso. Me mande um email em albfneto@fcfrp.usp.br que eu tento te ajudar.

6. Configurando o client.conf

Este é um passo importante. Se não o fizer, o Sabayon vai passar a misturar Entropy com Portage e o Rigo e o comando equo irão te propor downgrades e não upgrades.

Edite o arquivo /etc/entropy/client.conf:

# nano /etc/entropy/client.conf

(use seu editor favorito)

e onde houver a linha "Ignore spmdowngrades" troque "disable" por "enable". Salve o arquivo.

7. Adicione os Overlays:

Adicione os Overlays de Sabayon. Nos Sabayons novos (pois Portage novo) é necessário antes atualizar o pacote layman:

# equo install -av layman
# layman -a sabayon
# layman -a sabayon-distro
# layman -S


8. Atualizar Portage:

Atualize o banco de dados do Portage e ele próprio, como o faria no Gentoo:

# emerge --sync
# emerge -av --newuse --oneshot portage


9. Reatualize o Sabayon:

# equo update
# equo upgrade


10. Instalando o pacote:

Agora pode usar Portage para instalar seu pacote. Geralmente são pacotes que o Entropy não os tem, ou tem em versão antiga.

Verifique antes. Assim:

equo s NOME_DO_PACOTE (veja a versão!)
emerge -s NOME_DO_PACOTE (veja se tem versão mais nova!)

Suponha que a versão mais nova está no Portage. Use-o para instalar:

# emerge -av NOME_DO_PACOTE

Depois que o instalou, sincronize o Entropy com o Portage:

# equo rescue spmsync

11. Arquivos de Configuração

Eventualmente, poderá ter arquivos de configuração a atualizar. Independente se o pacote foi instalado com Entropy ou com Portage, poderá ser atualizando indiferentemente, por UM SÓ destes comandos:

# equo conf update
ou
# etc-update
ou
# dispatch-conf

12. Exemplo prático

Neste exemplo prático, usei Portage para instalar o Navegador Vivaldi, compilando-o direto em Português do Brasil. Primeiro verifiquei:

equo s vivaldi
$ emerge -s vivaldi


Verifiquei que a versão do Entropy (instalador de pacotes principal do Sabayon) era mais antiga. O que é fato, como pode ser confirmado na Web:

Versão Sabayon - Entropy:
Versão Gentoo - Portage:
Então instalei a versão nova, compilando direto em Português do Brasil:

# LINGUAS="pt_BR" emerge -av vivaldi

Eis o Vivaldi, rodando em Sabayon 16.03:

13. O que NÃO SE DEVE FAZER

Para evitar de quebrar seu Sistema, em Sabayon NÃO FAÇA isso:

NÃO TENTE instalar Portage com Entropy. Isso poderá fazer downgrade de seu Portage, mas na maior parte dos casos. A edição do client.conf (conforme o Ítem 6) costuma "segurar" seu Portage na versão mais nova. Portanto não faça:

# equo i portage

NÃO TENTE instalar Entropy com Portage. NÃO FAÇA:

# emerge -av entropy equo rigo

Aqui uma ressalva. Pode eventualmente ser necessário, só em casos de você estar com o Entropy quebrado.

NÃO FAÇA em Sabayon, o comando:

# revdep-rebuild

O comando é só para Gentoo. As versões das bibliotecas dependências podem não ser as mesmas. Se o comando for pedido pelo Portage, substitua-o por:

# equo libtest && equo deptest

Em Sabayon NÃO EXECUTE "source /etc/profile" como root. Para atualizar o ambiente, faça assim:

# env-update (como root)

source /etc/profile (como usuário comum)

NÃO TENTE recompilar o Sabayon inteiro usando o comando:

# emerge -uavDN world

Detalhes: http://www.gentoo-wiki.info/Emerge

Eu já fiz, para testes. Contudo, deve estar tudo certinho e com ambiente gráfico mais ou menos leve, como XFCE. Senão, ou poderá quebrar, ou vai ter problemas com pacotes bloqueadores, máscaras etc.

Se quiser testar como eu fiz, não ligando que possa quebrar, instale um Sabayon XFCE (veja item 2):
Depois, não atualize com Entropy (pule a Etapa 3), parta direto para etapa 4.

14. Conclusão

Tentei fazer um tutorial o mais simples possível (ou o menos complicado possível, Rs!) para que você possa instalar pacotes no seu Sabayon Linux, usando Portage, como o faria no Gentoo.

Boa sorte com seu Sabayon, ao misturar os instaladores de pacotes!

Outras dicas deste autor

MLDonkey - Um cliente P2P para várias redes e para compartilhamento direto

muCommander - um gerenciador de arquivos completo, amigável e fácil de instalar

KDE 5 - Não abre Centro de Controle do KDE [Resolvido]

Navegador/Suíte SeaMonkey em toda e qualquer distro

Gerenciador completo para Sabayon Linux - Smart-Packet-Mania

Leitura recomendada

II Oficina Livre em MG

Libs C realmente alternativos

Instalando Dropbox no ElemenaryOS 0.4 (LOKI)

Instalando o CWP (CentOS Web Panel)

Como criar um pendrive UEFI no Ubuntu

  

Comentários
[1] Comentário enviado por luiztux em 04/03/2016 - 16:19h

Perfeito!

Ótima dica. Parabéns.
-----------------------------------''----------------------------------
Computer users fall into two groups:-
those that do backups
those that have never had a hard drive fail.

[2] Comentário enviado por Joker07 em 05/04/2016 - 22:26h

Parabéns pelo artigo!
Me ajudou muito.

[3] Comentário enviado por slblxs em 14/09/2016 - 18:35h


Sem duvida uma excelente, dica para ter pacotes mais atuais e alguns nem fazem parte do repositorio do Sabayon. Tenho um pc com o windows e estou a pensar instalar um Sabayon xfce, a minha questao e para nao estar a abrir um topico. Não gosto do systemd, e Gentoo demora muito para instalar, as que tenho sao Void, Pclinuxos e Manjaro openrc. E ainda nao instalei o Sabayon, porque utiliza systemd e sei que o Gentoo, tem openrc. A minha duvida é se dá para instalar no sabayon. @albfneto



Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor HostGator.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Artigos

Dicas

Viva o Android

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts