Mudando o nome da máquina

Publicado por Fabio Schevenin em 03/08/2009

[ Hits: 17.444 ]

 


Mudando o nome da máquina



Sempre que instalamos um sistema no PC nos é solicitado em determinado ponto para escolhermos um nome para máquina.

Na maioria das vezes acabamos aceitando o nome default que, geralmente, é o nome do sistema que estamos por instalar. Mas... e depois?

Eu particularmente não gosto de coisas que são definitivas. Aí um dos motivos pelo qual uso Linux: pela facilidade de podermos mudar, mudar, mudar... e sempre podemos mudar ao nosso gosto; ou seja, a la carte. ;)

Pois bem. Pode parecer besteira para alguns, mas como eu acredito que existam outros usuários que gostariam de saber como trocar o nome da máquina no pinguim, por necessidade ou para não ficar na mesmice, aqui vai a dica de com fazê-lo.

Abra o terminal como root e comande (pode-se usar o Nano, o Vim ou o Mcedit):

# mcedit /etc/hostname

Mudei o conteúdo do arquivo, que no meu caso era systemrescue para bio-pc. Após a alteração, salve e feche o arquivo.

Ainda no terminal, vamos alterar outro arquivo; ainda como root, comande:

# mcedit /etc/hosts

Você verá algo parecido com isso:

127.0.0.1   localhost
127.0.1.1   bio-pc.lan bio-pc  #esta linha é a que deve ser alterada (não altere nada além do nome). Feito isto, salve e feche o arquivo.

# The following lines are desirable for IPv6 capable hosts
::1 localhost ip6-localhost ip6-loopback
fe00::0 ip6-localnet
ff00::0 ip6-mcastprefix
ff02::1 ip6-allnodes
ff02::2 ip6-allrouters
ff02::3 ip6-allhosts

Reinicie seu PC. Depois abra um terminal como usuário comum e veja se aparece o nome como você alterou. O meu ficou assim:

bio@bio-pc:~$

Espero que esta dica sirva de ajuda ou pelo menos de curiosidade para alguém. Para mim foi útil.

Um abraço e até breve! ;)

Ass.: Bio

Outras dicas deste autor

HTML com Broffice.org

Leitura recomendada

Protegendo seu sistemas de invasões pelo LILO

Carregando o mapa do teclado no shell

Configurando internet a rádio no Linux (conexão compartilhada)

screenFetch no Fedora 18

Adicionando suas rádios preferidas no Rhythmbox

  

Comentários
[1] Comentário enviado por gabisar em 03/08/2009 - 23:10h

outra maneira de fazer o mesmo é usar hostname novo_nome_da_máquina_aqui como root.

[2] Comentário enviado por will.telle em 12/02/2016 - 08:58h

Obrigado pela dica!



Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts