Instalação da plataforma ROOT no Debian 6

Publicado por Miqueias Melo em 29/01/2013

[ Hits: 3.511 ]

 


Instalação da plataforma ROOT no Debian 6



Olá colegas!

Recentemente tive alguns problemas para instalar um programa de análise de dados no Debian 6. Consegui resolver o problema, então gostaria de contribuir para os que se interessarem por este software.

O software em questão é o ROOT, uma plataforma de análise de dados com fundamentação nas linguagens C/C++ e para uma programação específica orientada a objetos.

É um software livre produzido por pesquisadores do CERN (Organization European for Nuclear Research). Mais informações sobre o ROOT podem ser obtidas no seu site:
Neste site existem as versões para download para cada sistema operacional. Nele você encontrará (se não, basta digitar no Google: root requisites) também alguns requisitos necessários para a instalação do ROOT, além de outros adicionais que podem melhorar a performance e os recursos do programa.

Após baixar o pacote com o código fonte para GNU/Linux, basta descompactá-lo, criando o diretório "root".

Neste arquivo existem alguns executáveis que, por padrão (acredito eu), o Debian 6 não dá permissão para executá-los. Então, antes de qualquer coisa, dê um:

# chmod -R 777 /home/username/root

Obs.: Troque "/home/username" pela pasta referente ao seu usuário.

Isto fará com que as configurações de permissividade atribuídas a todos os arquivos no diretório sejam alteradas, permitindo que o usuário execute, crie, e leia os arquivos.

Isto é importante, pois durante a instalação, o "instalador" do ROOT recorrerá a estes arquivos e criará alguns, de forma que, se isto não for feito, aparecerão falhas no processo.

O procedimento básico de instalação (e a meu ver, o melhor) é instalar o ROOT em uma pasta no diretório do usuário, evitando restrições posteriores. Então, crie um diretório com o nome "ROOT", por exemplo.

Procedimentos para instalação

No diretório com o código fonte e pelo terminal como super usuário, execute:

# ./configure --prefix=/home/username/

Verificação e preparação dos requisitos, caso falte algum, será indicado o que instalar e que pode ser facilmente obtido pelo Synaptic.

# make

Compilação do ROOT, este processo pode demorar dependendo do PC, no meu (Intel Celeron, 2 GB RAM) foram uns 40 minutos, mais ou menos.

# make install
# ldconfig


Pronto, agora o ROOT está instalado. No entanto, é preciso configurar o caminho das "bibliotecas (arquivos.h)". É um diretório nomeado "lib", no qual há outro nomeado root.

Abra pelo terminal o arquivo ".bashrc" (não tente procurá-lo em seu diretório), use:

# nano /home/username/.bashrc

Adicione no fim do arquivo, a linha:

export LD_LIBRARY_PATH=/home/username/ROOT/lib/root:$LD_LIBRARY_PATH

Feche o terminal, abra outro e digite:

# root

Irá aparecer por alguns segundo a imagem de uma mulher "árvore".

Pronto, divirta-se!

Outras dicas deste autor

Debian com terminal realmente transparente

Leitura recomendada

Monitorando interfaces de rede com ifstat

WhatsDesk - cliente WhatsApp não-oficial para Linux

Como rodar o Firefox3 em seu Debian Etch

TweetDeck com as cores do Gnome

Usando o Mageia Welcome

  

Comentários

Nenhum comentário foi encontrado.



Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts