Incentivando o uso do Webm, formato aberto de "codec" (conteiner) de vídeo

Publicado por Giovanni M em 22/06/2016

[ Hits: 4.617 ]

 


Incentivando o uso do Webm, formato aberto de "codec" (conteiner) de vídeo



Para os defensores do software livre e do código aberto, deixo aqui a minha sugestão desse excelente container desenvolvido pelo Google, o Webm é um formato de container de vídeos que suporta vídeos codificados por codecs VP8 e VP9 e os formatos de áudio nos codecs Vorbis e Opus.

Para os novatos que ainda não sabem a diferença entre codec, formato de codificação e container, segue o link:
O Webm é equivalente ao H264, o formato começou a ser adotado pelo Google a alguns anos mas ainda não é muito comum, por se adequar aos padrões do HTML5 e ser livre de royalties, foi suportado em praticamente todos os navegadores atuais, inclusive o do tio Bill, também é possível assistir aos vídeos sem necessidade de um software de vídeo nativo, basta clicar no botão esquerdo e abrir o vídeo no próprio navegador web, segue uma imagem como exemplo, vídeo em webm rodando diretamente no Midori Browser.
Linux: Incentivando o uso do Webm, formato aberto de “codec” (conteiner) de vídeo.
O Winff já tem as opções do webm com codecs pré-definidos, facilitando para quem não quer usar o terminal.
Linux: Incentivando o uso do Webm, formato aberto de “codec” (conteiner) de vídeo.

Por quê Webm

O Webm não necessita de plugin adicional, como o maldito flash, tem suporte nativo no Google, Firefox, Opera, e Edge , além da questão ideológica, de incentivar tecnologias livres ou abertas, o webm é bom! Não adianta algo ser código aberto ou livre se não for uma tecnologia que cumpre com qualidade o que se propõe a fazer, e o webm faz! Tem total condições de substituir o "H26X", tanto o é que o Google já esta mudando o YouTube para trabalhar em webm por padrão.

Não para por aí, incentivando o Webm você pode estar ajudando futuramente os desenvolvedores do seu browser preferido, a Fundação Mozilla teve que desembolsar alguns milhões de dólares para poder dar suporte ao H264 no seu navegador no passado, atualmente o H264 esta licenciado de forma livre de royalties, mas isso só se refere ao H264, Nada impede que amanha apareça mais um formato que se torne popular e venha exigir royalties, com o webm isso não existe, uma economia enorme para a fundação Mozilla e demais interessados que podem reservar esse recurso para investir em novas tecnologias livres ou open source.

Edite e salve seus vídeos em webm, faça conversão de vídeos, na medida do viável, de outros formatos para o webm quando for disponibilizar vídeos no YouTube ou outros meios de acesso público.

O webm é um formato conteiner desenvolvido e licenciado pelo Google.

Vp8 e Vp9 são codecs adquiridos e licenciado pelo Google.

As tecnologias citadas acima estão na categoria open-source, não são software, desenvolvedores devem estar atentos a licença de uso e possíveis restrições caso desejam desenvolver trabalhos derivados.
Vida longa ao HTML 5, vida longa ao webm, chupa flash, chupa h264!!!

As minhas referências:
Esta dica foi escrita por min e conforme lei 9.610/98 meus direitos estão assegurados, portanto eu permito a copia e reprodução gratuita, seja total ou parcial, não acarretando qualquer onûs financeiro aos interessados, porém, vedo o uso para fins lucrativos e toda reprodução para o público deve citar a fonte extraída, no caso o Viva o Linux, a referência deve estar numa fonte de tamanho igual ou maior a do texto, obviamente que os links citados não estão sujeitos ao mesmo termo, para mais esclarecimentos: http://www.pucio.br/sobrepuc/admin/vrac/plagio.html

Outras dicas deste autor

Problema de Tearing no Chip Gráfico do Intel Skylake [Resolvido]

Instalando o XFCE mínimo

Script para instalação do Fluxbox no Void Linux

Screenshot com MAIM - Um programa simples, leve e ideal para WMs

Gerenciando abas no Chrome/Chromium com XTABS

Leitura recomendada

Extensões (Webmaster) do Firefox

Netflix no Firefox (Debian) - Error: Request mediaKeySystem access rejected: EME has been preffed off [Resolvido]

Programação orientada à objetos em JavaScript

Origens de spam - Investigando e colhendo informações

Palheta de cores utilizando Json e Javascript não obstrutivo

  

Comentários
[1] Comentário enviado por SamL em 23/06/2016 - 19:29h

Vendo a imagem lembrei disso:

Vocês fizeram das suas, garotos.
Arruinaram meu sonho de conseguir a vida eterna.
...
Espero, que estejam preparados para ter uma morte de arrepiar.
by Freeza

[2] Comentário enviado por Giovanni_Menezes em 23/06/2016 - 19:44h


[1] Comentário enviado por SamL em 23/06/2016 - 19:29h

Vendo a imagem lembrei disso:

Vocês fizeram das suas, garotos.
Arruinaram meu sonho de conseguir a vida eterna.
...
Espero, que estejam preparados para ter uma morte de arrepiar.
by Freeza



A melhor batalha de DB, acompanhei pela primeira vez pela band.

[3] Comentário enviado por SamL em 24/06/2016 - 05:53h


[2] Comentário enviado por Giovanni_Menezes em 23/06/2016 - 19:44

A melhor batalha de DB, acompanhei pela primeira vez pela band.


É mesmo, fora isso freeza foi o mais odiado por mim e o que tive mais medo também rsrsrsrs Também acompanhei em 2000 pela Band, época boa essa de assistir desenho e ir pra escola rsrsrsrs
Esse novo DBZ nem chega perto do primeiro.



Contribuir com comentário