Impressora HP Color LaserJet 2600n USB (e similares) no GNU/Linux

Publicado por Wilker Azevedo em 20/08/2014

[ Hits: 4.656 ]

 


Impressora HP Color LaserJet 2600n USB (e similares) no GNU/Linux



Esta dica vai para você que está louco para usar esta impressora (ou outras similares) no GNU/Linux, porém, a HP não disponibiliza o driver para ela, e o pior de tudo... mesmo o CUPS/HPLIP reconhecendo e configurando, ainda não funciona.

Todo mundo que buscou uma solução e conseguiu usar esta impressora no GNU/Linux, provavelmente, está usando ela via rede através do driver fornecido no site foo2hp.rkkda.com/, onde o autor explica que é possível usar ela via rede.

No entanto, apesar de não constar no site, também é possível usar via USB, já que em casos mais simples, "não queremos" deixar um switch ligado só para a impressora. Ou precisamos da placa de rede do PC para a net e ainda não queremos colocar mais uma placa de rede no PC.

Por tanto, aqui vai a dica sobre como utilizar a impressora na porta USB.

Remova a instalação da impressora caso exista.
Através do terminal, baixe o driver como o autor determina:

wget -O foo2zjs.tar.gz http://foo2zjs.rkkda.com/foo2zjs.tar.gz

Depois, descompacte:

tar zxf foo2zjs.tar.gz

Agora, entre no diretório dele e compile:

cd foo2zjs
make

Baixe os arquivos referentes à sua impressora (2600n, como exemplo):

./getweb 2600n

Obs.: veja o arquivo INSTALL para outros modelos.

Agora, como root, instale o driver:

# make install

Caso queira usar o CUPS para gerenciar, rode isto:

make cups

Aqui vai o segredo para usar via USB, ao invés da rede (como root):

# lpadmin -p "NAME" -v "URI" -E -P /usr/share/cups/model/file.ppd.gz

Onde:
  • "NAME" é um nome qualquer para a impressora.
  • Em "URI", é que você colocará o caminho via USB, ao invés do endereço de rede.

Para pegar este caminho, vá na página do CUPS da sua máquina e faça como se estivesse instalando-a por lá. Quando chegar na URI (ex.: usb://HP/Color%20LaserJet%202600n?serial=KX30747), copie e cole neste comando.

Cancele a instalação do CUPS e continue por aqui.

No lugar de file.ppd.gz, coloque o arquivo correto relacionado a sua impressora, no caso da 2600n: /usr/share/cups/model/HP-Color_LaserJet_2600n.ppd.gz.

Pronto! Execute o comando e sua impressora estará pronta para uso.

No entanto, ainda não é a impressora padrão. Para tornar padrão, execute isso (como root):

# lpadmin -d "hp2600n"

Agora, sim!
Para testar, imprima qualquer coisa.

Lembrando que na configuração padrão do driver, a folha é "Ofício" e a cor é "Mono". Então, vá no CUPS e mude a configuração padrão dela para o seu uso, que geralmente é A4.

Mas, em qualquer momento quando for imprimir, dá para personalizar as configurações de impressão para aquele momento.

Sabemos que a qualidade de impressão no GNU/Linux não é tão boa quanto no Windows, e isso me deixa muito triste. No entanto, neste caso, até que ficou muito boa!

Outras dicas deste autor

Corrigindo ć no Firefox (ATUALIZADO) - 2009 (32 e 64 bits)

Multi boot com ELILO (Linux + Windows 8)

Adobe CS: Creative Suite for Linux

Onde está o autopackage?

Slackabduction - Excelente site de pacotes para Slackware

Leitura recomendada

ZTE V821: Android Dual Sim

Gerenciador de TouchPad

Configurando seu IntelliMouse ExplorerPS/2 no Fedora

Configurar teclado ABNT2 no Slackware 14 - 64 bits

Ativando WFI Realtek e Ralink no Debian 8 Jessie

  

Comentários
[1] Comentário enviado por karlsilva em 20/08/2014 - 13:06h

Olá Wilker Azevedo,

Estava dando uma olhada em sua publicação e gostei muito. Mas, gostaria de perdi-lhe um favor.
Tenho um Scanner de mesa HP Scanjet 200 que não consigo instalar em meu Ubuntu de forma alguma, você poderia me ajudar a fazer uso deste equipamento e meu notebook?

Desde já felicitações.

Carlos Silva

[2] Comentário enviado por cytron em 20/08/2014 - 21:55h

Olá karlsilva!

O suporte a scanners no Linux é operado pelo SANE, muitos scanners HP são suportados. No entanto, o seu modelo é um dos "poucos" fora da lista. Talvez seria possível fazê-lo funcionar configurando um modelo próximo, esta técnica funciona com impressoras, mas nunca testei com scanners.

Procurei na lista e não encontrei nada com 3 dígitos no modelo.
Provavelmente seu caso não terá solução até que alguém disponibilize um driver.

Maiores detalhes, consulte na lista do SANE: http://www.sane-project.org/cgi-bin/driver.pl?manu=HP&model=&bus=usb&v=&p=

[3] Comentário enviado por albfneto em 21/08/2014 - 16:19h

Gostaria de lembrar que muitas multifuncionais da marca HP são fácilmente configuráveis com o pacote HPLIP.
Exemplo, a minha é uma 2520 e funciona com HPLIP.

[4] Comentário enviado por cytron em 22/08/2014 - 10:15h


[3] Comentário enviado por albfneto em 21/08/2014 - 16:19h:

Gostaria de lembrar que muitas multifuncionais da marca HP são fácilmente configuráveis com o pacote HPLIP.
Exemplo, a minha é uma 2520 e funciona com HPLIP.


Muito bem lembrado. E uma coisa MUITO interessante na "maioria" das distros, é que basta você conectar a impressora (nem todas) pela primeira vez e "perceber" que está pronto para imprimir, pois já foi automaticamente detectada e instalada. Mas no windows também costuma ser simples, uma HP por exemplo, basta instalar um pacotão com mais de 200 MB que leva mais de 30 minutos! kkkkkkk Brincadeira gente, eu gosto do windows, só não uso ele, mas já ganhei muita grana formatando PC, removendo vírus, ..., em fim, trabalhando como técnico.



Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts