Fedora 7 Live: instalação em computadores com pouca RAM

Publicado por Davidson Rodrigues Paulo em 28/07/2007

[ Hits: 7.617 ]

Blog: http://davidsonpaulo.com/

 


Fedora 7 Live: instalação em computadores com pouca RAM



O Fedora 7 Live é uma excelente alternativa para divulgar e instalar o Fedora 7. Por ser um live CD, podemos ter uma prévia do sistema em funcionamento e só então instalá-lo. Além disso, é uma boa solução para instalar o Fedora em computadores que não possuem leitor de DVD.

Infelizmente, instalar o Fedora 7 Live num computador com pouca memória RAM pode se tornar uma tarefa um tanto quanto ingrata. O ambiente desktop GNOME com todos os seus serviços consome uma quantidade e memória que faz com que qualquer tarefa seja muito penosa, em especial a instalação. Há, no entanto, uma forma de contornar essa dificuldade e executar o instalador em computadores com 256 MB de memória ou menos, com um desempenho bastante satisfatório.

Primeiramente, inicie o sistema com o live CD do Fedora 7 e aguarde sua inicialização. Quando aparecer a tela de login, repare que há uma mensagem na parte inferior dizendo que o sistema inicializará a sessão para o usuário fedora automaticamente em 60 segundos. É exatamente esse tempo que temos para fechar o gerenciador de login.

Pressione a seqüência de teclas Ctrl+Atl+F1 para ter acesso ao primeiro terminal do modo texto. Uma vez no terminal, faça login como root, não será solicitada a senha. Uma vez autenticado, alterne para o nível de inicialização 3:

# init 3

Isso fará o gerenciador de login fechar e junto com ele o servidor gráfico. Agora, inicie uma nova sessão do X vazia rodando tão somente o instalador no Fedora:

# X :0 & sleep 5 ; DISPLAY=:0 liveinst

Pronto. Será aberta uma sessão vazia do X e, em alguns segundos, o instalador do Fedora será inicializado, rodando a uma velocidade bastante satisfatória já que o consumo de memória será mínimo.

Outras dicas deste autor

Como estudar melhor e aprender mais

Instalando fontes do Android no Slackware/Zenwalk

Como usar o Dnsmasq para criar um cache de DNS local

Traduzido o guia PHP-Nuke for Idiots

Montando partições remotas do SAMBA no boot

Leitura recomendada

Pepper Flash plugin no Ubuntu 16.04 [vídeo]

Instalando Skype no Fedora 26

Seu GRUB está cheio de linhas?

Habilitar protocolos FTP e SMB no Thunar (XFCE)

Usando o Grip para ripar CD's

  

Comentários

Nenhum comentário foi encontrado.



Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts