Facilitando o uso de comandos no Linux com alias

Publicado por Mauricio Ferrari em 29/04/2020

[ Hits: 866 ]

Blog: https://github.com/mxnt10

 


Facilitando o uso de comandos no Linux com alias



Comandos muito grandes podem ser difíceis de ser lembrados ou demoram muito para serem digitados. Por isso, apresento usa solução até conhecida no Linux, o Alias. Seu uso é muito simples e pode também ser usados inclusive para quem quiser melhorar simples comandos.

Ele é usado dessa maneira:

alias novocomando="comando -parametros"

ou

alias novocomando='comando -parametros'

Os dois funcionam. Eu já testei.

Porém, as instruções devem ser inseridas no arquivo .bashrc presentes no diretório do usuário. Em algumas distribuições tem também o /etc/bash.bashrc, que aplica os aliases para todos os usuários. Em distribuições baseadas em Debian é fácil. Em um terminal abra qualquer um desses arquivos com um editor de sua preferência.

vim ~/.bashrc

ou

sudo vim /etc/bash.bashrc

E insira os alias de sua preferência. Por exemplo:

alias atualizar="apt-get --upgrade"
alias renovar="apt-get --update"
alias install="dpkg -i"
alias remove="dpkg -r"

Isso também funciona.

alias cls='clear'

Porém, se você está usando o Slackware você não vai encontrar esses arquivos e pelos meus testes só é eficiente o ./bashrc no diretório do usuário.

Em um terminal, use esse comando para criar o arquivo:

touch ~/.bashrc
$ chmod 755 ~/.bashrc
#Eu uso por garantia

Novamente, use o editor de sua preferência para abrir. No caso do Slackware vai ser mais interessante usar esse recurso.

alias upkg-n="upgradepkg --install-new"
alias upkg-r="upgradepkg --install-new --reinstall"

Dá para ter uma noção do que eu estou falando. Além disso, você irá criar os alias conforme sua distribuição.

Até a próxima.

Outras dicas deste autor

Repositórios para o Slackware Current para inserir no Gslapt

Resetando as Configurações do .Xresources

Instalando o ExMplayer no Deepin 20

Desativar Abertura de Diretório ao Plugar Mídias USB no Linux Mint 20

uGet no Linux Mint 20 com suporte a Torrent

Leitura recomendada

Substituindo o calendário do LXDE pelo Orage

Pip e Pip3 no FreeBSD

Dando uma penteada final no Ubuntu

Consertando boot negro do (K)Ubuntu 7.10

Alternativas ao GNOME Shell no Fedora 19

  

Comentários
[1] Comentário enviado por mauricio123 em 29/04/2020 - 13:44h

Aqueles exemplos para o Slackware são funcionais só como root.

# touch /root/.bashrc

Só para complementar.



Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts