Vivência: PC com Kurumin no Carrefour, minutos curiosos

Publicado por mim inicialmente no fórum do Kurumin, esse artigo demonstra como está evoluindo o conceito das pessoas com relação ao software livre. De crianças a idosos, o artigo fala de um experiência prática que tive observando o comportamento de pessoas na frente de um PC com Linux, nas lojas Carrefour. O artigo se divide em dois "capítulos", ou seja, dois dias de experiências.

[ Hits: 24.353 ]

Por: Júlio César Bessa Monqueiro em 27/03/2006


10 de julho de 2005



AVISO: Este artigo também localiza-se no fórum do Kurumin, porém é também de minha autoria.

Dia 10 de julho estive no Carrefour São José dos Campos - SP. Entrei na loja e vi um Amazon PC com o Kurumin 4.2 no hall de entrada, em oferta. Minha primeira reação foi de quase chorar de alegria. O PC estava 1299 reais, enquanto um de mesma configuração estava por volta de 1700, com Windows.

Bom, todo tempo que observei, vi que o monitor desligava em certo tempo. Pensei: é a configuração no KDE. O mouse e o teclado estava desconectado e quando cheguei lá, o PC desligado. Conectei os cabos, liguei o PC, configurei o KDE pra não desligar o monitor e ativei as barras laterais (karamba) pra ficar mais atraente. Desconectei os cabos do teclado/mouse novamente, isso é uma medida da loja, contra usuários leigos. Fiquei lá perto, ouvindo o que as pessoas diziam. As crianças passavam e falavam: - olha pai, que legal! E tentavam mexer. Os adolescentes, vislumbravam com aquilo e queriam por que queriam olhar e "fuçar". Mas o mouse estava desconectado.

Os adultos se surpreendiam era com o preço. Alguns tinham conhecimento raso em Linux, sabia ao menos do que se tratava. Outros, mais leigos, sabiam que era algo diferente e ficavam olhando e tentavam mexer. Aquele monitor com um pinguim pulando no lago era um objeto que todos paravam para olhar, era surpreendente, todos que passavam em frente paravam para olhar. Outros, perguntavam ao vendedor o que era aquilo.

Mas fiquei triste com dois casos, eles idênticos. Vou contar um deles. Um rapaz, com sua família, se interessou pelo PC e quis levar. Chamou o vendedor e fez uma pergunta que cortou meu coração: - Tem como vocês instalarem o Windows XP pra mim? O vendedor disse que não, aí o rapaz disse à mãe dele: - É só levar à uma loja de informática que eles instalam.

Eu fico meio triste com essas pessoas que ao menos não perguntam se é bom, pessoas que nem chegam a experimentar, por um preconceito imposto pelas grandes do "business". Mas tudo bem, afinal isso é um processo natural, o bom é que esse sistema divino ( GNU/Linux) está sendo levado já às lojas e enviando o espírito linuxista à todos que queiram fazer parte desse já consagrado triunfo.

    Próxima página

Páginas do artigo
   1. 10 de julho de 2005
   2. 10 de outubro de 2005
Outros artigos deste autor
Nenhum artigo encontrado.
Leitura recomendada

Filosofia do Open Source, um novo jogo?

Servidor de monitoramento Nagios

Configurando o more.groupware no GNU/Debian

Soluções: open source ou proprietária? Salada mista!

Clip no Slackware (compilador Clipper)

  
Comentários
[1] Comentário enviado por m3ocs-d4rksun em 27/03/2006 - 15:02h

viva as 3 menininhaaasss!!!!
ow.. essa historia emociona.. ahuauha
parece conto de fadas com final feliz.. =~
mas tinha que terminar assim:
as 3 meninas comprar o PC e vivem felizes para sempre
[]'s darksun

[2] Comentário enviado por chronos em 27/03/2006 - 15:09h

é muito interessante estas experiências, sabádo passado, 25 de Março, houve o flisol em toda a américa latina, minha cidade, São Carlos, foi uma das que participaram.

Usamos o espaço do SESC São Carlos para palestras e conseguimos instalar Ubuntu 5.10 em 4 dos 15 computadores da sala de Internet Livre do SESC e colocamos 1 live cd Kurumin em um dos outros computadores, no total, 5 micros rodando Linux e o pessoal usando normalmente.

Foi muito interessante ver que a criançada não se intimidou com o ambiente diferente e com um minimo de instrução começaram a usar e cheguei a ver alguns falando para seus amigos como era, ensinando e por ai foi.

O sucesso esta ai e só vai crescer :).

[3] Comentário enviado por fchevitarese em 27/03/2006 - 15:11h

kra... legal seu artigo!! realmente tb me sinto muito feliz pelas pessoas estarem começando a se interessar pelo linux!
Agora descordo de ti, quando vc coloca que cortou seu coração ao ver o garoto pedindo Rwindows!!!

Acontece primeiro que gosto não se discute! Lamenta-se! (rsrsrs)
Ele deve saber apenas mexer com windows!!! não espere que as pessoas deixem de utilizar o windows de uma hora pra outro pois vai se frustrar!!

Abraços

[4] Comentário enviado por agk em 27/03/2006 - 16:12h

Bacana, o que pode-se concluir com esse artigo é que mentes abertas percebem com maior facilidade o que é melhor e não tem resistência a mudanças. Outro ponto que pode-se perceber é que a pirataria ainda é um grande problema frente ao Software Livre.

[5] Comentário enviado por reimassupilami em 27/03/2006 - 19:00h

cara, que interessante sua experiência, muito legal mesmo, adoraria presenciar isso também...

é o que eu digo sempre, o linux não é mais dificil, apenas é diferente, é uma questão de cultura mesmo... sempre dou o seguinte exemplo: por padrão, todos as escolas de informatica quando dão o curso de informatica basica para crianças e adolescentes, aquele primeiro contato mesmo, sempre ensinam o que? windows + MSOffice, entao eles aprende isso e fica por isso mesmo, sem nem mesmo sonhar que existe outra coisa, outra opção... Fica pra eles que computador significa windows, e "digitar trabalho" significa MSOffice, ehhe...

seguindo o mesmo raciocinio, se uma escola de informatica usasse linux e OpenOffice pra esse primeiro contato, a informatica basica, concordam comigo que iriam aprender da mesma forma? derepente quando pegassem um windows iam chingar ele, ehhehe... mas nao por ser melhor ou pior, apenas é DIFERENTE...

é isso ae cara, otimo artigo, ta de parabéns... espero que publique o próximo o mais rápido possivel...

[6] Comentário enviado por john.fernando em 27/03/2006 - 19:04h

Muito bom kra.
É interessante perceber como é a reação de pessoas que teoricamente não mexem ou nunca mexeram com informática. Grande parte das pessoas usa windows porque foi isto que aprenderam como informática, pra elas informática é windows e ms office.
Valeu!

[7] Comentário enviado por robertlucas em 28/03/2006 - 03:06h

Isto sera cada dia mais comum daqui pra frente...
Com este aumento de usuarios linux no Brasil e tambem no mundo esta cena daqui uns 3 anos será algo comum para nós.
O comentario do 'reimassupilami' é real, o pessoal acho que computador é windows e trabalhos é MSOffice.
A algum tempo voltei a utilizar o Linux em minha residencia, muitos amigos e conhecidos chegam aqui, olham e a principio gostam do visual e tal, mas ja vao de cara perguntando onde tem 'os programinhas que costumam usar no dia-a-dia deles' ai tento mostrar-lhes as opçoes que o linux em para a mesma tarefa e tal, no final acabam gostando do desempenho do sistema e do resultado conseguido.
Ontem chamei um amigo que trabalha amadoramente com graficos (Photoshop), e apresentei a ele o The Gimp, ele meio relutante sentou na cadeira e começou a analisar o programa, depois com uma ajuda minha fui ajudando-o a achar as ferramentas que ele precisava pra executar o que queria, no final ele aprovou tanto o programa, que pediu que eu copiasse uma versao para windows do programa pra ele... Hoje ele ja me mostrou alguns trabalhos que realizou como teste no The Gimp, e disse que em pouco tempo larga o PS de vez e migra p/ o Gimp. Em suma, o que falta hoje em dia ao usuario 'comum' é conhecer o que tem no linux e realizar as tarefas que necessita normalmente. Proximo passo com este amigo é migrar de sistema operacional definitivamente... Ja marcamos para eu instalar uma versao do linux para ele... Ao poucos ele ira abandonar o windows, se Deus quiser...
Bem, para popularização total do GNU/Linux no Brasil, so necessitamos de palestras nas cidades e cursos basicos para iniciaçao no sistema, depois disso, a pessoa podera escolher o que achar mais conveniente para ele. O que esperamos e contamos que seja o Linux.

Parabens pelo artigo juliocbm ... =]

[8] Comentário enviado por nico_di_mafre em 28/03/2006 - 08:41h

Muito bom este artigo, isto reforça ainda mais nossas espectativas de que em breve o Linux se tornara realidade em Desktop, pois os servidores ja dominamos, as estações de trabalho estamos pau a pau e agora estamos invadindo os Desktop.

[9] Comentário enviado por imavebr2 em 28/03/2006 - 08:57h

Concordo com o pensamento de vcs ...
O pessoal só usa Windows porque quando aprenderam informática foi ele apresentado.
Sabe com esses projetos de inclusão digital (a maioria com linux) e as escolas começando a dar seus primeiros pulos com linux (pelo seu custo) acredito que em um futuro próximo essa molecada que esta vindo um dia vão dizer:
"Windows ? O que é isso ?" ou talvez "Serio que não usavam linux antigamente ? Porque ? ... rs
Da mesma forma que e natural usar windows hoje e meio estranho usar linux, no futuro será natural o oposto tb.

E quanto ao o pessoal de hoje (geração windows) so não usam por puro preconceito ....

A um tempo atrás havia instalado linux em uma partição do notebook de meu primo, esses dias ele chegou do Canada e trouxe um note novo de lá, o interessante que quando falei com ele ele comentou:
“Poh, infelizmente não veio com linux, quando for na tua casa posso levar o note para vc coloca-lo ?”
Isso sem eu ter ficado fazendo barrulho na orelha dele, nem sabia que ele estava usando o linux, apenas dei uma opção a ele, e ele teve coragem de quebrar a barreira do preconceito ... o problema e que nem todos dão essa chance a linux ... ou seria a si proprio ?

Bem é isso ...
Parabéns pelo artigo são essas coisas que nos dão forma para continuar na luta .... e viva o linux, viva a liberdade ...

[]'s mave

[10] Comentário enviado por reimassupilami em 28/03/2006 - 09:19h

verdade, quem chega e ve nossos pcs sempre se encantam primeiramente pelo visual né? engraçado isso, mesmo não sendo proposital é um grande chamativo...

quanto ao preconceito, acho que não é isso não cara, ou se for deve ser o mínimo... isso que parece preconceito na verdade é resistencia ao 'novo', sabe? as pessoas se acomodam com o que está resolvendo seus problemas e não querem de forma alguma partir pra outra coisa, elas não veem uma grande vantagem nisso... de certa forma elas tem alguma razão: estamos falando aqui de linux, migração, mas temos que ser onestos, o grande problema mesmo é o preço do windows, temos q admitir que ele é um sistema operacional que resolve também, ele também tem lá as suas vantagens... então se o cara tem lá o win98 em casa, e ta satisfazendo ele nunca que ele vai querer experimentar um linux, não por preconceito, mas sim por comodidade, entendem? de qualquer forma, gente, temos que discutir isso tudo colocando o linux como uma opção, e não como uma imposição, senão estaremos sendo iguais à MS que tende a impor os seus produtos, cercando os usuários por todos os lados, ehhehe...

um outro grande problema que estou enfrentando no trabalho é quanto à utilização de alguns softwares chatinhos que não rodam no linux e não tem versão pra ele... no trabalho temos cerca de 16 máquinas, que gostariamos de mudar tudo para linux, por causa do alto custo que seria comprar todas as licenças... porém, alguns programinhas como conectividade social, sefip, sicalc, entre outros mal rodam no windos, imaginem no linux...

mas isso tudo acredito que mudará em breve, é a tendência, as empresas já estão se ligando que terão que se adaptar e produzir seus softwares com versão linux, senão ficam para traz mesmo...

[11] Comentário enviado por xsara em 28/03/2006 - 12:54h

eu sou iniciante no Linux, mas posso dizer que a minha mãe sente dificuldades com o Windows e ela consegue mexer mais no Linux... eu fiquei sabendo que o Linux existia no meu primeiro estágio, quando vi a turma usar e vi aquele desktop tão lindo, que só os sistemas Linux são capazes de fazer...
meu computador tem o Rwindo$$ XP e o Kalango, só posso dizer que hoje eu uso muito mais o Kalango que o XP, aliás pq essa droga reinicia o tempo todo, tá cheia de falhas...
já o Linux por mais que seja difícil sempre tem alguém na net com o mesmo problema e outras pessoas com soluções, considero o OpenOffice muito superior ao Microsoft Office e percebo que o computador roda muito mais fácil com o Linux, até o mouse tem um desempenho muito superior.
Quanto mais eu conheço a comunidade Linux mais fico feliz em saber que não sou a única pessoa que procura algo diferente.
Viva o Linux e se livre das drogas (Windows XP)!!!

[12] Comentário enviado por removido em 28/03/2006 - 14:21h

eh eu nasci em São José quando fui fazer compra com minha tia e meu pai kara q feliz q eu fiquei cheguei ate a falar com o gerente dando os parabéns....muito loko esse esquema...estamos vendo como o ser humano evolui!!!

[13] Comentário enviado por pedru em 28/03/2006 - 15:16h

Eh isso ae cara! eu ja passei por isso tbm! mtas maquinas aqui da minha cidade ja vem com o Linux e como tenho firma de informatica fico por dentro do que esta acontecendo!
Mas o numero de Pinguins vem aumentando cada vez mais! =)

Entao mas se configurarem legal voltado pra criançada (veja nos meus screenshot tem um tema do NEMO) eles ficam DOIDOS meo! uahuhaha
Mto bom isso!
Vlw Galera!
Um Abraço!

** Seja livre, use Open Source **
Milhoes de mentes nao podem estar engandas!

[14] Comentário enviado por pedru em 28/03/2006 - 15:17h

Eh isso ae cara! eu ja passei por isso tbm! mtas maquinas aqui da minha cidade ja vem com o Linux e como tenho firma de informatica fico por dentro do que esta acontecendo!
Mas o numero de Pinguins vem aumentando cada vez mais! =)

Entao mas se configurarem legal voltado pra criançada (veja nos meus screenshot tem um tema do NEMO) eles ficam DOIDOS meo! uahuhaha
Mto bom isso!
Vlw Galera!
Um Abraço!

** Seja livre, use Open Source **
Milhoes de mentes nao podem estar engandas!

[15] Comentário enviado por rodrigo_leonel em 28/03/2006 - 20:57h

Cara foi por um motivo totalmente diferente desse cara que eu comecei a mecher no Linux e até hoje eu uso somente isso em casa. A curiosidade é quem mostra que o ser humano pode evoluir, e evoluir a níveis que nem podemos ter noção.

[16] Comentário enviado por removido em 29/03/2006 - 01:29h

Eu uso Linux desde os primórdios do Conectica Guarani, e desde lá notei uma graaande melhora na facilidade e praticidade de trabalho.
Tanto que, minha mãe fez um desses cursos (que segundo ela é de informática, eu contesto dizendo que é curso de win + m$ office) e após eu ter apresentado para ela meu Fedora Core 3 no notebook, nunca mais quis usar aquele outro sistema. Ela usou tbm o Kuruma sem problema algum.
Meu pai que mal sabia teclar a letra A no teclado usou sem problemas, e hj ele escuta as musicas dele, roda alguns jogos que ele curte, assiste algum filme.
A esposa dele faz os trabalhos do colégio dela na boa na suíte OppenOffice e segundo ela, é muito melhor de usar que o M$ Office.
Minha irmã, agora com 9 anos, desde os 6 usa Linux (na época um Fedora Core 1) e jamais teve problemas com nada. Ela acessa os jogos dela, alguns programas educativos, escuta as músicas, etc... O grande problema foi é fazer rodas aqueles jogos que vem em revista de criança, que infelizmente a mentalidade das editoras é de salvar um maldito de um flash em EXE ao invés de salvar em SWF para que possa ser usado em qq plataforma.
E essa história eu conto pra todo mundo que eu conheço, para mostrar que o Linux é simples sim, basta ter um pouco de boa vontade de aprender algo novo.
Ps.: Tenho um colega de trabalho que diz: Linux? Nunca usei essa merda e nunca vou usar.

[17] Comentário enviado por juliocbm em 29/03/2006 - 08:57h

"Tenho um colega de trabalho que diz: Linux? Nunca usei essa merda e nunca vou usar. "

Isso é a famosa ignorância, pessoas que, como disse no texto, não querem aprender nada de novo, e sim ficarem num mundinho fechado.

Quanto aos joguinhos de Flash em EXE, eu emulo-os facilmente pelo Wine.

PS.: Obrigado a todos pelos comentários. Isso pra mim é o verdadeiro reconhecimento de um trabalho.

Abraços

[18] Comentário enviado por removido em 29/03/2006 - 12:57h

Isso só daria certo se os frabricantes condicionacem a garantia do produto ao uso obrigatório do linux no pc comprado, eu já havia atendido (quando trabalhava no Carrefour) vários casos de pessoas que compravam o tal pc e colocavam o Rwindows e não conseguiam con figurar, na loja onde trabalhava nos não davamos garantia pois o cliente descaracterizava o produto mudando o sistema operacional e como problemas com configuração é problema de quem muda a configuração isso sempre acabava na jústiça e com os juizes não manjam nada de computadores eles acabavam dando a causa a favor dos clientes que não sabem nem para que serve um mouse.Resumindo o cara compra além de não usar o linux se ele não conseguir configurar o produto nós ainda tinhamos de configurar o Rwindows pirata que ele comprava (pois o juizes na maioria nem sabem que o windows tem licença e que esta é paga (pelo menos os daqui de porto alegre)).


sniper!

[19] Comentário enviado por andremachado em 29/03/2006 - 17:05h

Pirataria é ruim para sw livre. DENUNCIE.
Acrescentando ao primeiro comentário, do Sniper, lá embaixo da página, DENUNCIE para a http://www.abes.org.br o cliente birrento que foi brigar na justiça.
Ele já partiu para a briga na justiça, então não tem mais que ser bonzinho com ele.
A decisão do juíz pode ser ANULADA por ele estar obrigando a empresa em PRATICAR CONCORRENTEMENTE CRIME de pirataria (ajudar, facilitar o criminoso pirata a cometer o crime).
As cláusulas de garantia devem ser mais específicas, mas o juíz não pode obrigar a praticar um crime.
Logo a decisão pode ser anulada.
E se não for, denuncie ao juíz o crime de pirataria do cliente.
Boa sorte.
André Felipe


PS: transmita a dica ao seu Depto Jurídico.

[20] Comentário enviado por diogozanetti em 30/03/2006 - 10:34h

Gostaria de falar de um caso semelhante que eu tive...
Comprei uma máquina com Conectiva 8 instalado na caixa...
no BIG a 1099 reais, a mesma com windows a 1599 reais na época... eu perguntei para o vendedor, tem como tirar o Conectiva, ele me perguntou, depois de toda a conversa que tive com software livre com ele, qual a razão que eu queria tirar o conectiva linux da minha máquina se eu defendo software livre.
Era simples, odeio o conectiva e instalei na época o suse, cara, gosto é gosto... talvez o fulano goste de windows, fazer o que... se nós gostamos de linux e não de windows, tem que existir o contrário não é mesmo?

[21] Comentário enviado por removido em 30/03/2006 - 15:22h

Beleza cara mas uma coisa é o cliente mexer e saber no que está fazendo outra é o cliente querer mudar o que não sabe como funciona porque o que o cliente queria é mais caro então ele quer dar uma de "esperto"(jeitinho brasilieiro)e não consegue e ainda ir aloprar na loja porque não teve competência para modificar o que queria e ainda exigir que isso seja feito totalmente de GRAÇA e sem perder a garantia do produto que ele comprou sabendo como vinha configurado. E ainda entra na jústiça e tem o direito de ter o serviço de graça (pois ele sabe que se levar na assitência ela cobra)as vezes sem nem ter uma nota de que comprou um produto pago de modo honesto, pois tem muito juiz que julga sem nem saber a diferença entre programa pago e programa livre e por isso o cara ganha poruq o juiz acha que é normal o windows vir em qualquer pc pelo preço que for(reintero aqui em Porto Alegre).Isso é caso grosseiro de patifaria!



sniper!

[22] Comentário enviado por cbov em 14/04/2006 - 10:03h

so para deixar minha experiencia pessoal...
a coisa de 1 ano eu resolvi tentar migrar a minha mãe (ela tem 60 anos) para o linux, usando ubuntu.
ela foi daquelas que usa computadores des da epoca dos msx, ao longo do tempo acabou usando todas as versoes do windows, porem com o ubuntu em pouco tempo percebi que ela se adaptou bem ao gnome + familia mozilla + openoffice, não sentindo falta do rwin para nada, hoje em dia ;)
(ps: neste tempo ela nao precisou nunca abrir um terminal, fez tudo pelo proprio gnome, e ja troquei a distro dela umas 3x sem ela perceber diferença)

[23] Comentário enviado por tonyfrasouza em 17/07/2006 - 10:36h

Ola pessoal sou novo no forum, mas tive apple II, 286, 386, 486 e ...... varios outros, dos foi minha vida no passado, o Windows sempre tb. Tenho 40 anos, mas só daqueles que esperimenta de tudo em termos de tecnologia. Passo horas e horas em frente de um PC. Mas tb saiu pro mundo pra me lembrar que sou gente não um vegetal binário. Tudo bem de uns quatro anos pra cá inicializei minha vida em Unix e estou apaixonado. Pois procuro ir às entranhas do sistema. Poxa gente, o linux, frebsd, solaris .... é pura obra prima dos deuses....
É preciso mostrar o caminho as seres humanos que são controlados roboticamente pelos outros que insistem em dizer que o Windows é e será o melhor caminho... Não que eu seja contra o Windows, pois eu sou tecno em softwares e basta o Windows dar suas travadas, virus, adwares, malwares, spywares... que vou lá eu dou um jeito (e atravez disto eu ganhei muito dinheiro, viva o Rwindos), mas não desejo mal ne ao meu pior inimigo e já que o linux chegou "VIVA O LINUX".
E se até eu me converti, tenho certeza que vai chegar a vez de todos ou quase todos...
E por fim acredito que devemos focalizar a crianças que ainda não tem u sistema definido e criar sistema Linux voltados pra estas crianças, liberado distros com jogos infantis, educacionais para elas ir conhecendo o Linux. Eu sei que isto é uma apelação, mas assim vamos estar limpando a mentes do carrasco windows que insiste em dizer que é a unica opção real e amigavel para humanos...

[24] Comentário enviado por jdcdias em 01/12/2006 - 19:01h

estive na feira de informatica SUCESU2006 EM CUIABÁ MATO GROSSO,que bacana tinha um unico pc com o kurumin 6 e chamando muita atenção....é isso ai.....

[25] Comentário enviado por abeljnr em 19/01/2007 - 11:55h

poxa....

tbm he triste escutar um tipo de coisa dessa...

pois pessoas nao sabem como he loko trabalhar com lixux...

mas o windows, e bem mais pratico neh...todo mundo conhece e "sabe" mexer... rsrsr


mas kem ja trabalha com linux... nao ker nem saber mais de win...rsrs
abraco.

[26] Comentário enviado por Gilmar_GNU/Slack em 07/02/2007 - 20:41h

Olha só > Isso ai eu concordo com o Abeljnr , mais as pessoas que estão acontumadas com o Windows e isso mesmo rpz.. mais quando vc abortqa para um outro sistema afim de aprende-lo , e ai vem um novo desafio pela frente e ai poderemos saber seus pontos fortes , seus pontos fracos (vulnerabilidades) , tento no hardwear quando to no softwear!

[27] Comentário enviado por rfnet em 19/02/2008 - 16:33h

A mentalidade vai mudando aos poucos.. um dia o Linux terá um número maior de usuários que o Windows, e a situação se inverte !

[28] Comentário enviado por possiventura em 30/11/2009 - 02:39h

júlio,
bonito o que você escreveu.tenho em mente que pesssoas que criaram o kurumin ( o sr. morimoto por exemplo ) são realmente generosas ..como deve ser o "mundo opensource".
são também solidárias ( competentes ..sim claro..mas isso é questão de tempo e não de "pré-disposição").elas querem ajudar e isso me move e coMove.
ubuntu,
tadeu filippini
p.s. " open air "..." open oxygen "..." open minds "..." open source ". viva o linux.

[29] Comentário enviado por removido em 07/08/2012 - 09:35h

Ainda bem que tem aquelas empresas que tomam iniciativa de vender computadores e notebooks com linux, mas hoje em dia, ainda é difícil encontrar um hardware que venha com linux. Isso é uma pena.
Engraçado o texto.

E

Viva o Linux.


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts