Shell Script 1 - Básico

Neste artigo venho mostrar uma pequena introdução à linguagem de programação Shell Script.

[ Hits: 72.991 ]

Por: Perfil removido em 10/10/2010


Afinal, o que é Shell Script?



Simplesmente um arquivo que contém comandos que são executados mais rapidamente, o legal do shell é que ele tem uma mini-linguagem de programação embutida... e quem sabe alguma outra linguagem, por exemplo C ou outras, pode amplificar seu poder em até 4x...

Podemos utilizar vários tipos de shell, como por exemplo o bash (padrão), o bourne, ash etc. Uma coisa que recomendo é que você tenha conhecimento de vários comandos do GNU/Linux, pois o shell script usa os comandos disponíveis nele.

Simples exemplo de shell script:

#!/bin/bash
w
whoami
uname -r

Você deve escrever estes comandos em um arquivo e deixá-lo executável com o comando:

chmod +x arq

Após dar a permissão para o arquivo, execute-o:

./arq

A primeira linha do shell script sempre irá definir qual tipo de shell iremos usar, no caso o bash que é o padrão do sistema (não no meu...), o interessante no código é colocar comentários para deixar o código mais legível.

Comentários

Como em toda linguagem, nós precisamos de comentários para podermos nos localizar no código, e também para outras pessoas entenderem e poderem alterá-lo se quiserem, isso é só um exemplo, os comentários deste jeito acabam mais atrapalhando do que ajudando, coloque comentários em partes mais obscuras do código:

#!/bin/bash

w # mostra os usuários logados no sistema (este é um comentário de meia linha)

#mostra com qual usuário estou logado (isso é um comentário de linha inteira)
whoami
uname -r # mostra qual a versão do kernel que estou utilizando

    Próxima página

Páginas do artigo
   1. Afinal, o que é Shell Script?
   2. Lidando com variáveis
   3. Lendo variáveis
   4. Controle de fluxo com o if
   5. Controle de fluxo com o case
   6. Controle de fluxo com while
   7. Usando funções
   8. Vamos à GUERRA, ops... ao debug!
   9. Opções no seu programa
Outros artigos deste autor

Desvendando o Abiword

Pebrot, MSN messenger no terminal

Backup/Restore de uma cópia fiel de um HD utilizando o DD

VPN com openVPN no Slackware 11

Sylpheed - Cliente de e-mail para terminais leves

Leitura recomendada

Backup automático em Shell Script

Introdução ao Fortran (parte 1)

As maravilhas do Shell Script

Montando, monitorando e gerando logs dos compartilhamento NFS automaticamente

Simples e rápido: matando todos os processos de um usuário

  
Comentários
[1] Comentário enviado por Sir.Guil em 11/10/2010 - 15:46h

Parabéns, pelo seu artigo, vai ajudar muita gente a começar a automatizar as coisas que estão acostumados a fazer.

[2] Comentário enviado por xerxeslins em 12/10/2010 - 02:02h

Boa! Quero mais =D~

[3] Comentário enviado por deza_tux em 13/10/2010 - 07:43h

Muito bom parabens =]

[4] Comentário enviado por removido em 25/10/2010 - 14:00h

Muito bom, bem claro e objetivo. Parabens.

[5] Comentário enviado por removido em 04/11/2010 - 14:59h

valeu ae galera =D, muita coisa que sei de shell script, aprendi aqui, comprei até um livro sobre o assunto, onde me aprofundei mais, então resolvi repassar meu conhecimento para quem vem chegando, acho que isso sim é ser livre (:

[6] Comentário enviado por wellingtonccr em 25/11/2010 - 13:49h

pow, o artigo ta bom, eu to começando a trabalhar com shell script agora, espero aprender bastante :)


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts