Octave, uma poderosa e robusta ferramenta matemática

Este artigo apresenta ao leitor a ferramenta Octave, que além de estar no mesmo nível do famoso MatLab (cujas licenças básicas ultrapassam os U$ 1000), é totalmente OpenSource. O Octave pode atuar não só na resolução de sistemas, mas também ser essencial para modelagem matemática. A instalação e algumas operações básicas são abordadas afim de abrir as portas para um novo mundo, ainda em ascensão.

[ Hits: 60.950 ]

Por: Renê de Souza Pinto em 19/11/2005 | Blog: http://renesp.com.br


O primeiro contato



Após instalado, para acessar o Octave basta digitar no terminal:

$ octave

A tela a seguir deve ser exibida:

GNU Octave, version 2.1.67 (i686-pc-linux-gnu).
Copyright (C) 2005 John W. Eaton.
This is free software; see the source code for copying conditions.
There is ABSOLUTELY NO WARRANTY; not even for MERCHANTIBILITY or
FITNESS FOR A PARTICULAR PURPOSE. For details, type `warranty'.

Additional information about Octave is available at http://www.octave.org.

Please contribute if you find this software useful.
For more information, visit http://www.octave.org/help-wanted.html

Report bugs to <[email protected]> (but first, please read http://www.octave.org/bugs.html to learn how to write a helpful report).

octave:1>

A partir de agora você está no prompt de comando do Octave, para fechar o programa digite "quit" e tecle Enter.

Você pode fazer arquivos (de extensão .m) e executá-los digitando o caminho completo no terminal do octave. Porém, como o intuito deste tutorial é apenas apresentar esta ferramenta, trabalharemos digitando os comandos linha a linha.

Para visualizar todas as variáveis declaradas utilize o comando who:

octave:1> who

*** local user variables:

__nargin__

octave:2>

A variável __nargin__ é padrão e indica quantos parâmetros foram passados na inicialização do Octave, no nosso caso deve indicar 0. Para visualizar o valor de qualquer variável basta digitar o nome da mesma no prompt e teclar Enter:

octave:2> __nargin__
__nargin__ = 0
octave:3>

Você pode executar operações matemáticas simples apenas digitando a expressão, por exemplo:

octave:3> 9*7+5-4
ans = 64
octave:4>

Por padrão, a variável que contém a resposta é denominada ans. Para alterá-la basta informar o nome de outra variável:

octave:4> S=9*7+5-4
S = 64
octave:5>

Para limpar todas as variáveis declaradas, utilize o comando clear.

Repare que sempre que executamos algum comando no prompt o resultado É imediatamente exibido, para evitar essa exibição basta utilizarmos o ; (ponto-e-vírgula) depois de cada comando:

octave:4> S=9*7+5-4;
octave:5>

Nenhuma saída foi exibida, porém o comando foi executado, utilize o comando who ou digite S para ver como a variável S foi criada.

A declaração de matrizes é feita de maneira idêntica ao MatLab, linhas são separadas por ponto-e-vírgula e colunas são separadas por espaços em branco. Por exemplo, para criar a seguinte matriz A:
        1 2 3
A =   4 5 6
        7 8 9
Basta utilizar a seguinte sintaxe:

octave:8> A=[ 1 2 3; 4 5 6; 7 8 9]
A =

  1  2  3
  4  5  6
  7  8  9

Pronto, a matriz A foi criada, a matriz inversa de A pode ser facilmente calculada:

octave:9> B=inv(A)
warning: inverse: matrix singular to machine precision, rcond = 2.20304e-18
B =

    3.1522e+15   -6.3044e+15    3.1522e+15
   -6.3044e+15    1.2609e+16   -6.3044e+15
    3.1522e+15   -6.3044e+15    3.1522e+15

Não se preocupe com o aviso (Warning), ele apenas alerta que o arredondamento dos resultados foram feitos com base na precisão do seu computador.

Para obter ajuda de algum comando, digite help <comando>, por exemplo, para saber mais detalhes do comando inv:

octave:13> help inv
inv is a built-in function

-- Loadable Function: [X, RCOND] =  inv (A)
-- Loadable Function: [X, RCOND] =  inverse (A)
     Compute the inverse of the square matrix A.  Return an estimate of
     the reciprocal condition number if requested, otherwise warn of an
     ill-conditioned matrix if the reciprocal condition number is small.

Additional help for built-in functions, operators, and variables is available in the on-line version of the manual. Use the command `help -i <topic>' to search the manual index.

Help and information about Octave is also available on the WWW at http://www.octave.org and via the [email protected] mailing list.

O Octave possui um manual de 375 páginas que está disponível em:
Ele é uma ótima fonte de ajuda e com certeza você irá precisar dele.

O leitor pode se sentir um pouco confuso ao se deparar pela primeira vez com uma ferramenta tão extensa e talvez um pouco complexa, porém acredite, o Octave é extremamente robusto e poderoso e basta apenas alguns minutos de utilização para o usuário já se familiarizar com o Octave. Com o tempo, você não viverá sem ele!

Página anterior     Próxima página

Páginas do artigo
   1. Introdução
   2. Conhecendo e instalando o Octave
   3. O primeiro contato
   4. Plotando gráficos
   5. Conclusão
Outros artigos deste autor

Como instalar o modem Intel 536EP no Slackware

Enviando e recebendo e-mails criptografados através do Thunderbird

Leitura recomendada

Matando o rato

Instalando o Gaim-vv no Slackware 10

xCHM 0.8.5 :: Visualizador de arquivos de ajuda

MySQL, Apache2, PHP5, phpMyAdmin e o driver de conexão com o NetBeans no OpenSUSE 11.2

Modelos de Negócio para o Software Livre

  
Comentários
[1] Comentário enviado por ric.araujo em 20/11/2005 - 09:08h

Muito bom artigo, o octave é uma excelente opção e a altura do Matlab...

[2] Comentário enviado por dennix em 21/11/2005 - 13:27h

É bom saber que há outras pessoas que conhecem o Octave.
Eu tbm escrevi um artigo sobre essa ferramente.
Eu sempre pensei em escrever um tutorial sobre o Octave, pois não se encontra muito documentação em pt.
Quem sabe podemos iniciar um projeto assim.

Dennis Pelluzi <[email protected]>

[3] Comentário enviado por azamudio em 16/01/2006 - 12:57h

yo tambien me apunto si es qe lo inician

[4] Comentário enviado por guimaraescruz em 10/02/2006 - 13:26h

4° na roda. Quando começamos....?
[email protected]

[5] Comentário enviado por rizesimoes em 04/02/2007 - 19:25h

Ola!
Td bem?

Preciso de ajuda com o octave. Na verdade eu tenho um programa .c e preciso compilar no octave. Alguem tem ideia de como faço isso?

Eu tenho um .c e quero um .o. Alguem poderia me dar uma ajuda?

Atte
Marize Simões

[6] Comentário enviado por glp40hs em 02/10/2007 - 14:02h

olá

Como eu salvo as figuras plotadas em bmp, ou jpg ou eps?

[7] Comentário enviado por reng.unip em 23/10/2008 - 09:09h

Ótimo artigo, estava precisando de uma ferramenta assim.

Abraço...

[8] Comentário enviado por knnob9 em 10/04/2010 - 22:16h

Como posso incorporar bibliotecas do matlab no octave?


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts